Decifrando os enigmas da física quãntica,

Decifrando os enigmas da física quãntica,

DECIFRANDO OS ENIGMAS DA FÍSICA QUÃNTICA, DUPLA FENDA E ENTRELAÇAMENTO QUÃNTICO. Por- Edson Reinaldo 27/08/2017

Para poder decifrar estes enigmas é preciso ir na origem da vida, buscar informações de como iniciou a vida em nosso planeta, ver que tudo é energia, mas o que move a vida é a informação, foi preciso estudar a teoria de Oparin e Haldane que foi a mais confiável e aceita, sobre as reações químicas no início de tudo, passando pela formação dos RNA, e chegando ao mais complexo e misterioso código da vida o DNA.

  • Para poder decifrar estes enigmas é preciso ir na origem da vida, buscar informações de como iniciou a vida em nosso planeta, ver que tudo é energia, mas o que move a vida é a informação, foi preciso estudar a teoria de Oparin e Haldane que foi a mais confiável e aceita, sobre as reações químicas no início de tudo, passando pela formação dos RNA, e chegando ao mais complexo e misterioso código da vida o DNA.

  • Origem da vida-- https://www.youtube.com/watch?v=4BnDWO3KGGg

  • Tinha muitas dúvidas sobre o armazenamento de dados em nosso cérebro, até pensei que não armazenávamos nada, apenas tínhamos conexões com o que já tínhamos vivido, sim, mas como funcionava então tudo isso?

Verificando a fundo a formação da vida, esquecendo crenças e entrando no misterioso mundo do DNA, foi possível ver que ele não é somente onde tem as informações genéticas armazenadas, das características de nossos pais e mães, mas ele é a nossa placa mãe, onde passa, e armazena muitas mais informações que já foi decifrado e codificado, ele foi quem controlou toda a formação do início da vida, buscando informação e necessidades para formação de todos os seres vivos do planeta.

  • Verificando a fundo a formação da vida, esquecendo crenças e entrando no misterioso mundo do DNA, foi possível ver que ele não é somente onde tem as informações genéticas armazenadas, das características de nossos pais e mães, mas ele é a nossa placa mãe, onde passa, e armazena muitas mais informações que já foi decifrado e codificado, ele foi quem controlou toda a formação do início da vida, buscando informação e necessidades para formação de todos os seres vivos do planeta.

  • O DNA, foi responsável na minha teoria, que criou todos os nossos órgãos, conforme suas necessidades fossem surgindo, a sua função é buscar informações e transformar em algo permanente para sua sobrevivência, e assim ele foi evoluído e criando sistemas tão complexos que para nós seres humanos, parece ser algo de outro mundo.

Hoje entramos no mundo da espiritualidade para poder encontrar respostas para o que o DNA é capaz de fazer, mas também existe avanços muitos significativos na ciência, que estão começando a provar a teoria de armazenamento de dados nas moléculas do DNA, e existe estudo comprovando a ligação interdimensional das moléculas, mesmo separadas do corpo físico.

  • Hoje entramos no mundo da espiritualidade para poder encontrar respostas para o que o DNA é capaz de fazer, mas também existe avanços muitos significativos na ciência, que estão começando a provar a teoria de armazenamento de dados nas moléculas do DNA, e existe estudo comprovando a ligação interdimensional das moléculas, mesmo separadas do corpo físico.

  • Eu me arriscaria dizer que, onde armazenamos todos os dados vividos em nossa vida e também de nossos antepassados é nas moléculas de DNA, Ele foi responsável pela criação do cérebro para o ajudar a coletar informações dos cinco sentidos e transformar em pensamentos para sua evolução, os neurônios é sua principal base energética, para poder distribuir as informações de forma instantânea para suas moléculas contidas em todas as células que formam um corpo.

  • Com esta teoria sabendo da capacidade infinita do DNA, foi possível, passar para uma outra pergunta intrigante, como funciona a vida?

E para tentar achar a resposta foi muito tempo em estudos, meditações, regressões, viagens astrais, estudos de religiões e principalmente em pensamentos e observações, mas foi a ciência novamente o caminho mais seguro para encontrar as respostas de como funciona a vida.

  • E para tentar achar a resposta foi muito tempo em estudos, meditações, regressões, viagens astrais, estudos de religiões e principalmente em pensamentos e observações, mas foi a ciência novamente o caminho mais seguro para encontrar as respostas de como funciona a vida.

  • Novamente foi feito uma regressão para o mundo microscópico, através da física quântica, para poder entender o invisível de átomos, prótons, nêutrons, elétrons, fótons e partículas subatômicas.

  • Mundo microscópico— https://www.youtube.com/watch?v=4kj3NbYYETA

Conhecer os experimentos não resolvidos da física quântica, o famoso experimento da dupla fenda, onde os átomos se comportam de duas maneiras não explicadas, ora por ondas e quando observada por partículas, até hoje não existe uma aplicação que responde este comportamento.

  • Conhecer os experimentos não resolvidos da física quântica, o famoso experimento da dupla fenda, onde os átomos se comportam de duas maneiras não explicadas, ora por ondas e quando observada por partículas, até hoje não existe uma aplicação que responde este comportamento.

  • Experimento dupla fenda-- https://www.youtube.com/watch?v=HZDR45m8AdY

E também, o não menos famoso mistério do entrelaçamento quântico, onde duas partículas interligadas entre si, interagem no mesmo sentido, não dependendo de tempo e espaço, podendo uma estar a 10 metros ou 100.000 metros.

  • E também, o não menos famoso mistério do entrelaçamento quântico, onde duas partículas interligadas entre si, interagem no mesmo sentido, não dependendo de tempo e espaço, podendo uma estar a 10 metros ou 100.000 metros.

  • A ação fantasmagórica de Albert Einstein.

  • Entrelaçamento quântico-- https://www.youtube.com/watch?v=QamNg3jhJOw

Após muita meditação e pensamentos a pergunta é, não existe nada de novo se não for sentido ou visualizado?

  • Após muita meditação e pensamentos a pergunta é, não existe nada de novo se não for sentido ou visualizado?

  • Partindo deste princípio comecei a observar a vida, de que forma funcionava o armazenamento de informações em nossa mente, voltei no tempo para ver desde quando eu lembrava de minha infância, foi quando me deparei da forma de como armazenamos as informações, este armazenamento é feito no momento do contato do novo, seja aroma, paisagem ou conhecimento.

  • A nossa informação fica interligada através do pensamento, quando precisamos lembrar de algo que aconteceu a muito tempo atrás, precisamos elevar nosso pensamento até o dia, hora e lugar do acontecimento, e assim o nosso corpo reage quase que instantaneamente as emoções vividas naquele dia, se foi um momento alegre voltamos a ficar alegre e se foi um trauma, tentamos esquecer este momento, e se for um momento triste ficaremos triste também, mesmo isso ter acontecido a muito tempo atrás. complicado mas é assim que funciona.

E qual seria o mistério sobre, que nada de novo existe, em quanto não for sentido ou visualizado, nem mesmo na nossa imaginação, porque quando panejamos o nosso futuro sempre vai ser baseado em nosso passado, poderemos até fantasiar um pouco mas usando as informações já registrada em nosso banco de dados vividos, seja ele registrado na memória ou no nosso DNA. isso prova nosso livre arbítrio, somos donos da nossa própria história de vida.

  • E qual seria o mistério sobre, que nada de novo existe, em quanto não for sentido ou visualizado, nem mesmo na nossa imaginação, porque quando panejamos o nosso futuro sempre vai ser baseado em nosso passado, poderemos até fantasiar um pouco mas usando as informações já registrada em nosso banco de dados vividos, seja ele registrado na memória ou no nosso DNA. isso prova nosso livre arbítrio, somos donos da nossa própria história de vida.

  • Parece que na ilusão vivemos uma realidade.

  • Com todos estes dados acima, não foi difícil correlacionar os enigmas da física quântica com nosso dia a dia e decifrar a aplicação deles em nossa vida, a dupla fenda prova a cristalização da matéria pelo observador, e o entrelaçamento quântico prova a interligação do nosso pensamento com o mundo físico.

Tudo é energia, tudo que existe é feito por átomos então o que foi descoberto com o experimento da dupla fenda é o efeito da cristalização dos átomos no momento do observador, que no caso é nossa visão, quando lançamos nosso olhar em algo estamos cristalizando átomos para formar a matéria como se fossemos uma máquina fotográfica, já tem estudo que nosso DNA armazena informações em pixel, e um físico levantou a teoria que o universo também tem linguagem codificada em pixel, e soubemos que nosso DNA, é evolutivo e absorve as informações do universo para se auto sustentar, e o outro enigma esta interligado a dupla fenda, no momento que estamos fazendo a cristalização da matéria, estamos fazendo também o entrelaçamento quântico com os átomos cristalizados, como se fosse a gravação destes átomos, e a partir do momento que fazer esta cristalização e o entrelaçamento, esse objeto já faz parte de nós, é o novo.

  • Tudo é energia, tudo que existe é feito por átomos então o que foi descoberto com o experimento da dupla fenda é o efeito da cristalização dos átomos no momento do observador, que no caso é nossa visão, quando lançamos nosso olhar em algo estamos cristalizando átomos para formar a matéria como se fossemos uma máquina fotográfica, já tem estudo que nosso DNA armazena informações em pixel, e um físico levantou a teoria que o universo também tem linguagem codificada em pixel, e soubemos que nosso DNA, é evolutivo e absorve as informações do universo para se auto sustentar, e o outro enigma esta interligado a dupla fenda, no momento que estamos fazendo a cristalização da matéria, estamos fazendo também o entrelaçamento quântico com os átomos cristalizados, como se fosse a gravação destes átomos, e a partir do momento que fazer esta cristalização e o entrelaçamento, esse objeto já faz parte de nós, é o novo.

Por isso vai depender de quanto tempo ficamos observando este objeto, se formos detalhistas ele ficará claro em nossa conexão, e nosso pensamento vai ser mais fácil usar esta informação cristalizada, o que ele não faz é atualização do objeto cristalizado, a não ser que voltamos a observar este objeto novamente e descobrindo novos detalhes nele, assim podemos ver o poder da concentração em algo novo, é a última impressão que fica até voltarmos a cristalizar este mesmo objeto, e fazer sua atualização.

  • Por isso vai depender de quanto tempo ficamos observando este objeto, se formos detalhistas ele ficará claro em nossa conexão, e nosso pensamento vai ser mais fácil usar esta informação cristalizada, o que ele não faz é atualização do objeto cristalizado, a não ser que voltamos a observar este objeto novamente e descobrindo novos detalhes nele, assim podemos ver o poder da concentração em algo novo, é a última impressão que fica até voltarmos a cristalizar este mesmo objeto, e fazer sua atualização.

  • E por outro lado quando deixamos de observar este objeto ele vira onda e some, volta a ser invisível para nós, vai estar gravado em nós e poderemos fazer o entrelaçamento quântico a hora que quiser através do nosso pensamento, não importando o tempo e espaço que estamos separados, mas lembrando só teremos a última imagem cristalizada.

E assim podemos dizer que em nossos pensamentos só trabalhamos com o passado, qualquer coisa sobre o futuro é algo fantasioso, usando as informações armazenadas do já vividas.

  • E assim podemos dizer que em nossos pensamentos só trabalhamos com o passado, qualquer coisa sobre o futuro é algo fantasioso, usando as informações armazenadas do já vividas.

  • Vamos fazer um teste pratico de cristalização, vou expor duas fotos e deixar a curiosidade fazer o resto, até eu explicar melhor um dia.

  • Fonte- internet/imagens Fonte- internet/imagens

  • Estas duas fotos são de pessoas que me inspiraram na vida, o sorriso no rosto esconde uma deficiência corporal, que enquanto não for cristalizado o resto de seu corpo, só poderemos imaginar o que pode ser, usando informações do nosso banco de dados de outras pessoas que já cristalizamos com deficiência, talvez tenha alguém que conhece estas pessoas e ai sim sabe do que estou falando, isso é um teste para ver que podemos cristalizar um imagem, não por inteira e enquanto não fazer a visualização do restante, vai apenas existir estes rostos em sua memória.

Outro teste que podemos fazer é sobre a cristalização de um rio

  • Outro teste que podemos fazer é sobre a cristalização de um rio

  • Fonte internet/imagens

  • Neste caso geralmente quando cristalizamos e fizemos o entrelaçamento quântico, a imagem deste rio é gravada com agua parada, lembraremos dele por detalhes maiores como sua margem, cor da agua, alguma pedra grande em seu leito, e assim por diante, mas se paramos e observamos a fundo poderemos fazer a cristalização de detalhes bem menores, poderemos cristalizar imagem de peixe nadando, alguns desvios das aguas nas pedras e alguma ondas se caso tiver, o poder do observador é que vai determinar o quanto ele quer armazenar de dados naquele momento.

Está imagem acredito que vai ter muitas pessoas que vão saber de quem é esta mão.

  • Está imagem acredito que vai ter muitas pessoas que vão saber de quem é esta mão.

  • Mas também acredito que muitas pessoas que já visitaram este local, e não cristalizaram os para raios em cima da imagem, então para elas não existe nada lá, só vai existir quando for feito uma vista aérea e assim vai ser atualizado esta imagem com para raios, no seu banco de dados armazenados em seu DNA.

  • Existem muitos mais testes que podem comprovar esta tese por mim levantada, não entrarei no mundo espiritual ainda, ficarei no psicológico, mas com certeza vai ser possível resolver várias dúvidas que temos na vida, com esta informação por mim levantada.

Quero agradecer a todos que tiveram o interesse por este assunto, e espero que ajude a encontrar respostas para suas dúvidas, estarei sempre disponível para mais informações. Obrigado.

  • Quero agradecer a todos que tiveram o interesse por este assunto, e espero que ajude a encontrar respostas para suas dúvidas, estarei sempre disponível para mais informações. Obrigado.

  • Todos os direitos autorais estão protegidos por lei.

  • Proibido reproduzir este texto ou tese sem o a autorização previa do autor. Edson Reinaldo 27/08/2017

Comentários