(Parte 2 de 14)

H2O: > 51 % em volumeC2H5OH: 38 a 48 % em volume (ou oGL)

Composiçªo da cachaça

< 1 % em volume (com base no mÆximo permitido) Substâncias responsÆveis pelo buquet característico Mais de 250 compostos jÆidentificados

CongŒneres, Sacarose e Contaminantes metanol, 1,4-butanodiol, Ælcool 2-feniletílico, Ælcool amílico, Ælcool cetílico, Ælcool cinâmico, n-decanol, geraniol, Ælcool isoamílico, isobutanol, mentol, n-butanol, n-dodecanol, n-propanol, n-tetradecanol, propionatode amila, acetato de etila, benzoatode etila, heptanoatode etila, valeratode isoamila, propionatode metila, butiratode propila.

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

Cromatografia Gasosa de Alta Resoluçªo Detector de Ionizaçªo em Chama (HRGC-FID)

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

CARACTERIZA˙ˆO DA CACHA˙A Instruçªo Normativa no13, de 29 de junho de 2005, do MAPA

Aguardente de Cana

Graduaçªo alcoólica: 38% a 54% vol.(20 ”C), obtida do destilado alcoólico simples de cana-de-açœcarou pela destilaçªo do mosto fermentado do caldo de canade-açœcar. Pode ser adicionada de açœcares atØ6 g/L, expressos em sacarose.

Cachaça

Denominaçªo típica e exclusiva da Aguardente de Cana produzida no Brasil Graduaçªo alcoólica: 38% a 48% vol.(20 ”C) Obtida pela destilaçªo do mosto fermentado do caldo de cana-deaçœcar com características sensoriais peculiares, podendo ser adicionada de açœcares atØ6 g/L, expressos em sacarose.

IN 13

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

Envelhecimento:

Deve conter, no mínimo, 50% de Cachaça ou Aguardente de Cana envelhecida em recipiente de madeira apropriada, com capacidade mÆxima de 700 litros, por um período nªo inferior a um ano, submetida ao controle oficial(lacre do MAPA). Substâncias fenólicas devem ser detectadas.

Coeficiente de CongŒneres:

Nªo poderÆser inferior a 200 mg/100 mL e superior a 650 mg/100 mL de Ælcool anidro.

Soma dos Ælcoois isobutílico (2-metil propanol), isoamílicos (2-metil-1 butanol 3 metil-1-butanol) e n-propílico (1-propanol)

-5Soma de Furfural e Hidroximetilfurfural -30Aldeídos totais, em acetaldeído

-200Ésteres totais, expressos em acetato de etila

-150Acidez volÆtil, expressa em Æcido acØtico

Mínimo (mg/ 100 mL de Ælcool anidro)

MÆximo (mg/ 100 mL de Ælcool anidro)CongŒnere

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

Limites para os principais contaminantes: Orgânico

Valor mÆximo permitido (mg/ 100 mL de Ælcool anidro)Contaminante

Inorgânico

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS) Fluxograma do processo

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

9. ROTULAGEM

9.5. Fica vedado o uso da expressªo Artesanal como designaçªo, tipificaçªo ou qualificaçªo dos produtos previstos no presente Regulamento TØcnico, atØque se estabeleça, por ato administrativo do MinistØrio da Agricultura, PecuÆria e Abastecimento, o Regulamento TØcnico que fixe os critØrios e procedimentos para produçªo e comercializaçªo de Aguardente de Cana e Cachaça artesanais.

13. DISPOSIÕES TRANSITÓRIAS 13.1.Fica estabelecido o prazo mÆximo de 01 (um) ano para adequaçªo da rotulagem e da embalagem.

13.2.Fica estabelecido o prazo de 03 (trŒs) anos para adequaçªo e controle dos contaminantes citados nos itens 5.1.3, 5.1.4, 5.1.5, 5.2.2 e 5.2.3.

13.3.Fica estabelecido o prazo de 05 (cinco) anos para adequaçªo e controle do contaminante citado no item 5.1.2.

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

Classificaçªo botânica da cana-de-açœcar

Divisªo: Embryophita siphonogama Subdivisªo: Angiospermae Classe: Monocotyledoneae Ordem: Glumiflorae Família: Poaceae GŒnero: Saccharum

EspØcies: mais de 32 conhecidas utilizadas em melhoramento genØtico: Saccharumofficinarum, S. spontaneum, S. barberiJesw, S. sinenseRoxb, S. robustumJesw.

Nome oficial: Saccharumspp

Variedades utilizadas: POJ (Pura de origem Javanesa), RB (Repœblica do

Brasil): RB 711406, RB 72454, RB 739359, RB 739735, RB 765418, RB 835486, CB (Campo Brasil): CB 45-3, CB 47-355, Mulata, Pelada, SP (Sªo Paulo): SP 791011, IAC (Instituto Agronômico de Campinas), Uva, CO (Indiana), Caiana, NA (Norte Argentino), Cavalo, CO (Coimbra), Caninha...

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

65,0 -75,0 gua Quantidade (g/100g)Componente

Conselho Regional de Química IV Regiªo (SP/MS)

Características importantes para escolha de variedades:

Maturaçªo (tardia, mØdia ou precoce) Teor de sacarose

ExigŒncia de fertilidade do solo

Boa brotaçªo em soqueiras

Bom perfilhamento e difícil tombamento

(Parte 2 de 14)

Comentários