Relatorio de Inorganica I

Relatorio de Inorganica I

  • Introdução

Misturas

É a união de duas ou mais substâncias que não reagem entre si. E os seus componentes não perdem suas propriedades características. E são constituídas por moléculas ou íons, pertencentes a substâncias diferentes.

E existem dois tipos:

  • Misturas Homogêneas

Misturas que possuem as mesmas propriedades. Sendo assim não se nota nenhuma separação entre seus componentes. Exemplo: Água + NaCl

  • Misturas Heterogêneas

Misturas que possuem propriedades diferentes. Apresentam separação entre os componentes. O componente mais denso encontra-se na parte inferior numa mistura líquida. Exemplo: Água + Gasolina, a água é mais densa do que a gasolina ficando na parte inferior.

Solubilização

É a quantidade máxima que uma substância pode dissolver-se num líquido, ou seja, a capacidade de uma substancia ser solúvel em um solvente. Pode-se expressar em mols por litro, em gramas por litro, ou em porcentagem de soluto/solvente.

Na solubilidade, o caráter polar ou apolar da substância influi muito, já que, devido a polaridade das substâncias, estas serão mais ou menos solúveis.

A solubilidade de uma substância depende da natureza do soluto e do solvente, assim como da temperatura e da pressão do sistema.

  • Materiais e Métodos

Os materiais necessários para trabalharmos com o solubilidade dos sais são:

Tubos de ensaios

Béquer

Pipeta

Papel de filtro

E os reagentes usados foram:

Cloreto de Sódio

Bicarbonato de Sódio

Carbonato de Sódio

Sulfato de Sódio

Nitrato de Sódio

E os métodos que utilizamos foram:

Colocamos em 6 tubos de ensaio 10 ml de água destilada em cada um.

Em cinco dos seis tubos, foi adicionado 3,5g dos reagentes citados acima, deixando um dos tubos só com água destilada.

Usamos o papel indicador para determinar o pH de cada solução.

Logo depois, adicionou-se 1ml de hidróxido de cálcio (NaOH) em cada tubo. E foram feitas observações quanto a formação ou não de precipitados.

Concluindo, adicionamos 2ml de HCl nos tubos, e foram tiradas conclusões com relação as reações que foram verificadas.

  • Resultados e discussões

Quanto a solubilidade dos sais:

No tubo em que adicionamos o Cloreto de Sódio à água destilada, observou-se que com o passar do tempo a solução foi se solubilizando;

Já no que tinha Bicarbonato de Sódio e água destilada, vimos que o bicarbonato é pouco solúvel, e nos apresentou um processo endotérmico;

Ao misturarmos Carbonato de Sódio com água destilada, e com o passar de alguns minutos, observamos que ficou cada vez mais solúvel, se solubilizando totalmente, e apresentou uma reação altamente exotérmica;

O Sulfato de Sódio adicionado a água destilada apresentou uma solução parcialmente solúvel, e com uma fraca reação exotérmica;

Assim como a solução acima, o Nitrato de Sódio ficou também parcialmente solúvel, mais difere quanto a temperatura da reação, pois, houve uma absorção de calor, um processo fracamente endotérmica.

Quanto ao pH de cada solução:

No tubo que tinha somente a água destilada, obtivemos um pH= 5. (ácido)

Com Cloreto de Sódio, pH=5. (ácido)

Com Bicarbonato de Sódio, pH=10 (básico)

Com Carbonato de Sódio, pH=12 (básico)

Com Sulfato de Sódio, pH=6 (ácido)

Com Nitrato de Sódio, pH=5 (ácido)

Quanto a adição de 1 ml de CaOH

O tubo de com Cloreto de Sódio, foi que ocorreu um pouco de precipitado .

E pela teoria, a solução com Carbonato de Sódio, teria precipitado, se a água não apresentasse pH ácido.

Quanto a adição de 2 ml de HCl

Apenas o tubo com Cloreto de Sódio, apresentou uma diminuição da quantidade de precipitado formado na etapa anterior.

  • Conclusão

A solubilidade dos sais depende de sua temperatura, da massa de sal dissolvido, da origem que se tem em ternos de acido e base, e quando o sal iônico ou não, a solução pode produzir um reação química, independente da formação de precipitados.

  • Referencias Bibliográficas

http://quimica_basica.sites.uol.com.br/mistura.htm

http://pt.wikipedia.org/wiki/Solubilidade

Universidade Federal da Paraíba – UFPB

Centro de Ciências Exatas e da Natureza – CCEN

Laboratório de Química Inorgânica I

Prof. Dr. Ary da Silva Maia.

Química Industrial

Solubilidades de Sais

Iago Henrique de Sousa 11011589

Viddianne Marine A. Costa 11011593

João Pessoa, 06 de outubro de 2010.

Comentários