Lombalgia

Lombalgia

(Parte 2 de 5)

- alinhamento de MMIS

- comprimento de MMIS

Exame físicoExame físicoInspeção Palpação

Percussão Arcos de movimento

Exame físicoExame físico

Exame neurológico:

Avaliação da função motora Avaliação da função sensitiva Testes de tensão radicular – teste de Bragard teste de Lasègue

Pesquisa de reflexos normais e patológicos

Patelar Aquileu Babinsky

L1 – disfunção motora não específica - possível alteração da função da bexiga

L2 – Sinal de Lasègue ( – ) Fraqueza de quadríceps

L4 – Sinal de Lasègue geralmente ( – ) da sensibilidade no dermátomo L4 do reflexo patelar

L5 – Sinal de Lasègue ( + ) Ausência de alterações de reflexo

S1 - fraqueza de gastrocnêmio e isquiotibiais

Sinal de Lasègue ( + ) da sensibilidade da sola e região lateral do pé do reflexo Aquileu

Manobras SemióticasManobras Semióticas

Teste de Estiramento Teste de Estiramento FemoralFemoral

Teste de BragardTeste de Bragard

Teste da Elevação da Teste da Elevação da Perna RetaPerna Reta

Exame NeurológicoExame Neurológico Exame NeurológicoExame Neurológico

Principais causas de dor nas costasPrincipais causas de dor nas costas

Lombalgia mecânicaLombalgia mecânica

•Provocada por atividade física ou posturas Provocada por atividade física ou posturas inadequadas e melhora com repousoinadequadas e melhora com repouso •Devido a contratura de músculos e tracionamento de Devido a contratura de músculos e tracionamento de tendões e ligamentostendões e ligamentos •É geralmente uma dor crônica, de variada É geralmente uma dor crônica, de variada intensidade que afeta a região lombar e pode se intensidade que afeta a região lombar e pode se irradiar para a região glútea.irradiar para a região glútea. •A dor tende a se intensificar com o decorrer do diaA dor tende a se intensificar com o decorrer do dia

•Não existem sinais neurológicos associados. Não existem sinais neurológicos associados.

HiperlordoseHiperlordose

Postura Postura lordótica lordótica lombarlombar

Postura Postura cifótica cifótica lombarlombar

Posturas viciosasPosturas viciosas

Contraturas MuscularesContraturas Musculares

Gluteo MínimoGluteo Mínimo Psoas IlíacoPsoas Ilíaco

IleocostalIleocostal

Doença degenerativa - osteoartroseDoença degenerativa - osteoartrose

•Ocorre com o aumento da idade e pode iniciar-se na Ocorre com o aumento da idade e pode iniciar-se na terceira década de vida.terceira década de vida. •Pode permanecer assintomáticaPode permanecer assintomática

•Quando sintomática, a dor se localiza na região Quando sintomática, a dor se localiza na região lombar, piorando com a movimentação da colunalombar, piorando com a movimentação da coluna •Dificuldade de iniciar o movimento pela manhã ou Dificuldade de iniciar o movimento pela manhã ou após permanecer muito tempo em uma só posiçãoapós permanecer muito tempo em uma só posição •O movimento da coluna lombar pode estar O movimento da coluna lombar pode estar diminuídodiminuído •A dor geralmente melhora com repousoA dor geralmente melhora com repouso

Com o agravamento da doença, podem ocorrer Com o agravamento da doença, podem ocorrer alterações hipertróficas com a formação de alterações hipertróficas com a formação de osteofitos que podem comprimir raízes nervosas osteofitos que podem comprimir raízes nervosas levando a uma dor radicular.levando a uma dor radicular. O diagnóstico é feito através de RX simples.O diagnóstico é feito através de RX simples.

Osteoartrose lombarOsteoartrose lombar

osteofitososteofitos

Degeneração do disco Degeneração do disco intervertebral L4 – L5, L5-S1intervertebral L4 – L5, L5-S1

RX - APRX - APRX - PerfilRX - Perfil

Anteprojeção Anteprojeção da cabeçada cabeça

Postura Postura cifóticacifótica dorsaldorsal

Postura OsteoporóticaPostura Osteoporótica

Anteprojeção Anteprojeção dos ombrosdos ombros

Semiflexão de Semiflexão de coxofemorais coxofemorais e joelhose joelhos

Degeneração DiscalDegeneração Discal

•Causa comum de dor lombar aguda, Causa comum de dor lombar aguda, crônica com freqüente recorrênciacrônica com freqüente recorrência

•Mais frequente em homens em torno de Mais frequente em homens em torno de 40 anos40 anos

•Em adolescentes, pode ocorrer quando Em adolescentes, pode ocorrer quando têm atividade física extenuante.têm atividade física extenuante.

•É devida a uma degeneração do anel É devida a uma degeneração do anel fibroso do disco intervertebral associada a fibroso do disco intervertebral associada a extrusão do núcleo pulposo.extrusão do núcleo pulposo.

•A hérnia discal pode ocorrer na linha A hérnia discal pode ocorrer na linha mediana do disco intervertebral mas, mediana do disco intervertebral mas, ocorre mais comumente na região lateral.ocorre mais comumente na região lateral.

(Parte 2 de 5)

Comentários