Nota de aula-Fundamentos da Economia

Nota de aula-Fundamentos da Economia

7

Economia 8/02/2011 Gilnete Leite dos Santos

União das Instituições Educacionais do Estado de São Paulo – UNIESP

Faculdade de Presidente Epitácio- FAPE

ECONOMIA PARA OS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS

Nota de Aula baseada na obra de Marco Antônio S. Vasconcellos e Manuel E. Garcia

PROF. Ms. GILNETE LEITE DOS SANTOS

PRESIDENTE EPITÁCIO – 2011

Fundamentos da Economia

  1. Introdução à Economia

    1. Introdução

Em nosso cotidiano, jornais, revistas, televisão deparamos com inúmeras questões econômicas: aumento de preços, crise econômica, crescimento de desemprego, valorização e desvalorização da taxa de câmbio.

O objetivo da ciência econômica é analisar os problemas econômicos e formular soluções para resolvê-los de forma a melhorar nossa qualidade de vida.

    1. Conceitos de Economia

Economia é a ciência social que estuda como o indivíduo e a sociedade decidem empregar recursos escassos na produção de bens e serviços de modo a distribuí-los entre pessoas e grupos da sociedade.

Essa definição contém outros conceitos que são a base e objetos de estudo da economia: escolha, escassez, necessidade, recursos; produção e distribuição.

Em qualquer sociedade os recursos produtivos (mão-de-obra, terra, matéria-prima) são limitados, por outro lado, as necessidades humanas são ilimitadas por força do próprio crescimento populacional. Assim, tem-se o problema da escassez em que:

      1. Problemas Econômicos

A escassez dos produtos e a necessidade humana trazem os problemas econômicos:

  • O quê e quanto produzir;

Quais os produtos e as quantidades a serem fabricadas.

  • Como produzir;

Quais recursos de produção serão utilizados dado o nível tecnológico existente.

  • Para quem produzir;

Como os membros da sociedade participarão dos resultados da produção.

O modo como a sociedade resolve esses problemas depende da organização econômica do país, do sistema econômico.

    1. Sistemas Econômicos

Um sistema econômico é a forma política, social e econômica pela qual esta organizada a sociedade.

É um sistema de organização da produção, distribuição e consumo de todos os bens e serviços.

Os elementos de um sistema econômico são:

  • Estoque de recursos produtivos incluindo os recursos humanos (trabalho e capacidade empresarial), o capital, a terra, recursos naturais e tecnologia.

  • Complexos de unidades de produção que são as empresas.

  • Conjunto de instituições políticas, econômicas e sociais que são a base da organização da sociedade.

      1. Classificação do Sistema Econômico

  • Sistema Capitalista: regido pelas forças de mercado predominando a iniciativa livre e privada.

  • Sistema Socialista: predomina a propriedade pública dos fatores de produção englobando os bens de capital, terras, prédios, bancos entre outros.

    1. Economia de Mercado (Fluxos reais e Monetários)

Economia de mercado é aquela em que a maioria dos preços de bens, serviços e salários é determinada pelo mecanismo de preços que atua por meio de oferta e demanda dos fatores de produção.

Imagine uma economia de mercado que não tenha a interferência do governo e que não tenha transação com o exterior (economia fechada). Os agentes econômicos são as famílias (unidades familiares) e as empresas as unidades produtoras.

As famílias são proprietárias dos recursos produtivos que os fornece às unidades de produção (empresas) no mercado dos fatores de produção. Já as empresas pela combinação dos fatores de produção produzem os bens e serviços e os oferecem às famílias no mercado de bens e serviços.

      1. Fluxo Real

Ao fluxo de fatores de produção e bens e serviços dá-se o nome de fluxo real da economia. A figura 1.4.1 lustra o fluxo real da economia.

Figura 1.4.1: Fluxo Real da Economia.

Em resumo no mercado de bens e serviços as famílias demandam bens e serviços enquanto as empresas ofertam. No mercado de fatores de produção as famílias ofertam os serviços dos fatores de produção (que são de sua propriedade) enquanto as empresas os demandam.

      1. Fluxo Monetário

Paralelamente ao fluxo real temos o fluxo monetário da economia. A figura 1.4.2 lustra o fluxo monetário da economia.

Figura 1.4.2: Fluxo Monetário da Economia.

      1. Fluxo Circular de renda

Unindo os dois fluxos tem-se o chamado fluxo circular de renda. A figura 1.4.3 lustra o fluxo monetário circular de renda.

Figura 1.4.3: Fluxo circular de renda.

Em cada um dos mercados atuam conjuntamente a força da oferta e da demanda determinando o preço.

Esse fluxo é chamado de básico (famílias e empresas). No fluxo completo incorpora o setor público em que há a adição de impostos e no fluxo externo existe as relações e transações de mercadorias e serviços com o resto do mundo.

      1. Bens de capital, bens de consumo, bens intermediários e fatores de produção

  • Os bens de Capital são as máquinas, equipamentos e instalações, utilizados na fabricação de outros bens, mas que não se desgastam no processo produtivo.

  • Os bens de consumo são aqueles que destinam a necessidade humana, são os bens duráveis (geladeira, fogão, carros) e os não-duráveis (alimento, produto de limpeza).

  • Os bens intermediários são transformados na produção de outros bens e totalmente consumidos no processo produtivo (matérias-prima, componentes).

  • Fatores de produção são os recursos humanos (trabalho e capacidade empresarial), terra, capital e tecnologia.

    1. Divisão do Estudo Econômico

A análise econômica é dividida em quatro áreas

      1. Microeconomia ou teoria da formação de preços

Examina a formação de preços em mercado específico, ou seja, como o consumidor e as empresas interagem no mercado e como decidem o preço e a quantidade (Capítulos 4 e 7).

      1. Macroeconomia

Estuda a determinação e o comportamento dos grandes aglomerados nacionais como o PIB, investimentos agregados, poupança, o nível geral dos preços. Seu enfoque é basicamente de curto prazo (Capítulos 8 a 11, 13 e 14).

      1. Economia Internacional

Analisa as relações econômicas entre residentes e não residentes no país que envolve transações financeiras (capítulo 12).

      1. Desenvolvimento econômico

Preocupa-se com a melhoria do padrão de vida da coletividade (Capítulo 15).

Nosso curso limita-se apenas às duas primeiras análises (micro e macroeconomia).

REFERÊNCIAS

VASCONCELLOS, M. A. S; GARCIA, M. E. Fundamentos da Economia. 2 ed. São Paulo: Saraiva, 2004.

Exercícios

  1. Porque os problemas econômicos fundamentais (o quê, quanto, como e para quem produzir) originam-se da escassez de recursos de produção?

  1. Analisando-se uma economia de mercado, observa-se que os fluxos real e monetário conjuntamente formam o fluxo circular de renda. Explique como esse sistema funciona.

  1. Conceitue: Bens de capital, bens de consumo, bens intermediários e fatores de produção.

  1. Explique o que é economia.

  1. Explique o que é sistema econômico e quais seus elementos.

  1. Explique com suas palavras os fluxos real e monetário.

Comentários