Concurso Fundap

Concurso Fundap

(Parte 1 de 19)

ConCurso PúbliCo

1. Prova objetiva

AuxiliAr i ÁreA de AtuAção: CoPA, MAnutenção PrediAl e serviços GerAis

voCê reCebeu suA folhA de resPostAs e este CAderno Contendo 50 questões objetivAs.

ConfirA seu noMe e núMero de insCrição iMPressos nA CAPA deste CAderno.

leiA CuidAdosAMente As questões e esColhA A resPostA que voCê ConsiderA CorretA.

resPondA A todAs As questões.

MArque, nA folhA interMediÁriA de resPostAs, loCAlizAdA no verso destA PÁGinA, A letrA CorresPondente à AlternAtivA que voCê esColheu.

trAnsCrevA PArA A folhA de resPostAs, CoM CAnetA de tintA Azul ou PretA, todAs As resPostAs AnotAdAs nA folhA interMediÁriA de resPostAs.

A durAção dA ProvA é de 3 horAs.

A sAídA do CAndidAto dA sAlA serÁ PerMitidA APós trAns- CorridA A MetAde do teMPo de durAção dA ProvA.

Ao sAir, voCê entreGArÁ Ao fisCAl A folhA de resPostAs e este CAderno, Podendo destACAr estA CAPA PArA futurA ConferênCiA CoM o GAbArito A ser divulGAdo.

AGuArde A ordeM do fisCAl PArA Abrir este CAderno de questões.

2FDED1001/01-Auxiliar-I-CopaManutPredialServGerais

Folha intermediária de resPostas

QUESTÃO RESPOSTA 01

QUESTÃO RESPOSTA 26

3 FDED1001/01-Auxiliar-I-CopaManutPredialServGerais

01. Considere as informações. Ronaldinho decide contra a Juventus

Preterido por Dunga, o meia marcou dois gols no clássico italiano, marcado pela saída de Leonardo

(http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/italiano/ultimas- noticias/2010/05/15/ronaldinho-comanda-vitoria-do-milan-no-adeus-de- leonardo-que-sai-aplaudido.jhtm)

As informações apresentadas permitem afirmar que Ronaldinho (A) não teve boa atuação no clássico italiano. (B) é o jogador preferido de Dunga. (C) é jogador da Juventus. (D) foi rejeitado por Dunga. (E) saiu do clássico italiano, assim como Leonardo.

Como pode um país tão pequeno, de 1 milhões de habitantes, cuja economia responde por um acanhado porcentual de 3% do PIB de todas as dezesseis nações que usam o euro como moeda, trazer tanta encrenca? Líderes europeus não disfarçam o azedume diante da crise financeira grega, uma tragédia mais para farsesca que dramática. Justo quando a economia mundial exibe indicadores saudáveis de que a crise internacional já ficou para trás, a imprudência grega na administração de suas contas traz um novo foco de preocupação. A Grécia quebrou. Não possui mais dinheiro em caixa nem fontes de financiamento para honrar os compromissos de sua dívida externa, superior a 300 bilhões de dólares. Na semana passada, o país teve a sua avaliação de crédito rebaixada.

(Veja, 05.05.2010)

02. A primeira frase do texto, em forma de pergunta, sugere que

(A) é injustificável uma crise econômica em um país em que se usa o euro como moeda.

(B) a Grécia não tinha uma economia tão fraca que pudesse gerar uma crise internacional.

(C) o PIB da Grécia sugere que o país, na verdade, não deveria estar passando pela crise.

(D) os problemas econômicos são naturais, pois a Grécia é um país relativamente pequeno.

(E) o problema econômico gerado pela Grécia parece incompatível com o tamanho do país.

(A) parece ser inexplicável, já que a administração econômica no país é equilibrada.

(B) é fruto da falta de colaboração dos demais países que usam o euro como moeda.

(C) vai na contramão da economia mundial, que indica superação da crise internacional.

(D) decorre da crise financeira internacional, que aumentou a dívida externa do país.

(E) segue a tendência econômica, já que os países não superaram a crise internacional.

04. Em – “cuja economia responde por um acanhado porcen-

tual de 3% do PIB...” – querendo-se atribuir um sentido contrário à frase, deve-se substituir o termo acanhado por

(A) excepcional. (B) tímido. (C) limitado. (D) inexplicável. (E) discreto.

05. Observe a imagem da chanceler alemã, Angela Merkel.

(Veja, 05.05.2010)

Relacionando a imagem com o trecho do texto – “Líderes europeus não disfarçam o azedume diante da crise financeira grega...”, é correto afirmar que a expressão da chancelar alemã

(A) revela generosidade e não azedume. (B) confirma o ponto de vista do texto. (C) contraria o ponto de vista do texto. (D) indica preocupação e não azedume. (E) traduz serenidade e compreensão.

4FDED1001/01-Auxiliar-I-CopaManutPredialServGerais

(Veja, 05.05.2010) De acordo com o texto e a imagem, os gregos

(A) não têm opinião formada sobre a crise. (B) mostram-se tranquilos com a situação. (C) vivem alheios às questões políticas. (D) estão realizando um protesto. (E) sentem-se livres e independentes.

07. Leia a charge.

(w.acharge.com.br) Sobre o diálogo dos personagens, é correto afirmar que

(A) o advérbio Aqui, na fala do homem, faz referência à Grécia.

(B) a forma verbal quebramos refere-se ao casal sentado à mesa.

(C) o pronome isso, na fala da mulher, faz referência ao termo crise.

(D) a expressão na Grécia, nas duas falas, qualifica um lugar.

(Parte 1 de 19)

Comentários