Formulário Medicina Esportiva

Formulário Medicina Esportiva

(Parte 5 de 9)

Ação : Redução do panículo adiposo, sobrepeso do atleta e melhora da performance atlética.

Uso : Tomar 1 cápsula 3 vezes ao dia.

Fórmula no 46

Inositol 250 mg

Excipiente qsp 1 cápsula

Indicação : Controle da compulsão alimentar.

Ação : Melhora a neurotransmissão e a contração muscular.

Uso : Tomar 1 cápsula 2 vezes ao dia, 1 hora antes das refeições.

Fórmula no 47

Boro ( glicina ) 2 mg

Cromo ( DG ) 100 mcg

Fitina qsp 500 mg

Indicação : Melhora da performance física.

Ação : Aumento da massa muscular, aumento da força muscular em atletas em fase de competição.

Uso : Tomar 1 cápsula 2 vezes ao dia.

Fórmula no 48

Vitamina B 6 5 mg

Cromo ( DG ) 200 mcg

Excipiente qsp 1 cápsula

Indicação : Melhora da performance física.

Ação : Colabora para o aumento da massa muscular, aumenta a performance durante exercícios extenuantes, melhora o metabolismo do açúcar, ajuda na diminuição e manutenção do peso.

Uso : Tomar 1 cápsula ao dia.

Fórmula no 49

Ácido nicotínico 20 mg

Aspartato de arginina 250 mg

Aspartato de potássio 250 mg

Aspartato de magnésio 250 mg

Gluconato de cálcio 200 mg

Vitamina D 3 0,02 mg

Excipiente qsp 1 cápsula

Indicação : Suplemento nutricional para cãibras.

Ação : Reduz os episódios de cãibras após exercícios extenuantes.

Uso : Tomar 1 a 2 cápsulas antes do treino.

Fórmula no 50

Magnésio ( Chelazome ) 200 mg

Potássio ( Complex ) 200 mg

Indicação : Suplemento nutricional para cãibras.

Ação : Reduz os episódios de cãibras após exercícios extenuantes.

Uso : Tomar 1 a 2 cápsula antes do treino.

Profilaxia tomar 1 cápsula ao dia.

Fórmula no 51

Cálcio ( quelato ) 500 mg

Magnésio ( quelato ) 150 mg

Piridoxina 15 mg

Alfa tocoferol 500 UI

Indicação : Suplemento nutricional para cãibras.

Ação : Reduz os episódios de cãibras após exercícios extenuantes.

Uso : Tomar 1 a 2 cápsulas antes do treino.

Profilaxia tomar 1 cápsula ao dia.

Fórmula no 52

Creatina monohidratada 5 g

Indicação : Melhora da performance física, aumento da massa muscular.

Ação : Atua no organismo como forma de “combustível” a nível celular, pois aumenta a eficiência muscular e é melhor utilizada como forma de reposição dos níveis de energia, não somente ajuda como restaura a energia.

Uso : Tomar inicialmente na primeira semana 4 a 6 doses ao dia, em seguida, 1 dose ao dia.

Fórmula no 53

Creatina fosfato 5 g

Indicação : Melhora da performance física, aumento da força de explosão.

Ação : Atua no sistema ATP-CP ou sistema anaeróbico alático, é uma das modalidades de geração de energia para o trabalho muscular, em regime anaeróbico, mas com 4 características diferenciadas, ou seja, sem tempo de latência, sem formação de ácido lático, sem formação de ATP, potencia explosiva incomparável, duas vezes a do sistema anaeróbico lático e 3 vezes do sistema aeróbico.

OBS.: A creatina fosfato também tem suas limitações: o tempo de intervalo é brevíssimo ( cerca de 30 segundos no máximo ); após a exaustão do recurso, o tempo de reposição do estoque de creatina fosfato, é longo; é um recurso que o organismo reserva para ser acionado em situações especiais.

Uso : Tomar 2 a 5 g ao dia . Doses de 20 g ao dia durante duas semanas apresentaram aumentos na creatina muscular, que podem ser mantidos com uma dose diária contínua de 5 g ao dia. A ingestão de 20 a 30 g de creatina por dia, por três semanas, ocasiona aumento de aproximadamente 20 % na creatina muscular. Descobertas mostram que 20 g de creatina por dia são usadas por um período de 6 a 14 dias, em seguida, uma dose diária de 5g é mantida durante o período de realização de exercício.

Green et al. descobriu que a absorção de creatina é mais eficiente em dieta rica em carboidratos e com baixa quantidade de gordura. Aproximadamente 70 % da população que fez uso de suplementos de creatina demonstrou aumentos na creatina muscular total. Os indivíduos que apresentam baixa concentração de creatina muscular no início de programas de suplementação com creatina geralmente apresentam os aumentos mais notáveis na creatina muscular. Uma única dose de 5 g de creatina levou os níveis de creatina plasmática ao pico em uma hora, com um retorno para os níveis anteriores à suplementação, observados 5 horas após a dosagem. Isto indica que a meia vida sérica da creatina é provavelmente em torno de duas horas.

De acordo com as leis da farmacocinética, isto daria à dose de creatina suplementada uma vida sérica estendida em aproximadamente 14 horas no organismo. Sob circunstâncias normais, o organismo produz em torno de 2 g de creatina/fosfocreatina por dia. A retenção máxima de creatina ( em torno de 32 % ) acontece nos dois primeiros dias de suplementação.

Fórmula no 54

Maltodextrina 200 mg

Indicação : Suplemento para exercício aeróbico.

Ação : Fonte de monossacarídeos para o organismo.

Uso : Tomar 10 a 30 g diluídas em água na concentração de 6 a 20 %. A quantidade fornecida deverá ser sempre ajustada de acordo com a necessidade e o gasto energético do indivíduo.

Fórmula no 55

Maltodextrina 100 g

Indicação : Suplemento para exercício aeróbico.

Ação : Ganho de massa muscular pós-exercício de resistência.

Uso : Tomar 1 dose dissolvida em água até 1 hora após o exercício físico.

Fórmula no 56

Maltodextrina 40 g

Whey protein 6 g

Indicação : Performance aeróbica.

Ação : Melhora da performance física, aumenta o teor de glicogênio no fígado e músculos.

Uso : Tomar 1 dose dissolvida em água ou suco 1 hora antes e 1 hora após o exercício físico.

Fórmula no 57

Maltodextrina 50 g

Whey protein 5 g

Pro V2 5 g

Indicação : Exercício aeróbico imunoestimulante.

Ação : Aumento da massa muscular, diminuição da dor muscular, diminuição de infecções respiratórias em exercício misto.

Uso : Tomar 1 dose após o exercício físico.

Fórmula no 58

Maltodextrina 35 g

Whey protein 6 g

Indicação : Melhora da resistência e recuperação pós-exercício.

(Parte 5 de 9)

Comentários