Fisiologia endócrina

Fisiologia endócrina

(Parte 3 de 10)

Perdahídricaeeletrolítica, pelo intestino (vômitos, diarréia),pelascavidades (ascite, efusões) ou externas

(sudorese,hemorragia) ohormônio antidiurético desce por fibras nervosas, sendocaptadopelos capilares da neurohipófise

As células, nos núcleos paraventricular e supra·óptico, recebem estímulos dos osmorreceptores (monitoram as variações daosmolalidadedosliquidascorporais), dos barorreceptores periféricos (monitoram as variações do volume e da pressão sangüíneos) e dos centros nervosos superiores

EstimulamasecreçãodeADH Aumentodaosmolalidadedoslíquidoscorporais

Redução do volume sangüíneo Quedadapressãoarterial

Angiotensina11 Dor

Estresse Náuseasevômitos

oramoascendentedaalça deHenleéimpermeável à água, mas reabsorve ativamente os sais, criando aelevadaosmolalidade damedularenal

Aproximadamente, 180litrosdelíquido são filtrados, a partir do plasmasangüíneo, pelosglomérulos, acada24horas

Noventaporcentodaáguafiltrada é reabsorvidapelotúbulo proximale pelaalçadeHenle, devido à reabsorção dos sais, deixando15a20litros, acadadia

Hormônio antidiurêtico(ADH), ou vasopressina

Sãoreabsorvidos14a16litros, acadadia,sobainfluênciado hormônio antidiurético, resultando em 1 a 2 litros de urina, a cada dia ohormônio antidiurético faz com que o túbulo coletor fique permeável àágua, permitindo sua reabsorção, devidoáelevadaosmolalidade damedularenal ohormônio antidiucético fazcomqueo túbulo convolutodistalfique permeável à água, permitindo, assim, que ela seja reabsorvida, junto com o sal, que éativamente reabsorvido

FIGURA 6 FUNÇÃO DA HIPÓFISE POSTERIOR (AD;H) o hormônio antidiurético(ADH), ou vasopressina,participada regulaçãodo balanço hídrico. As alteraçõesda osmolalidade dos líquidos corporaise do volume e da pressãodo sanguesão os reguladoresfisiológicos primáriosda secreçãodeADH.

Quando os níveisde ADH estãoelevados,apenasum pequeno volume de urina concentradaé excretado.Quando os níveisde

ADH estãodiminuídos, umgrandevolume de urina diluída é excretado.

,FISIOLOGIA ENDOCRINA Hormônio do Crescimento

Aminoácidos

~ Hipotálamo

+--<3-•-,-\--------- GI:~~e,

Aumentodamassa corporalmagra

.• Somatomedina (IGF)

Adiposidadediminuída t'--.~,:I

AumentodotamanhodosórgãosAumentodo crescimentolinear

~omatomedina (IGF)

J. Perkins MS, MFA

FIGURA 7 HORMÔNIO DO CRESCIMENTO o principal efeitofisiológico do hormônio do crescimentoéo de estimularo crescimentoe o desenvolvimentodascriançase dos adolescentes,Tambémparticipa,de modo importante,na regulaçãoglobal do metabolismo,O hormônio do crescimento exercemuitosde seusefeitospor meio da geraçãoe da ação subseqüentedassomatomedinas,como O fatorde crescimento semelhanteà insulina (/nsulin-likeGrowth Factor [IGF]),Abrevia- ções:AGL, ácidosgraxoslivres;GHRH, hormônio de liberação do hormônio do crescimento,

Glândula Tireóide: Estrutura FISIOLOGIA ENDÓCRINA

Canaltorácico

Glândula tireóide

Nervofrênico

Linfonodo Istmo

Cartilagemtireóide

Lobo piramidal Lobo esquerdo Lobodireito

Ossohióide

Membranatireo-hióidea Nervolaríngeosuperior

Nervovago(esquerdo) Arcoaórtico

Nervoslaríngeos recorrentes(inferiores)

Nervovago

Veiajugularinterna

Veiatireóideamédia Cartilagemcricóide

Artériatireóideainferior Veiastireóideasinferiores

FIGURA 8 ESTRUTURA DA GLÂNDULA TIREÓIDE

A glândulatireóideé umaglândulaendócrina,semcanal excretor,pesandocercade20 gramas,queconsistede um lobo direito e de um lobo esquerdo,unidospelo istmo.Emcercade 15% da população, existeum pequeno lobo piramidal,estendendo-sena direção craniana,como nestafigura.A glândulafica anteriorà traquéiae imediatamenteinferior à cartilagemcricóide. Como acontececom todasasglândulasendócrinas,a tireóidetemricas vascularizaçãoe drenagemvenosa.

, , ,I FISIOLOGIA ENDOCRINA Glândulalíreóide: FunçãoII lúmendo folículo tireóideo

Peroxidase

Membrana apical i::::::

Seqüestro do iodo

FIGURA 9 FUNÇÃO DA GLÂNDULA TIREÓIDE

J. Perkins MS, MFA

A glândulatireóideé compostapor folículos, formadospor células epiteliais.Essascélulas epiteliaisfoliculares sintetizam,arma- zenam e secretama tiroxina (T4)e a triiodotironina(T)).A glân- dula tireóide captaativamenteo iodo, combina moléculasde tirosina (MIT = monoiodotirosina;DIT =diiodo tirosina),as une, paraformarT4 e T), e asarmazena,presasà tireoglobulina, nos folículos tireóideos.Na presençado hormônio tireo-estimulante

(TSH),ocorre endocitoseda tireoglobulina, comT) eT4 sendo liberadasparao sangue(oTSH tambémestimulaa síntesedeT),

(Parte 3 de 10)

Comentários