slides remuneração

slides remuneração

SESSÃO DE DEBATES Aniversário da ABRH

Tema: Remuneração,

Benefícios e Relações

Trabalhistas Semana de 26 a 30 de março.

Semana de Aniversário de 41 anos da ABRH-RJ

Alice Ferrucioe Robson SantarémÉtica e Espiritualidade30/03/200715h às 17h

Carlos StrougoLiderança e Consultoria Interna29/03/200715h às 17h

José Carlos e Maurício SeixoRemuneração e Benefícios e Relações Trabalhistas 29/03/20079h às 11h

Carlos Strougoe Alice FerruccioRecrutamento e Seleção28/03/200715h às 17h

Lucia Madeira e Ana BeatrizResponsabilidade Social e Gestão Pública 28/03/20079h às 11h

Ângela LinsCultura Organizacional e Universidade Corporativa 27/03/200715h às 17h

Andréia LebreComunicação e Networking26/03/200715h às 17h

José CarlosCenário e Tendenciasem GP26/03/20079 às 11h

Plantão GPTema para DebateDataHorário

Ajustando conceitos

-salário mensal ou -salário hora

Re muneração Básica

- bônus -participação nos resultados

Incentivos Salariais

-seguro de vida -seguro saúde

-refeições subsidiadas etc

Benefícios

Re muneração Total

*Chiavenato, I. Gestão de Pessoas. Ed. Elsevier, Rio de Janeiro

Os três componentes da remuneração

Tipos de Re muneração salário direto, prê mios co missões

Diretas férias, gratificações, horas extras, adicionais, decorrências financeiras dos benefícios concedidos.

Indiretas

Financeiros

Oportunidades de desenvolvimento, reconhecimento e auto-estima, segurança no emprego, qualidade de vida no trabalho, orgulho da empresa e do trabalho, autonomia, desafios.

Não-Financeiros

Reco mpensas Organizacionais

Remuneração fundamentada em um salário fixo complementado por recompensas baseadas em desempenho (individual ou por equipe) que agregue valor significativo para organização.

Variável significa remunerar as pessoas pelos resultados alcançados. Estes resultados são rateados entre a empresa e os empregados que contribuíram para alcançá-los. Esta parceria funciona nas duas vertentes, no lucro ou no prejuízo.

O empregado ganha mais se a organização ganhar, ganha menos ou nada ganha se houver prejuízo.

Tipos de remuneração variável mais conhecidos:

•Comissão de vendas e prêmios de produção -fazem parte integrante do salário, são pagos mensalmente e incorporam-se ao salário para todos efeitos legais;

•Gratificação -utilizada para complementar salário em função de exercício de cargo comissionado ou recompensar periodicamente ocupantes de cargos com maior responsabilidades;

•Bônus -resultante do rateio de uma parcela de lucro ou resultado da empresa destinado a esse pagamento;

•Planos de distribuição de Ações aos Empregados (StockOption) – Tem por característica recompensar os empregados com distribuição ou vendas de ações tendo em vista distribuir parte dos ganhos e aumentar o vínculo do empregado com a empresa;

•Participação nos Lucros ou Resultados –(Legal)

Premissas de um programa de incentivos:

•Reconhecer as melhores performances e iniciativas, utilizando os resultados como fator motivacional;

•Desenvolver o espírito de parceria, de time, de trabalho em equipe;

•Promover sistematicamente reuniões destinadas a acompanhar e mensurar os resultados do programa;

•Compartilhar metas e resultados com as equipes envolvidas;

•No final do programa, a avaliação e o reconhecimento são muito importantes, independentes dos resultados.

Programas de incentivos

Diferenciar o salário dos ocupantes do mesmo cargo conforme seu maior ou menor domínio dos requisitos de conhecimentos, habilidades e atitudes requeridas pelo cargo.

A gestão por competências deveráestar focada nas seguintes di mensões:

Identificação e desenvolvimento das competências essenciais das empresas, podendo desdobrar para competências das unidades;

Desenvolvimento das diversas competências de gestão;

Identificação e organização de competências e habilidades requeridas pelos cargos aos seus ocupantes e sua aplicação nos subsistemas ou planos de recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento, remuneração e recompensas, carreiras e sucessão e administração de talentos.

Exemplos de Forma de Reconhecimentos por trabalhos, desempenhos ou contribuições:

Que envolvem custo: •Prêmios em dinheiro

•Vales de Compras

•Objetos de Valor (televisão, relógios e outros eletrodomésticos

• Viagens

•Jantares especiais

•Entradas p/shows e teatros

Si mbólicas: •Elogios Verbais

• Certificados

•Jornal da Empresa

•Quadros de Avisos

•Troféus e Medalhas

•Agradecimentos públicos e Cerimônias

Formas mistas de recompensa: Concessão de bolsas de estudos •Participação de congressos

•Pagamentos de cursos de especializações ou Pós-graduação

Programas de incentivos

Classificação dos Benefícios Sociais QUANTO A SUA EXIGÊNCIA •Benefícios legais

• Benefícios espontâneos QUANTO A SUA NATUREZA •Benefícios monetários

•Benefícios não monetários QUANTO A SEUS OBJETIVOS • Benefícios assistenciais

• Benefícios recreativos

• Benefícios supletivos

Principais Benefícios e Serviços Sociais: •Transporte de Pessoal

• Ali mentação

•Assistência Médico-Hospitalar e Odontológica

•Seguro de Vida em Grupo

•Planos de Empréstimos Pessoais

•Serviço Social

• Assistência Jurídica

•Planos de Previdência Social

•Grêmio ou Clube

pelaempresa ou parcialmente repassado ao pessoal,

Alguns destes benefícios podem ser totalmente assumidos através de preços subsidiados e descontados em folha.

Plano de Benefícios Flexíveis –cada empregado monta sua “carteira de benefícios” de acordo com sua conveniência.

Questões para debate:

-Os planos tradicionais de cargos e salários com análise e avaliação de cargos e estruturação de cargos baseados em funções definidas ainda atendem às necessidades da empresa moderna em gerar resultados para os clientes ?

-Até que ponto o modelo tradicional de administração com um estilo autoritário de liderança, impede a empresa de estabelecer metas negociadas com os colaboradores que estimulem um ganho de um plano de incentivos?

-O governo tem intenção de fazer uma reforma trabalhista de modo a gerar mais empregos e distribuir renda. Você acha que isso irá efetivamente atender aos objetivos. Quais as sugestões nesse sentido?

-Qual o papel dos sindicatos, econômicos e profissionais na avaliação e desenvolvimento das relações de trabalho?

-Salário é gerador de motivação ? Ou funciona como estímulo ? O que pode gerar motivação no trabalhador ?

-Se o “capital intelectual” é o que há de mais importante nas organizações de hoje, como se explica que uma empresa invista em T&D e na carreira do colaborador gerando remuneração maior para ele e, em determinado momento, mande-o embora e contrate uma outra pessoa com salário menor ? Visão de custo ou visão de investimento ?

-Em que condições programas de recompensas não financeiras e de benefícios conseguem fazer retenção de talentos ?

-Se os programas de remuneração variável são auto-sustentáveis, geram mais resultados para a empresa e recompensas para o colaborador e são incentivados pelo governo, não deveriam ter uma adesão de todas as empresas? Por que isso não aconteceu ainda?

-A gestão por competências (incluindo a seleção por competências e a remuneração por competências) é mais um modismo ou tem condições de alterar o padrão de remuneração das empresas brasileiras ?

-Por que programas de benefícios flexíveis não conseguiram se expandir no Brasil se atendem melhor aos colaboradores ?

Agradecemos a presença de todos e convidamos para que participem das sessões de hoje à tarde (Liderança e

Consultoria Interna) e de amanhã

(Cinema em T&D -manhã e Ética e Espiritualidade –tarde).

José Carlos de Freitas–jcarlos@skydome.com.br

Comentários