Tecido conjuntivo

Tecido conjuntivo

HISTOLOGIA TECIDO CONJUNTIVO

  • Centro Universitário do Sul de Minas

  • 2° período/2009

FUNÇÃO

  • Estabelece continuidade com o tecido epitelial, com o músculo e com o tecido nervoso e como os outros componentes do tecido conjuntivo, mantém o organismo funcionalmente integrado.

  • Proporcionar SUSTENTAÇÃO estrutural;

  • Servir como MEIO DE TROCAS de restos metabólicos, nutrientes e oxigênio entre o sangue e as células;

  • Local para o ARMAZENAMENTO de gordura;

  • DEFESA e PROTEÇÃO através da fagocitose, produção de anticorpos, produção de substâncias farmacológicas que auxiliam no controle da inflamação;

  • Barreira física contra a invasão e disseminação de microrganismos.

ORIGEM

  • Mesoderma

  • Mesênquima

  • (células mesenquimais)

  • Tecido

  • Conjuntivo

CARACTERÍSTICAS

  • Constituição :

  • células + substância fundamental + fibras

  • Não aparece em superfícies livres (como revestimento)

  • Apresenta terminações nervosas (exceto cartilagem)

  • Altamente vascularizado (exceto cartilagem e nos tendões é reduzido)

  • MEC = consistência fluida, gelatinosa, fibrosa ou calcificada. É secretada pelas células do TC e determina as qualidades do tecido

Componentes Celulares do TC

  • Células Fixas - células residentes que se desenvolvem e permanecem no TC onde exercem suas funções.Possuem vida longa.

      • Fibroblastos,
      • Células adiposas,
      • Pericitos
      • Mastócitos
      • Alguns autores consideram alguns tipos de macrófagos como fixas do tec. conjuntivo.

Células Transitórias (células livres/migrantes) - Originam-se da medula óssea e circulam no sangue. Ao recebem estímulo adequado, abandonam a corrente sangüínea e migram para o TC onde realizam funções específicas. Possuem vida curta.

  • Células Transitórias (células livres/migrantes) - Originam-se da medula óssea e circulam no sangue. Ao recebem estímulo adequado, abandonam a corrente sangüínea e migram para o TC onde realizam funções específicas. Possuem vida curta.

      • Plasmócitos,
      • Linfócitos,
      • Neutrófilos,
      • Eosinófilos,
      • Basófilos,
      • Monócitos
      • Macrófagos.  

FIBROBLASTO = mais numerosas, secretam moléculas que formam a substância fundamental e as fibras.

  • FIBROBLASTO = mais numerosas, secretam moléculas que formam a substância fundamental e as fibras.

  • MACRÓFAGOS = cél. que englobam bactérias e resíduos celulares por fagocitose (mecanismo de defesa)

  • PLASMÓCITOS = cél. que secretam anticorpos (mecanismos imunitário)

  • MASTÓCITOS = cél.produzem histaminas (inflamações e reações alérgicas) e heparina (anticoagulante)

  • CÉLULA ADIPOSA = acumulam gordura (material de reserva)

  • LEUCÓCITO/LINFÓCITO = glóbulo branco (mecanismo imunitário)

MACRÓFAGOS

  • MACRÓFAGOS

  • Atuam na remoção de restos celulares e na proteção de organismos contra agentes invasores.

  • Funções:

    • Fagocitose
    • Pinocitose
    • Produção de anticorpos
    • Hemocaterese - Destruição das hemácias envelhecidas.
    • As hemácias vivem entre 90 a 120 dias e no baço ou no fígado os macrófagos digerem as hemácias e liberam a hemoglobina;

MASTÓCITO

  • MASTÓCITO

  • Maiores células fixas do TC.

  • Apresenta grânulos em seu citoplasma:

  • Heparina: anticoagulante

  • Histamina: na inflamação causa vasodilatação e aumenta a permeabilidade dos vasos sanguíneos, contrai parte da musculatura lisa. no processo alérgico há a liberação da histamina.

  • Atuam no sistema imune - REAÇÕES DE HIPER-SENSIBILIDADE IMEDIATA - Reação Anafilática – geralmente induzida por antígenos (drogas, veneno de abelhas, pólen...)

PLASMÓCITOS

  • PLASMÓCITOS

  • Células pouco numerosas no tecido conjuntivo normal, aparecem em grande quantidade nos processos inflamatórios e em locais sujeitos à invasão bacteriana como a mucosa intestinal. Ao microscópio óptico apresentam núcleo fora do centro;

  • São células derivadas dos linfócito B:

  • Função: Produção de Imunoglobulinas (anticorpos).

CÉLULAS ADIPOSAS

  • CÉLULAS ADIPOSAS

  • São células que armazenam lipídios em seu citoplasma.

  • núcleo achatado e na periferia da célula.

  • Citoplasma preenchido totalmente por uma grande gota de lipídio.

  • pobre em organelas celulares;

  • envolvida por Glicocálix.

LEUCÓCITOS

  • LEUCÓCITOS

  • - Compreendem as células brancas do sangue (GB)

  • - Circulam através da rede vascular

  • - Promovem a defesa ativa em regiões do corpo invadidas por patógenos

  • - São capazes de se converterem em componentes transitórios do tecido conjuntivo: neutrófilos ( digerem bactérias), eosinófilos (defesa contra parasitas), basófilos.

  • LINFÓCITOS

  • - Leucócitos agranulócitos (B e T)

  • - Podem ser do tipo B ( longevidade variável) - diferencia-se em plasmócitos (secretam anticorpos) ou T ( longevidade mais longa) atacam vírus invasores, células cancerosas e células de tecidos transplantados

MATRIZ EXTRACELULAR

  • Constituição = substância fundamental + fibras

  • Consistência : fluida, gelatinosa ou sólida

  • SUBSTÂNCIA FUNDAMENTAL = Gel transparente e muito hidratado

  • Funções : Preencher os espaços e promover a união entre as células e as fibras. Facilitar a passagem de moléculas, células e íons. Barreira à penetração de microrganismos

  • Constituintes: Glicosaminoglicanos, Proteoglicanos, Glicoproteínas adesivas. Possuem também :

  • Ácido Hialurônico – substãncia viscosa e escorregadia que une as células, lubrifica articulações

  • Sulfato de Condroitina – substância gelatinosa que proporciona suporte e adesão á cartilagem, aos ossos, á pele e aos vasos sanguíneos

FIBRAS: conferem força e sustentação. São:

  • FIBRAS: conferem força e sustentação. São:

  • 1 – Colágenas : (compostas de colágeno – 25% corpo) são encontradas em ossos, tendões e ligamentos. Forma feixes de fibras brancas, de contorno ondulado.

  • 2 – Elásticas : (compostas de elastina) responsáveis pela elasticidade do tecido. São encontradas na pele, vasos sanguíneos e nos pulmões. Prende a pele aos músculos; seu rompimento gera estrias

  • 3 – Reticulares : (composta por colágeno e glicoproteínas) são encontradas em torno das células adiposas, fibras nervosas e cél. musculares lisas e estriadas esqueléticas.

Classificação do Tecido Conjuntivo

  • T.C. Embrionário

      • Mesênquima
      • Mucoso
  • T.C. propriamente dito (TCPD)

      • TC frouxo (areolar)
      • TC denso (não-modelado / modelado / elástico)
      • TC reticular
      • TC adiposo
  • T.C. Especializado

      • Cartilagem
      • Osso
      • Sangue

Tecido Conjuntivo Embrionário

  • Mesênquima :presente exclusivamente no embrião, forma todos os outros tecidos conjuntivos.

  • Mucoso: encontrado no feto e no cordão umbilical, proporciona sustentação

Tecido Conjuntivo Propriamente Dito (TCPD)

TCPD – Frouxo (Areolar)

  • Descrição : apresenta os 3 tipos de fibras frouxamente organizadas, vários tipos de células e uma substância fundamental semifluida.

  • Localização ; tela (camada) subcutânea (camada de tecido que liga a pele aos tecidos e aos órgãos subjacentes)

  • Função : força, elasticidade e sustentação

TCPD – Denso

  • Modelado : consiste de feixes de fibras colágenas e fibroblastos. Proporciona uma ligação forte entre as estruturas diversas. Localização:tendões, ligamentos e aponeuroses.

  • Não-Modelado: fibras de colágeno organizadas aleatoriamente e poucos fibroblastos. Proporciona força. Localização : fáscias, derme e em cápsulas membranosas.

  • Elástico : fibras elásticas e fibroblastos. Permite a distensão de vários órgãos .Localização : pulmões, parede de determinadas artérias, traquéia, brônquios e pregas vocais

TCPD - Reticular

  • Descrição: consiste de uma rede de fibras reticulares e células reticulares entrelaçadas.

  • Localização : estroma do fígado, do baço, dos linfonodos, porção da medula óssea que origina as cél. sanguíneas; ao redor de vasos sanguíneos e músculos

  • Função : forma o estroma dos órgãos; une as células do ML.

TCPD - Adiposo

  • Descrição: consiste de adipócitos que armazenam gordura.

  • Localização : tela subcutânea da pele, em torno de vários órgãos (coração/rins) e na medula óssea amarela de ossos longos

  • Função : reduz a perda de calor pela pele (isolante térmico), serve como reserva de energia, sustenta e protege.

Tecido Conjuntivo Especializado

CARTILAGEM

  • Avascular e não possui terminações nervosas

  • Matriz gelatinosa firme

    • Fibras : Colágeno (confere resistência) e fibras elásticas
    • Substância fundamental: sulfato de condroitina – confere elasticidade
  • As cél = condrócitos, aparecem isoladas ou em grupos dentro de espaços chamados de lacunas.

Tipos de Cartilagem

  • Cartilagem Hialina: encontrada no esqueleto embrionário, na extremidade dos ossos, no nariz e em estruturas respiratórias. É flexivel, permite o movimento e dá sustentação.

  • Fibrocartilagem : é encontrada na sínfise púbica, nos discos invertebrais e nos meniscos . Proporciona sustentação e força

  • Cartilagem Elástica : mantém a forma de órgãos tais como : epiglote, as tubas auditivas e pavilhão auditivo (orelha externa)

Comentários