1 Resposta

  • Diego Vitor Diegorow

    As glândulas de Lieberkünh são glândulas tubulares simples que se encontram entre as vilosidades do intestino delgado. Na verdade, as glândulas de Lieberkünh, também conhecidas como criptas de Lieberkünh, contém diversos tipos celulares, como as células caliciformes (secretam muco), células de Paneth (produzem lisozimas e defensinas, que são enzimas que podem permeabilizar e digerir a parede bacteriana) e células enteroendócrinas (produz hormônios, como a secretina, colecistoquinina [CCK] e peptídio inibidor gástrico [GIP], que controlam função, secreção, motilidade intestinal).

    Para ampliar:
    a) secretina é produzida pela célula S (um dos subtipos de glândulas enteroendócrinas) e estimula a secreção pancreática rica em HCO3- e H2O;
    b) GIP, produzido pelas células K, inibe secreção de HCl pelo estômago e estimula secreção de insulina pelo pâncreas;
    c) Glicentina (também conhecida como peptídio 1 semelhante ao Glucagon [GLP-1], possui a mesma função que o GIP, mas é secretado pelas células L, apesar do nome, é semelhante ao Glucagon apenas no aspecto estrutural, pois ambos são polipeptídios derivados da molécula Proglucagon;
    d) CCK, produzidas pelas células I, estimula secreção pancreática e promove contração da vesícula biliar;
    e) Motilina, produzidas pelas células Mo, aumentam a motilidade intestinal.

    São nas criptas de Lieberkünh que se encontram as células tronco intestinais, responsáveis pela renovação celular deste tecido tão dinâmico que é o intestinal.

    That is it!!