IFSP Manual do Candidato 2010 segundo semestre.pdf IFSP Automação

IFSP Manual do Candidato 2010 segundo semestre.pdf IFSP Automação

(Parte 5 de 7)

Manual do Candidato - 24 - obras, elaboram orçamentos e cronogramas físico-financeiros, dimensionam equipes de trabalho. Fazem orçamento de materiais e mão-de-obra. Fazem coleta de material para ensaios tecnológicos de laboratório e de campo, analisam resultados e avaliam comportamento dos materiais de construção. O profissional pode atuar em instituições públicas, privadas e do terceiro setor, empresas de engenharia e de arquitetura, escritórios de projetos, imobiliárias e construtoras.

Técnico em Eletrônica O profissional Técnico em Eletrônica de nível médio é aquele que atenderá às demandas típicas num mercado de trabalho de forte dinamismo, atuando e demonstrando ética social e no trabalho, responsabilidade e visão conseqüente de suas decisões técnicas, adaptabilidade, disposição para o crescimento intelectual. A habilitação em eletrônica prepara os profissionais empreendedores, capacitando-os a aplicar as modernas tecnologias relacionadas à manutenção de equipamentos eletrônicos, analógicos e/ou digitais. Os profissionais formados pelo IFSP podem atuar nos seguintes seguimentos: empresas concessionárias de energia elétrica e de telecomunicações; empresas de eletrificação; empresas de representação, vendas e assistência técnica de materiais e equipamentos elétricos e eletrônicos; laboratórios de ensaios elétricos e eletrônicos; empresas de consultoria, projetos, instalações e manutenções de máquinas e equipamentos eletroeletrônicos

Técnico em Eletrotécnica O Técnico em Eletrotécnica instala, opera e mantém elementos de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. Elabora e desenvolve projetos de instalações elétricas e de infra-estrutura para instalações de telecomunicações em edificações de acordo com normas técnicas e de segurança. Planeja e executa a instalação e manutenção de equipamentos e instalações elétricas. Propõe o uso eficiente da energia elétrica e a utilização das respectivas fontes alternativas. Projeta e instala sistemas de acionamentos elétricos. O profissional pode atuar em concessionárias de energia elétrica, prestadoras de serviço, indústrias, em geral, no setor de manutenção e automação, indústrias de fabricação de máquinas, componentes e equipamentos elétricos.

Técnico em Eventos Auxilia e atua na prospecção, no planejamento, na organização, na coordenação e na execução dos serviços de apoio técnico e logístico de eventos e cerimoniais, utilizando o protocolo e etiqueta formal. Realiza procedimentos administrativos e operacionais relativos a eventos. Recepciona e promove serviços de eventos. Planeja e participa da confecção de ornamentos decorativos. Coordena o armazenamento e manuseio de gêneros alimentícios servidos em eventos.

Técnico em Informática O Técnico em Informática é um profissional que pode atuar em diversos ramos e áreas: atua no desenvolvimento de rotinas de cálculo e tomadas de decisão, manipula base de dados mono ou multiusuário, utiliza ferramentas de programação visual, e elabora programas em linguagens de alto nível, efetua e avalia testes nos programas desenvolvidos. Também atua no projeto e desenvolvimento de sistemas computadorizados, através de metodologia adequada, aplica técnicas de gerenciamento de Banco de Dados em modelos práticos, e elabora pesquisa de produtos e custos para instalação de redes de computadores, elabora e especifica projeto de redes de computadores, executa a instalação de rede física e testes de funcionamento, desenvolve programas em linguagens comercialmente utilizadas e Projetos Lógicos e Físicos destinados a atender às necessidades de informatização e automatização de setores administrativos de uma empresa, dentre outras atividades.

Técnico em Informática para Internet Desenvolve programas de computador para internet, seguindo as especificações e paradigmas da lógica de programação e das linguagens de programação. Utiliza ferramentas de desenvolvimento de sistemas, para construir soluções que auxiliam o processo de criação de interfaces e aplicativos empregados no comércio e marketing eletrônicos. Desenvolve e realiza a manutenção de sítios e portais na internet e na intranet.

Técnico em Manutenção e Suporte em Informática O Técnico em Manutenção e Suporte em Informática realiza manutenção preventiva e corretiva de equipamentos de informática, identificando os principais componentes de um computador e suas funcionalidades. Avalia a necessidade de substituição ou mesmo atualização tecnológica desses componentes. Instala, configura e desinstala programas e softwares básicos, utilitários e aplicativos. Realiza procedimentos de backup e recuperação de dados. Orienta os usuários na utilização de softwares. O profissional pode atuar em instituições públicas, privadas e do terceiro setor que demandem suporte e manutenção de informática ou na prestação autônoma de serviços.

Manual do Candidato - 25 -

Técnico em Mecânica Prepara o profissional para atuar nas áreas do mercado de trabalho, tais como projetos de produtos, ferramentas, instalações industriais; planejamento da produção, seleção de máquinas e ferramentas, layout de fabricação, programação de máquinas CNC, cronogramas e custos de fabricação; supervisão da fabricação e adequação do sistema produtivo aos planos de métodos e processos; controle de qualidade do sistema produtivo; planejamento e supervisão da manutenção de máquinas, equipamentos e instalações industriais. Para atender à crescente demanda do mercado de trabalho, se faz necessário formar profissionais habilitados a desenvolverem atividades de caráter técnico e profissional na área da indústria e serviços, com habilitação em Mecânica, numa perspectiva de desenvolvimento social, econômico e político, visando à melhoria da qualidade na produtividade.

Técnico em Mecatrônica Atuam no projeto, execução e instalação de máquinas e equipamentos automatizados e sistemas robotizados. Realiza manutenção, medições e testes dessas máquinas, equipamentos e sistemas conforme especificações técnicas. Programa e opera essas máquinas, observando as normas de segurança.

Técnico em Química O Técnico em Química atua no planejamento, coordenação, operação e controle dos processos industriais e equipamentos nos processos produtivos. Planeja e coordena os processos laboratoriais. Realiza amostragens, análises químicas, físico-químicas e microbiológicas. Realiza vendas e assistência técnica na aplicação de equipamentos e produtos químicos. Participa no desenvolvimento de produtos e validação de métodos. Atua com responsabilidade ambiental e em observância as normas técnicas e de segurança. O profissional pode atuar em indústrias, empresas de comercialização e assistência técnica, laboratórios de ensino, de calibração, de análise e controle de qualidade e ambiental, entidades de certificação de produtos.

Técnico em Telecomunicações O Técnico em Telecomunicações participa da elaboração de projetos de telecomunicações, atua na instalação, operação e manutenção de sistemas de telecomunicações e de telemática, incluindo a prestação de serviços, assistência técnica, elaboração de documentação técnica e treinamento de sistemas de telecomunicações. O profissional pode atuar em empresas de telefonia fixa e móvel, radiodifusão, indústrias de telecomunicações, agências reguladoras e provedores de internet, laboratórios de desenvolvimento e pesquisa e empresas de TV a cabo.

Engenharia de Produção Mecânica O Engenheiro de Produção Mecânica é um profissional da área de indústria e de serviços que integra os conhecimentos de Engenharia Mecânica com as áreas de administração, financeira, econômica, planejamento estratégico e gestão. Atua nos sistemas de produção e processos de empresas industriais de manufatura e de prestação de serviços, exercendo atividades que proporcionam o aumento de produtividade, competitividade e desenvolvimento sustentado, através de métodos apropriados de planejamento, gestão do meio-ambiente, elaboração de estratégias e das atividades produtivas.

Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas O Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas analisa, projeta, documenta, especifica, testa, implementa e mantém sistemas computacionais de informação. Este profissional trabalha, também, com ferramentas computacionais, equipamentos de informática e metodologia de projetos na produção de sistemas. Raciocínio lógico, emprego de linguagens de programação e de metodologias de construção de projetos, preocupação com a qualidade, usabilidade, robustez, integridade e segurança de programas computacionais são fundamentais à atuação deste profissional.

Tecnologia em Automação Industrial O Tecnólogo em Automação Industrial é profissional a serviço da modernização das técnicas de produção utilizadas no setor industrial, atuando no planejamento, instalação e supervisão de sistemas de integração e automação. Esse profissional atua na automatização dos chamados “processos contínuos” que envolvem a transformação ininterrupta de materiais, por meio de operações bio-físico-químicas. Na sua atividade de execução de projetos, instalação e supervisão de sistemas de automação são bastante empregadas,

Manual do Candidato - 26 - tecnologias como controladores lógicos, sensores, transdutores, redes industriais, controles de temperatura, pressão, vazão, atuadores eletro pneumáticos, sistemas supervisórios, entre outras.

Tecnologia em Biocombustível O Tecnólogo em Biocombustível atua na cadeia de produção, comercialização e uso de biocombustíveis sólidos, líquidos e gasosos, planejando, dirigindo, monitorando, gerenciando e controlando matérias primas, produtos, co-produtos, processos e fatores de produção utilizados nessa cadeia produtiva. A promoção da sustentabilidade, em seu conceito amplo, da conservação ambiental e da inclusão social devem ser princípios orientadores da atuação desse profissional de nível superior.

Tecnologia em Eletrônica Industrial O Tecnólogo em Eletrônica Industrial é responsável por instalar e manter máquinas e dispositivos eletroeletrônicos utilizados em linhas de fabricação. O profissional receberá formação para: ter clareza sobre os processos produtivos, sua organização, suas relações com a sociedade, o papel da tecnologia nesses processos e o papel do cidadão trabalhador; aperfeiçoamento e na perspectiva de uma visão empreendedora; produzir e aplicar os conhecimentos em eletricidade levando em consideração as questões de segurança do trabalho, da saúde individual e coletiva e do meio ambiente; manter, desenvolver e instalar sistemas eletroeletrônicos industriais; desenvolver atividades relacionadas à eletrônica na indústria da manufatura e de processos; construir protótipos de sistemas eletroeletrônicos industriais; prestar consultoria na realização de serviços e vendas de equipamentos voltados para a área de eletrônica industrial; realizar avaliação técnica em sistemas eletroeletrônicos industriais; aplicar alternativas técnicas com vista à solução de problemas e a modernização de tecnologias ligadas à eletrônica industrial; instalar e manter máquinas e dispositivos eletroeletrônicos utilizados em linhas de fabricação.

Tecnologia em Gestão da Produção Industrial O Tecnólogo em Gestão da Produção Industrial atua nas organizações industriais, buscando a melhoria da qualidade e produtividade industrial. Dentre as atividades desempenhadas por esse profissional, destacam-se a identificação e o estudo de oportunidades de negócios na área industrial, coordenação de equipes de produção, diagnóstico e otimização de fluxos de materiais e a utilização de conhecimentos da logística industrial, associados às áreas de administração e economia, possibilitam aos mesmos, implantar e melhorar os chamados sistemas integrados de produção que constituem uma fábrica. São profissionais treinados e capacitados para planejar a produção, avaliando os seus resultados, de forma a aumentar a eficiência em todos os seus aspectos.

Tecnologia em Gestão de Turismo O Tecnólogo em Gestão de Turismo atua no planejamento e desenvolvimento da atividade turística nos segmento público e privado. Desenvolvem ações no âmbito do planejamento turístico, agenciamento de viagens (emissivas, receptivas e operadores de turismo), transportadoras turísticas e consultorias voltadas para o gerenciamento das políticas públicas e para a comercialização e promoção dos serviços relativos à atividade. A identificação dos potenciais turísticos do receptivo, considerando a diversidade cultural e os aspectos socioambientais para o desenvolvimento local e regional constitui-se em atividade relevante deste profissional. Desenvolve atividades em nível gerencial nas diferentes fases de produção de bens e serviços turísticos, podendo conceber, organizar, promover, comercializar e controlar a qualidade durante todo o processo produtivo, com formação humanista que crie oportunidades para que o egresso desenvolva uma visão crítica diante da realidade social, política, econômica e cultural e reflita sobre questões relativas à profissão.

Tecnologia em Processos Gerenciais (Contextualizada na área de Construção Civil) O Tecnólogo em Processos Gerenciais elabora e programa planos de negócios, utilizando métodos e técnicas de gestão na formação e organização empresarial especificamente nos processos de comercialização, suprimento, armazenamento, movimentação de materiais e no gerenciamento de recursos financeiros e humanos. A habilidade para lidar com pessoas, capacidade de comunicação, trabalho em equipe, liderança, negociação, busca de informações, tomada de decisão em contextos econômicos, políticos, culturais e sociais distintos, são requisitos importantes a este profissional. Atua em empreendimentos na construção civil, nos setores de planejamento, orçamento, projeto, execução e gerenciamento, visando ao bem-estar, à proteção ambiental e ao desenvolvimento da sociedade, por meio de sua atuação científica, tecnológica e administrativa.

Tecnologia em Sistemas Elétricos O Tecnólogo em Sistemas Elétricos atua no planejamento, projeto, implementação, construção, manutenção e operação de sistemas de distribuição de energia elétrica urbana e rural. Gestão de processos, qualidade e confiabilidade de sistemas elétricos. Legislação, normas e padrões do setor, sistemas de tarifação,

Manual do Candidato - 27 - gerenciamento e comercialização de energia, utilização de materiais, equipamentos elétricos e procedimentos de segurança, aliados à consciência ambiental, são competências deste profissional. Este profissional será treinado e capacitado para planejar sistemas elétricos, avaliando seus resultados de forma a aumentar a eficiência em todos os seus aspectos: humano, material e financeiro. Pode atuar autonomamente, ou em concessionárias de distribuição de energia, cooperativas de eletrificação, dentre outras.

Tecnologia em Sistemas Eletrônicos O Tecnólogo em Sistemas Eletrônicos é o profissional que estará legalmente habilitado para atuar em todas as áreas do setor eletrônico e, especialmente, àquelas relacionadas à inovadora tecnologia digital, presente em todas as áreas da vida moderna, possibilitando realizar pesquisa, projetos, manutenção, operação, implementação e comercialização dos sistemas digitais nos setores produtivos e de serviços. Os principais segmentos de mercado que utilizam esta tecnologia no Estado de São Paulo são: automobilístico, eletroeletrônico, aeronáutico, de automação bancária, predial e comercial, de segurança patrimonial, emissoras de rádio e televisão, comunicação via satélite, redes de telecomunicações, prestadores de serviços de manutenção e setores em que exista a necessidade de monitoramento e automatização inteligente como a transmissão e a conservação de energia.

(Parte 5 de 7)

Comentários