Enfermage

Enfermage

Enfermagem Obstétrica

A Mulher

Tem seu destino feminino inscrito nas letras da natureza, e é sempre governada, em última instância, pelos seus órgãos, mas precisamente por seu útero.

O Parto

O nascimento é um evento natural, e que as vivências do parto são diferentes entre as culturas, com caráter íntimo e privado compartilhado entre as mulheres.

A Obstetrícia através dos tempos:

  • Egito Antigo: parto de Cleópatra na posição ajoelhada;

  • China, na Índia e no Japão as posições mais utilizadas era na vertical.

  • Américas: a posição para parir era na vertical.

  • Índia: as mulheres amamentavam até aos seis meses;

Com o passar dos anos...

  • Surge a discussão da mortalidade materna e perinatal,

  • A obstetrícia se firma como disciplina médica;

  • O parto vira evento médico,

  • Passa do cenário privado para o público,

  • Do domicílio para o hospital,

Com o passar dos anos...

  • 1940 Institucionalização do parto,

  • 1960 Início da Assistência Pré-natal, com objetivo de reduzir a mortalidade infantil,

  • 1983 surge PAISM preocupação com a mortalidade materna (programa de assistência integral à saúde da mulher).

OMS

Faz algumas recomendações: divididas em 4 momentos:

  • Direitos da população:

  • Instituições:

  • Deveres do governo:

  • Tecnologias apropriadas:

A Enfermagem e a Obstetrícia

Históricamente, a obstetrícia e a enfermagem no Brasil foram profissões separadas até meados do século XX, pois as obstetrízes e as enfermeiras seguiam diferentes programas educacionais.

A Enfermagem e a Obstetrícia

  • Parteiras – Enfermeiro – Enfermeiro Obstétra

Entidades e Regulamentações

  • ABENFO : Associação Brasileira de Obstetrízes e Enfermeiras Obstétras;

  • RHUNA: Rede Nacional para Humanização do Nascimento;

  • 1994, Diretrizes Básicas de Assistência ao Parto Domiciliar por Parteiras Tradicionais

Enfermeiro Obstetra

  • É a profissional, mais adequada e com melhor custo-benefício de prestador de cuidados de saúde para ser responsável pela assitência à gestação e ao parto normal, incluindo a avaliação de riscos e reconhecimento de complicações.( Maternidade Leila Diniz)

  • 1998 tabela de pagamento pelo SUS

Direitos Trabalhistas da Mulher-Mãe

  • Liçença maternidade de 120 dias sem perda do emprego nem do cargo que ocupava;

  • Após 120 dias a mãe até os 6 meses do bebê terá direto há duas pausas de 30mim para amamentar.

Direitos Trabalhistas da Mulher-Mãe

  • Liçença maternidade de 120 dias sem perda do emprego nem do cargo que ocupava;

  • Após 120 dias a mãe até os 6 meses do bebê terá direto há duas pausas de 30mim para amamentar.

Atenção Obstétrica

Qualidade e Humanização

Acolher com dignidade; Valorização dos diferentes sujeitos;

  • Evitar intervenções desnecessárias, cuidado ético, privacidade, autonomia, família.

  • Cumprir os direitos da gestante.

ACOLHIMENTO

Implica na recepção a mulher, responsabilizar-se por ela, ouvindo suas queixas , permitindo que ela se expresse, garantindo atenção resolutiva e articulação com os outros serviços de saúde para continuidade dos serviços.

A gestação, o parto, o nascimento e o puerpério são eventos carregados de sentimentos profundos,

Estimular a presença do pai ou acompanhante.

ACOLHIMENTO

O pré-natal é o momento priviligiado para discutir questões únicas;

  • Dialógo franco e percepção aliada a conhecimento;

  • Mudança de relação profissional

  • Ouvir é algo mobilizador

Avaliação Pré-Concepcional

É a consulta que o casal faz, antes de uma gravidez com objetivo de identificar fatores de risco, doenças que possam alterar a evolução de uma futura gestação.

Diminui os índices de mortalidade materna e infantil

Avaliação Pré-Concepcional

Exame físico, exame ginecológico, exame das mamas, exames de laboratório como: rubéola, HIV, toxoplasmose, sífilis, hepetiteB e rastramento de HAS, Diabetes, Epilepsia, HIV. Realizar CP, pesquisar anemias, ITU, CA.

HUMANIZAÇÃO E QUALIFICAÇÃO

A adesão ao pré-natal está relacionada a qualidade da assitência prestada.

Educação, vivências, visita domiciliar.

Fatores de Risco Obstétrico

Comentários