11 Redes de computadores

11 Redes de computadores

(Parte 3 de 7)

MODCOMP Comunicação interna

Ponto de acesso Rádio LAN

Recebimento das mercadorias

Coordenador Kanban

Armazén

Firewall Aplliance

Rádio LANLAN Corporativa

Pocket PC

Sistema de comunicação interna

Convergência tecnológica

Com a convergência da telefonia e a computação, surgem padrões para transmissão e interconexão de dados entre computadores e telefones celulares que utilizam os mesmos conceitos de rede dos computadores para comunicação.

O GSM (Global System for Mobile) é hoje outro padrão emergente para transmissão e interconexão de dados entre computadores e telefones celulares. Ele opera a uma frequência de 900MHz, e hoje está em sua terceira geração (3G).

IESDE Br asil S.A. Rede

Conexão de rede externa (xDSL/Modem, roteador, Gateway, etc.)

Conexão de rede local (PC, outras redes, dispositivos)

AC/DC Adaptador de corrente (use o fornecido ou equivalente)

GSM LAN (LAN 3G).

Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações w.iesde.com.br

Redes de Computadores – Topologia e Hardware

Cabeamento de redes

Cada tipo de rede exige um cabeamento adequado às propriedades de seu hardware instalado, o que determinará seu correto funcionamento.

Essas propriedades consideram a velocidade e capacidade de transmissão de dados do hardware e software instalados nos servidores, hubs, switches e computadores da rede. Todo o conjunto deve rodar em perfeita harmonia com os protocolos de comunicação instalados.

O padrão elétrico mais utilizado para a comunicação física na rede é o Ethernet e os tipos de cabos associados são:

O cabo coaxial é mais encontrado em redes com topologia de barramento ou anel, pois sua limitação é a velocidade de transmissão/recepção de dados de até 10Mbits/s.

Sua utilização necessita de conectores especiais para o cabo se conectar ao computador e continuar a conexão até o computador seguinte na rede repetindo dessa forma o sinal da rede. Esses conectores são chamados de BNC (British Naval Connector).

Existem os conectores BNC para receber/repetir o sinal para o próximo ponto da rede e são chamados de BNC modelo T, e para as redes em topologia de barramento existe um conector para determinar o final do barramento e, portanto, fechar o sinal da rede chamado conector terminador.

W ik imedia C ommons/ Roman tiker .

W ik imedia C ommons/ Jek ader

. A daptado

Conectores BNC instalados em placas de rede.

Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações w.iesde.com.br

Redes de Computadores – Topologia e Hardware

PAR trançado (UTP)

É o cabo mais utilizado atualmente nas redes com topologia de estrela ou mista.

Permite velocidades de tráfego de 10/100/1000 MBits e ainda pode manter uma distância de até 100 metros entre o ponto (computador) e o concentrador (Hub/switch).

Esse cabo é formado internamente por oito cabos (quatro coloridos e quatro brancos) dispostos em quatro pares, onde cada cabo colorido é trançado com um cabo branco formando um par individual trançado. O primeiro par é laranja com um branco, o segundo é azul com um branco, o terceiro é verde com um branco e o quarto é o marrom com um branco.

Existem categorias de cabo tipo UTP (Unshielded Twisted Pair) que são especificadas por entidades normatizadoras como ANSI (American National Standards Institute) e TIA (Telecommunications Industry Association).

Categoria 3: até 10Mbps Categoria 4: até 16Mbps Categoria 5: até 100Mbps

Categoria de cabo 5

É o cabo mais utilizado em redes Ethernet para frequências até 100MHz e uma taxa de transferência de dados de até 100Mbps.

W ik imedia C ommons/ R ichar d W heeler

Cabo categoria 5.

Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações w.iesde.com.br

Redes de Computadores – Topologia e Hardware

O cabo de par trançado utiliza para sua conexão entre o ponto (computador) e o concentrador (Hub/switch) um conector chamado de RJ-45 (Registered Jack- v.45).

W ik imedia C ommons/ Bar an I v o .

Conector RJ-45

Para conectar o cabo com seus pares ao conector RJ-45 deve-se obedecer às normas de numeração dos pares com as posições dos pinos no conector RJ-45. Essas normas estabelecem a velocidade e tipo de sinal que se deseja trafegar na rede.

As conexões por rede Ethernet usam apenas quatro fios. Os fios de números 1 e 2 (TD+ e TD–) para a placa de rede do computador enviar o sinal de transmissão de dados até o concentrador (hub/switch), e entre os fios de números 3 e 6 (RD+ e RD–) para a placa de rede do computador receber o sinal de transmissão de dados do concentrador.

No padrão EIA 568B, a ordem dos fios dentro do conector (em ambos os lados do cabo) é a seguinte:

(Parte 3 de 7)

Comentários