Introdução à Citologia

Introdução à Citologia

Essas células apresentam duas partes morfologicamente bem distintas – o citoplasma e o núcleo.

  • Essas células apresentam duas partes morfologicamente bem distintas – o citoplasma e o núcleo.

  • O citoplasma é envolto pela membrana plasmática, e o núcleo, pelo envoltório nuclear.

  • Uma característica importante das células é sua riqueza em membranas, formando compartimentos que separam os diversos processos metabólicos graças ao direcionamento das moléculas absorvidas e às diferenças enzimáticas entre as membranas dos vários compartimentos.

Membrana Plasmática

  • Membrana Plasmática

    • É a parte mais externa do citoplasma e, portanto, separa-o do meio extracelular.
    • Tem cerca de 7 a 10 nm de espessura.
    • Aparece nas eletrofotomicrografias como duas linhas escuras separadas por uma linha central clara. Esta estrutura trilaminar é comum às outras membranas encontradas nas células, sendo por isso chamada de unidade de membrana ou membrana unitária.

Núcleo

  • Núcleo

    • 1. Envoltório nuclear (sistema duplo de membranas)
    • 2. Nucléolo: RNA ribossomal + proteínas básicas
    • 3. Cromatina (DNA e proteínas)

Retículo Endoplasmático

  • Retículo Endoplasmático

    • Rede de vesículas achatadas, vesículas esféricas e túbulos que se intercomunicam.
    • Esses elementos possuem uma parede formada por uma unidade de membrana que delimita cavidades, as cisternas do retículo endoplasmático.
    • Distinguem-se o retículo endoplasmático rugoso, ou granular, e o liso.

A principal função do retículo endoplasmático rugoso é produzir e secretar proteínas destinadas à exportação, ou para uso intracelular em organelas como os lisossomos, por exemplo.

  • A principal função do retículo endoplasmático rugoso é produzir e secretar proteínas destinadas à exportação, ou para uso intracelular em organelas como os lisossomos, por exemplo.

  • Outras funções são a glicosilação inicial das glicoproteínas, síntese de fosfolipídios, a montagem de moléculas protéicas com múltiplas cadeias polipeptídicas e a proteólise da seqüência de aminoácidos, que é o sinal para a introdução das proteínas nas cisternas do retículo endoplasmático.

Ribossomos

  • Ribossomos

    • a. Associados com o RER.
      • b. Associados ao RNA mensageiro: polirribossomo.
      • c. Livres no citoplasma.

Complexo de Golgi

  • Complexo de Golgi

    • É constituído por um número variável de vesículas circulares achatadas e por vesículas esféricas de diversos tamanhos.
      • a. Processamento e transporte de proteínas e lipídios.
      • b. Síntese e transporte de polissacarídeos.
      • c. Armazenamento, embalagem e eliminação de secreções.

Lisossomos

  • Lisossomos

    • São vesículas derivadas do complexo de Golgi, de forma e tamanho variáveis e contendo diversas enzimas hidrolíticas.

São peroxissomos encontrados em certos protistas (Euglena, Tetrahymena) e sementes oleaginosas de vegetais superiores.

  • São peroxissomos encontrados em certos protistas (Euglena, Tetrahymena) e sementes oleaginosas de vegetais superiores.

  • Contêm principalmente as enzimas do ciclo do ácido glioxílico, que participam da síntese de hidratos de carbono a partir de triglicerídeos acumulados nas sementes, ou então de acetato, no caso de protistas.

  • Os hidratos de carbono são usados como fonte de energia pela semente durante a germinação e para as necessidades energéticas usuais dos protistas.

Os peroxissomos das folhas das plantas participam, junto com os cloroplastos, da fotorrespiração.

  • Os peroxissomos das folhas das plantas participam, junto com os cloroplastos, da fotorrespiração.

  • A fotorrespiração é um processo de oxidação de compostos resultantes da atividade fotossintética dos cloroplastos, formando principalmente hidratos de carbono como produto final.

  • Na fotorrespiração há consumo de oxigênio e produção de gás carbônico.

  • Esses peroxissomos possuem, entre outras enzimas, catalase, enzimas da -oxidação dos ácidos graxos e ácido glicólico-oxidase.

Mitocôndrias liberam energia gradualmente das moléculas de ácidos graxos e glicose, provenientes dos alimentos, produzindo calor e, principalmente moléculas de ATP (adenosina-trifosfato).

  • Mitocôndrias liberam energia gradualmente das moléculas de ácidos graxos e glicose, provenientes dos alimentos, produzindo calor e, principalmente moléculas de ATP (adenosina-trifosfato).

      • a. Membranas externa e interna
      • b. Matriz/cristas
      • c. DNA e ribossomos próprios (auto-duplicação)

Cloroplastos – função: fotossíntese

  • Cloroplastos – função: fotossíntese

    • 1) Verde – contém o pigmento clorofila
    • 2) estroma/granum (pilha de tilacóides)
    • 3) DNA e ribossomos próprios (auto-duplicação)
    • 4) Até 100 por célula

Citoesqueleto

  • Citoesqueleto

    • Papel mecânico, de suporte, mantendo a forma celular e a posição de seus componentes.
    • Estabelece, modifica e mantém a forma das células.
    • É responsável também pelos movimentos celulares como contração, formação de pseudópodos e deslocamentos intracelulares de organelas, cromossomos, vesículas e grânulos diversos.
    • Os principais elementos do citoesqueleto são: os microtúbulos, filamentos de actina e filamentos intermediários.

Depósitos citoplasmáticos

  • Depósitos citoplasmáticos

    • Glicogênio
    • Gotículas lipídicas
    • Pigmentos (ex: melanina e lipofuscina)

Comentários