Tecnologia Metalúrgica

Tecnologia Metalúrgica

(Parte 1 de 4)

Tecnologia Metalúrgica

Mestrando: Engº. Lúcio da Silva Barboza Filho. Orientador: Prof. Dr. Eduardo de Magalhães Braga.

Tecnologia Metalúrgica

A história registra que 400 anos antes da Era Cristã os egípcios já recuperavam ouro a partir de depósitos aluvionares, usando processos gravíticos.

O ouro sempre acompanhou a civilização e era usado, inicialmente, como adorno e decoração. Foi o rei Croesus de Lídia (região da atual Turquia), em 560 A.C., quem primeiro cunhou moedas de ouro com sua insígnia.

A partir de então, o ouro adquiriu mais uma utilidade, na forma de dinheiro, auxiliando os comerciantes na realização de seus negócios.

1 –INTRODUÇÃO

Tecnologia Metalúrgica

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ 1 –INTRODUÇÃO

As primeiras minas que se tem conhecimento são as egípcias e remontam há mais de 4.0 anos. Naquela época, produzía-se apenas 1 tonelada por ano.

Com o Renascimento, as expedições à América Latina e

África, trouxeram considerável incremento à produção do metal, da ordem de 12 toneladas ao ano.

No Brasil o ouro foi descoberto por volta de 1550, mas apenas a partir de 1700 começou a ser explorado comercialmente.

Tecnologia Metalúrgica

1.1 -ESCASSEZ DE METAIS –A CRISE QUE SE

Os minerais possíveis de serem utilizados pela indústria encontram-se distribuídos de maneira escassa na crosta terrestre.

Jazida mineral (aproveitamento econômico) ou depósito mineral (não aproveitamento econômico)

Existe uma crescente influência de minerais sobre toda e qualquer atividade de desenvolvimento de um país. Com o aumento das populações, cada dia se necessita de maior quantidade de matériaprima para atender a crescentes necessidades do ser humano.

Baseados nestes fatos é fácil concluir que brevemente o ser humano enfrentará uma série de crise de matérias-primas, alimentação, água, energia e outros.

Tecnologia Metalúrgica

1.2 -A RELEVÂNCIA TECNOLÓGICA DOS METAIS

Os metais ocupam uma posição mandatória no desenvolvimento industrial e tecnológico da era moderna, sendo hoje opilar essencial de importantíssimos segmentos produtivos, tais como as indústrias de veículos, máquinas de bens de capital, indústria naval entre outras.

Apesar dos significativos desenvolvimentos nos campos dos polímeros e cerâmicos, os metais e suas ligas continuam sendo insubstituíveis numa ampla gama de aplicações, particularmente como materiais de construção mecânica e estrutural, devido a sua excelente combinação de propriedades de resiliência, condutibilidade elétrica e térmica, ferromagnetismo, elasticidade e principalmente, de plasticidade.

Tecnologia Metalúrgica

1.2 -A RELEVÂNCIA TECNOLÓGICA DOS METAIS

Alto desempenho/custo

O aço que representa em torno de 80% da produção mundial de metais.

Alta versatilidade em termos de ligas metálicas, grande aplicações tecnológicas.

Tecnologia Metalúrgica

1.3 -A CROSTA TERRESTRE E SUA POBREZA METÁLICA

O planeta Terra é composto de rochas. Sua estrutura interna é formada de diferentes níveis de materiais rochosos compostos de um enorme número de minerais.

A Crosta Terrestre é a camada mais externa da Terra.

Estima-se que tenha de 5 a 10 quilômetros de espessura nas áreas oceânicas (Crosta Oceânica) e entre 20 e 60 quilômetros de espessura nas áreas continentais (Crosta Continental).

Tecnologia Metalúrgica

1.3.1 –RESPRESENTAÇÃO GRÁFICA DA

Crosta Terrestre: É a parte mais sólida e externa da Terra e é dividida em oceânica e continental ela é expessa, que varia em média entre 5 km sobre os oceanos e 40 km sobre os continentes é a parte mais importante para as atividades humanas pois é onde nós vivemos

Manto: é formado por um material semi- líquido (magma) é dividido em duas partes manto inferior e manto superior.

Núcleo: é a parte mais quente da terra cujo o calor pode chegar a 4.800°c é dividido em externo (líquido) e interno (sólido) pois as outras camadas exercerem muita pressão sobre ele.

Tecnologia Metalúrgica

1.3.1 –RESPRESENTAÇÃO GRÁFICA DA CROSTA TERRESTRE.

Tecnologia Metalúrgica

1.3.1 –RESPRESENTAÇÃO GRÁFICA DA CROSTA TERRESTRE.

Figura 1 - Corte esquemático e simplificado de um segmento do planeta terra

Tecnologia Metalúrgica

1.3 -A CROSTA TERRESTRE E SUA POBREZA METÁLICA

Quase a metade da crosta terrestre é formada por oxigênio, ao passo que cerca de uma quarta parte é formada por silício.

Em decorrência deste fato, aproximadamente três quartos da crosta terrestre são formados por diferentes combinações químicas destes elementos, tais como sílica e silicatos, tornando a crosta terrestre rica de matérias-primas vítreas e cerâmicas.

Dois metais incidem significativamente na crosta terrestre, quais sejam o alumínio com 8% e o ferro com 5%.

9% da crosta terrestre são constituídos por apenas nove elementos, pela ordem, oxigênio, silício, alumínio, ferro, cálcio, sódio, potássio, magnésio e titânio, ficando no restante 1% dezenas de outros elementos.

Tecnologia Metalúrgica

(Parte 1 de 4)

Comentários