Manual drogas e lactação 2010

Manual drogas e lactação 2010

(Parte 3 de 7)

Iodixanol Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Possui baixa biodisponibilidade oral.

Ioexol Uso compatível com a amamentação.

Iopamidol Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Baixa biodisponibilidade oral.

Iopentol Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Baixa biodisponibilidade oral.

Iopromida Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Baixa biodisponibilidade oral.

Isosulfan azul Uso criterioso durante a amamentação. Agente de contraste para sistema de drenagem linfático. Não há dados sobre transferência para o leite materno.

Iotalamato Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Baixa biodisponibilidade oral.

Ioversol Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Baixa biodisponibilidade oral.

Ioxaglato Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Baixa biodisponibilidade oral.

Ipodato Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é improvável. Elevada biodisponibilidade oral.

Lotraxato de meglumina Uso compatível com a amamentação.

Mangafodipir

Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. A excreção do manganês para o leite materno é conhecida podendo ocorrer elevação das concentrações deste mineral por curtos períodos. Ordenhar e desprezar o leite por até 4 horas, restabelecendo a amamentação após esse período.

Metrizoato Uso compatível com a amamentação.

Propiodona

Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Sulfato de bár Uso compatível com a amamentação.

Tiropanoato

Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

4.2 AGENTES IMUNIZANTES

4.2.1 Soros e Imunoglobulinas

Imunoglobulina anti-D (anti-RH) Uso compatível com a amamentação. Imunoglobulina anti-hepatite B Uso compatível com a amamentação. Imunoglobulina antirrábica Uso compatível com a amamentação. Imunoglobulina antitetânica Uso compatível com a amamentação. Imunoglobulina humana Uso compatível com a amamentação. Soro antiaracnídico Uso compatível com a amamentação. Soro antidiftérico Uso compatível com a amamentação. Soro antiescorpiônico Uso compatível com a amamentação. Soro antiofídico Uso compatível com a amamentação.

4.2.2 Vacinas

Contra Antrax Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Contra cólera Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Contra Doença de Lyme Uso compatível com a amamentação.

Contra difteria, tétano e coqueluche (DPT) Uso compatível com a amamentação.

Contra febre amarela Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Contra febre tifóide Uso compatível com a amamentação.

Contra Haemofilus influenza Uso compatível com a amamentação. Porém, não há indicação para uso em adultos.

Contra hepatite A Uso compatível com a amamentação. Contra hepatite B Uso compatível com a amamentação. Contra gripe (Influenza) Uso compatível com a amamentação. Contra meningococo C Uso compatível com a amamentação.

Contra papilomavírus humano (HPV) Uso compatível com a amamentação.

Contra poliomielite (oral ou injetável) Uso compatível com a amamentação.

Contra raiva Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Contra rubéola Uso compatível com a amamentação.

Contra sarampo, caxumba e rubéola (MMR ou tríplice viral) Uso compatível com a amamentação.

Contra tétano Uso compatível com a amamentação. Contra tuberculose (BCG) Uso compatível com a amamentação. Contra varicela Uso compatível com a amamentação.

Contra varíola Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Uso em lactantes indicado apenas em situações de emergência.

4.2.3 Agentes diagnósticos Teste tuberculínico (PPD) Uso compatível com a amamentação.

4.3 FÁRMACOS QUE ATUAM NO SISTEMA NERVOSO CENTRAL

4.3.1 Antiepiléticos (anticonvulsivantes)

Orientação geral: são fármacos de uso criterioso quando em doses elevadas ou uso prolongado. Podem provocar sedação, sucção fraca e ganho ponderal insuficiente no lactente.

primeira escolha: preferir a carbamazepina ou ácido valpróico, se possível.

Ácido valpróico Uso compatível com a amamentação. Carbamazepina Uso compatível com a amamentação.

Clonazepam Uso criterioso durante a amamentação. Excretado no leite materno, porém estudos mostraram baixa incidência de toxicidade em crianças amamentadas. Relato de apnéia, cianose e hipotonia em uma criança cuja mãe fazia uso do medicamento durante a gravidez.

Diazepam Uso compatível com a amamentação em doses esporádicas.

Difenil-hidantoína (Fenitoína) Uso compatível com a amamentação.

Etotoína Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é possível.

Etosuximida Uso criterioso durante a amamentação. Excretada para o leite materno em pequenas quantidades significativas. Observar hiperexcitabilidade e sonolência no lactente. Evitar se possível.

Felbamato Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Preferir outros fármacos do grupo devido a relatos de efeitos adversos graves ocorridos em usuários, como anemia aplástica.

Fenobarbital Uso criterioso durante a amamentação. Raros efeitos adversos no lactente. Observar sonolência.

Fosfenitoína Uso compatível com a amamentação.

Gabapentina Uso compatível com a amamentação.

Lamotrigina Uso criterioso durante a amamentação. Excretada para o leite materno em quantidades significativas (30% da dose materna). Não há relatos de efeitos colaterais. Pico de concentração no plasma materno entre 1 e 4 horas após o uso.

Levetiracetam Uso criterioso durante a amamentação. Não há relatos de efeitos colaterais. Contudo, os estudos são escassos. Pico de concentração no plasma materno em 1 hora após o uso.

Oxcarbazepina Uso criterioso durante a amamentação. Não foram relatados efeitos colaterais em único estudo realizado com este fármaco. Pico de concentração no plasma materno em 4 horas após o uso.

Primidona Uso criterioso durante a amamentação. Pró-droga (fenobarbital). Raros efeitos adversos no lactente. Observar sonolência no lactente.

Sulfato de magnésio Uso compatível com a amamentação.

Tiagabina

Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Observar sedação no lactente.

Topiramato Uso criterioso durante a amamentação. Não há relatos de efeitos colaterais em dois estudos publicados. Contudo, observar sedação no lactente.

Vigabatrina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Zonisamida Uso contraindicado durante a amamentação. Dose relativa no lactente extremamente elevada (3%). Em pacientes pediátricos há relatos de sonolência, vertigem, cefaléia, náusea, anorexia, agitação, diplopia, dor torácica, parestesia, leucopenia, perda de peso, psicose, hipertermia e oligohidrose.

4.3.2 Antidepressivos e estabilizadores do humor

Orientação geral: são drogas de uso criterioso quando em doses elevadas ou uso prolongado.

Amineptina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Risco de inibição da prolactina. Observar sonolência e efeitos anticolinérgicos no lactente, sobretudo em tratamentos prolongados.

Amitriptilina Uso compatível com a amamentação. Amoxapina Uso compatível com a amamentação.

“Fármacos usados no tratamento da dependência às drogas”.

Citalopram Uso compatível com a amamentação. Clomipramina Uso compatível com a amamentação. Desipramina Uso compatível com a amamentação.

Doxepina Uso contraindicado durante a amamentação. Relato de parada respiratória em um lactente e ocorrência, em outro caso, de sonolência, sucção débil, hipotonia muscular, vômitos e icterícia.

Duloxetina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Escitalopram Uso compatível com a amamentação. Preferir o enantiomero S associado ao escitalopram no lugar do citalopram, pois as concentrações no leite materno são menores.

Fluoxetina Uso compatível com a amamentação. Fluvoxamina Uso compatível com a amamentação. Imipramina Uso compatível com a amamentação.

Lítio (carbonato) Uso criterioso durante a amamentação. Monitorizar os níveis séricos no lactente. Observar inquietação, fraqueza e hipotermia no lactente.

Maprotilina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Excretada para o leite materno em pequenas quantidades. Observar sedação no lactente, sobretudo se uso prolongado do fármaco.

Mianserina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Minaprina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Mirtazapina Uso criterioso durante a amamentação. Não foram descritos efeitos adversos em lactentes. Contudo, existe risco potencial de sedação. Pico de concentração no plasma materno em 2 horas após o uso.

Moclobenida Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Excretada para o leite materno em pequenas quantidades.

Nefazodona Uso criterioso durante a amamentação. Evitar em mães de lactentes jovens, nascidos pré-termo ou com instabilidade clínica.

Nortriptilina Uso compatível com a amamentação. Paroxetina Uso compatível com a amamentação. Sertralina Uso compatível com a amamentação. Trazodona Uso compatível com a amamentação.

Venlafaxina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno e segurança para uso durante o período da lactação.

4.3.3 Antipsicóticos (neurolépticos)

Orientação geral: são drogas de uso criterioso quando em doses elevadas ou uso prolongado. Agem bloqueando receptores de dopamina, resultando em aumento dos níveis séricos de prolactina. Podem provocar sonolência e letargia no lactente. Há evidências de associação entre uso de fenotiazinas e risco de apnéia e síndrome da morte súbita do lactente.

Amissulpirida Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Observar sonolência no lactente. Pico de concentração no plasma materno em 2 horas após o uso.

Aripiprazol Uso criterioso durante a amamentação. Relato de sonolência no lactente. Pico de concentração no plasma materno entre 3 e 5 horas após o uso.

Clorpromazina Uso criterioso durante a amamentação. Possui meiavida longa. Uso prolongado pela nutriz pode aumentar o risco de apnéia e morte súbita na infância. A Academia Americana de Pediatria considera preocupante o uso deste fármaco durante a amamentação, cujo efeito na criança ainda não é conhecido. Observar letargia e sedação no lactente.

Clorprotiexeno Uso criterioso durante a amamentação. Pouco absorvido por via oral (<40%). Excretada para o leite materno em pequenas quantidades, menor que 0,1% da concentração plasmática materna. Observar sedação no lactente.

Clozapina Uso criterioso durante a amamentação. Concentra-se no leite materno, porém em menores concentrações no leite maduro. Efeito no lactente ainda não conhecido.

Droperidol Uso criterioso durante a amamentação. Observar sedação e hipotensão no lactente. Pico de concentração no plasma materno entre 10 e 20 minutos após uso intramuscular.

Flufenazina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é provável. Observar sonolência no lactente. Pico de concentração no plasma entre 1,5 e 2 horas após o uso.

Haloperidol Uso compatível com a amamentação.

Levopromazina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Observar sonolência e letargia no lactente.

Loxapina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Risco teórico de vertigem, tremor e efeitos extrapiramidais no lactente. Usar com extrema cautela.

Mesoridazina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Evitar, pelo risco teórico de sedação e de síndrome da morte súbita do lactente.

Olanzepina Uso compatível com a amamentação. Estudos com crianças amamentadas não mostrou efeitos colaterais.

Perfenazina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre transferência para o leite materno. Contudo, a excreção é provável. Observar sonolência no lactente. Pico de concentração no plasma materno em 3 horas após o uso.

Periciazina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Usar com cautela. Observar sonolência no lactente.

Pimozida Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança ou excreção para o leite. Usar com cautela. Observar o lactente.

Pipotiazina Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Usar com cautela. Observar sonolência no lactente.

Quetiapina Uso compatível com a amamentação.

Risperidona Uso criterioso durante a amamentação. Não há relato de efeito adverso no lactente, porém os estudos são escassos. Observar sonolência no lactente. Pico de concentração no plasma materno entre 3 e 17 horas após o uso.

Sulpirida Uso compatível com a amamentação.

Tiaprida Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Pico de concentração no plasma materno em 1 hora após o uso. Preferir sulpirida.

Tioridazida Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Risco teórico de apnéia no lactente.

Tiotiexeno Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação. Meia-vida prolongada. Observar sedação e convulsão no lactente.

Trifluperazina Uso compatível com a amamentação.

Ziprazidona Uso criterioso durante a amamentação. Não há dados sobre segurança para uso durante o período da lactação.

Zuclopentixol Uso criterioso durante a amamentação. Estudo com sete crianças mostraram níveis baixos no leite materno e nenhum efeito colateral. Porém, recomenda-se cuidado em tratamentos prolongados.

4.3.4 Antiparkinsonianos

(Parte 3 de 7)

Comentários