Apostila Gerencial 2010 2 Eng FSMA

Apostila Gerencial 2010 2 Eng FSMA

(Parte 4 de 14)

b) A delegação de autoridades para tomada de decisão em uma organização, que permite aos gerentes dos diversos níveis operacionais tomarem decisões referentes a sua área, é chamada de ____________________________.

c) _________________________________ preocupa-se com o fornecimento de informações para uso daqueles que estão dentro da organização, enquanto ___________________________ preocupa-se com o fornecimento de informações para uso daqueles que estão fora dela.

d) O gerente encarregado do departamento de contabilidade é geralmente conhecido como _______________________.

e) Um relatório detalhado à administração, comparado os dados orçados e os dados reais de um período específico é denominado ____________________________.

6. Julgue os itens a seguir (certo ou errado):

A contabilidade gerencial tem por objetivo fornecer informações, extraídas dos dados contábeis, que ajudem os administradores das empresas no processo de tomada de decisões. ___________.

A contabilidade gerencial, como qualquer outro ramo da contabilidade, está obrigada à observação estrita dos princípios contábeis geralmente aceitos; entretanto, as demonstrações e os relatórios a ela ligados podem ser elaborados de forma a atender o interesse dos usuários. __________.

A única diferença entre a contabilidade gerencial e a financeira consiste no fato de que seus usuários são diferentes. Nos demais aspectos, ambas são convergentes e similares: utilizam os mesmos dados, aplicam as mesmas técnicas e possuem o mesmo foco._____________.

7. Com relação à contabilidade gerencial e contabilidade financeira, assinale verdadeiro ou falso:

A contabilidade gerencial é direcionada aos usuários externos da informação contábil, como por exemplo bancos e fisco.

A contabilidade financeira é direcionada aos usuários internos da informação como por exemplo, presidente da empresa e gerentes.

A contabilidade gerencial pode se desviar dos Princípios Fundamentais de Contabilidade.

A contabilidade gerencial coloca maior ênfase no futuro.

A contabilidade gerencial coloca maior ênfase no passado, ou seja, fatos que já ocorreram.

A informação fornecida pela contabilidade gerencial deve ser relevante e a tempo, podendo ser subjetiva, possuindo menos verificabilidade e precisão.

A contabilidade gerencial pode utilizar outras bases de mensuração para quantificar dados, como por exemplo, moeda estrangeira, medidas físicas, índices, etc...

A contabilidade financeira utiliza custos históricos (passados).

A freqüência dos relatórios na contabilidade gerencial é determinada pelos gestores da empresa.

A contabilidade gerencial é obrigatória por lei para todas as empresas.

CASOS PARA DISCUSSÃO E ANÁLISE

CASO 1

A seguir apresentamos um relatório de desempenho que compara o lucro real com o lucro orçado do departamento de roupas infantis da Loja de Departamentos Newport Beach para o mês de dezembro:

Loja de departamentos Newport Beach – Roupas Infantis

Relatório de desempenho

Dezembro de 2006

Orçado

Real

Diferença

Receita de Vendas

R$ 400.000,00

R$ 450.000,00

R$ 50.000,00

Menos:

Custo das mercadorias vendidas

R$ 200.000,00

R$ 270.000,00

R$ 70.000,00

Salários da equipe de vendas

R$ 40.000,00

R$ 44.000,00

R$ 4.000,00

Lucro

R$ 160.000,00

R$ 136.000,00

(R$ 24.000,00)

Pergunta-se:

  1. Avalie o departamento em termos de seus aumentos nas vendas e nas despesas (calcular os percentuais). Você acredita que seria útil investigar mais a fundo algum ou os dois aumentos nas despesas? Por que? Fundamente.

  1. Que outras informações você solicitaria a empresa (cite pelo menos duas) para apresentar uma análise gerencial mais detalhada? Fundamente cada uma delas.

  1. Sugira pelo menos uma medida não monetária que poderia ser útil na análise gerencial deste caso. Explique o por que.

  1. Descreva onde ocorreu o processo de planejamento, controle e tomada de decisão neste caso.

CASO 2.

A SportShop.com vende artigos e vestuário esportivos através da internet. Em seus dois primeiros anos de operação, a empresa teve vendas relativamente altas, mas também incorreu em grandes prejuízos. A Demonstração de Resultados (enviada aos acionistas e disponível no Web site da empresa) foi a seguinte:

2003

2002

Receita de vendas

5.860.340,00

1.393.500,00

Custo das vendas

(4.568.421,00)

(1.165.247,00)

Lucro bruto

1.291.919,00

228.253,00

Despesas de vendas, gerais e administrativas:

Folha de pagamento e encargos trabalhistas

945.672,00

654.783,00

Despesas de escritório e ocupação

523.160,00

321.456,00

Contratação de serviços e honorários profissionais

704.880,00

436.050,00

Despesas com servidor de Internet

201.458,00

136.598,00

Despesas gerais e administrativas

1.173.104,00

485.024,00

Propaganda e promoção

1.257.863,00

684.571,00

Depreciação

19.875,00

12.458,00

(4.826.012,00)

(2.730.940,00)

Prejuízo Operacional

(3.534.093,00)

(2.502.687,00)

Pergunta-se:

  1. Suponha que você é o mais novo gerente financeiro contratado da SportShop.com. As informações na Demonstração de resultados são suficientemente detalhadas para as suas necessidades? Dê quatro exemplos de outras informações que você provavelmente iria requisitar (fundamentando cada uma delas).

  1. Sugira duas medidas não monetárias que seriam úteis para os gerentes da SportShop.com. mas que não são incluídas nos relatórios financeiros externos.

  1. A SportShop.com. atualmente reporta a sua Demonstração de Resultados no seu site na Internet. Por que a Administração da SportShop.com. relutaria em apresentar informações não monetárias juntamente com a Demonstração de Resultados no Web site da empresa?

FUNDAMENTOS DE CUSTEIO

Existem dois métodos básicos de custeio: Custeio por Absorção e Custeio Variável ou Direto. A diferença básica entre os dois métodos está no tratamento dos custos fixos.

Método de Custeio por Absorção ou Global

Custeio por Absorção é o método derivado da aplicação dos princípios de contabilidade geralmente aceitos, nascido da situação histórica mencionada. Consiste na apropriação de todos os custos de produção aos bens elaborados, e só os de produção; todos os gastos relativos ao esforço de fabricação são distribuídos para todos os produtos feitos” (Martins, 2000, p. 42).

Considerando que é o único Método de Custeio aceito pela Receita Federal, pelos Auditores Externos por estar de acordo com os Princípios de Contabilidade Geralmente Aceitos, é bastante utilizado, apesar das deficiências para fins gerenciais em razão da alocação arbitrária dos custos indiretos de fabricação.

Todos os custos de produção, tanto fixos como variáveis são atribuídos ao produto final e, portanto absorvidos pela produção e pelos estoques.

Demonstração do Resultado do Exercício pelo método de custeio por Absorção:

Receita Bruta de Vendas (preço de venda x quantidade vendida)

(-) Impostos sobre as vendas

= Receita Líquida

(-) Custos Variáveis (valor por unidade x quantidade vendida)

(-) Custos Fixos (valor por unidade x quantidade vendida)

= Lucro Bruto

(-) Despesas variáveis (valor por unidade x quantidade vendida)

(-) Despesas fixas (total do período)

= Resultado

Método de Custeio Variável ou Direto

O Custeio Variável é um tipo de custeamento que consiste em considerar como Custo de Produção do período apenas os Custos Variáveis incorridos. Os custos fixos, pelo fato de existirem mesmo que não haja produção, não são considerados como Custo de Produção, e sim como despesas.

Os custos variáveis são considerados como atribuídos aos Produtos. Os fixos são tratados como despesas do período e não são incluídos nos estoques. Não é considerado como de acordo com os Princípios de Contabilidade Geralmente Aceitos e, portanto deve ser utilizado apenas em Relatórios Internos de Informações Gerenciais.

Demonstração do Resultado do Exercício pelo método de custeio Variável ou Direto:

Receita Bruta de Vendas (preço de venda x quantidade vendida)

(-) Impostos sobre as vendas

= Receita Líquida

(-) Custos Variáveis (valor por unidade x quantidade vendida)

(-) Despesas Variáveis (valor por unidade x quantidade vendida)

= Margem de Contribuição

(-) Custos Fixos (total do período)

(-) Despesas fixas (total do período)

= Resultado

EXERCÍCIOS

1. No segundo trimeste de 2007, determinada indústria concluiu a produção de 600 unidades do item X2, tendo vendido 400 dessas unidades, ao preço unitário de R$ 120,00.

No mesmo período foram coletadas as seguintes informações:

  • Custo variável unitário: R$ 20,00

  • Total de custos fixos: R$ 18.000,00

  • Despesas variáveis de vendas: R$ 2,00 por unidade.

  • Inexistência de Estoque inicial de Produtos no período.

Pede-se apurar o resultado pelos métodos de custeio por absorção e variável, bem como o valor do estoque final pelos dois métodos.

RESPOSTA: Absorção: R$ 27.200,00 e Estoque final: R$ 10.000,00

Variável: R$ 21.200,00 e Estoque final: R$ 4.000,00

2. Determinada empresa industrial apresenta a seguinte estrutura:

  • Custos de Produção: Fixos R$ 300.000,00 e Variáveis R$ 9,00 por unidade

  • Despesas variáveis de vendas R$ 2,50

  • Despesas fixas de vendas, administrativas e financeiras R$ 120.000,00.

  • Preço de venda R$ 20,00.

Supondo-se ainda que o nível de produção em determinado período tenha atingido 80.000 unidades e as vendas 60.000 unidades. Inexistindo estoques no início do período, pede-se: Apurar o Lucro e os Estoques Finais pelos métodos de Custeio por Absorção e Variável.

RESPOSTA: Absorção: R$ 165.000,00 e Estoque final: R$ 255.000,00

Variável: R$ 90.000,00 e Estoque final: R$ 180.000,00

(Parte 4 de 14)

Comentários