Curso AutoCad - Básico

Curso AutoCad - Básico

(Parte 1 de 15)

w.megacursos.com.br 1

Apostila distribuída com o CD MEGA CURSOS

AutoCad Básico

Aspectos básicos

O AutoCad é um software gráfico de CAD (Desenho com Auxílio do

Computador), não é apenas uma forma de desenhar no computador, mas uma forma de modelar o seu desenho por computador. Ele nos dá a possibilidade de verificar e testar idéias diferentes para descobrir se realmente funcionam.

Dentro da evolução do AutoCAD um dos passos mais transcendentais é a constante atualização e aperfeiçoamento das versões, buscando com isto facilitar a vida dos usuários e profissionais da área de desenho assistido pelo computador. Esta evolução oferece uma interface de usuário intuitiva, destinada a facilitar o seu aprendizado, num tempo muito menor do que antigamente. Pode-se adaptar ao computador e ao sistema usado por este, oferecendo ao mesmo tempo menus e janelas de diálogo que os outros programas também mostram ao trabalhar seu sistema. Assumindo a aparência dos outros programas, age como eles. É por esta razão que o AutoCAD, facilita seu aprendizado.

De outro lado, dentro das últimas versões, as janelas de dialogo, proporcionam um maior controle da estética do traçado, possibilitando o controle individual do peso da linha de cada pena do graficador, armazenando até quatro tamanhos diferentes de papel especificados pelo usuário, além de usar os tamanhos standarizados. Também e possível guardar múltiplas combinações de formatos de linhas, cores, larguras e velocidades do traçado. Referente à segurança, as ferramentas para recuperar o banco de dados da versão, podem verificar automáticamente a integridade dos arquivos de desenho e consertar aqueles que tiverem falhas no disco duro.

O AutoCad encarrega-se, de armazenar de maneira periódica e automática, suas informações para evitar a perda de dados, decorrentes de eventuais quedas de energia ou de outros imprevistos. Pode mencionar-se também que o AutoCad, através das janelas de diálogos evitam, eventuais problemas com a perda o extravio de documentos ou desenhos, pois e possível conseguir um listado rápido e logico dos arquivos, facilitando sua localização e uso posterior.

w.megacursos.com.br 2

A manipulação de informação que não é gráfica, torna-se mais flexível com a extensão SQL do AutoCAD, o que facilita o entrelaçado dos desenhos do AutoCAD, com sistemas externos de bancos de dados, facilitando o aceso automático a diversas fontes de informação associadas com os desenhos, por exemplo, um cadastro de materiais ou uma estrutura de custos.

w.megacursos.com.br 3

Vantagens

Dentro das caraterísticas do AutoCAD podemos assinalar:

- Permite obter Zoom e panorâmicas de até 2000:1 - Facilita o aceso direto ao editor de desenhos do AutoCAD para o usar das funções do menu principal.

- Atualiza automáticamente os desenhos velhos sem ser convertidos ao novo formato.

- Facilita a visualização em 3D sem precisar do utilitário criado pela Autodesk para realizar esta função. - Controle melhorado de apresentação de 3D.

- Apresenta um modelador de regions para facilitar o trabalho em superfícies bidimensionais.

- Converte as imagens bidimensionais en imagens solidas de três dimensiones. - Controle de Plotagem aperfeiçoada.

- Tempo de carga e regeneração de arquivos mais rápida.

- Pode ler, escrever e visualizar arquivos PostScript Type 1, ou ser exportados em formatos EPS. - Importa arquivos de imagens em formatos TIFF, GIF, PCX.

- A seleção de entidades e o entrelaçado de objetos e feito com maior velocidade o que facilita a rápida manipulação dos desenhos.

- O programa conta com um dispositivo chamado RENDER, que permite a representação direta das imagens tridimensionais, com os câmbios de posição da câmera, a modificação das fontes de luz e os acabados nos desenhos. O RENDER trabalha em conjunto com o AME (Advanced Modeling Extensão), accessando a ele por intermédio do ADS (AutoCAD Development System), e pelo Autolisp em AutoCAD.

Acesso aos quadros de diálogo pela linha de comandos As principais linhas de comandos de acesso aos quadros de diálogo, pela la linha de comandos os veremos no decorrer da apostila.

Requerimentos do Sistema

O AutoCad é desenvolvido para rodar em uma ampla variedade de Hardware's e Sistemas Operacionais diferentes. Podendo suportar até Workstations do tipo Sun e Dec. A configuração necessária mínima para se rodar o AutoCad deve ser:

w.megacursos.com.br 4

• DOS 5.0 ou superior; • Co-processador matemático 80387 ou 80486 interno;

• 8 Mbytes de RAM mínimo;

• 26 MB de espaço em disco;

• 20 MB de espaço de troca em disco (mínimo);

• Porta paralela compatível com IBM;

• Monitor VGA Color ou SVGA Color (placa de 1024 Kbytes);

• Adaptador gráfico de vídeo.

Instalação e Configuração básica

Dependendo da configuração do seu sistema as vezes precisa-se abrir um diretório específico para o AutoCad, nesse caso deve-se selecionar o diretório respetivo e depois no prompt digitar Acad. Quando o AutoCad é inicializado aparecerá a seguinte mensagem:

AutoCad is not yet configured you must specify the devices to wich AutoCad will interface

Isto indica que o AutoCad não está configurado ainda e que devemos especificar os dispositivos com os quais o AutoCad irá trabalhar; em seguida devemos especificar o tipo de adaptador gráfico do seu monitor, o tipo de digitalizador e o tipo correspondente da sua Plotter. Feito esse processo aparecerá um aviso:

Enter Login name, enter a period (.) for no name, or press enter to accept the default:

Isto está indicando que devemos digitar um login ou um ponto final (.) se não houver um nome. O nome do login não deve ser maior a 30 caracteres. A partir daqui podemos retornar ao aviso do sistema ou continuar com a configuração do AutoCad, aceitando os padrões de configuração ou mudando aqueles que sejam necessários para o melhor funcionamento do AutoCad.

Drivers de dispositivos de saída, vídeo gráfico e apontadores

Para ajustar os dispositivos periféricos e selecionar diferentes modos de operação, é possível configurar novamente o AutoCad a partir do comando CONFIGURE do w.megacursos.com.br 5 menu OPTIONS que mostrará opções de configuração de monitores de vídeo, digitalizador e de Plotter. Se o seu sistema possui um driver ADI que foi desenvolvido por outro fabricante, é necessário seguir com as próprias instruções do dispositivo, desta forma será possível ao AutoCad reconhecer o as características do dispositivo periférico. De outra forma se o seu sistema usa um dispositivo aceito por um driver ADI, é necessário definir a variável de ambiente ACADDRV, antes que o dispositivo seja configurado, isto fará com que o AutoCad reconheça o driver indicado.

• Uma variável de ambiente de modo protegido determina a forma de como o AutoCad deverá usar a memória e de como este localizará os arquivos; isto lhe permite controlar a quantidade de memória reservada para o armazenamento temporário e quais diretórios o AutoCad deverá pesquisar para encontrar os arquivos de suporte.

Com a variável ACADDRV é possível definir os diretórios onde estão os arquivos do driver ADI para monitores de vídeo, digitalizadores e plotters, por causa de isto no caso de ser necessário, esta variável deverá de ser definida antes mesmo da configuração do AutoCad, principalmente se os drivers não estão no diretório padrão acad/drv. O comando SET do DOS definirá as variaveís de ambiente que serão usadas pelo AutoCad ao iniciar a execução do programa, o formato do comando é mais o menos assim.

No caso de não ser definido o ACADDRV ou se ou próprio AutoCad não encontra os drivers no caminho definido na variável, o AutoCad procura estos nos diretórios padrão, se nenhum driver for encontrado neste diretório o AutoCad os procura na variável de configuração ACADCFG, logo depois ele procura no próprio ACAD.EXE; se não consegue encontrar os drivers em nenhum destes locais o AutoCad iniciará a procura nos próprios caminhos definidos pela variável de ambiente PATH.

w.megacursos.com.br 6

O Autocad como modelador

Geralmente, Cad é considerado instrumento de automação de desenho, mas o CAD, na realidade, é muito mais. Para entender todos os seus benefícios, você deve pensar nele como um médio de modelar um projeto no computador e não como uma ferramenta caprichosa de desenho. Quando você começa a pensar no CAD como uma ferramenta de modelagem, pode visualizar um mundo novo de possibilidades. CAD permite testar diferentes idéias, para descobrir se realmente funcionam.

O que torna o AutoCAD especial

Quando você aprende a usar o AutoCAD passa a ser membro da maior comunidade de usuários de CAD, o que possibilita usufruir uma serie de benefícios dos demais usuários.

(Parte 1 de 15)

Comentários