guia 4

guia 4

(Parte 4 de 5)

No PageMaker, é necessário abrir o menu arquivo, escolher a opção “Estilos de Impressora (Printer Styles)” e clicar em “Definir (Define)”.

Irá aparecer a seguinte janela, onde você deve configurar um “Estilo (Style)” e dar um nome para ele. Note que nesta mesma janela, no quadro abaixo, são exibidas algumas características da impressora.

Depois de criado, clique em “Editar (Edit)”. Irá surgiu uma janela de configurações gerais deste Estilo. Certifique-se que a impressora selecionada é a “Generic PostScript Printer”. Clique em “Opções (Options)”, e lá se encontra a opção para impressão em arquivo, configure a pasta em que deseja salvar o arquivo, através do botão “Salvar Como (Browser)”.

Quando for gerar um arquivo PostScript, Faça de conta que você irá imprimir o arquivo normalmente. Ajuste o tamanho e a posição da pagina, sempre inclua todas as fontes, verifique se as imagens estão corretas etc.

A única diferença é que ao invés de você enviar esse arquivo para a impressora, você estará enviando esses dados para um arquivo que será gravado em seu HD como .ps ou .prn.

Gerando um PDF a partir de um arquivo PostScript

Conforme já citado anteriormente, qualquer aplicativo com comando de impressão é capaz de criar um PostScript e, a partir deste, gerar um arquivo PDF. É importante lembrar também que a qualidade de um PDF depende de alguns fatores, como a qualidade do arquivo fechado do qual foi gerado (fontes, imagens, ilustrações etc...). Outro fator importante é que os arquivos nativos nativos sejam construídos em sofwares profissionais próprios para editoração eletronica.

Por enquanto, a maneira mais segura de gerar um arquivo PDF, com qualidade de pré-impressão e impressão, é faze-lo a partir de um arquivo fechado (.ps ou .prn), utilizando o Acrobat Distiller ® (este programa faz parte do pacote Adobe Acrobat). Este software é responsável pela conversão de arquivos fechados (PostScript) em arquivos PDF. Através dele é possível configurar a resolução, taxa de compactação de imagens, configuração de fontes etc (lembrando que isso tudo esta relacionado com a criação do PostScript original). Isto é possível graças a uma ferramente anexada ao programa a partir da versão 4.0, chamada Opções de Tarefas (ou Job Options na versão em inglês). Com ela, pode-se criar perfis de configuração do PDF, podendo inclusive, esse perfil ser exportado ou importado em forma de arquivo, caso o autor queira gerar outros PDF com a mesma característica.

Opções de Tarefas (Job Options) Ao iniciar o Distiller surgirá a seguinte tela:

Clique em “Configurações” (Settings) e escolha “Opções de tarefas” (Job Options) ou “Ctrl+J”

A tela que sesegue é composta de quatro guias, das quais veremos todas as opções de maneira detalhada.

1ª Guia - Geral

Compatibilidade: Esta opção é usada para definir melhor compatibilidade do arquivo com a versão 3.0 ou 4.0 do Acrobat.

Formato ASCII: Especifica o tipo de protocolo de saída da impressora. Caso seja ativada, o arquivo gerado será formatado para formato ASCII.

Otimizar PDF: Otimiza o PDF, limpa o arquivo de “imagens escondidas” que geralmente deixa o arquivo mais pesado, ou seja, imagens que não se vê na tela mas que estão anexadas ao documento.

Gerar miniaturas: Esta opção gera miniaturas das páginas do trabalho, que serão visualizadas na abertura do arquivo através do Acrobat.

Resolução: Como o próprio nome já sugere, determina a resolução das imagens e texto do arquivo. É válida somente para os objetos vetoriais. A configuração prédefinida é de 1.200 dpi, mas pode ser alterada de 72 a 4.0 dpi.

Encadernação: Esta opção é válida somente para mudar a sequência de páginas na visualização do arquivo quando se usa opção Continuous-Facing Page, ou seja da esquerda para direita ou da direita para a esquerda.

2ª Guia - Compressão

Imagens de Bitmap Coloridas: Compressão de imagens coloridas de Bitmap.

Alteração de resolução: Reformata a imagem.

Diminuição da Resolução Média para: recalcula a resolução das imagens acima da quantidade de dpi`s, reduzindo o valor da resolução da imagem para que se encaixe dentro da resolução especificada.

Diminuição da Resolução para: substitui as informações contidas nas imagens por infomações mais leve.

Diminuição da Resolução Bicúbica para: semelhante ao item anterior, porém com maior filtragem de informações.

Compressão: com esta opção é possível determinar qual método de compactação que será utilizado nas imagens JPG, ZIP ou Automático.

JPG: Compressão com perda de qualidade nas imagens. Método mais apropriado para Internet.

ZIP: Compressão sem perda de qualidade nas imagens. Método mais apropriado para impressão.

Automático: A compressão é feita de forma balanceada pelo próprio distiller.

Qualidade: Define qual a prioridade da qualidade de imagens.

Imagens de Bitmap em tons de cinza: Semelhante ao Imagens de Bitmap coloridas, porém voltado somente para imagens Bitmap em tons de cinza.

Imagens de Bitmap monocromáticas: Semelhante ao item anterior, porém válido para imagens monocromáticas (Preto e Branco).

Comprimir Texto e Arte Vetorial: Esta opção padroniza todo o documento com o método de compressão ZIP, esta opção vem por padrão ativada.

3ª Guia - Fonts

Incorporar Todas as Fontes: Esta opção garante que todas as fontes serão inseridas no PDF.

Sublistas todas as fontes incorporadas abaixo: Esta opção determina que sejam utilizados somente os caracteres usados no documento. Caso durante a geração do PDF, ultrapasse a porcentagem especificada, ele incorpora a fonte por completo.

Quando a incorporação falhar: Esta opção serve para direcionar o que o programa deve fazer quando a incorporação falha. Existem três opções.

- Ignorar: Ignora, ou seja, não exibe nenhum aviso. - Avisar e continuar: Exibe o aviso e continua.

- Cancelar Tarefa: Cancela o trabalho.

Incorporação: Determina quais fontes sempre (Sempre Incorporar) devem estar incorporadas ao documento ou nunca (Nunca Incorporar). Por padrão, o programa não determina nenhuma.

4ª Guia - Cor

Deixar a cor inalterada: Esta opção determina que as cores do documento não serão alteradas. Recomenda-se o uso desta opção já que o perfil de cores deve ser determinado na construção na elaboração do trabalho e imagens.

Marcar tudo para Gerenciamento de Cores (sem conversão): Aplica um perfil de cor padrão a todo o documento ( Padrão ICC).

Marcar somente as imagens para Gerenciamento de Cores (sem conversão): Semelhante a opção anterior, porém válido somente para imagens.

Converter todas as cores para sRGB: Converte todas as cores para o modo RGB de cores.

Perfis adotados: Ramificação dos itens anteriores, permite escolher perfis de cores de acordo com as opções selecionadas anteriormente.

Preservar ajustes de impressão sobreposta: Preserva as características de Impressão Sobreposta (Overprint) do arquivo PostScript.

Preservar configurações de remoção de cor inferior e de geração de preto: Preserva as características de Sob Remoção de Cores (Under Color Removal) e Configurações de Geração de Preto (Black Generation Settings) do arquivo PostScript.

Preservar funções de transferência: Preserva as características de Funções de Transferência (Transfer Functions) do arquivo PostScript.

Preservar informações de meio-tom: Preserva as características de meio-tom do arquivo PostScript.

5ª Guia - Avançado

(Parte 4 de 5)

Comentários