PMBOK Guide 5ª

PMBOK Guide 5ª

(Parte 1 de 5)

Project Management Institute

(GUIA PMBOK®) — Quinta Edição

ISBN: 978-1-62825-007-7

Publicado pelo:

Project Management Institute, Inc. 14 Campus Boulevard Newtown Square, Pennsylvania 19073-3299 USA Tel.: +610-356-4600 Fax: +610-356-4647 Email: customercare@pmi.org Internet: w.PMI.org

©2013 Project Management Institute (PMI). Todos os direitos reservados.

“PMI”, o logotipo do PMI, “PMP”, o logotipo PMP , “PMBOK”, “PMP”, “Project Management Journal”, “PM Network”, e o logotipo PMI são marcas registradas do Project Management Institute (PMI). O Quarter Globe Design é uma marca registrada do Project Management Institute (PMI). Para obter uma lista completa das marcas do PMI, favor entrar em contato com o Departamento Jurídico do PMI.

A PMI Publications está aberta a correções e comentários sobre os seus livros. Por favor, sinta-se à vontade para nos enviar comentários sobre erros tipográficos, de formatação, ou outros tipos de erros. Basta tirar uma cópia da página relevante com o erro marcado e enviá-la para: Book Editor, PMI Publications, 14 Campus Boulevard, Newtown Square, PA 19073-3299 USA.

Para indagar sobre descontos para fins de revenda ou educacionais, favor entrar em contato com o PMI Book Service Center.

PMI Book Service Center P.O. Box 932683, Atlanta, GA 31193-2683 USA Phone: 1-866-276-4764 (nos EUA ou Canadá) ou +1-770-280-4129 (globalmente) Fax: +1-770-280-4113 Email: info@bookorders.pmi.org

Impresso nos Estados Unidos da América. Nenhuma parte deste trabalho poderá ser reproduzida ou transmitida de qualquer forma ou por qualquer meio, incluindo eletrônico, manual, fotocópia, gravação, ou através de qualquer sistema de armazenamento e recuperação de informações, sem a permissão prévia por escrito do editor.

O papel usado neste livro está em conformidade com o Padrão de Papel Oficial emitido pela Organização Nacional de Padrões da Informação (Z39.48—1984).

Library of Congress Cataloging-in-Publication Data

Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®). — Quinta edição. cm de páginas Inclui referências bibliográficas e índice alfabético 978-1-62825-007-7 (livro de capa mole: papel alcalino)

1. Gerenciamento de projetos. I. Project Management Institute I. Título: Guia PMBOK.

HD69.P75G845 2013P75G845 2013 658.4’04--dc23 2012046112

As publicações de padrões e diretrizes do Project Management Institute (PMI), do qual este documento faz parte, foram elaboradas após o consenso de voluntários por meio do uso de um processo para o desenvolvimento desses padrões. Este processo reúne voluntários e/ou procura as opiniões de pessoas que têm um interesse no tópico coberto por esta publicação. Embora o Project Management Institute administre o processo e estabeleça regras de promoção da imparcialidade na obtenção do consenso, ele não é responsável pela redação do documento e não testa, avalia ou verifica independentemente a exatidão ou integridade de quaisquer informações ou a validade de quaisquer julgamentos contidos em suas publicações de padrões e diretrizes.

O PMI isenta-se de qualquer responsabilidade por qualquer dano pessoal, de propriedade ou por outros danos de qualquer natureza, especial, indireta, substancial ou compensatória, resultante direta ou indiretamente da publicação, uso de aplicação, ou pela dependência neste documento. O PMI isenta-se de, e não dá garantias, expressas ou implícitas, relativas à exatidão ou integridade de quaisquer informações publicadas neste documento, e isenta-se de, e não garante que as informações contidas neste documento atenderão à quaisquer objetivos ou necessidades específicos. O PMI não garante o desempenho individual de qualquer fabricante ou ainda, dos produtos ou serviços de fornecedores, por força deste padrão ou guia.

Ao publicar e disponibilizar este documento, o PMI não se compromete a prestar serviços profissionais ou outros tipos de serviços para, ou em nome de qualquer pessoa ou entidade, e nem sem compromete a executar qualquer obrigação da responsabilidade de qualquer pessoa ou entidade para outra pessoa. Qualquer pessoa que utilizar este documento deve confiar em seu próprio julgamento independente ou, conforme necessário, buscar a orientação de um profissional competente na definição de cuidados coerentes a sua aplicação, quaisquer que sejam as circunstâncias. As informações e outros padrões sobre o tópico coberto por esta publicação podem estar disponíveis em outras fontes, as quais o usuário poderá desejar consultar para obter opiniões ou informações adicionais não cobertas por esta publicação.

O PMI não tem poderes e nem se compromete a vigiar ou forçar o cumprimento do conteúdo deste documento. O PMI não certifica, testa, ou inspeciona os produtos, projetos ou instalações para fins de saúde e segurança. Qualquer certificação ou outra declaração de conformidade com quaisquer informações relativas à saúde ou segurança deste documento não será atribuível ao PMI e será da responsabilidade exclusiva da certificadora.

I©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

1. INTRODUÇÃO1
1.1 Objetivo do Guia PMBOK®2
1.2 O que é um projeto?3
1.2.1 Relacionamentos entre portfólios, programas e projetos4
1.3 O que é gerenciamento de projetos?5
organizacional de projetos7
1.4.1 Gerenciamento de programas9
1.4.2 Gerenciamento de portfólios9
1.4.3 Projetos e planejamento estratégico10
1.4.4 Escritório de gerenciamento de projetos1

1.4 Relacionamentos entre gerenciamento de portfólios, gerenciamento de programas, gerenciamento de projeto e gerenciamento

de operações e estratégia organizacional12
1.5.1 Gerenciamento de operações e gerenciamento de projetos12
1.5.2 Organizações e gerenciamento de projetos14
1.6 Valor de negócio15
1.7 Papel do gerente de projetos16
1.7.1 Responsabilidades e competências do gerente de projetos17
1.7.2 Habilidades interpessoais de um gerente de projetos17
1.8 Conhecimento em gerenciamento de projetos18
2. INFLUÊNCIAS ORGANIZACIONAIS E CICLO DE VIDA DO PROJETO19
2.1 Influências organizacionais no gerenciamento de projetos20
2.1.1 Culturas e estilos organizacionais20
2.1.2 Comunicações organizacionais21
2.1.3 Estruturas organizacionais21
2.1.4 Ativos de processos organizacionais27

1.5 Relacionamento entre gerenciamento de projetos, gerenciamento 2.1.5 Fatores ambientais da empresa .................................................................. 29

2.2 Partes interessadas e governança do projeto30
2.2.1 Partes interessadas no projeto30
2.2.2 Governança do projeto34
2.2.3 Sucesso do projeto35
2.3 Equipe do projeto35
2.3.1 Composição das equipes dos projetos37
2.4 Ciclo de vida do projeto38
2.4.1 Características do ciclo de vida do projeto38
2.4.2 Fases do projeto41
3. PROCESSOS DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS47
3.1 Interações comuns em processos de gerenciamento de projetos50
3.2 Grupos de processos de gerenciamento de projetos52
3.3 Grupo de processos de iniciação54
3.4 Grupo de processos de planejamento5
3.5 Grupo de execução de processos56
3.6 Grupo de processos de monitoramento e controle57
3.7 Grupo de processos de encerramento57
3.8 Informações do projeto58
3.9 Papel das áreas de conhecimento60
4. GERENCIAMENTO DA INTEGRAÇÃO DO PROJETO63
4.1 Desenvolver o termo de abertura do projeto6
4.1.1 Desenvolver o termo de abertura do projeto: entradas68
4.1.2 Desenvolver o termo de abertura do projeto: ferramentas e técnicas71
4.1.3 Desenvolver o termo de abertura do projeto: saídas71
4.2 Desenvolver o plano de gerenciamento do projeto72
4.2.1 Desenvolver o plano de gerenciamento do projeto: entradas74

II©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

ferramentas e técnicas ................................................................................76
4.3 Orientar e gerenciar o trabalho do projeto79
4.3.1 Orientar e gerenciar o trabalho do projeto: entradas82
4.3.2 Orientar e gerenciar o trabalho do projeto: ferramentas e técnicas83
4.3.3 Orientar e gerenciar o trabalho do projeto: saídas84
4.4 Monitorar e controlar o trabalho do projeto86
4.4.1 Monitorar e controlar o trabalho do projeto: entradas8
4.4.2 Monitorar e controlar o trabalho do projeto: ferramentas e técnicas91
4.4.3 Monitorar e controlar o trabalho do projeto: saídas92
4.5 Realizar o controle integrado de mudanças94
4.5.1 Realizar o controle integrado de mudanças: entradas97
4.5.2 Realizar o controle integrado de mudanças: ferramentas e técnicas98
4.5.3 Realizar o controle integrado de mudanças: saídas9
4.6 Encerrar o projeto ou fase100
4.6.1 Encerrar o projeto ou fase: entradas102
4.6.2 Encerrar o projeto ou fase: ferramentas e técnicas102
4.6.3 Encerrar o projeto ou fase: saídas103
5. GERENCIAMENTO DO ESCOPO DO PROJETO105
5.1 Planejar o gerenciamento do escopo107
5.1.1 Planejar o gerenciamento do escopo: entradas108
5.1.2 Planejar o gerenciamento do escopo: ferramentas e técnicas109
5.1.3 Planejar o gerenciamento do escopo: saídas109
5.2 Coletar os requisitos110
5.2.1 Coletar os requisitos: entradas113
5.2.2 Coletar os requisitos: ferramentas e técnicas114
5.2.3 Coletar os requisitos: saídas117
5.3 Definir o escopo120
5.3.1 Definir o escopo: entradas121
5.3.2 Definir o escopo: ferramentas e técnicas122

III©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição 5.3.3 Definir o escopo: saídas ............................................................................. 123

5.4 Criar a estrutura analítica do projeto (EAP)125
5.4.1 Criar a EAP: entradas127
5.4.2 Criar a EAP: ferramentas e técnicas128
5.4.3 Criar a EAP: saídas131
5.5 Validar o escopo133
5.5.1 Validar o escopo: entradas134
5.5.2 Validar o escopo: ferramentas e técnicas135
5.5.3 Validar o escopo: saídas135
5.6 Controlar o escopo136
5.6.1 Controlar o escopo: entradas138
5.6.2 Controlar o escopo: ferramentas e técnicas139
5.6.3 Controlar o escopo: saídas139
6. GERENCIAMENTO DO TEMPO DO PROJETO141
6.1 Planejar o gerenciamento do cronograma145
6.1.1 Planejar o gerenciamento do cronograma: entradas146
6.1.2 Planejar o gerenciamento do cronograma: ferramentas e técnicas147
6.1.3 Planejar o gerenciamento do cronograma: saídas148
6.2 Definir as atividades149
6.2.1 Definir as atividades: entradas150
6.2.2 Definir as atividades: ferramentas e técnicas151
6.2.3 Definir as atividades: saídas152
6.3 Sequenciar as atividades153
6.3.1 Sequenciar as atividades: entradas154
6.3.2 Sequenciar as atividades: ferramentas e técnicas156
6.3.3 Sequenciar as atividades: saídas159
6.4 Estimar os recursos das atividades160
6.4.1 Estimar os recursos das atividades: entradas162
6.4.2 Estimar os recursos das atividades: ferramentas e técnicas164

IV©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição 6.4.3 Estimar os recursos das atividades: saídas..............................................165

6.5 Estimar as durações das atividades165
6.5.1 Estimar as durações das atividades: entradas167
6.5.2 Estimar as durações das atividades: ferramentas e técnicas169
6.5.3 Estimar as durações das atividades: saídas172
6.6 Desenvolver o cronograma172
6.6.1 Desenvolver o cronograma: entradas174
6.6.2 Desenvolver o cronograma: ferramentas e técnicas176
6.6.3 Desenvolver o cronograma: saídas181
6.7 Controlar o cronograma185
6.7.1 Controlar o cronograma: entradas187
6.7.2 Controlar o cronograma: ferramentas e técnicas188
6.7.3 Controlar o cronograma: saídas190
7. GERENCIAMENTO DOS CUSTOS DO PROJETO193
7.1 Planejar o gerenciamento dos custos195
7.1.1 Planejar o gerenciamento dos custos: entradas196
7.1.2 Planejar o gerenciamento dos custos: ferramentas e técnicas198
7.1.3 Planejar o gerenciamento dos custos: saídas198
7.2 Estimar os custos200
7.2.1 Estimar os custos: entradas202
7.2.2 Estimar os custos: ferramentas e técnicas204
7.2.3 Estimar os custos: saídas207
7.3 Determinar o orçamento208
7.3.1 Determinar o orçamento: entradas209
7.3.2 Determinar o orçamento: ferramentas e técnicas211
7.3.3 Determinar o orçamento: saídas212
7.4 Controlar os custos215
7.4.1 Controlar os custos: entradas216
7.4.2 Controlar os custos: ferramentas e técnicas217

V©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição 7.4.3 Controlar os custos: saídas ....................................................................... 225

8. GERENCIAMENTO DA QUALIDADE DO PROJETO227
8.1 Planejar o gerenciamento da qualidade231
8.1.1 Planejar o gerenciamento da qualidade: entradas233
8.1.2 Planejar o gerenciamento da qualidade: ferramentas e técnicas235
8.1.3 Planejar o gerenciamento da qualidade: saídas241
8.2 Realizar a garantia da qualidade242
8.2.1 Realizar a garantia da qualidade: entradas244
8.2.2 Realizar a garantia da qualidade: ferramentas e técnicas245
8.2.3 Realizar a garantia da qualidade: saídas247
8.3 Controlar a qualidade248
8.3.1 Controlar a qualidade: entradas250
8.3.2 Controlar a qualidade: ferramentas e técnicas252
8.3.3 Controlar a qualidade: saídas252
9. GERENCIAMENTO DOS RECURSOS HUMANOS DO PROJETO255
9.1 Planejar o gerenciamento dos recursos humanos258
9.1.1 Planejar o gerenciamento dos recursos humanos: entradas259

VI©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

Ferramentas e técnicas .............................................................................261
9.1.3 Planejar o gerenciamento dos recursos humanos: saídas264
9.2 Mobilizar a equipe do projeto267
9.2.1 Mobilizar a equipe do projeto: entradas269
9.2.2 Mobilizar a equipe do projeto: ferramentas e técnicas270
9.2.3 Mobilizar a equipe do projeto: saídas272
9.3 Desenvolver a equipe do projeto273
9.3.1 Desenvolver a equipe do projeto: entradas274
9.3.2 Desenvolver a equipe do projeto: ferramentas e técnicas275
9.3.3 Desenvolver a equipe do projeto: saídas278
9.4 Gerenciar a equipe do projeto279
9.4.1 Gerenciar a equipe do projeto: entradas281
9.4.2 Gerenciar a equipe do projeto: ferramentas e técnicas282

9.1.2 Planejar o gerenciamento dos recursos humanos: 9.4.3 Gerenciar a equipe do projeto: saídas .......................................................284

10. GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES DO PROJETO287
10.1 Planejar o gerenciamento das comunicações289
10.1.1 Planejar o gerenciamento das comunicações: entradas290

VII©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

Ferramentas e técnicas ...........................................................................291
10.1.3 Planejar o gerenciamento das comunicações: saídas296
10.2 Gerenciar as comunicações297
10.2.1 Gerenciar as comunicações: entradas299
10.2.2 Gerenciar as comunicações: ferramentas e técnicas300
10.2.3 Gerenciar as comunicações: saídas301
10.3 Controlar as comunicações303
10.3.1 Controlar as comunicações: entradas304
10.3.2 Controlar as comunicações: ferramentas e técnicas306
10.3.3 Controlar as comunicações: saídas307
1. GERENCIAMENTO DOS RISCOS DO PROJETO309
1.1 Planejar o gerenciamento dos riscos313
1.1.1 Planejar o gerenciamento dos riscos: entradas314
1.1.2 Planejar o gerenciamento dos riscos: ferramentas e técnicas315
1.1.3 Planejar o gerenciamento dos riscos: saídas316
1.2 Identificar os riscos319
1.2.1 Identificar os riscos: entradas321
1.2.2 Identificar os riscos: ferramentas e técnicas324
1.2.3 Identificar os riscos: saídas327
1.2.3.1 Registro dos riscos327
1.3 Realizar a análise qualitativa dos riscos328
1.3.1 Realizar a análise qualitativa dos riscos: entradas329
1.3.2 Realizar a análise qualitativa dos riscos: ferramentas e técnicas330
1.3.3 Realizar a análise qualitativa dos riscos: saídas3
1.4 Realizar a análise quantitativa dos riscos3
1.4.1 Realizar a análise quantitativa dos riscos: entradas335
1.4.2 Realizar a análise quantitativa dos riscos: ferramentas e técnicas336

10.1.2 Planejar o gerenciamento das comunicações: 1.4.3 Realizar a análise quantitativa dos riscos: saídas .................................341

1.5 Planejar as respostas aos riscos342
1.5.1 Planejar as respostas aos riscos: entradas343
1.5.2 Planejar as respostas aos riscos: ferramentas e técnicas343
1.5.3 Planejar as respostas aos riscos: saídas346
1.6 Controlar os riscos349
1.6.1 Controlar os riscos: entradas350
1.6.2 Controlar os riscos: ferramentas e técnicas351
1.6.3 Controlar os riscos: saídas353
12. GERENCIAMENTO DAS AQUISIÇÕES DO PROJETO355
12.1 Planejar o gerenciamento das aquisições358
12.1.1 Planejar o gerenciamento das aquisições: entradas360
12.1.2 Planejar o gerenciamento das aquisições: ferramentas e técnicas365
12.1.3 Planejar o gerenciamento das aquisições: saídas366
12.2 Conduzir as aquisições371
12.2.1 Conduzir as aquisições: entradas373
12.2.2 Conduzir as aquisições: ferramentas e técnicas375
12.2.3 Conduzir as aquisições: saídas377
12.3 Controlar as aquisições379
12.3.1 Controlar as aquisições: entradas381
12.3.2 Controlar as aquisições: ferramentas e técnicas383
12.3.3 Controlar as aquisições: saídas384
12.4 Encerrar as aquisições386
12.4.1 Encerrar as aquisições: entradas388
12.4.2 Encerrar as aquisições: ferramentas e técnicas388
12.4.3 Encerrar as aquisições: saídas389
13. GERENCIAMENTO DAS PARTES INTERESSADAS DO PROJETO391
13.1 Identificar as partes interessadas393
13.1.1 Identificar as partes interessadas: entradas394
13.1.2 Identificar as partes interessadas: ferramentas e técnicas395

VIII©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição 13.1.3 Identificar as partes interessadas: saídas ..............................................398

13.2 Planejar o gerenciamento das partes interessadas399
13.2.1 Planejar o gerenciamento das partes interessadas: entradas400

IX©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

e técnicas .................................................................................................401
13.2.3 Planejar o gerenciamento das partes interessadas: saídas403
13.3 Gerenciar o engajamento das partes interessadas404
13.3.1 Gerenciar o engajamento das partes interessadas: entradas406

13.2.2 Planejar o gerenciamento das partes interessadas: ferramentas

e técnicas .................................................................................................407
13.3.3 Gerenciar o engajamento das partes interessadas: saídas408
13.4 Controlar o engajamento das partes interessadas409
13.4.1 Controlar o engajamento das partes interessadas: entradas411

13.3.2 Gerenciar o engajamento das partes interessadas: ferramentas

e técnicas .................................................................................................412
13.4.3 Controlar o engajamento das partes interessadas: saídas413
ANEXO A1 - PADRÃO DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE UM PROJETO417
APÊNDICE X1 - MUDANÇAS NA QUINTA EDIÇÃO463
APÊNDICE X2 - COLABORADORES E REVISORES DO GUIA PMBOK® —QUINTA EDIÇÃO483
APÊNDICE X3 - HABILIDADES INTERPESSOAIS513
REFERÊNCIAS521
GLOSSÁRIO523

XI©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

Figura 1-1. Interações de gerenciamento de portfólios, programas e projetos5
Figura 2-1. Organização funcional2
Figura 2-2. Organização matricial fraca23
Figura 2-3. Organização matricial balanceada24
Figura 2-4. Organização matricial forte24
Figura 2-5. Organização projetizada25
Figura 2-6. Organização composta26
Figura 2-7. Relação entre as partes Interessadas e o projeto31
do ciclo de vida de um projeto39
Figura 2-9. Impacto da variável com base no tempo decorrido do projeto40
Figura 2-10. Exemplo de projeto de fase única42
Figura 2-1. Exemplo de projeto de três fases43
Figura 2-12. Exemplo de um projeto com fases sobrepostas43
Figura 2-13. Exemplo de ciclo de vida previsível4
Figura 3-1. Grupos de processos de gerenciamento de projetos50
Figura 3-2. Os grupos de processos interagem em uma fase ou em um projeto51
Figura 3-3. Interações nos processos de gerenciamento de projetos53
Figura 3-4. Limites do projeto54
Figura 3-5. Dados, informações e fluxo de relatórios do projeto59

Figura 2-8. Níveis típicos de custo e pessoal em toda a estrutura genérica Figura 3-6. Legenda do diagrama de fluxo de dados .........................................................................60

Figura 4-1. Visão geral do gerenciamento da integração do projeto65

XII©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

e técnicas, e saídas6
Figura 4-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Desenvolver o termo de abertura do projeto67

Figura 4-2. Desenvolver o termo de abertura do projeto: entradas, ferramentas

e técnicas, e saídas72
Figura 4-5. Diagrama do fluxo de dados do processo Desenvolver o plano de gerenciamento do projeto73

Figura 4-4. Desenvolver o termo de abertura do projeto: entradas, ferramentas

e técnicas, e saídas79
Figura 4-7. Orientar e gerenciar o trabalho do projeto: diagrama do fluxo de dados80

Figura 4-6. Orientar e gerenciar o trabalho do projeto: entradas, ferramentas

e técnicas, e saídas86
Figura 4-9. Diagrama do fluxo de dados do processo Monitorar e controlar o trabalho do projeto87

Figura 4-8. Monitorar e controlar o trabalho do projeto: entradas, ferramentas

e técnicas, e saídas94
Figura 4-1. Diagrama do fluxo de dados do processo Realizar o controle Integrado de mudanças95
Figura 4-12. Encerrar o projeto ou fase: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas100
Figura 4-13. Diagrama do fluxo de dados do processo Encerrar o projeto ou fase101
Figura 5-1. Visão geral do gerenciamento do escopo do projeto106
Figura 5-2. Planejar o Gerenciamento do escopo: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas107
Figura 5-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento do escopo107
Figura 5-4. Coletar os requisitos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas1
Figura 5-5. Diagrama do fluxo de dados do processo Coletar os requisitos1
Figura 5-6. Exemplo de uma matriz de rastreabilidade de requisitos119

Figure 4-10. Realizar o controle integrado de mudanças: entradas, ferramentas Figura 5-7. Definir o escopo: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas .......................................120

Figura 5-8. Diagrama do fluxo de dados do processo Definir o escopo120
Figura 5-9. Criar a EAP: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas125
Figura 5-10. Diagrama do fluxo de dados do processo Criar a EAP126
Figura 5-1. Amostra de EAP decomposta em pacotes de trabalho129
Figura 5-12. Amostra de EAP organizada por fases130
Figura 5-13. Exemplo de EAP com entregas principais130
Figura 5-14. Validar o escopo: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas133
Figura 5-15. Diagrama do fluxo de dados do processo Validar o escopo133
Figura 5-16. Controlar o escopo: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas136
Figura 5-17. Diagrama do fluxo de dados do processo Controlar o escopo137
Figura 6-1. Visão geral do gerenciamento do tempo do projeto143
Figura 6-2. Visão geral do desenvolvimento do cronograma144

XIII©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

e técnicas, e saídas145
Figura 6-4. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento do cronograma145
Figura 6-5. Definir as atividades: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas149
Figura 6-6. Diagrama do fluxo de dados do processo Definir as atividades150
Figura 6-7. Sequenciar as atividades: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas153
Figura 6-8. Diagrama do fluxo de dados do processo Sequenciar as atividades154
Figura 6-9. Método do diagrama de precedência (MDP) - Tipos de relações157
Figura 6-10. Exemplos de antecipação e espera158
Figura 6-1. Diagrama de rede do cronograma do projeto160

Figura 6-3. Planejar o gerenciamento do cronograma: entradas, ferramentas Figura 6-12. Estimar os recursos das atividades: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas ........161

Figura 6-13. Diagrama do fluxo de dados do processo Estimar os recursos das atividades161
Figura 6-14. Estimar as durações das atividades: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas166
Figura 6-15. Diagrama do fluxo de dados do processo Estimar as durações das atividades166
Figura 6-16. Desenvolver o cronograma: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas173
Figura 6-17. Diagrama do fluxo de dados do processo Desenvolver o cronograma173
Figura 6-18. Exemplo de método do caminho crítico177
Figura 6-19. Exemplo de método da corrente crítica178
Figura 6-20. Nivelamento de recursos179
Figura 6-21. Exemplos de apresentações do cronograma do projeto183
Figura 6-2. Controlar o cronograma: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas185
Figura 6-23. Diagrama do fluxo de dados do processo Controlar o cronograma186
Figura 7-1. Visão geral do gerenciamento dos custos do projeto194
Figura 7-2. Planejar o gerenciamento dos custos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas195
Figura 7-3. Planejar o gerenciamento dos custos: diagrama do fluxo de dados196
Figura 7-4. Estimar os custos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas200
Figura 7-5. Diagrama do fluxo de dados do processo Estimar os custos201
Figura 7-6. Determinar o orçamento: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas208
Figura 7-7. Diagrama do fluxo de dados do processo Determinar o orçamento209
Figura 7-8. Componentes do orçamento do projeto213
Figura 7-9. Linha de base de custos, gastos e requisitos de recursos financeiros214
Figura 7-10. Controlar os custos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas215
Figura 7-1. Diagrama do fluxo de dados do processo Controlar os custos215

XIV©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição Figura 7-12. Valor agregado, valor planejado e custos reais .............................................................219

Figura 7-13. Índice de desempenho para término (IDPT)2
Figura 8-1. Visão geral do gerenciamento da qualidade do projeto230

XV©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

e grupos de processos de gerenciamento do projeto231
Figura 8-3. Planejar o gerenciamento da qualidade: entradas, ferramentas, técnicas, e saídas232
Figura 8-4. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento dos riscos232
Figura 8-5. Custo da qualidade235
Figura 8-6. O modelo SIPOC237

Figura 8-2. Relações fundamentais de garantia da qualidade e de qualidade do controle dos grupos de IPECC, PDCA (em inglês), custo de modelos de qualidade

ferramentas da qualidade239
Figura 8-8. Realizar a garantia da qualidade: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas243
Figura 8-9. Diagrama do fluxo de dados do processo Realizar a garantia da qualidade243
Figura 8-10. Storyboard ilustrando as sete ferramentas de gerenciamento e controle da qualidade246
Figura 8-1. Controlar a qualidade: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas249
Figura 8-12. Diagrama do fluxo de dados do processo Realizar o controle da qualidade249
Figura 9-1. Visão geral do gerenciamento dos recursos humanos do projeto257

Figura 8-7. O storyboard ilustra um exemplo conceitual de cada uma das sete

ferramentas e técnicas, e saídas258
Figura 9-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento dos recursos258
Figura 9-4. Formatos de definição dos papéis e responsabilidades261
Figura 9-5. Matriz RACI262
Figura 9-6. Histograma de recursos ilustrativo266

Figura 9-2. Planejar o gerenciamento dos recursos humanos: entradas, Figura 9-7. Mobilizar a equipe do projeto: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas .................267

Figura 9-8. Diagrama do fluxo de dados do processo Mobilizar a equipe do projeto268
Figura 9-9. Desenvolver a equipe do projeto: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas273
Figura 9-10. Diagrama do fluxo de dados do processo Desenvolver a equipe do projeto273
Figura 9-1. Gerenciar a equipe do projeto: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas279
Figura 9-12. Diagrama do fluxo de dados do processo Gerenciar a equipe do projeto280
Figura 10-1. Visão geral do processo do Gerenciamento das comunicações do projeto288

XVI©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

e técnicas, e saídas289

Figura 10-2. Planejar o gerenciamento das comunicações: entradas, ferramentas

das comunicações289
Figura 10-4. Modelo básico de comunicação294
Figura 10-5. Gerenciar as comunicações: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas297
Figura 10-6. Diagrama do fluxo de dados do processo Gerenciar as comunicações298
Figura 10-7. Controlar as comunicações. entradas, ferramentas e técnicas, e saídas303
Figura 10-8. Diagrama do fluxo de dados do processo Controlar as comunicações304
Figura 1-1. Visão Geral do gerenciamento do risco do projeto312
Figura 1-2. Planejar o gerenciamento dos riscos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas313
Figura 1-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento dos riscos313
Figura 1-4. Exemplo de uma estrutura analítica dos riscos (EAR)317
Figura 1-5. Identificar os riscos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas319
Figura 1-6. Diagrama do fluxo de dados do processo Identificar os riscos320
Figura 1-7. Diagramas de influência326

Figura 10-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento

Figura 1-8. Realizar a análise qualitativa dos riscos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas .........................................................................................................328

XVII©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

a análise qualitativa dos riscos328
Figura 1-10. Matriz de probabilidade e impacto331

Figura 1-9. Diagrama do fluxo de dados do processo Realizar

e técnicas, e saídas334

Figura 1-1. Realizar a análise quantitativa dos riscos: entradas, ferramentas

a análise quantitativa dos riscos334

Figura 1-12. Diagrama do fluxo de dados do processo Realizar

a entrevista sobre riscos336
Figura 1-14. Exemplos de distribuições de probabilidades usadas com frequência337
Figura 1-15. Exemplo de diagrama de tornado338
Figura 1-16. Diagrama da árvore de decisão339
Figura 1-17. Resultados da simulação de riscos de custos340
Figura 1-18. Planejar as respostas aos riscos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas342
Figura 1-19. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar as respostas aos riscos342
Figura 1-20. Controlar os riscos: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas349
Figura 1-21. Diagrama do fluxo de dados do processo Monitorar e controlar os riscos349
Figura 12-1. Visão geral do gerenciamento das aquisições do projeto356

Figura 1-13. Faixas de estimativas de custos do projeto coletadas durante

e técnicas, e saídas358

Figura 12-2. Planejar o gerenciamento das aquisições: entradas, ferramentas

das aquisições359
Figura 12-4. Conduzir as aquisições: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas371
Figura 12-5. Diagrama do fluxo de dados do processo Conduzir as aquisições372

Figura 12-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento Figura 12-6. Controlar as aquisições: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas ...........................379

Figura 12-7. Diagrama do fluxo de dados do processo Controlar as aquisições380
Figura 12-8. Encerrar as aquisições: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas386
Figura 12-9. Diagrama do fluxo de dados do processo Encerrar as aquisições387
Figura 13-1. Gerenciamento das partes interessadas do projeto392
Figura 13-2. Identificar as partes interessadas: entradas, ferramentas e técnicas, e saídas393
Figura 13-3. Diagrama do fluxo de dados do processo Identificar as partes interessadas393
Figura 13-4. Exemplo de rede de poder/interesse com as partes interessadas397

XVIII©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

e técnicas, e saídas399

Figura 13-5. Planejar o gerenciamento das partes interessadas: entradas, ferramentas

das partes interessadas399
Figura 13-7. Matriz de avaliação do nível de engajamento das partes interessadas403

Figura 13-6. Diagrama do fluxo de dados do processo Planejar o gerenciamento

e técnicas, e saídas404

Figura 13-8. Gerenciar o engajamento das partes interessadas: entradas, ferramentas

das partes interessadas405

Figura 13-9. Diagrama do fluxo de dados do processo Gerenciar o engajamento

e técnicas, e saídas410

Figura 13-10. Controlar o engajamento das partes interessadas: entradas, ferramentas

interessadas410
Figura A1-1. Interações entre os grupos de processos em um projeto419
Figura A1-2. Interações nos processos de gerenciamento de projetos421
Figura A1-3. Limites do projeto425
Figura A1-4. Grupo de processos de iniciação425
Figura A1-5. Desenvolver o termo de abertura do projeto: entradas e saídas426

Figura 13-1. Diagrama do fluxo de dados do processo Controlar o engajamento das partes Figura A1-6. Identificar as partes interessadas: entradas e saídas ...................................................426

Figura A1-7. Grupo de processos de planejamento428
Figura A1-8. Desenvolver o plano de gerenciamento do projeto: entradas e saídas429
Figura a 1-9. Planejar o gerenciamento do escopo: entradas e saídas429
Figura A1-10. Coletar os requisitos: entradas e saídas430
Figura A1-1. Definir o escopo: entradas e saídas430
Figura A1-12. Criar a estrutura analítica do projeto (EAP): entradas e saídas431
Figura A1-13. Planejar o gerenciamento do cronograma: entradas e saídas431
Figura A1-14. Definir as atividades: entradas e saídas432
Figura A1-15. Sequenciar as atividades: entradas e saídas432
Figura A1-16. Estimar os recursos das atividades: entradas e saídas433
Figura A1-17. Estimar as durações das atividades: entradas e saídas434
Figura A1-18. Desenvolver o cronograma: entradas e saídas435
Figura A1-19. Planejar o gerenciamento dos custos: entradas e saídas436
Figura A1-20. Estimar os custos: entradas e saídas436
Figura A1-21. Determinar o orçamento: entradas e saídas437
Figura A1-2. Planejar o gerenciamento da qualidade: entradas e saídas438
Figura A1-23. Planejar o gerenciamento dos recursos humanos: entradas e saídas438
Figura A1-24. Planejar o gerenciamento das comunicações: entradas e saídas439
Figura A1-25. Planejar o gerenciamento dos riscos: entradas e saídas439
Figura A1-26. Identificar os riscos: entradas e saídas440
Figura A1-27. Realizar a análise quantitativa dos riscos: entradas e saídas441
Figura A1-28. Realizar a análise quantitativa dos riscos: entradas e saídas441

XIX©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição Figura A1-29. Planejar as respostas aos riscos: entradas e saídas .....................................................442

Figura A1-30. Planejar o gerenciamento das aquisições: entradas e saídas443
Figura A1-31. Planejar o gerenciamento das partes interessadas: entradas e saídas443
Figura A1-32. Grupo de processos de execução445
Figura A1-3. Orientar e gerenciar o trabalho do projeto: entradas e saídas446
Figura A1-34. Realizar a garantia da qualidade: entradas e saídas446
Figura A1-35. Mobilizar a equipe do projeto: entradas e saídas447
Figura A1-36. Desenvolver a equipe do projeto: entradas e saídas447
Figura A1-37. Gerenciar a equipe do projeto: entradas e saídas448
Figura A1-38. Gerenciar as comunicações: entradas e saídas448
Figura A1-39. Conduzir as aquisições: entradas e saídas449
Figura A1-40. Gerenciar o engajamento das partes interessadas: entradas e saídas450
Figura A1-41. Grupo de processos de monitoramento e controle451
Figura A1-42. Monitorar e controlar o trabalho do projeto: entradas e saídas452
Figura A1-43. Realizar o controle integrado de mudanças: entradas e saídas453
Figura A1-4. Validar o escopo: entradas e saídas453
Figura A1-45. Controlar o escopo: entradas e saídas454
Figura A1-46. Controlar o cronograma: entradas e saídas455
Figura A1-47. Controlar os custos: entradas e saídas455
Figura A1-48. Controlar a qualidade: entradas e saídas456
Figura A1-49. Controlar as comunicações: entradas e saídas457
Figura A1-50. Controlar os riscos: entradas e saídas457
Figura A1-51. Controlar as aquisições: entradas e saídas458
Figura A1-52. Controlar o engajamento das partes interessadas: entradas e saídas459

XX©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição Figura A1-53. Grupo de processos de encerramento ............................................................................460

Figura A1-54. Encerrar o projeto ou fase: entradas e saídas461
Figura A1-5. Encerrar as aquisições: entradas e saídas461
Figura x1-1. Modelo de dados redefinido467

XXI©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

de programas e gerenciamento de portfólios8
Tabela 2-1. Influência das estruturas organizacionais nos projetos2

Tabela 1-1. Visão geral comparativa do gerenciamento de projetos, gerenciamento

das áreas de conhecimento61

Tabela 3-1. Grupo de processos de gerenciamento de projetos e mapeamento

do projeto78
Tabela 5-1. Elementos do termo de abertura do projeto e da declaração do escopo do projeto124
Tabela 7-1. Tabela de resumo dos cálculos do valor agregado224
Tabela 1-1. Definição de escalas de impactos para quatro objetivos do projeto318

Tabela 4-1 Diferenciação entre o plano de gerenciamento do projeto e os documentos

da área de conhecimento423
Tabela X1-1. Mudanças na Seção 4472
Tabela X1-2. Mudanças na Seção 5473
Tabela X1-3. Mudanças na Seção 6474
Tabela X1-4. Mudanças na Seção 7475
Tabela X1-5. Mudanças na Seção 8476
Tabela X1-6. Mudanças na Seção 9477
Tabela X1-7. Mudanças na Seção 10478
Tabela X1-8. Mudanças na Seção 1479
Tabela X1-9. Mudanças na Seção 12480

Tabela A1-1. Grupo de processos de gerenciamento de projetos e mapeamento Tabela X1-10. Mudanças na Seção 13 ...................................................................................................481

1 - INTRODUÇÃO

1 ©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®)– Quinta Edição fornece diretrizes para o gerenciamento de projetos individuais e define os conceitos relacionados com o gerenciamento de projetos. Ele também descreve o ciclo de vida de gerenciamento de projetos e seus respectivos processos, assim como o ciclo de vida do projeto.

O Guia PMBOK® contém o padrão e guia globalmente reconhecidos para a profissão de gerenciamento de projetos (encontrado no Anexo A1). Um padrão é um documento formal que descreve normas, métodos, processos e práticas estabelecidos. Assim como em outras profissões, o conhecimento contido neste padrão evoluiu a partir das boas práticas reconhecidas por profissionais de gerenciamento de projetos que contribuíram para o seu desenvolvimento.

As duas primeiras seções do Guia PMBOK® são uma introdução aos principais conceitos no campo do gerenciamento de projetos. A seção 3 resume os grupos de processos e fornece uma visão geral das interações dos processos entre as dez áreas de conhecimento e os cinco grupos de processos. As seções de 4 a 13 são o guia do conhecimento em gerenciamento de projetos. Elas ampliam as informações do padrão descrevendo as entradas e saídas, assim como as ferramentas e técnicas usadas no gerenciamento dos projetos. O anexo A1 é o padrão para o gerenciamento de projetos e apresenta os processos, entradas e saídas que são consideradas boas práticas na maioria dos projetos, a maior parte das vezes.

Esta seção define vários termos principais e o relacionamento entre gerenciamento de portfólio, gerenciamento de programas, gerenciamento de projetos e maturidade organizacional em gerenciamento de projetos. Uma visão geral do Guia PMBOK® é apresentada nas seguintes seções:

1.1 Objetivo do Guia PMBOK® 1.2 O que é um projeto? 1.3 O que é gerenciamento de projetos?

1.4 Relacionamentos entre gerenciamento de portfólios, gerenciamento de programas, gerenciamento de projetos e gerenciamento de projetos organizacionais

1.5 Relacionamento entre gerenciamento de projetos, gerenciamento de operações e estratégia organizacional

1.6 Valor de negócio 1.7 Papel do gerente de projetos 1.8 Conhecimento em gerenciamento de projetos

1 - INTRODUÇÃO

2©2013 Project Management Institute. Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®) — Quinta Edição

1.1 Objetivo do Guia PMBOK®

A aceitação do gerenciamento de projetos como uma profissão indica que a aplicação do conhecimento, processos, habilidades, ferramentas e técnicas pode ter um impacto significativo no sucesso do projeto. O Guia PMBOK® identifica esse subconjunto do conhecimento em gerenciamento de projetos que é amplamente reconhecido como boa prática. "Amplamente reconhecido" significa que o conhecimento e as práticas descritas são aplicáveis à maioria dos projetos na maior parte das vezes, e que existe um consenso em relação ao seu valor e utilidade. "Boa prática" significa que existe um consenso geral de que a aplicação do conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas pode aumentar as chances de sucesso de muitos projetos. "Boa prática" não significa que o conhecimento descrito deva ser sempre aplicado uniformemente a todos os projetos; a organização e/ou a equipe de gerenciamento do projeto é responsável por determinar o que é apropriado para um projeto específico.

(Parte 1 de 5)

Comentários