Apostila Administração e Organização

Apostila Administração e Organização

(Parte 1 de 12)

EEIMVR -Escola de Engenharia Industrial Metalúrgica de Volta Redonda

Capítulo 1 – Introdução à administração

1.1 Introdução

1.2 A administração e os administradores

1.3 A evolução da teoria da administração

1.1 – Introdução

(Ver livro “Administração Introdução ao estudo”)

Desde os primórdios do tempo os seres humanos se agrupavam e a cada membro do grupo foi atribuído uma tarefa para a manutenção do grupo e de sua espécie.

Com o desenvolvimento intelectual do homem; tal principio passou a ser básico e foi aplicado de forma casa vez mais ampla, não só com o sentido de preservar a espécie, mas também visando melhores condições de vida , desenvolvimento e principalmente a satisfação de suas ambições ( necessidades).

Assim, chegamos aos nossos dias e assistimos a um mundo cada vez mais habitado por grupos organizados, com objetivo e fins definidos, cujas atividades visam atingir essas metas. Dessa forma, o agrupamento humano é uma organização, onde cada indivíduo desempenha o seu papel definido segundo suas características pessoais e todos, de modo coerente e sistemático, visam a um objetivo comum.

Esse sistema de esforço competitivo exige estrutura, englobam problemas, normas, métodos e processos de trabalho atribuições, relacionamentos responsabilidades e poder. E é justamente de administração que se ocupa esse estudo.

Então cabe á administração, como tarefa básica, realizar as coisas. Através das pessoas, qualquer que seja o tipo de organização, seja ela lucrativa ou não.

1.2 - A Administração e os administradores

Conceito de Administração *

Conceito de organização *

1.2.1 – Por que as organizações e os administradores são necessários?

  1. Servem a Sociedade

  2. Realizam Objetivos

  3. Preservam o Conhecimento

  4. Proporcionam Carreiras

1.2.3 – Desempenho do administrador e da organização

  1. Desempenho do Administrador (conceitos) PG5

  2. A eficiência

  3. A eficácia (Chave para o sucesso da administração)

  4. Objeto e Meta

Conceito de Administrador

1.2.3.1 – Tipos de administrador pelo nível que ocupam na organização

  1. Gerente de primeira linha: Supervisor, Líder de Equipe

  2. Gerente Médio: Gerente Superintendente

  3. Administrador do topo: Presidente, Vice- presidente sênior, diretos executivo

(EUA = Chefe Executive officer = CEO)

1.2.3.2 – Tipos de administradores pelo âmbito das atividades que executam

  1. Administrador ( Gerente) Funcional

  2. Administrador ( Gerente) Geral

1.2.3.3 – Habilidades do administrador

  1. Técnica

  2. Humana

  3. Conceitual

NÍVEIS GERENCIAIS

Técnicas Humanas Conceituais

TOPO

MEDIO

1º LINHA

1.2.4 – Papéis dos Administradores

Conceito de papel do administrador (Paginas 9,10 e 11)

1.2.4.1 – Papeis Interpessoais

  1. Coletor

  2. Disseminador (Difusor)

  3. Portal de Voz

1.2.4.3 – Papeis decisórios

Conforme Mintzberg

“A Informação é o insumo básico para as tomadas de decisão pelos administradores”

  1. Entrepreneur (empreendedor Interno)

  2. Solucionador de Problemas

  3. Alocador de Recursos

  4. Negociador

1.2.5 – Os desafios Administração (PAG 11,12 e 13)

Concorrência / Competição internacional ( Globalização)

Produtividade / Qualidade

Relacionamento Líder Subordinado ( Talento / Recurso )

Administração participativa e grupos de trabalho

Sociedade + Complexa e Exigente

Mudanças + Rápidas Administração da Incerteza.

Para enfrentar esses desafios os administradores eficazes precisam:

  1. Visão

  2. Ética

  3. Diversidade Cultural

  4. Treinamento

Capítulo 1: Introdução à administração

1.3 – A evolução da teoria da Administração

(Ver Livro “ Administração” – FARIA, J. C) Paginas de1 a 67

1.3.1 – Antecedentes Históricos

1.3.1.1 – Primórdios da Administração

  1. Fase teocrática (Mando da Origem Divina)

2.400 a.c: Hamurabi (Rei dos Anroritas/ tribo jesuíta) Formou o grande império babilônico

Século XIII a.c – Moises ( Sacerdote / leigos)

Libertação do povo judeu do Egito para a terra prometida

(Citações na bíblia – velho testamento)

  1. Fase Prática

- Século IV a.c: Alexandre, o Grande

- Século III a.c: Cesar

No ano de 450 a,c ; Romanos fixaram a “lei das 12 tábuas” com normas para as relações entre patrícios, plebeus, escravos, envolvidos no processo produtivo.

- Idade Media: Corporações de ofícios – Página 3

Princípios do século XIX: Contribuições de Vários autores – Página 3

1.3.1.2 - As influências na administração

      1. Os filósofos

Aristóteles (384 – 322 a.c)

(Parte 1 de 12)

Comentários