(Parte 8 de 11)

Uma variável importante para um escritório, por exemplo, é a intelegibilidade que permitem reflexões até 80 ms. Valores maiores que 80 ms nãosão desejáveis.

Sabe-se que não se ouvir as consoantes dificulta o entendimento.

Numa sala o som se comporta como no gráfico 6.1

Gráfico 6.1 Comportamento sonoro numa sala

O parâmetro de referência mais utilizado é o tempo de reverberação que é controlado pela superfícies de revestimento do ambiente. Assim quanto maior a área de materiais absorventes menor o tempo de reverberação.

Num caso prático foi obtido os seguintes parâmetros:

- Para tempo de reverberação tr = 1,5 s => distancia critica - rc = 80 cm

- Para tempo de reverberação tr = 0,55 s => distancia critica - rc = 130 cm

Isto muda muito o entendimento do som direto...

Algumas dicas de materiais e/ou tratamentos:

- Carpete absorve agudo

  • Divisórias: isolamento depende do uso de septo acústico.

  • paredes mais utilizados: painéis, mas são acessíveis a agressão

  • Por isto o FORRO É PRIVILEGIADO PARA ABSORÇÃO.

  • Baffles: superfícies intermediárias

  • Sons graves: ideal utilizar forro e/ou paredes

    • - Para graves: Afastar λ/4 : p/ 1kHz => 8,6 cm ; p/ 250 hz => 34,3 cm.

    • - Painéis tipo membrana: alarga a banda de freqüência

    • - os dois princípios juntos aplicáveis no forro

Alguns fabricantes de forro:

http://www.amf-brasil.com.br

http://www.isover.com.br/

http://www.bpbplaco.com.br/

http://www.armstrong.com/commclgam/latam1/pt/br/highlight16074.html

6.4- Vibração e suas implicações:

A vibração normalmente se manifesta em baixas freqüências: é sempre mais difícil fazer uma parede vibrar em alta freqüência. Por isto a baixa freqüência muitas vezes faz vibrar uma parede ou estrutura que se transforma num emissor de ruído.

Nos pisos a baixa freqüência pode se propagar por vibração. Instala-se pisos flutuantes sobre material resiliente, para atenuar a vibração.

Figura 6.19- Pisos suspenso e duto com chicana

6.4.1- Projetos prevendo tratamento anti-vibratório e anti-ruído:

Para fazer um projeto devemos saber:

- Quais os equipamentos? Equipamentos de vizinhos?

- Níveis de ruído

- Uso x Normas x equipamento

Engenharia do uso: é fundamental definir parâmetros acústicos com base na função prevista para o edifício.

Podem fazer parte das necessidades do edifício:

- Máquinas – Chiller, torres, compressores, bombas, dutos de ar

- Escritórios: privacidade, ar condicionado, divisórias ,...

- Ruído - transmissão pela parede , pelo duto de ar

- Vibração – material resiliente (borracha), molas

Material resiliente: após pressão volta ao formato original.

O projeto mais viável é o que apresenta a melhor relação de fatores técnicos x econômicos.

Ventilador Centrifugo < ruído

Ventilador axial : + ruidoso .

SALA TRATADA (!?)

Figura 6.20 – Isolamento de vibração e ruído aéreo

Regra prática:

Amortecedor tipo Mola – dados peso + rotação -> freqüência 3 a 4 x menor

Ex: motor 1800 rpm -> freq 30 Hz => freq amortecedor 7 a 10 Hz

Algumas possibilidades de redução de ruído em sistemas de ar condicinado:

- Valores típicos de Velocidade do ar no condicionamento de ar:- = 2 a 3 m/s

- Duto retangular atenua + que duto redondo.

- evitar cotovelo

- tipo de ventilador x ruído por freqüência

- Guias de fluxo após ventilador => fluxo turbulento para fluxo laminar

- verificar melhor opção: Atenuadores retangulares x cilíndricos

- Fitas 3M x625 – para redução de ruído

Figura 6.21- Recomendações para redução de ruído em movimentação de ar.

Pode-se usar controle ativo em dutos:

Figura 6.12 – Controle ativo de ruído em tubulação.- ACTA – ALDES

6.5- Acústica de escritórios:

Com uma acústica : funcionário mais satisfeito e produtivo.

A principal reclamação em pesquisas: FALTA PRIVACIDADE DA FALA.

PRIVACIDADE: - para uns: entender o que é dito

- para outros: nada

OUVIR: QUANTO?

DIVISÓRIAS:

CONFIDENCIAL

Algumas palavras são ouvidas, mas não entendidas.

NORMAL

Ouve parcialmente entendidas – não distraem

POBRE

Ouve, entende, distrai e incomoda.

Normas sobre privacidade:

IP ASTM E-1130 e IA – ASTM 3.5..

Carpete não há relação restrita com a privacidade

Principais possibilidades de correção:

- Absorção -> especialmente utilizando matérias absorventes sonoros no forro

- Bloquear ruído direto -> layout

A altura dos biombos deve seguir algumas orientações:

H > 1,50 m – geral

(Parte 8 de 11)

Comentários