Normas de Comunicação em Língua Portuguesa

Normas de Comunicação em Língua Portuguesa

(Parte 1 de 6)

Normas de Comunicação em Língua Portuguesa

Mudanças no alfabeto

•O alfabeto passa a ter 26 letras. Foram reintroduzidas as letras k, w e y.

O alfabeto completo passa a ser:

A B C D E F G H I J KL M N O P Q R S T U V WX YZ

Uso do I

• Conjugação dos verbos em: uir

Exemplo: Possuir – Possui

Contribuir – Contribui

Uso do G

•Terminação em: -gem e –ege.

Exemplo: Garagem, virgem, rege.

Atenção: Exceto: pajem e lambujem.

• Terminação de verbos em: -ger, -gir.

Exemplo: Proteger, convergir.

• Usar o G depois da vogal A quando a vogal não for prefixo.

Exemplo: Agido.

Atenção:Exceto: ajeitar (o prefixo a + radical jeit).

Uso do J

• Terminação em: -aje.

Exemplo: ultrajem.

• Terminação de verbos em: -jar.

Exemplo: Viaje, arranjei, (talvez elas viajem), (atenção: fazer uma viagem).

Uso do X

• Usa-se o X depois de duas vogais.

Exemplo: Caixa.

• Usa-se o X depois de –em quando não for prefixo.

Exemplo: Enxergar, enxame.

Atenção: Encharcar, enchedor.

• Prefixo –ex.

Exemplo: exala, exaurir.

Uso do Z

• Em palavras que tem terminação em: -zada, -zal, -zeiro, -zinho, -zito, -zona,

-zota, -zorra, -zudo.

Exemplo: Mãozada, cafezal, caquizeiro, paizinho (pai).

• Nos verbos que tem terminação em: -izar.

Exemplo: Civilizar (civil+izar), finalizar (final+izar), otimizar.

• Substantivos femininos que tem terminação em: -eza ou –ez.

Exemplo: Nobreza, rapidez.

• Na conjugação dos verbos que terminam em: -zer e –zir.

Exemplo: fez, fazia, traziam, conduz.

Trema

• Não se usa mais o trema (¨), sinal colocado sobre a letra u para indicar que ela deve ser pronunciada nos grupos gue, gui, que e qui.

Exemplo: Seqüência – Sequência

Agüentar – Aguentar

Atenção:o trema permanece apenas nas palavras estrangeiras e em suas derivadas. Exemplos: Müller, mülleriano.

Acentuação

• São Oxítonas as palavras cuja sílaba tônica é a última. E a acentuação termina em: éis,ói(s), á(s), é(s), ê(s), éis, ó(s), ô(s), éu(s), ói(s), ém, éns.

Exemplos: papéis, herói, fiéis, céu, já, além.

• São Paroxítonas as palavras cuja sílaba tônica é a penúltima. E a acentuação termina em: ã(s), ão(s), ei(s), i(s), um, uns, us, l, n, on(s), r, x, ps.

Exemplos: álbum, bíceps, íon, jóquei.

Obs.:

○ Nas palavras paroxítonas, não se usa mais o acento noi e no u tônicos quando vierem depois de um ditongo.

○ É OBRIGATÓRIO acentuar pôde na 3º pessoa do singular.

Exemplo: Ontem pôde, hoje não pode mais.

○ Não se acentua os hiatos -ee, -oo: crêem, dêem, enjôo, voos.

○ Não se acentua para ( verbo parar): ele para.

Acento agudo (´)

I e u tônicos isolados da vogal anterior e que não formam sílaba com o fonema seguinte (com exceção do s) ou que não estão antes de nh.

Exemplo: aí, cafeína, sanduíche, saúde.

Atenção: Rainha, moinho, campainha.

Compare: Juízo – juiz

Caíres - cair

• Palavras com terminação em éis e ói(s).

Exemplos: papéis, heróis, dói (verbo doer).

• Nas palavras paroxítonas, não se usa mais o acento no i e no u (se haver sequência de duas vogais com sílabas diferentes).

Exemplos:

Baiúca - baiuca

Feiúra - feiura

(Parte 1 de 6)

Comentários