Mecânica dos Fluidos - EXPERIMENTAL 001

Mecânica dos Fluidos - EXPERIMENTAL 001

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

Campus I - Centro de Tecnologia

Disciplina: Mecânica dos Fluidos

Período 2013.1

RELATÓRIO – EXPERIMENTAL 01

João Pessoa

Julho/2013

Introdução

A densidade absoluta (ρ) de uma substancia é a relação da massa pelo volume que ela ocupa. A densidade relativa é a razão da massa específica da substancia, em que estamos estudando, e a massa específica da água a 4ºC para os líquidos.

Para determinar a massa especifica dos líquidos utilizamos, nesse relatório, três instrumentos o picnômetro, o densímetro e a balança de westphal. Cada instrumento possui seu método especifico para a obtenção dos resultados porém, muitos desses instrumentos aplica a definição de empuxo e também o princípio de Arquimedes como base.

Objetivo

Determinar as densidades relativas de substâncias líquidas utilizando três aparelhos: o picnômetro, o densímetro e a balança de westphal. E depois que obtermos os resultados iremos compará-los e determinar o erro entre eles.

Equipamentos

Método do picnômetro:

- picnômetro de volume de 500ml;

- Balança de base tripla;

- 500ml de álcool;

Método do densímetro (alcoômetro)

- densímetro com escala em grau GL (alcoômetro);

- proveta graduada;

- amostra d álcool;

Método da balança de westphal

- balança de westphal completa com (l=10cm);

- mergulhador (6,043cm³);

- massa de (m=5g, m1=0,5g, m2=0,05g);

- amostra de álcool;

Procedimentos

Método do picnômetro

Pesar o picnômetro vazio na balança de base tripla e anotar o valor obtido. Em seguida, preencher todo o volume de 500ml do picnômetro com álcool e pesar novamente na balança. Após fazer a diferença dos valores obtidos (para retirar o peso do picnômetro vazio) dividimos pelo volume para obter a densidade relativa do fluido.

Método do densímetro

Encher a proveta graduada até um ponto, mergulhar o alcoômetro na proveta que contém o álcool e verificar o valor obtido em graus GL. E após utilizar o gráfico de GL e densidade relativa (com água a 4ºC).

Método da balança de westphal

Antes de qualquer medida temos que nivelar a balança com o mergulhador suspenso no ar, até o seu equilíbrio. Depois, imergir o mergulhador no recipiente que contém a amostra de álcool, observamos a temperatura da solução e colocamos as massas nas ranhuras da balança de modo a obter o equilíbrio novamente. Assim feito, observamos as ranhuras nas quais foram utilizadas para obter o equilíbrio e aplicamos nas fórmulas da base teórica.

Conclusão

Terminado os cálculos e as análises das densidades e seus respectivos erros podemos observar certa diferença de imprecisão em relação aos instrumentos, pois os instrumentos picnômetro e densímetro tiveram desvios muito abaixo da balança de westphal.

O picnômetro e o densímetro apresentaram desvios de mais ou menos (0,0173%), (0,677%) respectivamente, já a balança de westphal apresentou um desvio de mais ou menos (6,44%), logo essa diferença se dar pelo fato dos instrumentos serem de graus de precisões diferentes, assim a balança por apresentar uma maior precisão deve-se ter um cuidado redobrado na manipulação do instrumento, portanto como a mesma já é adaptada, e como a medição foi feita sem muita preocupação com precisão dos resultados, pois os mesmos eram só para visualização de como funciona o instrumento, obtivemos um desvio muito grande em relação aos outros instrumentos.

Referências Bibliográficas

  1. FOX, Robert W. & MCDONALD, Alan T. Introdução a Mecânica dos Fluidos. 6ª Edição, LTC

Comentários