Plano Aquarela 2020

Plano Aquarela 2020

(Parte 5 de 11)

Todas as ferramentas de que a EMBRATUR dispõe estarão à disposição deste planejamento integrado, trabalhando os públicos internacionais que devem ser abordados – o mercado turístico, a imprensa internacional e o consumidor final.

1 – Alinhamento de ações

A promoção internacional envolve diversos atores, várias políticas públicas e parceiros da iniciativa privada necessários para enfrentar o desafio de comunicação do país como destino turístico na próxima década. Para isso, o alinhamento de políti- cas, ações e planejamentos será essencial para garantir resultados.

O plano de ações para este alinhamento envolve:

1. Alinhamento com as políticas gerais do

Ministério do Turismo no planejamento e execução das atribuições do turismo para a Copa, por meio do Grupo de Trabalho designado para esse fim.

2. Ttrabalho interno da

EMBRATUR para a preparação e coordenação do Plano Aquarela 2020 – Marketing Turístico Internacional do Brasil, que passou a incorporar a Copa do Mundo a partir do planejamento de 2008 e as Olimpíadas a partir de 2009, com todas as suas particularidades e crono- gramas próprios.

Os principais aspectos abordados foram:

Definição do cronograma de trabalho da equipe da EMBRATUR; a interface com a equipe do Ministério do Turismo; e o cronograma de reuniões e alinhamento com outras áreas do Governo Federal, inicialmente Ministério do Esporte, APEX Brasil - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, SECOM – Secretaria de Comunicação da Presidência da República e Ministério das Relações Exteriores.

Início da construção de parcerias com as entidades líderes do trabalho local com a Copa do Mundo de Futebol FIFA e os Jogos Olímpicos: a CBF – Confederação Brasileira de Futebol, por meio do LOC – Comitê Organizador Local; e o COB – Comitê Olímpico Brasileiro, por meio de seu comitê local.

Realização de seminários internos envolvendo diretores e gerentes da EMBRATUR, com a participação da consultoria Chias Marketing, para elaboração do primeiro documento de planejamento, cronograma de atuação e grandes temas a cargo da EMBRATUR para a Copa do Mundo Brasil 2014, em março de 2009, e para os Jogos Olímpicos Rio 2016, em novembro de 2009.

Elaboração de notas técnicas e do documento referencial que orienta o trabalho de construção do Plano Aquarela 2020 – Marketing Turístico Internacional do Brasil.

3. Reuniões e visitas externas, com destaque para:

Viagens realizadas de estudos e aprendizado de melhores práticas à Alemanha e África do Sul.

Reuniões realizadas com a FIFA para compreensão do calendário mundial do futebol, funcionamento da Copa e adequação à realidade brasileira.

Reuniões com a South Africa Tourism (Copa 2010) para troca de informações, experiências e assinatura de um acordo de cooperação entre o Brasil e a África do Sul no campo do turismo.

Participação na Copa das Confederações na África do Sul, para observação de práticas quanto ao turismo e reconhecimento de possibilidades de promoção durante a Copa de 2010.

Reunião e preparação de acordo de cooperação entre a EMBRATUR e o Visit Britain (Olimpíadas 2012) para troca de experiências entre o turismo brasileiro e inglês em novembro de 2009.

Realização, em parceria com o Comitê Local da Copa 2014 CBF/ FIFA do I Seminário das Cidades-Sede, com o tema Promoção do Turismo, em novembro de 2009.

Participação no SOCCEREX, feira de futebol realizada na África do Sul, em novembro de 2009, em parceria com o Ministério do Esporte e cidades-sede brasileiras.

4. Fase de diagnóstico e pesquisas que subsidiaram toda a elaboração do Plano Aquarela 2020, que incluíram:

Pesquisa com o turista estrangeiro que visita o Brasil para verificar como a imagem do país mudou desde 2004 e como está atualmente nosso posicionamento – julho 2009.

Novas pesquisas adquiridas pela EMBRATUR de institutos internacionais sobre comportamento de mercados emissores para o Brasil e seus concorrentes – junho 2009.

Pesquisas com operadores de turismo estrangeiros com o propósito de verificar a presença do Brasil como destino turístico entre os distribuidores no exterior – julho 2009.

Pesquisa da demanda internacional 2008 realizada pelo Ministério do Turismo, por meio da FIPE – outubro 2009.

Reuniões setoriais de turismo do Brasil, com os diversos segmentos, entidades e líderes do setor público e privado, para identificar sugestões, preocupações e interagir no processo de elaboração do Plano Aquarela 2014 – junho e julho 2009.

Relatórios de imagem do Brasil como destino turístico no exterior com análise do período 2005 a 2009. Os documentos foram elaborados com os recursos do programa de relações públicas, da ferramenta Monitor Brasil e assessoria de comunicação da EMBRATUR.

O cronograma de ações preparado para 2010 será o ponto de partida para aproveitar as grandes oportunidades que começam, a partir do encerramento da Copa da África do Sul, com o período de grande exposição do Brasil como sede da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014.

Janeiro a Julho

Preparação das ações em parceria entre o Ministério do Turismo, Ministério do Esporte, APEX, EMBRATUR e CBF, que serão executadas durante o mundial da África do Sul para dar o início à promoção do Brasil como sede da Copa de 2014.

Início da agenda de promoção comercial do Brasil no exterior – que compreende ações da campanha de publicidade nos países prioritários, ações de relações públicas com a imprensa internacional e eventos de apoio à comercialização no exterior.

Participação para observação de melhores práticas e aprendizado nas Olimpíadas de Inverno de Vancouver; estabele- cimento de troca de experiências com o turismo do Canadá.

Realização de visita à Austrália para conhecer a experiência do Tourism Austrália nas Olimpíadas de Sidney 2000.

Preparação da campanha global de congratulações à África e convite para visitar o Brasil Sensacional 2014, a ser veiculada a partir de julho 2010, logo após o encerramento da Copa da África do Sul.

Realização de ação de relações públicas com operadores de turismo, empresários estrangeiros e jornalistas da imprensa internacional convidados para o carnaval do Rio de Janeiro, em parceria com a APEX.

Apresentação no Brasil da nova campanha publicitária que será veiculada a partir de julho de 2010 ao final da Copa da África do Sul.

Lançamento dos programas especiais de promoção internacional para a Copa do Mundo Brasil 2014 e os Jogos Olímpicos Rio 2016: relações públicas; apoio à captação e promoção de even- tos associativos e esportivos e grupo de incentivos.

Entrega às cidades-sede, pela EMBRATUR, de um kit de material promocional e informativo unificado, com a mesma mensagem e identidade visual, a ser usada no exterior a partir de julho de 2010, a saber:

¿edição especial de livro para apresentar

o Brasil e as 12 cidades-sede da Copa em quatro idiomas: inglês e francês, que são os idiomas esportivos, além do espanhol e português;

¿ vídeo especial sobre o Brasil e as 12 cidades-sede para utilização no exterior, também em quatro idiomas;

¿ página web especial, em quatro idiomas, sobre a Copa do Mundo para apresentação do Brasil e das 12 cidades-sede. Essa página especial será utilizada para incorporar todas as notícias e informações sobre o turismo no Brasil para os estrangeiros que desejarem vir à Copa em 2014;

¿ banco de imagens sobre o Brasil e as 12 cidades-sede para utilização pelos órgãos de turismo brasileiros, entidades esportivas, imprensa internacional e empresas.

Julho a Dezembro

Com o encerramento da Copa da África do Sul, inicia-se a promoção do Brasil como sede em 2014. O plano operacional inclui ações na África do Sul e países selecionados, de acordo com a prioridade estabelecida pelo Plano Aquarela e com as oportunidades específicas geradas por eventos ligados à Copa do Mundo de Futebol.

Na África do Sul

Durante a realização do evento, o Brasil terá espaços para exposição e relacionamento com públicos específicos, como imprensa, formadores de opinião e família esportiva, além do grande público presente aos jogos e eventos. Especialmente, o programa de relações públicas terá a função de atuar com a imprensa credenciada e não credenciada na África do Sul para disponibilizar conteúdos e imagens sobre o Brasil como sede da Copa 2014.

O Espaço Brasil, durante a realização da Copa da África do Sul, será comparti- lhado por todos os atores públicos nas diversas esferas, além da família esportiva brasileira. As ações incluem acompanhamento dos jogos da seleção brasileira em ações de rua, exposição de produtos brasileiros em espaços comerciais e eventos culturais que possam mostrar a diversi- dade brasileira e a alegria da nação que receberá a Copa em 2014.

Pelo mundo

Realização de eventos de promoção do Brasil como sede da Copa de 2014 no período de encerramento da Copa de 2010, acompanhando os eventos funfest da FIFA.

(Parte 5 de 11)

Comentários