Valor para o cliente

Valor para o cliente

(Parte 1 de 5)

Valor para o Cliente

“O objetivo do consumidor não é possuir coisas, mas consumir cada vez mais e mais a fim de, com isso, compensar o seu vácuo interior, a sua passividade, a sua solidão, o seu tédio e a sua ansiedade.” Ético Veríssimo

Me. Alírio Nogueira

ClienteCliente significado da palavrasignificado da palavra

Do latim

Cluere

(ouvir, obedecer) Clientis o “obediente”

No século XV os franceses deram a palavra Cliente um sentido comercial, invertendo o significado do termo latino.

Os Clientesqueprecisamde ajudae osClientesquenãoprecisamde ajuda.

Os Clientesqueprecisamde ajudae osClientesquenãoprecisamde ajuda.

Existem dois tipos de clientesExistem dois tipos de clientes

Orientação para o ClienteOrientação para o Cliente

ClientividadeClientividade arte de surpreenderos Clientes, encantando-os com produtos e serviços novos e diferenciados decisão estratégica de oferecer soluções integradas, agregando valor ao Cliente transformar cada Cliente num vendedor ativo a chave para aumentar a competitividadea chave para aumentar a competitividade ConceitoConceito

EssênciaEssência ObjetivoObjetivo

Clientes no controleClientes no controle como prosperarcomo prosperar

livro:A Revolução do Cliente.

idéia:graças àInternet, os Clientes podem se comunicar com as empresas a qualquer momento e de qualquer lugar e “exigem delas que modifiquem as estratégias de preço, os canais de distribuição e a forma como projetam produtos e serviços.”

Princípios da Revolução do ClientePrincípios da Revolução do Cliente Patrícia SeyboldPatrícia Seybold

1ºPrincípioOs Clientes têm o controle

Os Clientes estão mudando a forma de fazer negócios e transformando as empresas.

comunidades eletrônicas de troca, integradas por compradores e fornecedores com necessidades em comum.

comunidades eletrônicas de troca, integradas por compradores e fornecedores com necessidades em comum.

e-marketse-markets antes: site de leilões de artigos colecionáveis hoje: e-marketB2C e B2B.

antes: site de leilões de artigos colecionáveis hoje: e-marketB2C e B2B.

e-Baye-Bay árbitro dos preços

2º Princípio As relações com o Clientes determinam o valor das empresas

No futuro, seu capital de Clientes, a soma do valor de todos os relacionamentos com Clientes, irádeterminar o valor das empresas.

Princípios da Revolução do ClientePrincípios da Revolução do Cliente Patrícia SeyboldPatrícia Seybold

Indicador do potencial de lucros futuros

Indicador do potencial de lucros futuros índice de valor do Cliente índice de valor do Cliente

Valor de uma empresa

Valor de uma empresa

Capital em Clientes

Capital em Clientes

Impulso em Clientes

Impulso em Clientes= +

Medida do capital em ClientesMedida do capital em Clientes aspectos envolvidos:aspectos envolvidos:

a) quanto àcapacidade de gerar lucros:a) quanto àcapacidade de gerar lucros:

quantidade profundidade qualidade das relações b) quanto àretenção de clientes:b) quanto àretenção de clientes:

sua duração rentabilidade que produzem

Soma das relações com os Clientes atuais

Soma das relações com os Clientes atuais Capital em

Clientes

Capital em Clientes

Impulso em ClientesImpulso em Clientes perguntas a serem respondidas:perguntas a serem respondidas:

Quanto custaráadquirir cada novo Cliente?

Que percentagem do orçamento do marketing serádestinada àaquisição de Clientes?

Qual seráo lucro médio por Cliente, em cada esforço de aquisição?

Qual seráa velocidade de crescimento dos lucros por Cliente, em cada segmento? habilidade em atrair e reter Clientes habilidade em atrair e reter Clientes Impulso em

Clientes

(Parte 1 de 5)

Comentários