UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE - UFAC

CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLOGICAS DA NATUREZA - CCBN

ENGENHARIA AGRONÔMICA

Proprietário: Cooperativa dos produtores rurais de Plácido de Castro - coopplac

Local: AC-40, Km 70, sentido Rio Branco\ Plácido de Castro – sitio passo fundo - ACRE.

Projeto: Implantação de um aviário para criação de frango de corte.

Projetistas: Maycon Diego Souza de Araujo e Suely Ribeiro Lima – graduandos do curso de engenharia agronômica – UFAC.

I – introdução

A avicultura é a ciência que trata da exploração econômica e racional de aves de corte ou de produção de ovos, a grande procura por alimento de origem animal, entre eles ovos e frango têm levado a avicultura a um crescimento expressivo, pois apesar das aves serem muito exigentes quanto aos tratos e alimentação tem como grande vantagem a necessidade de pouco espaço para a instalação dos galpões, giro rápido de capital, preço consideravelmente baixo se comparado há carne bovina, é uma alimento saudável com boas condições nutricionais e assim como varias outras áreas da agroindústria movimenta vários setores no mercado.

Este projeto busca atender parte da população que reside no município de Plácido de Castro no estado do Acre que hoje tem uma população por volta de 17.200 pessoas.

O projeto visa maior desenvolvimento no setor avícola do estado, buscando incentivar e da apoio as cooperativas, e produtores, já que um dos objetivos da implantação do aviário é o aumento da renda dos produtores locais e o giro de capital na região, oferecendo maior oportunidade de emprego para os moradores que residem próximo ao aviário, além da redução nos preços para o consumidor final, pois o processo de criação e abate assim como a obtenção do alimento das aves será totalmente feitos no estado do Acre, dessa forma reduzindo gastos com transporte vindo de outros estados

A principio o projeto arquitetônico e estrutural conta com 3 (três) galpões com medidas 8m x 12m, possibilitando que a cooperativa cooplac possa esta fornecendo cerca de 750 aves por lote, para o a abate a cada 20(vinte) dias com peso médio variando de 2,00 kg a 2,2 kg, isso seguindo todos os padrões de produção e tratamento das aves.

Como a cooperativa esta em um processo inicial de instalação do aviário será necessário a realização de um financiamento para os custos iniciais da produção, que seria a construção dos galpões com as instalações básicas e necessárias para a entrada das aves, instalações secundarias para armazenamento das rações, aquisição dos equipamentos (campânulas, círculos de proteção, bebedouros, comedouros, caixas de transporte, cama, termômetros, triturador, misturador, etc.), compra das aves, vacinas, ingredientes para a produção da ração, milho.

Para a escolha do banco ou financeira onde será realizado o financiamento deverá ser levado em conta, empresas idôneas, as condições de pagamento, qual a (%) de juros e taxas, e benefícios e prazos oferecidos.

A implantação do aviário para criação de frango de corte visa lucro a curto e médio prazo, pois o sistema que será adotado é o sistema intensivo com que, a partir da entrada das aves no galpão até a sua retirada para o abate passará por um período médio de 45 dias sendo oferecidas todas as condições mínimas e necessárias para as aves, ao fim do ciclo de produção do primeiro lote o aviário já começará a gera lucro.

Os produtores da coopplac deveram buscar parcerias com os produtores de milho a fim de compra sua produção por um preço viável para ambos, deverá contratar empresas que trabalham com nutrição animal, que possam fornecer compostos para formulação das rações, agropecuárias que possam disponibilizar as vacinas exigidas no programa de vacinação da vigilância sanitária, e incubatórios que possam fornecer pintinho de 1 (um) dia. A linhagem escolhida para a criação foi a hubart que hoje é a mias utilizada em todo o Brasil, pois apresenta maior produtividade, melhor adaptação, grande resistência, então a cooperativa deve buscar fecha contrato com empresas especializadas no abate das aves para que seja vendida a produção, o contrato da compra dos lotes fica a critério do abatedouro, e se necessário deve-se buscar mais abatedouros a fim de escoa a produção.

Todos os procedimentos de instalação do projeto deverão ser orientados por profissionais e técnicos da área a fim de manter todos os padrões de execução,

além da assistência para que seja possível alcançar todos os objetivos impostos durante a elaboração do projeto.

II – OBJETIVOS

2.1 Objetivo geral

O principal objetivo deste projeto é aumentar a renda dos produtores rurais, associados à cooplac.

2.2 objetivos específicos

Para que seja atingido o objetivo deste projeto serão necessários:

  • Conhecer o consumo de frango na região bem como a sua oferta pelo mercado e o preço de comercialização;

  • Capacitar os produtores para que possam desempenhar melhor as atividades no aviário;

  • Reduzir os custos de produção a fim de fornecer ao mercado preços mais em conta e acessíveis a população;

  • Ampliar o giro de capital na região, onde o projeto será instalado;

  • Oportunidade de emprego para os moradores que residem próximo ao aviário;

III - JUSTIFICATIVA

Segundo Freitas, (2010), a avicultura de corte se caracteriza por ocupar pequenas áreas, permitindo a localização em terras degradadas e desvalorizadas, permitindo a sua implantação em áreas impróprias para mecanização, gerando alta capacidade de rendimento por área de abrigo permitindo giro rápido de capital e a conversão de alimentos pobres em proteínas, em carnes. Essas atividades empregam a mão de obra familiar além de médicos veterinários, engenheiros agrônomos e zootecnistas. A carne de aves é considerada pelos nutricionistas alimentos de excelente qualidade. A carne de aves é ideal para todas as pessoas independente da idade e necessidade nutricional já que apresenta carne magra e de baixa caloria.

Um dos grandes problemas do Acre e dos estados que compõe a região norte é a pouca produtividade agroindustrial, que não é capaz de manter abastecido o comércio local, obrigando os comerciantes comprarem produtos alimentícios tanto de origem animal como vegetal ou de qualquer outra natureza em outros estados pagando preços mais elevados de transporte (frete), impostos e outro insumos que são atribuídos a essa importação forçada, deixando de gera renda no próprio estado para gera em estados vizinho que tem um melhor desenvolvimento na produção.

Tendo a consciência da realidade ocorrente no estado do Acre, este projeto visa gera o lucro para os produtores de uma cooperativa que hoje conta com 6 produtores associados, aumentando sua renda familiar, reduzindo essa importação no município e oferecendo um alimento de qualidade com preços mais acessíveis a população.

Neste sentido, a qualificação da produção, visa à obtenção de um produto diferenciado, demandado pelos mercados consumidores. O manejo proposto na implantação deste aviário, aliado ao uso de estruturas de produção qualificadas, estimulará a obtenção de novos mercados para a produção da agricultura familiar, favorecendo a geração de renda e agregação de valor neste segmento de produção e conseqüentemente avanço na busca da inclusão social.

Segundo o projeto de implantação para frango de corte proposto por suwa, (2009), implantado no município de Parintins – AM foi possível notar que a criação de aves é muito eficiente e produtiva, e traz grandes benefícios para a população e o meio ambiente, reduzindo as limitações produtivas que são ocorrentes na região, dessa forma tornando o projeto viável e eficiente.

Após uma pesquisa de mercado notou-se que o consumo médio anual é de 15 kg por habitante ao ano, de carne de frango no município de Plácido de Castro, atingindo um consumo médio total de 258 toneladas ao ano na população do município, tornando viável a implantação do aviário.

IV – METODOLOGIA

O projeto será implantado no município de Plácido de Castro- Acre AC-40 km 70, sentido Rio Branco\Plácido de Castro em uma área de 2,5 ha do sitio passo fundo, cedido pelo proprietário que também é um dos associados da cooperativa cooplac, o aviário devera contar com 9 tratadores, 3 técnicos em formulação de rações para operar o maquinário (triturador e misturador) de fabricação das rações, 2 motoristas, 1 administrador, 3 técnicos, 2 engenheiros agrônomos e 1 médico veterinário.

O sistema de criação das aves que deverá ser adotado é o sistema intensivo com animais em confinamento no chão, as aves serão alojadas e divididas em três galpões medindo 8 m de largura por 12 m de comprimento e pé direito de 3,5 m de altura, cada galpão terá capacidade de alojar 750 aves, os galpões serão construídos em alvenaria e madeira de lei de 1º qualidade, com cobertura de telhas de fibro-cimento, a orientação dos galpões deve ser LESTE-OESTE para evitar a entrada do sol dentro dos galpões elevando a temperatura para as aves, as distâncias entre cada galpão deveram ser de 80 m, pois os lotes serão de idades diferentes, esta medida serve para evitar a disseminação de doenças entre os galpões. A cada 20 dias o aviário estará com um lote pronto para o abate, cada lote terá um ciclo de 45 dias de confinamento sob manejo intensivo sendo observado e avaliando as condições do galpão diariamente a fim de evitar condições adversas que possam vir a prejudicar a produção e o desenvolvimento das aves, após a saída das aves para o abate deve ser feita a limpeza e higienização dos galpões e estes devem ser fechado por 10 dias para o vazio sanitário.

Antes da entrada de um novo lote, os galpões devem ser preparados com 48 horas de antecedência, nessa etapa devem ser instalados os círculos de proteção para reduzir os espaços dentro do galpão e manter os pintinhos aquecidos e próximos ao alimento e da água, os círculos de proteção vão sendo abertos de acordo com o crescimento das aves, a cama deve ser colocada também com antecedência para evitar poeira no galpão e para que as aves não tenham problemas respiratórios, o material utilizado na cama de frango deve se de preferência a maravalha a uma espessura de 10 cm e forada com jornal para que os pintinhos não cisquem a cama, deve ser instalados comedouros e bebedouro de forma alternada dentro dos círculos facilitando o acesso para as aves, estes também devem ser regulados de acordo com o crescimento das aves, os comedouros devem ser abastecidos apenas com 1\3 de sua capacidade para evitar o desperdício de ração, e os bebedouros devem ser higienizados diariamente para evitar a contaminação das aves com alguma bactéria que possam estar presentes na água, as campânulas e os termômetros também já devem ser instalados.

No dia da chegada das aves as campânulas devem ser ligadas com 1 hora de antecedência para oferecer uma temperatura aos pintinhos, na chegada das aves deve haver um número de funcionários suficientes para transporta as aves para o interior do galpão, as aves devem ser mantidas nas caixas de transporte por cerca de 45 a 60 minutos para aclimatização com o ambiente, ates de soltar os pintinhos dentro dos círculos de proteção deve-se realizar uma avaliação eliminando os que apresentarem defeitos ou que esteja aparentemente com algum problema de saúde que possa vir a contaminar as outras aves do lote.

Além dos galpões de criação também devem ser instaladas seções secundárias que são os depósitos de ração, escritório, caixas d água, fossas sépticas, etc. Essas instalações devem ser construídas e isoladas dos galpões de criação para evitar o trânsito de carros e pessoas próximo as aves evitando o estresse.

Todo esse processo de preparo para a entrada das aves nos galpões e de tratamento das aves devem ser seguido rigorosamente para evitar o estresse das aves, pois qualquer tipo de estresse causado durante o período de confinamento pode vir a comprometer o desenvolvimento do lote causando prejuízo aos produtores.

V – METAS

  • Produção de 1500 Kg de carne de frango a cada 20 dias;

  • Manter uma produção anual de 27.000 Kg de carne de frango ao ano;

  • Realização de duas parcerias com as empresas do ramo avícola, para facilitar o acesso aos insumos de produção;

  • Oferecer duas palestras de orientação e segurança no trabalho aos produtores a cada ano, para que possam desenvolver um bom trabalho dentro do aviário;

  • Capacitar os tratadores com dois cursos técnicos, para que possam realizar cada tarefa de forma eficaz, seguindo todos os padrões técnicos de execução;

  • Durante o período de treinamento que deverá ser 3 meses os tratadores deverão estar sendo orientados pelos responsáveis técnico do projeto;

  • Elevar a renda anual dos 6 produtores que fazem parte da cooperativa;

  • Construir a cada 2 anos um galpão para criação das aves, dessa forma aumentando o poder produtivo da cooperativa;

  • Pesquisar o mercado local, verificando a viabilidade do projeto;

  • Verificar o interesse do comprador da produção;

VI - RESULTADOS ESPERADO

O aviário pretende produzir 1500 Kg a cada 20 dias o que corresponde 10% ao ano do consumo de carne de frango na população do município de plácido de Castro – AC, este consumo em (%) pode representar cerca de 27 toneladas de carne de frango ao ano, isso representa um aumento médio de renda de 1.800,00 R$ nos 2 (dois) primeiros anos para cada produtor, sendo pago os custos de produção, funcionários e o mais importante é que no período de 24 meses sejam pagos os custos de financiamento dos galpões e das aquisões dos equipamentos.

Depois de pago todo o financiamento pretende-se que ocorra um maior aumento dessa renda anual por produtor, podendo atingir até 3.600,00 R$ ao ano, essa renda é um extra na renda de cada produtor que poderá melhorar a qualidade de vida da sua família.

Atividades e sub-atividades

Responsável

Quando

Recursos financeiros

Inicio

Término

Projeto e planejamento do aviário.

Engenheiros agrônomos

30 dias

Cooperativa

Construção dos galpões e seções secundaria

Construtora (Engenhar)

90 dias

Financiamento bancário

Compra dos equipamentos

Administrador do aviário

90 dias

Cooperativa e financiamento

Compra das rações

Administrador do aviário

15 dias após do termino dos galpões

Cooperativa e financiamento

Compra das aves

Administrador do aviário

3 dias após a compra das rações

Cooperativa e financiamento

Tratamento das aves e limpeza dos galpões

Tratadores

Diariamente durante o período de confinamento das aves

Cooperativa

Cursos e palestra de aperfeiçoamento.

Técnicos (engenheiros agrônomos e veterinários)

A cada 90 dias

Cooperativa

Orientação técnica

Técnicos (engenheiros agrônomos e veterinários)

Semanalmente

Cooperativa

Venda e escoamento da produção

Administrador do aviário

A cada 20 dias

Cooperativa

Traça novas estratégias de produção

Cooperadores, administrador e técnicos responsáveis

Anualmente

Cooperativa

VII - ESTRUTURA DE GESTÃO

CRONOGRAMA FíSICO - FINANCEIRO

OBRA: aviário para criação de frango de corte

LOCAL: plácido de castro AC-40 km 70

DIAS

ITEM

DESCRIÇÃO DAS ETAPAS

VALOR TOTAL

% ETAPAS

30

60

90

TOTAL GERAL

%

%

%

%

%

%

1.0

Serviços iniciais

5.980,70

4,13

100,00

5980,70

5980,70

2.0

Infra-estrutura

21.527,37

14,86

100,00

21.527,37

21.527,37

3.0

Superestrutura

9.675,23

6,68

80,00

7.740,184

20,00

1.935,046

9.675,23

4.0

Paredes e painéis

13.754,02

9,49

80,00

11.003,216

20,00

2.751,014

13.754,02

5.0

impermeabilização

575,72

0,40

100,00

575,72

575,72

6.0

Esquadrias de madeira

3.016,79

2,08

100,00

3.016,79

3.016,79

7.0

cobertura

19.749,77

13,63

100,00

19.749,77

19.749,77

8.0

Revestimento de parede

17.791,25

12,27

60,00

10.674,75

40,00

7.116,50

17.791,25

9.0

Piso interno\externo

18.302,40

12,63

60,00

10.981,44

40,00

7.320,96

18.302,40

10.0

Instalações hidro-sanitarias

2.580,03

1,78

80,00

2.064,024

20,00

516,006

2.580,03

11.0

Instalações elétricas

10.046,31

6,93

80,00

8.037,048

20,00

2.009,262

10.046,31

12.0

Pintura

7.796,29

5,38

100,00

7.796,29

7.796,29

13.0

Serviços complementares

14.118,60

9,74

100,00

14.118,60

14.118,60

Valor mês (R$)

Valor acumulado (R$)

Valor mês (%)

Valor acumulado (%)

144.914,28

100,00%

46.251,47

46.251,47

31,92

31,92

59.785,622

106.037,092

41.26

73,18

38.877,618

144.914,28

26,82

100

144.914,28

14.118,60

Maycon Diego Souza de Araujo Suely Ribeiro Lima

Autor do projeto Autor do projeto

Rio Branco – AC

Novembro de 2012

Bibliografia

Freitas H. J. Avicultura criação de frango de corte. UFAC, 2010, 4P.

Suwa U. Implantação de aviário para aves de corte. Instituto de ciências sociais educação e zootecnia – ICSEZ, Parintins – AM, 2009.

9

Comentários