1-Definição:

É um serviço oferecido pelas Agências Bancárias que permite que os clientes recebam seus boletos de cobrança em papel e passe a recebê-los eletronicamente com toda a segurança e com comodidade, e dependendo de cada rede bancária , as mesmas disponibilizam vários serviços. Podendo ser um serviço disponível tanto para Pessoa Física quanto Jurídica - dependentes, parentes ou sócios - que efetuarem seu cadastramento no DDA das várias redes de serviço bancários. Após o cadastramento todos os boletos registrados em seu nome - independente do banco ou entidade emissora do boleto - serão visualizados e poderão ser pagos de forma eletrônica nos canais de relacionamento; internet e outros oferecidos pelas redes de auto-antendimento.

2-Funcionamento: Após cadastro na rede, juntamente com sua senha , o cliente está autorizado utilizar seus serviços. O serviço permite pagar uma conta, tendo maior facilidade de controle dos boletos a pagar, reduz documentos , tais como os boletos para manusear – em especial no caso das empresas – e certeza de recebimento de boletos dentro do prazo aguardado. Com relação ao cedente, existência de maior controle do fluxo das cobranças emitidas e a garantia de entrega dos boletos. O serviço conta com dispositivos de alerta de recebimento de boletos eletrônicos para os usuários, como mensagens em celulares e Internet Banking.

4-Cadastro

Para cadastrar-se como Sacado Eletrônico, o cliente deve dirigir-se as redes bancárias autorizadas, e por meio de conta de depósito a vista (ex.: corrente, poupança, salário etc.) solicitar a sua adesão.

5-Benefícios: Redução de papel – não haverá a emissão do boleto físico, pois a transação será eletrônica Diminuição das filas nas agências – pelo maior uso de meios eletrônicos Maior segurança na entrega da cobrança Modernização do Sistema de Pagamento Brasileiro Agilidade – pois permite a diminuição do prazo para emissão da cobrança Conveniência – faz com que os compromissos sejam autorizados de forma prática Eficiência para o mercado – simplificação do processo de recebimentos e pagamentos das empresas Integração – fácil integração às soluções de mercado Solução de vanguarda

6-Disponibilização: Foi feita em disponibilização desde o dia 19 de outubro de 2009.

7-Idealizadores:

O DDA foi idealizado pela Febraban- Federação Brasileira de Bancos, e a Câmara

Interbancária de Pagamentos, considerada conhecida como braço tecnológico das instituições financeiras do Brasil.

8- Objetivo : O objetivo é que ocorra o aumente o número de boletos eletrônicos disponíveis no DDA para a população.

9-Vantagens e Desvantagens de quem utilizar este serviço:

9.1- Vantagens: Rapidez para o recebimento de seu boleto antes do vencimento. Segurança no pagamento. Diminuição de fraudes e cobranças indevidas. Com a redução da emissão de papel e impactos ambientais serão menores.

9.2- Desvantagens: O serviço pode ser cobrado ou pode fazer parte de pacotes de serviços tarifados. O consumidor deve estar sempre antenado às datas de vencimento de seus boletos. Imprimir o comprovante na residência, significar um custo a mais ao cliente. O sistema é mais vantajoso para clientes que acessam suas contas via internet.

10-Diferença do DDA para o Débito em conta:

O DDA é apresentação eletrônica do boleto e o pagamento só é feito se o cliente autorizar. O débito em conta é o pagamento previamente contratado pelo cliente e a empresa, e debitado da sua conta na data de vencimento. Porém, ambos precisam de saldo em conta para serem efetuados.

1-ODDA tem serviço que disponibiliza que um cliente cadastrado possa enviar uma conta para outro usuário pagar:

Para a utilização deste serviço basta acessar O DDA e encaminhar a outros, os boletos eletrônicos que desejar, desde que estas também tenham se cadastrado como sacados eletrônicos.

Para isso, é necessário apenas fornecer o CPF/CNPJ do destinatário. Mas este serviço não interfere no grau de responsabilidade, o cliente que mandou a conta continua responsável por esse compromisso financeiro perante o cedente (emissor da cobrança).

12- Casos em que o cliente pode receber a cobrança em papel: - o cedente postou o boleto antes do seu cadastramento;

- a conta for uma arrecadação de tributos ou serviços públicos, que ainda não podem ser efetuados pelo DDA; - o cedente não aderiu à Cobrança Com Registro (modalidade que dá acesso ao DDA para a emissão da cobrança); - o cedente fizer a impressão de seus próprios boletos emitidos sem adaptar seu sistema para desconsiderar boletos de sacados eletrônicos.

Referências: w.sicredi.com.br Cartilha Banpará Cartilha Santander

Comentários