Doenças pulmonares

Doenças pulmonares

Passagem das vias aéreas (ventilação)

  • Passagem das vias aéreas (ventilação)

  • Cavidade nasal

  • Faringe

  • Laringe

  • Traqueia

  • Brônquios

  • Bronquíolos

Ventilação

  • Ventilação

  • O fluxo de ar através das vias aéreas para o interior dos acinos (ramificações dos bronquíolos)

  • Perfusão

  • O fluxo de sangue na circulação pulmonar até os capilares alveolares.

  • Difusão

  • Passagem de oxigênio e de dióxido de carbono do ar alveolar para o sangue e vice versa

Dispnéia

  • Dispnéia

  • Falta de ar ( O2)

  • Cianose

  • Coloração azulada da pele e das mucosas devido a presença de elevadas quantidades de hemoglobina reduzida.

  • Insuficiência Respiratória

  • Diminuição do O2 ao nível normal, ou aumento do CO2 acima do nível normal.

Na bronquite crônica existe uma inflamação crônica dos brônquios e bronquíolos.

  • Na bronquite crônica existe uma inflamação crônica dos brônquios e bronquíolos.

  • Quando as vias aéreas estão inflamadas menos ar é capaz de fluir para dentro e para fora dos pulmões. A irritação dos brônquios resulta em produção crônica de catarro (muco).

  • A bronquite crônica é caracterizada quando o indivíduo tosse na maioria dos dias do mês, por pelo menos três meses por dois anos sucessivos, na ausência de outra causa para a tosse.

  • Além da produção crônica de muco pelos brônquios, a inflamação dos bronquíolos resulta em fibrose progressiva da parede dos mesmos

Aumento do tamanho do aparelho secretor de muco, hiperplasia e hipertrofia das células mucosas, com hipersecreção de muco nas grandes vias aéreas.

  • Aumento do tamanho do aparelho secretor de muco, hiperplasia e hipertrofia das células mucosas, com hipersecreção de muco nas grandes vias aéreas.

  • Irritação crônica por substancias inaladas (90% ocorre em tabagistas)

  • Infecções microbiológicas – efeito secundário.

  • É a dilatação e distorção irreversível dos brônquios em decorrência da destruição dos componentes elástico e muscular de sua parede.

O enfisema começa com a destruição dos alvéolos, o que é irreversível e resulta na formação de “buracos” permanentes no tecido pulmonar.

  • O enfisema começa com a destruição dos alvéolos, o que é irreversível e resulta na formação de “buracos” permanentes no tecido pulmonar.

  • À medida que os alvéolos são destruídos, os pulmões perdem a capacidade de transferir oxigênio para o sangue, causando falta de ar. O pulmão perde elasticidade, o que resulta em colapso dos brônquios.

A bronquiolite é uma doença que se caracteriza por uma inflamação nos bronquíolos e que, geralmente, é causada por uma infecção viral.

  • A bronquiolite é uma doença que se caracteriza por uma inflamação nos bronquíolos e que, geralmente, é causada por uma infecção viral.

  • O processo de reparo do dano pode ter um curso muito variável, podendo levar ao estreitamento ou distorção das vias aéreas (bronquíolos). Os alvéolos, que estão em situação adjacente aos bronquíolos são quase sempre afetados. Eles são responsáveis pela troca dos gases - entra o oxigênio e sai o gás carbônico.

Consolidação focal do pulmão, inflamação concêntrica nos brônquios espalha-se causando inflamação nos alvéolos, representa uma extensão de bronquite ou bronquiolite preexistente. A consolidação esta nas partes inferiores do pulmão

  • Consolidação focal do pulmão, inflamação concêntrica nos brônquios espalha-se causando inflamação nos alvéolos, representa uma extensão de bronquite ou bronquiolite preexistente. A consolidação esta nas partes inferiores do pulmão

  • Acomete freqüentemente crianças, idosos ou indivíduos debilitados

Infecção bacteriana aguda de uma grande totalidade de um lobo, os alvéolos são preenchidos com liquido e restos celulares, o qual é limitado pelas fissuras pulmonares

  • Infecção bacteriana aguda de uma grande totalidade de um lobo, os alvéolos são preenchidos com liquido e restos celulares, o qual é limitado pelas fissuras pulmonares

  • Causada por infecções de bactérias da comunidade (bactérias gram positiva)

  • A tuberculose é uma infecção causada pelo bactéria Mycobacterium tuberculosis, a qual mais comumente afeta os pulmões (tuberculose pulmonar), mas também pode atingir o sistema nervoso central (meningite), sistema linfático, sistema circulatório (tuberculose miliar), sistema geniturinário, ossos e articulações.

Tendo os sinais e sintomas

  • Tendo os sinais e sintomas

  • Tosse persistente que pode estar associada à produção de escarro

  • Pode ter sangue no escarro ou tosse com sangue puro febre suor excessivo à noite

  • Perda de peso

  • Perda do apetite fraqueza

Comentários