a busca da excelencia

a busca da excelencia

O que merece ser feito, merece ser bem feito. (Gerhard Erich Boehme)

Um pouco de história... A 9 de Março de 1500 zarpou de Belém a segunda armada da Índia, constituída por 13 velas (9 naus, 3 caravelas e 1 naveta de mantimentos) capitaneadas por Pedro Álvares de Gouveia, secundogénito de Fernão Cabral, senhor de Belmonte e corregedor da Beira.

Um pouco de história... A esquadra transportava entre 1200 e 1500 homens, incluindo a tripulação, a gente de guerra, o feitor, os agentes comerciais e escrivães, o cosmógrafo mestre João, um vigário e oito sacerdotes seculares, oito religiosos franciscanos, os intérpretes, os indianos que tinham sido levados para Lisboa por Vasco da Gama e alguns degredados.

Tecnologia de gestão

E antes do descobrimento?

Na época dos faraós havia uma extensa documentação de sistemas de garantia da qualidade, que estão relatados no chamado Livro dos Mortos. Eles descrevem como os rituais deveriam ser conduzidos, como as pessoas mortas deveriam ser preparadas e como seu funeral deveria ser realizado. Por volta de 4000 a.C., os egípcios conheciam planejamento, organização e controle, e a aprovação de uma especificação padrão era realizada pela marca do superintendente da necrópole.

O primeiro imperador da China, Qin Shi Huangdi, que era responsável por um vasto território, decretou que todas as mercadorias fornecidas para uso na casa imperial deveriam conter uma marca que identificasse a pessoa que as verificou. Desta maneira, se o item tivesse falha, o verificador poderia ser localizado e punido.

Em muitos prédios de pedra europeus podem ser encontrados registros de marcas medievais ou de pedreiros posteriores, as quais indicavam a aprovação pelo mestre pedreiro do trabalho de seus subordinados e aprendizes. Em 1140 o sistema de marcação foi introduzido para atestar a qualidade de itens de ouro e prata.

1300 - Defesa e qualidade aliadas

  • .

  • Dois ingleses ficaram famosos pelo estabelecimento de especificações de qualidade para a indústria de defesa, Geoffrey Chancer, que na segunda metade de 1300 era inspetor do fornecimento do guarda-roupas real, visitou fabricantes de armaduras, espadas, selas e outros equipamentos para estabelecer a conformidade destes para a aquisição da armadura real.

1690 Surgem as idéias de Dênis Papin, físico francês, aperfeiçoadas e testadas por Thomas Newcomen e por James Watt. Em 1712 ficou pronto o primeiro motor de Newcomen, o princípio desse motor era bem simples. Em 1769, Richard Arkwright, desenvolveu uma máquina que se associava à máquina a vapor. Essas máquinas passaram a ter uma importância crescente com a substituição da lã pelo algodão.

1760 Temos o início da Revolução Industrial apenas parte de todo um longo processo de transição econômica que deu origem à moderna economia.

1808 Temos o caso dos mosquetões do armeiro Eli Whitney e seus defeitos: a baioneta envergava, o fecho não se ajustava, partes quebravam ou não se encaixavam. Como se vê, há mais de um século o problema da qualidade já apresentava aspectos críticos.

1890 Frederic Winslow Taylor (1856-1915) Com o advento da Revolução Industrial provocou uma profunda transformação nas técnicas de produção. A multipartição em pequenas tarefas e a necessidade da intercambialidade das peças estabeleceram as bases da produção em massa. O trabalho de Frederic Winslow Taylor, desdobrando um processo de produção em tarefas mínimas unitárias e exigindo que o pessoal da linha de produção executasse uma única e repetitiva tarefa, tem sido citado como o maior avanço na obtenção de altos níveis de produtividade.

1900 - 1991 William Edwards Deming em parceria com Walter Shewart, com quem aprendeu as teorias do controle estatístico da qualidade. Em 1941, na Segunda Guerra Mundial trabalhou para os Aliados ministrando cursos sobre controle estatístico da qualidade para engenheiros e inspetores. Foi recrutado pelas forças Aliadas para planejar o censo japonês de 1951. Em 1954 aceitou o convite para ministra cursos sobre métodos de controle da qualidade aos técnicos japoneses.

Em 1950, o dr. Deming foi enviado ao Japão, chamado pelo chefe da ocupação americana, o lendário general MacArthur, o qual estava irritado com a péssima qualidade dos radiorreceptores japoneses, que prejudicavam a adequada recepção da propaganda norte-americana feita por rádio nos lares japoneses do pós-guerra. O dr. Deming, que em muito ajudou os japoneses a aumentarem sua eficiência através da qualidade, teve seu nome indicado ao mais alto prêmio nacional da qualidade no Japão: o "Deming Prize".

Um dia ele explicou porque obteve sucesso no Japão e não nos EUA: "... porque nos EUA eu ensinava qualidade para engenheiros e técnicos que fazem produtos; e no Japão eu ensinei qualidade para os gerentes e diretores que fazem a política da empresa..." Foi naquele momento que o controle do produto começou a ser substituído pelo gerenciamento de sistemas, resultado da capacidade de visão de grandes mentes como o Dr. Deming, o Sr. Joseph M. Juran, com 89 anos, um romeno que imigrou para os EUA em 1912, e outros.

Ordem e limpeza

  • Ordem e limpeza

  • SOL

  • 5S

    • Seiri - Utilização
    • Seiton - Ordenação
    • Seiso - Limpeza
    • Seiketsu - Bem Estar
    • Shitsuke – Autodisciplina

8S

  • 8S

  • Shikari Yaro:  é o senso da determinação e união, que requer a participação da alta direção em parceria com a união de todos os colaboradores. O fator de sucesso é o exemplo que vem de cima e a motivação, liderança e comunicação são as chaves deste senso.

  •  

8S

  • 8S

  •  

  • Shido: é o senso de formação profissional (capacitação, educação e treinamento) visando qualificar o profissional e engrandece-lo como ser humano. O membro da Força de Trabalho (empregado, terceirizado, consultor interno, estagiário etc ) passa a ser mais criativo e produtivo e ter melhor empregabilidade, essencial para ocupar novas posições dentro e fora da empresa.

  •  

8S 

  • 8S 

  • Setsuyaku: senso de economia e combate aos desperdícios. Este senso decorre quando os demais sensos estiverem incorporados no dia-a-dia das pessoas, estas se sentem motivadas para introduzir mudanças e melhorias de baixo ou nenhum investimento, mas que contribuem no combate aos desperdícios e no aumento da produtividade. A questão fundamental deste senso é a que somos responsáveis por administrar recursos escassos, principalmente o tempo e o dinheiro. É o que alta direção da empresa espera de sua Força de Trabalho  e os clientes e acionistas esperam da empresa.

10S

  • 10S

  • SHISEI RINRI:  é a aplicação de princípios morais e éticos pela organização. As empresas européias normalmente trabalham com valores e as americanas, com princípios, em ambos os casos limitam a atuação da organização.

  • SEKININ SHAKAI:  á a adoção do compromisso de responsabilidade social por parte da organização.

  • Criada em 1996 decorrente de iniciativas que tiveram início na Rio Eco 92. é a norma de Sistema de gestão ambiental.

  • OHSAS 18001 é uma "especificação" para Sistemas de Gestão de Saúde Ocupacional e Segurança - OH&S (SOS), publicada em 1999. Ela foi conjuntamente desenvolvida por alguns organismos de certificação de terceira parte, organismos nacionais de normas do Reino Unido, Irlanda, África do Sul, Japão, Espanha, Malásia, Singapura, México e outras partes interessadas de todo o mundo.

  • OHSAS 18001:1999

O conceito de responsabilidade social é amplo, referindo-se à ética como princípio balizador das ações e relações com todos os públicos com os quais a empresa interage: acionistas, empregados, consumidores, rede de fornecedores, meio-ambiente, governo, mercado, comunidade.

  • O conceito de responsabilidade social é amplo, referindo-se à ética como princípio balizador das ações e relações com todos os públicos com os quais a empresa interage: acionistas, empregados, consumidores, rede de fornecedores, meio-ambiente, governo, mercado, comunidade.

A questão da responsabilidade social vai, portanto, além da postura legal da empresa, da prática filantrópica ou do apoio à comunidade.

  • A questão da responsabilidade social vai, portanto, além da postura legal da empresa, da prática filantrópica ou do apoio à comunidade.

  • Significa mudança de atitude, numa perspectiva de gestão empresarial com foco na responsabilidade social das relações e na geração de valor para todos.

  • Requisitos para os processos de medição e equipamento de medição

  • Apresenta orientações para o sistema de gestão de medição.

  • Ela contém todos os requisitos que os laboratórios de ensaio e calibração devem atender se desejam demonstrar que operacionalizam um sistema da qualidade, são tecnicamente competentes e que são capazes de produzir resultados tecnicamente válidos.

  • É usada pelo INMETRO e organismos de credenciamento internacionais para o reconhecimento da competência de laboratórios de ensaio e de calibração.

  • É uma norma setorial destinada aos fornecedores da setor automotivo, substituiu as Normas QS 9000, EAQF, VDA6 e AVSQ.

  • É uma norma setorial destinada aos fornecedores da setor petroquímico, petróleo e gás natural.

Comentários