Exercícios de Programação de Autómatos Industriais em Linguagem FBD

Exercícios de Programação de Autómatos Industriais em Linguagem FBD

Exercícios de Programação de

Autómatos Industriais em Linguagem FBD

(para resolver usando o LOG!Soft comfort)

António Henriques

Escola Secundária Professor Herculano de Carvalho

Curso Profissional de Técnico de Electrónica, Automação e Computadores

Automação e Computadores

Módulo 2 – Introdução aos Autómatos Programáveis

Ficha de trabalho n. 1 Ant. Henriques

Engenho de furar semi-automático

Descrição do funcionamento:

–Quando se acciona o botão de marcha e desde que exista peça (detectada pelo fim de curso Fc3), colocam-se em funcionamento o motor M1 que acciona a bucha e o motor M2 que provoca a descida do engenho de furar. Quando se atinge o fim de curso Fc2, o motor M2 inverte a marcha para fazer subir o engenho de furar. Quando se atinge o fim de curso Fc1 param os dois motores.

–Com o sistema em funcionamento se se accionar o botão de emergência, pára a descida do engenho e inverte-se a marcha até atingir o fim de curso Fc1, parando os dois motores.

Tarefas a desenvolver: –Identificar as varáveis de entrada e saída.

–Estabelecer as equações que fazem o “set” e o “reset” das saídas que controlam os motores e o sentido de rotação e a equação relativa à sinalização do defeito sobrecarga. –Criar o programa em FBD, utilizando o Software LOGO! Soft comfort.

–Fazer a simulação, a fim de confirmar se as condições de funcionamento se cumprem.

–Apresentar relatório e ficheiro do programa.

Peça

M1 - Rotação da ferramenta de corte

M2 - Subida ou descida do engenho de furar

Marcha Emergência

Fim de curso Fc2

Q1 Q2

Fim de curso Fc1

Fim de curso Fc3

Escola Secundária Professor Herculano de Carvalho

Curso Profissional de Técnico de Electrónica, Automação e Computadores

Automação e Computadores

Módulo 2 – Introdução aos Autómatos Programáveis

Ficha de trabalho n. 2 Ant. Henriques

Automatização de Portão

Descrição do funcionamento:

–O comando é feito a partir da portaria numa botoneira com três botões N.A. Com as funções abrir, fechar e parar, que se podem activar com o portão em qualquer posição.

–Quando o portão está completamente aberto, o processo de fechar inicia-se automaticamente ao fim de 3 minutos.

–Por razões de segurança usa-se uma barreira fotoeléctrica (infravermelhos) que, no caso de ser interrompida durante o processo de fechar, interrompe o fecho do portão e dá início à sua abertura (saída do sensor em repouso com contacto N.A.).

–A detecção das posições completamente aberto e completamente fechado é feita com interruptores fim de curso (com saída com contacto N.A.).

–Nas posições completamente fechado e completamente aberto o motor deve ficar com a alimentação cortada, no sentido de fechar e no sentido de abrir, respectivamente.

–O funcionamento do portão deve ser sinalizado, através de lâmpada a acender de forma intermitente.

Tarefas a desenvolver: –Identificar as varáveis de entrada, saída e internas.

–Estabelecer as equações que fazem o “set” e o “reset” das saídas que controlam o sentido de rotação do motor e a equação relativa à sinalização. –Criar o programa em FBD, utilizando o Software LOGO! Soft comfort.

–Fazer a simulação, a fim de confirmar se as condições de funcionamento se cumprem.

–Apresentar relatório e ficheiro do programa.

fc1 fc2 lp

Comentários