normas abnt 2006

normas abnt 2006

(Parte 1 de 3)

Carla Inês Costa dos Santos Eliete Mari Doncato Brasil

São Leopoldo 2006

Carla Inês Costa dos Santos1 Eliete Mari Doncato Brasil

São Leopoldo 20062

1 Bibliotecárias da UNISINOS. 2 Edição revisada em março de 2006.

1 INTRODUÇÃO5
2 NBR 14724:2005 TRABALHOS ACADÊMICOS - APRESENTAÇÃO7
2.1 ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS8
2.1.1 Capa8
2.1.2 Lombada8
2.1.3 Folha de Rosto9
2.1.4 Errata10
2.1.5 Folha de Aprovação10
2.1.6 Dedicatória10
2.1.7 Epígrafe1
2.1.8 Resumo em Português1
2.1.9 Resumo em Língua Estrangeira1
2.1.10 Lista de Ilustrações12
2.1.1 Lista de Tabelas12
2.1.12 Lista de Abreviaturas e Siglas12
2.1.13 Lista de Símbolos13
2.1.14 Sumário13
2.2 ELEMENTOS TEXTUAIS13
2.2.1 Introdução13
2.2.2 Desenvolvimento14
2.2.3 Conclusão14
2.3 ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS14
2.3.1 Referências15
2.3.2 Glossário15
2.3.3 Apêndices15
2.3.4 Anexos16
2.3.5 Índices16
3 APRESENTAÇÃO GRÁFICA17
3.1 PAPEL17
3.2 MARGENS17
3.3 FONTE17
3.4 ESPACEJAMENTO18
3.5 NOTAS DE RODAPÉ19
3.6 INDICATIVOS DE SEÇÃO19
3.7 TÍTULO SEM INDICATIVO NUMÉRICO20
3.8 ELEMENTOS SEM TÍTULO E SEM INDICATIVO NUMÉRICO20
3.9 PAGINAÇÃO20
3.1 CITAÇÕES21
3.12 SIGLAS21
3.13 EQUAÇÕES E FÓRMULAS21
3.14 ILUSTRAÇÕES2
3.15 TABELAS2
4 NBR6024:2003 - NUMERAÇÃO PROGRESSIVA24
4.1 SEÇÕES PRIMÁRIAS24
4.2 SEÇÕES SECUNDÁRIAS, TERCIÁRIAS, QUATERNÁRIAS24
5 NBR6027:2003 - SUMÁRIO26
5.1 REGRAS DE APRESENTAÇÃO26
6 NBR6028:2003 - RESUMO27
6.1 REGRAS GERAIS DE APRESENTAÇÃO27
7 NBR6023:2002 – REFERÊNCIAS28
7.1 LOCALIZAÇÃO28
7.2 REGRAS GERAIS28
7.3 ÁREAS DA REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA29
7.4 TRANSCRIÇÃO DOS ELEMENTOS30
7.4.1 Autor pessoal30
congressos)31
7.4.3 Autoria desconhecida32
7.4.5 Título32
7.4.6 Indicação de Responsabilidade3
7.4.7 Edição3
7.4.8 Local3
7.4.9 Editor(a)34
7.4.10 Data34
7.4.1 Descrição Física36
7.4.12 Ilustrações37
7.4.13 Séries e Coleções37
7.4.14 Notas37
7.5 ORDENAÇÃO DAS REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS38
7.5.1 Sistema alfabético38
7.6 EXEMPLOS DE REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS39
7.6.1 Publicações avulsas (LIVROS)39
7.6.1.1 Consideradas no todo39
7.6.1.2 Considerado no todo (acesso em meio eletrônico)40
7.6.1.3 Considerado em parte (capítulo)40
7.6.2 Publicações seriadas (Revistas, Jornais)41
7.6.2.1 Consideradas no todo (Coleção)41
7.6.2.3 Artigo de revista em meio eletrônico41
7.6.2.4 Artigos de jornais42
7.6.2.5 Artigo de jornal em meio eletrônico42
7.6.3 Teses e Dissertações42
7.6.4 Eventos42
7.6.4.1 Considerado no todo (Anais)42
Evento)43
7.6.5 Documentos de Acesso Exclusivo em Meio Eletrônico43
8 NBR10520:2002 – CITAÇÕES EM DOCUMENTOS4
8.1 CITAÇÕES DIRETAS4
8.2 CITAÇÕES INDIRETAS45
8.3 SISTEMA DE CHAMADA46
8.4 SISTEMA NUMÉRICO48
8.5 SISTEMA AUTOR-DATA48
9 NOTAS DE RODAPÉ50
9.1 NOTAS DE REFERÊNCIA50
9.2 NOTAS EXPLICATIVAS51
REFERÊNCIAS52
APÊNDICE A – MARGENS53
APÊNDICE B – CAPA54
APÊNDICE C – FOLHA DE ROSTO (ANVERSO DA FOLHA)5
APÊNDICE E – ERRATA57
APÊNDICE F – FOLHA DE APROVAÇÃO58
APÊNDICE G – LISTA DE FIGURAS59
APÊNDICE H – LISTA DE QUADROS60
APÊNDICE I – LISTA DE TABELAS61
APÊNDICE J – LISTA DE ABREVIATURAS62
APÊNDICE K – SUMÁRIO63

4 7.6.4.2 Considerado em parte em meio eletrônico (trabalho apresentado em APÊNDICE D – FICHA CATALOGRÁFICA – VERSO DA FOLHA DE ROSTO56 ANEXO A - ABREVIATURA DOS MESES (NBR6023:2002).................64

5 1 INTRODUÇÃO

O objetivo primordial na exigência de um padrão na apresentação dos trabalhos acadêmicos é a divulgação dos dados técnicos obtidos e analisados e registrá-los em caráter permanente, proporcionando a outros pesquisadores, fontes de pesquisas fiéis, capazes de nortear futuros trabalhos de pesquisa, facilitando sua recuperação nos diversos sistemas de informação utilizados no país.

Este instrumento foi elaborado com a intenção de trabalhar o conteúdo das normas: - NBR6023:2002 - Informação e Documentação – Referências – Elaboração;

- NRB 6024:2003 – Numeração progressiva das seções de um documento –

Procedimento; - NBR 6027:2003 – Sumários – Procedimento;

- NBR 6028:2003 – Resumos – Procedimentos,

- NBR 10520:2002 – Informação e documentação - Apresentação de citações em documentos,

- NBR 14724:2005 – Informação e documentação – Trabalhos acadêmicos –

Apresentação.

Por se tratar de um estudo ao conteúdo das referidas normas, por vezes será utilizado o texto dos originais. Salientamos que não abordamos o conteúdo na íntegra das referidas normas neste instrumento, foi elaborada uma seleção de informações pertinentes. Lembramos que a Biblioteca oferece a consulta aos originais no Setor de Referências, localizado no 3º andar.

Conforme a NBR14724:2005 para efeito deste manual seguem as seguintes definições:

a) dissertação: documento que representa o resultado de um trabalho experimental ou exposição de um estudo científico retrospectivo, de tema único e bem delimitado em sua extensão, com o objetivo de reunir, analisar e interpretar informações; deve evidenciar o conhecimento de literatura existente sobre o assunto e a capacidade de sistematização do candidato; é feito sob a coordenação de um orientador (doutor), visando a obtenção do título de mestre; b) tese: documento que representa o resultado de um trabalho experimental ou exposição de um estudo científico de tema único e bem delimitado; deve ser elaborado com base em investigação original, constituindo-se em real contribuição para a especialidade em questão; é feito sob a coordenação de um orientador (doutor) e visa a obtenção do título de doutor, ou similar; c) trabalhos acadêmicos (trabalho de conclusão de curso – TCC, trabalho de graduação interdisciplinar – TGI, trabalho de conclusão de curso de especialização e/ou aperfeiçoamento): documento que representa o resultado de estudo, devendo expressar conhecimento do assunto escolhido, que deve ser obrigatoriamente emanado da disciplina, módulo, estudo independente, curso, programa e outros ministrados. Deve ser feito sob a coordenação de um orientador.

7 2 NBR 14724:2005 TRABALHOS ACADÊMICOS - APRESENTAÇÃO

Conforme a NBR 14724:2005 a estrutura das teses, dissertações, trabalhos de Conclusão entre outros compreendem: elementos pré-textuais, elementos textuais e elementos pós-textuais.

CAPA LOMBADA (se necessário) FOLHA DE ROSTO FICHA CATALOGRÁFICA (verso da folha de rosto) ERRATA (se necessário) FOLHA DE APROVAÇÃO DEDICATÓRIA (opcional) AGRADECIMENTOS (opcional) EPÍGRAFE (opcional) RESUMO NA LÍNGUA PORTUGUESA RESUMO NA LÍNGUA ESTRANGEIRA LISTA DE ILUSTRAÇÕES (se necessário) LISTA DE TABELAS (se necessário) LISTA DE ABREVEATURAS E SIGLAS (se necessário) LISTA DE SÍMBOLOS (se necessário) SUMÁRIO

REFERÊNCIAS GLOSSÁRIO (se necessário) APÊNDICE (S) (se necessário) ANEXO (S) (se necessário) ÍNDICES (S) (se necessário)

Elementos

Prétextuais

Elementos Textuais

Elementos

Póstextuais

8 2.1 ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS

Os elementos pré-textuais são os que antecedem o texto com informações que identificam o trabalho.

A capa deve conter dados que permitam a correta identificação do trabalho. A capa deve conter os seguintes elementos: - Instituição;

- Nome do autor;

- Título do trabalho - subtítulo se houver;

- Número de volumes (se houver mais de um, deve constar na capa a identificação do respectivo volume) - Local (cidade) da instituição onde deve ser apresentado;

- Data (ano de depósito/ou da entrega) (ver a apêndice B).

Elemento opcional, as informações devem ser impressas conforme a NBR 12225:2004.

9 2.1.3 Folha de Rosto

Anverso da folha de rosto

A folha de rosto deve conter os mesmos elementos da capa, acrescidos de informações complementares necessárias à perfeita identificação do trabalho: - Nome do autor;

- Título do trabalho - subtítulo se houver;

- Número de volumes (se houver mais de um, deve constar na capa a identificação do respectivo volume);

- Natureza (tese, dissertação, trabalho de conclusão de curso) e objetivo (aprovação em disciplina, grau pretendido e outros); nome da instituição a que é submetido; área de concentração; − Nome do orientador, precedido da palavra “Orientador”;

− Co-orientador (se houver): precedido da palavra “Co-orientador”; - Local (cidade) da instituição onde deve ser apresentado; − Data (ano de depósito/ou da entrega) (ver a apêndice C).

Verso da folha de rosto

A Catalogação Internacional na Publicação - CIP (Ficha Catalográfica) deve ser incluída no verso da folha de rosto. É obrigatória somente para dissertações de mestrado e teses. Sua elaboração é de responsabilidade do profissional bibliotecário com registro no Conselho de Biblioteconomia (ver Apêndice D).

Apresenta-se geralmente em folha avulsa ou encartada, sendo anexada à obra depois de impressa. Consiste em uma lista de erros tipográficos ou de outra natureza, com as devidas correções e indicações das folhas e linha em que aparecem. Deve ser inserida logo após a folha de rosto (ver Apêndice E).

2.1.5 Folha de Aprovação

Deve conter o nome do autor, do título e subtítulo por extenso, natureza, objetivo, nome da instituição a que é submetida, área de concentração, data de aprovação, nome e titulação dos membros componentes da banca examinadora e suas assinaturas (ver Apêndice F).

2.1.6 Dedicatória

Os agradecimentos (elemento opcional), devem ser dirigidos àqueles que realmente contribuíram de maneira relevante à elaboração do trabalho, (empresas ou organizações que fizeram parte da pesquisa) ou pessoas (profissionais, pesquisadores, orientador, bibliotecário, bolsistas, etc.) que colaboraram efetivamente para o trabalho. Colocar os agradecimentos em ordem hierárquica de importância.

Elemento opcional, colocado após o agradecimento, onde o autor apresenta uma citação, seguida de indicação de autoria, relacionada com a matéria tratada no corpo do trabalho. Podem também constar epígrafes nas folhas de aberturas das seções primárias.

2.1.8 Resumo em Português

Elemento obrigatório é a apresentação clara e concisa do conteúdo do trabalho, não devendo ultrapassar 500 palavras, na redação dar preferência ao uso da terceira pessoa do singular e do verbo na voz ativa, não fazendo parágrafos.

Após o resumo devem constar as palavras-chave e/ou descritores relativos aos assuntos da monografia, conforme NBR-6028:2003.

2.1.9 Resumo em Língua Estrangeira

Elemento obrigatório somente para dissertações e tese, digitado em folha separada (em inglês abstract, em espanhol Resumen, em francês Résumé), seguido das palavras-chave e/ou descritores.

12 2.1.10 Lista de Ilustrações

Apresentam os elementos ilustrativos adotados no texto. Quando necessário, recomenda-se lista própria para cada tipo de ilustração (figuras, quadros, gráficos, desenhos, fotografias, organogramas, gravuras e outros).

Os itens da lista devem identificados pela palavra designativa conforme o tipo de ilustração e ser acompanhados do respectivo número de página (ver Apêndice G e H).

2.1.1 Lista de Tabelas

A lista de tabelas deve ser elaborada de acordo com a ordem em que aparece no texto.

Os itens da lista devem ser acompanhados do respectivo número de página (ver Apêndice I).

2.1.12 Lista de Abreviaturas e Siglas

Deve conter a relação alfabética das abreviaturas e siglas utilizadas no texto, seguidas das palavras ou expressões escritas por extenso. Indica-se a elaboração de lista própria para cada tipo (ver Apêndice J).

13 2.1.13 Lista de Símbolos

Deve ser elaborada conforme a ordem em que os símbolos aparecem no texto, acompanhadas do devido significado.

Relaciona os principais capítulos ou seções e subseções do texto, na mesma ordem e grafia em que nele aparecem, com a indicação da paginação inicial. O sumário deve figurar como último elemento pré-textual, com título centralizado, em letras maiúsculas (ver Apêndice K).

2.2 ELEMENTOS TEXTUAIS

Este item abordará a introdução, desenvolvimento e as conclusões.

2.2.1 Introdução

Parte inicial do trabalho deve fornecer uma visão global da pesquisa realizada, apresentando o tema, delimitação do assunto abordado, justificativa, deve incluir a apresentação do problema específico da pesquisa, seus objetivos e a (s) hipótese (s) e outros elementos necessários para situar o tema do trabalho.

14 2.2.2 Desenvolvimento

O texto é à parte do documento onde o conteúdo é apresentado, o desenvolvimento ou corpo do trabalho é a parte mais extensa e visa apresentar os resultados da pesquisa. Divide-se geralmente em seções (capítulos) e subseções (subcapítulos) que variam em função da natureza do conteúdo.

Deve conter a revisão de literatura sobre o assunto, resumindo os resultados de estudos feitos por outros autores. A literatura citada e analisada deve constar na bibliografia ao final do trabalho.

O método da pesquisa deve apresentar os procedimentos usados para realizar cientificamente o estudo, ou seja, o propósito do trabalho, método de delineamento, técnicas de coleta de dados e técnica de análise.

A conclusão apresenta de forma sintética, os resultados do trabalho, salientando a extensão e os resultados de sua contribuição, bem como seus méritos. Deve basear-se em dados comprovados, e estarem fundamentadas nos resultados e na discussão do texto, contendo deduções lógicas correspondentes aos objetivos do trabalho.

2.3 ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS

Os elementos pós-textuais são: referências, glossário, apêndices, anexos e índices.

Elemento obrigatório, elaborado conforme a NBR 6023:2002. Devem ser alinhadas à esquerda do texto, em ordem alfabética de sobrenome de autor, digitadas em espaço simples e separadas entre si por dois espaços simples.

Elemento opcional é uma lista em ordem alfabética, de palavras especiais, de sentido pouco conhecido, ou obscuro, ou mesmo, de uso muito restrito acompanhadas de suas respectivas definições.

Elemento opcional é o texto ou documento elaborado pelo próprio autor, com a finalidade de complementar seu trabalho.

O termo APÊNDICE deve ser escrito em letras maiúsculas, centralizado e em negrito. São identificados por letras maiúsculas consecutivas, travessão e pelos respectivos títulos. Exemplo:

APÊNDICE A – Estatística de uso do Setor de Multimeios e Comut - 2005

Elemento opcional destina-se a inclusão de materiais não elaborados pelo próprio autor, como cópias de artigos, manuais, folders, balancetes etc., não precisam estar em conformidade com o modelo.

O termo ANEXO deve ser escrito em letras maiúsculas, centralizado e em negrito. São identificados por letras maiúsculas consecutivas, travessão e pelos respectivos títulos. ANEXO A – Folder do Setor de Multimeios e Comut - 2005

Elemento opcional deve ser elaborado conforme a NBR6034:2004 – Preparação de índices de publicações.

17 3 APRESENTAÇÃO GRÁFICA

A NBR 14724:2005 estabelece algumas regras para apresentação gráfica, entretanto de acordo o texto da Associação Brasileira de Normas Técnicas (2005, p. 7, grifo nosso) ”[...] o projeto gráfico é de responsabilidade do autor do trabalho[...]”, ou seja, o que não consta no texto da norma, o autor pode definir a melhor forma usando bom senso.

3.1 PAPEL

Os trabalhos devem ser apresentados em folha branca, formato A4 (21cm x 29,7cm).

3.2 MARGENS

As folhas devem apresentar as seguintes margens: - superior e esquerda: 3,0 cm;

- inferior e direita: 2,0 cm;

3.3 FONTE

Recomenda-se o uso de fonte tamanho 12 para o texto e fonte menor para citação de mais de três linhas.

18 3.4 ESPACEJAMENTO

TEXTO - deve ser digitado, com espaço 1,5;

- alinhamento do texto: justificado;

- recuo de primeira linha do parágrafo sugerimos 1,25 cm (1 tab.)

CITAÇÃO COM MAIS DE TRÊS LINHAS - recuo de parágrafo para citação direta (ou longa): 4 cm;

- espaçamento simples;

- texto justificado;

- sem parágrafo;

- sem aspas.

TÍTULO DE CAPÍTULO - é indicado por número arábico;

- alinhado à esquerda, separado por um espaço de caractere;

- os capítulos são sempre iniciados em uma nova folha;

- os títulos devem iniciar na parte superior da página e ser separado do texto que os sucede por dois espaços 1,5 entrelinhas. Ex. 1 INTRODUÇÃO

TÍTULO DAS SUBSEÇÕES - é indicado por número arábico;

- alinhamento de título das subseções à esquerda, separado por um espaço de caractere; - separados do texto que os precede ou que os sucede por dois espaços 1,5; Ex. 1.1 Objetivos 1.1.1 Objetivo Geral 1.1.2 Objetivos Específicos

TÍTULO SEM INDICATIVO DE SEÇÃO - errata, agradecimentos, listas de ilustrações, lista de abreviaturas e siglas, resumos, sumário, referências, glossário, apêndices, anexos; - digitados centralizados, letras maiúsculas e negrito.

RESUMO - sugerimos digitar em espaço simples;

- não tem parágrafo;

- Conforme NBR6028:2003 – Resumos, para teses, dissertações, trabalhos acadêmicos e relatórios técnicos científicos é orientado que a extensão do resumo seja de 150 a 500 palavras.

LEGENDAS, ILUSTRAÇÕES, TABELAS E NOTAS - devem ser digitados em espaço simples.

NATUREZA DO TRABALHO - deve ser incluída na folha de rosto logo abaixo do título;

- alinhadas do meio da página para a margem direita e digitadas em espaço simples.

REFERÊNCIAS - digitadas em espaço simples e separadas entre si por dois espaços simples;

- ordenadas em ordem alfabética por sobrenome de autor ou título.

Obs.: quando uma seção terminar próximo ao fim de uma página, colocar o título da próxima seção na página seguinte.

3.5 NOTAS DE RODAPÉ

Destina-se a prestar esclarecimentos, comprovar uma afirmação ou justificar uma informação que não deve ser incluída no texto limitando-se ao mínimo necessário. As notas podem ser explicativas ou de referências.

3.6 INDICATIVOS DE SEÇÃO

Deve ser grafado em números inteiros a partir de 1 (um) e seguido de seu título.

20 3.7 TÍTULO SEM INDICATIVO NUMÉRICO

Os títulos sem indicativos de seção são: errata, agradecimentos, lista de ilustrações, lista de abreviaturas e siglas, lista de símbolos, resumos, sumário, referências, glossário, apêndices, anexos.

3.8 ELEMENTOS SEM TÍTULO E SEM INDICATIVO NUMÉRICO

A folha de aprovação, dedicatória e a epígrafe são elementos sem título e sem indicativo numérico.

3.9 PAGINAÇÃO

Todas as folhas, a partir da folha de rosto, devem ser contadas seqüencialmente, mas não numeradas.

A numeração é impressa a partir da introdução, em algarismos arábicos. O número deve ser colocado no canto superior direito da folha, a 2 cm da borda superior.

(Parte 1 de 3)

Comentários