Espectroscopia Vibracional bira 2010

Espectroscopia Vibracional bira 2010

(Parte 1 de 3)

Espectroscopia Vibracional Espectroscopia Vibracional

Espectroscopias Vibracionais

• Espectroscopias Ópticas –Espectroscopia de Absorção na Região do Infravermelho

•Modo de Transmissão •Modo de ReflectânciaDifusa

•Modo de ReflectênciaInterna ou ReflectânciaAtenuada (ATR) ou Reflectânciae Absorbância (IRRAS)

•Modo de ReflectânciaExterna

– Espectroscopia Ra man

• Espectroscopia Ra man •Espectroscopia Raman Ressonante

•Espectroscopia Raman intensificada por meio de Superfície (SERS)

•Espectroscopia de Elétrons –Espectroscopia de Perda de Energia de Elétrons em Alta Resolução

Espectroscopia Óptica

•Espectroscopia de Absorção na Região do Infraver melho

• Espectroscopia Ra man

Espectroscopia de Absorção na

Região do Infravermelho

• Trans missão •Refletância Difusa

•Reflexão Externa (Especular)

•Reflexão Interna (FTIRRAS, ATR)

Níveis de Energia Eletrônicos e Vibracionais inicialfinal

K. Naka moto, Infraredand Ra man Spectra ofInorganic and Coordination Co mpounds.

Níveis rotacionais

Níveis vibracionais + rotacionais

Nível eletrônico com vibracionais e rotacionais

Espectroscopia rotacional Espectroscopia vibracional

Espectroscopia eletrônica

Curva de Potencial Cada estado eletrônico pode ser representado por uma curva de energia potencial do Oscilador Harmônico.

Oscilador Anar mônico

Uma molécula émelhor descrita por um modelo do tipo Oscilador Anarmônico, onde bandas de absorção devido a bandas harmônicas ou de sobretom são permitidas.

Energia dos Níveis Vibracionais υ vib = frequênciada vibração

V = número quântico vibracional=1,2,3

Energia do nível vibracional

K = constante de força da ligação e éa curvatura da curva de energia potencial na distância de equilíbrio entre os átomos.

Tempo de Vida dos Estados Excitados

•Quanto maior for o tempo de vida no estado excitado, maior éa largura natural do pico no espectro.

Espectroscopia Vibracional Ubirajara Pereira Rodrigues Filho

Determinando o Número e a Simetria dos Modos Fundamentais

•Exemplo: BF 3

–Determine a geometria e a simetria da molécula: neste caso trigonalplana e D 3h

Determine Γ 3N

•1) Determine o número de átomos não deslocados (N NAND ) para cada elemento de simetria da tabela de caracteres do D 3h

Determinando Γ 3N

•Determine a contribuição de cada átomo para o caracter(χ) usando a Tabela abaixo:

Determine Γ R

Determine Γ T

Achando Γ vibracional

Decompondo a representação

Redutível Γ vibracional

Resultado: Existem 4 modos normais de vibração; 2 do tipo E’ , 1 do tipo

’ e 1 do tipo A 2

Regra de Seleção

Infraver melho

(Parte 1 de 3)

Comentários