Simbologia

Simbologia

(Parte 1 de 3)

1 SIMBOLOGIA PNEUMÁTICA

Neste item apresentaremos o resumo dos símbolos usuais empregados em diagramas pneumáticos e hidráulicos. A Tabela 1 apresenta alguns símbolos para os atuadores, conforme a norma ABNT NBR 8897, DIN 24300 e ISO 1219.

Tabela 1 - Símbolos de atuadores. Cilindro de simples ação (posição de repouso recuado).

Cilindro de simples ação (posição de repouso avançado).

Cilindro de dupla ação.

Cilindro de dupla ação (com amortecimento de fim de curso, sem regulagem).

Cilindro de dupla ação (com amortecimento de fim de curso regulável).

Cilindro com haste passante.

Cilindro de dupla ação com êmbolo magnético.

Cilindro tipo Tandem.

Cilindro duplo. Cilindro sem haste.

Oscilador.

Motor Pneumático.

Motor Hidráulico.

Para que haja praticidade e universalidade na elaboração e leitura de um diagrama, normalizam-se os símbolos pneumáticos a serem empregados. As normas usuais de simbologia são ABNT NBR 8896 e seguintes, DIN 24300 e ISO 1219. Algumas premissas importantes definem essa simbologia: a) O símbolo não caracteriza a forma construtiva de um componente nem suas dimensões, caracterizam apenas sua função. b) As válvulas são simbolizadas por meio de quadrados. c) O número de quadrados indica o número de posições que a válvula pode assumir. d) Dentro de cada quadrado as vias de passagem de uma válvula são indicadas por linhas e setas. As setas, usualmente, indicam o sentido do fluxo.

Válvulas são elementos que comandam, regulam, direcionam e bloqueiam o fluxo em um circuito.

O entendimento de sua simbologia é a premissa básica para análise de diagramas pneumáticos, hidráulicos, eletro-hidráulicos e eletropneumáticos. São abrangidas em cinco grandes grupos, conforme sua função: a) direcionais; b) de pressão; c) de vazão (fluxo); d) de bloqueio; e) de fechamento.

Destes, o principal grupo é o das válvulas direcionais, isto é, válvulas que interferem na trajetória do fluxo, desviando-o para onde for mais conveniente em um determinado momento. Apresentaremos nos próximos itens, os símbolos usuais, lembrando que a descrição de outros símbolos e definições adicionais devem ser consultadas nas normas ABNT NBR 8896 e seguintes, DIN 24300 e ISO 1219.

Entende-se por “conexão” um ponto físico onde se conecta qualquer elemento a uma válvula (por exemplo, uma mangueira, um silencioso, um regulador, escape). A norma ISO 59 prescreve a identificação das conexões mediante o emprego de números, ao passo que a norma ISO 1219 (clássica) prescreve o emprego de letras maiúsculas do alfabeto latino (Tabela 2).

Tabela 2 - Identificação das conexões.

CONEXÃO cfe. ISO

Pressão 1 P

Escape / Exaustão (pneumático) 3;5 R;S

Tanque (hidráulico) 3 T Saída 2;4 B;A Piloto 14;12 Z;Y

Tabela 3 – Símbolos de válvulas. As válvulas são simbolizadas por meio de quadrados. O número de quadrados representa quantas posições de comutação a válvula direcional possui (OBS.: o número mínimo de posições em uma válvula direcional é dois).

As setas indicam, em geral, o sentido do fluxo.

Os bloqueios (isto é, pontos por onde não há fluxo) são representados por um “T” aposto internamente ao símbolo. ;

As conexões (vias funcionais) são indicadas por traços na parte externa, na posição à direita da válvula (para válvulas com 2 posições de comando) ou ao centro (válvulas com 3 posições de comando).

(válvula de 4 vias e 3 posições ou 4/3 vias):

(válvula de 5 vias e 2 posições ou 5/2 vias):

Válvula direcional de 2 vias e 2 posições de comando, posição normal fechada (abrevia-se a designação para 2/2 vias NF, lê-se: “duas-duas vias ene-efe”).

Válvula 2/2 vias NA (normalmente aberta).

Válvula 3/2 vias NF. Válvula 3/2 vias NA. Válvula 3/3 vias CF (centro fechado). Válvula 4/2 vias. Válvula 5/2 vias.

NOTA: Quando se especifica o símbolo de uma válvula direcional, devem estar perfeitamente definidos:

· O número de vias da válvula; • O número de posições de comando;

• A posição normal da válvula (quando for o caso);

• Forma de acionamento (tanto para comutação quanto para retorno à posição normal).

A mudança entre as posições de uma válvula direcional depende de acionamentos externos, cuja indicação é incorporada adjacente ao símbolo da válvula. Costuma-se agrupar esses acionamentos quanto ao seu tipo em: ação muscular, ação mecânica, pressão, elétrico ou combinação entre estes (Tabela 4).

Tabela 4 - Acionamentos de válvulas. AÇÃO SÍMBOLO DESCRIÇÃO

Símbolo genérico, sem especificação do modo de operação.

Botão.

Botão com trava. Alavanca. Pedal.

MECÂNICA Came ou apalpador.

Mola (em geral, para retorno à posição de repouso).

Rolete.

Rolete escamoteável (“gatilho”).

ELÉTRICO Solenóide com uma bobina.

Solenóide com bobina proporcional. Motor elétrico reversível. Motor elétrico de passos.

Piloto pneumático (por acréscimo de pressão).

Piloto hidráulico (por acréscimo de pressão).

(Parte 1 de 3)

Comentários