Monitorização hemodinâmica

Monitorização hemodinâmica

(Parte 1 de 4)

Monitorização hemodinâmica

Enfermagem em atendimento às situações críticas.

Prof. Ma. Caroline Neris

Monitoração hemodinâmica

•Registro e avaliação das funções vitais.

A monitoração de funções vitais éuma das mais importantes e essenciais ferramentas no manuseio de pacientes críticos.

• Monitorização

Não invasiva: FC, FR, PA, T, ECG contínuo, diurese e Spo2 –registro horário.

Invasiva: pressões cardíacas e da pressão arterial média através de procedimentos médicos de cateterizaçãoarterial e venosa.

Monitorização contínua àbeira do leito.

•Monitor cardíaco multiparâmetros. •Cabos de 3 ou 5 eletrodos.

•Posicionamento correto dos eletrodos.

Assistência de enfermagem ao paciente com monitoração cardíaca.

•Realizar troca diária do eletrodo descartável realizando rodízio da área de fixação.

•Limpar a pele com água e sabão.

•Avaliar a presença de irritação.

•Proteger a pele aplicando tintura de Benjoim ou selantecopolímetrolíquido.

•Documentar a monitorização.

• Comunicar alterações eletrocardiográficas.

•Orientar o paciente e visitantes sobre a monitoração.

Punção venosa central

Obtenção de um acesso venoso central ou profundo.

ProcedimentoMédico

Manutenção Enfermagem

Punção venosa central Finalidade

Infusão de líquidos irritantes ao tecido vascular periférico.

Infusão de volume com maior velocidade.

Monitorização hemodinâmica.

Punção venosa central Locais de punção

•Veia jugular. •Veia subclávia.

•Veia femoral.

•Veias antecubital

Punção periférica Dissecção - cirúrgico Cateter Central de Inserção Periférica-PICC

Cateter Central de Inserção Periférica -PICC

Raio X de controleCateteres venosos

• Lúmen. •Escolha do cateter.

•Tempo de permanência.

•Risco de infecção.

•Quando retirar?

Materiais necessários para punção venosa

•1 Bandeja de punção venosa.

•1 cat. venoso central.

•1 Fio monofilamento3.0.

•1 Lidocaína2% sem vasoconstritor.

•1 Antisséptico degermante e alcoólico.

•1 Máscara cirúrgica.

•1 Luva estéril.

•1 Capote estéril.

•Campos estéreis extras.

•1 agulha 25 x 7 m.

•1 equipo macrogotas.

(Parte 1 de 4)

Comentários