Telecurso 2000 Química Nível Médio - q7d

Telecurso 2000 Química Nível Médio - q7d

7AULA7 AULA lO ciclo da Ægua na natureza lEstaçªo de tratamento de Ægua lFlocos e floculador lCloro, para desinfetar lFlœor, para prevenir cÆries

fi Decantaçªo fi Filtraçªo fi Destilaçªo

O jornaleiro e o amigo passaram Ægua suja por uma porçªo de terra que eles puseram numa garrafa. Viram que realmente Ø possível limpar a Ægua dessa maneira. Ficaram discutindo por que nós nªo usamos só Ægua de poço.

Chegaram à conclusªo de que deve faltar Ægua, se todos usarem Ægua subterrânea.

Eles sabem que a quantidade de Ægua que nós usamos Ø muito maior do que parece à primeira vista, principalmente considerando a Ægua que nós gastamos sem perceber. Na realidade, o problema maior Ø o tempo que a Ægua da chuva leva para passar pelo solo.

Lembre-se de que a Ægua precisa passar por um solo bem socado para ficar limpa. E isso leva tempo.

Outro problema de tirar muita Ægua do subsolo Ø que se pode provocar o desmoronamento do terreno. Por isso usamos Ægua da superfície (rios, lagos e represas). Mas as Æguas superficiais precisam ser tratadas.

Na estaçªo de tratamento de Ægua, faz-se quase a mesma coisa que na filtraçªo natural. As impurezas sªo tambØm decantadas e depois separadas por filtraçªo.

O tratamento de Ægua Ø um bom exemplo de como nós controlamos as condiçıes para obter, artificialmente, um produto que a natureza produz.

Vamos ver como Ø uma estaçªo de tratamento de Ægua. Depois vamos comparar o que acontece lÆ com o processo natural.

Como se faz o tratamento da Ægua? barragem para armazenar água

O que vocΠvai aprender

Seria bom jÆ saber

Isto lhe interessa

ESTAOESTAOESTAOESTAOESTAODEDEDEDEDE TRATAMENTOTRATAMENTOTRATAMENTOTRATAMENTOTRATAMENTO DEDEDEDEDE GUAGUAGUAGUA`GUA

ETAPA 1A Ægua Ø retirada da represa por bombeamento contínuo, durante 24 horas. Faz-se o controle de micróbios que prejudicam a saœde.

ETAPA 2A Ægua bruta chega na estaçªo e escoa, por gravidade, para um reservatório, onde sªo adicionados produtos químicos.

ETAPA 3Acrescenta-se uma substância chamada sulfato de alumínio e outra, chamada cal. Quando elas se misturam na Ægua, o resultado Ø uma substância gelatinosa, em forma de flocos. As partículas de sujeira em suspensªo na Ægua grudam nesses flocos.

ETAPA 4Os flocos vªo para o fundo. ETAPA 5Esses flocos sªo decantados e saparados, por filtraçªo.

ETAPA 6O cloro Ø adicionado trŒs vezes: •na represa;

•logo depois de se colocar cal;

•depois da filtraçªo.

Para garantir a qualidade da Ægua para o consumidor, faz-se, continuamente, a anÆlise rigorosa para o controle dessa qualidade.

Após o tratamento, a Ægua Ø encaminhada para o reservatório semienterrado da estaçªo. A Ægua sai por canos enormes e vai para as caixas de Ægua dos bairros e, finalmente, para as casas.

Releia com atençªo o que se faz em cada etapa do tratamento, pense e resolva os exercícios que se seguem.

caixa d'água para as casas lago decantador filtro adição de cloro

AULAExercício 1Exercício 1Exercício 1Exercício 1Exercício 1 No tratamento de Ægua, estamos separando as substâncias que estªo dissolvidas ou as substâncias que estªo só misturadas, sem se dissolver?

Exercício 2Exercício 2Exercício 2Exercício 2Exercício 2

coluna do simsimsimsimsime a coluna do nªonªonªonªonªo. Marque um x na coluna do sim sim sim sim sim nas etapas

Para saber por que o processo na estaçªo de tratamento de Ægua Ø mais rÆpido que o natural, leia novamente como se faz o tratamento de Ægua e preencha o quadro abaixo. No quadro vocŒ tem trŒs colunas: a coluna das etapasetapasetapasetapasetapas,,,,, a que vocŒ acha que ajudam a acelerar o processo de tratamento de Ægua.

Marque um x na coluna do nªonªonªonªonªonas etapas que vocŒ acha que nªo ajudam

a acelerar o processo.

As substâncias que se encontram dissolvidas na Ægua, que sªo os sais minerais, nªo fazem mal à saœde. Esses sais sªo importantes para a saœde do homem e, por isso, devem ser deixados na Ægua. A Ægua de rios e lagos que vai para a estaçªo de tratamento Ø principalmente a Ægua da chuva.

A ilustraçªo ao lado mostra como a Ægua se movimenta na natureza.

A Ægua da superfície evapora, condensa-se e transforma-se em chuva e em neve.

A Ægua da chuva Ø como Ægua destilada. Veja na Aula 4 como se destila Ægua num aparelho de destilaçªo e faça uma comparaçªo com o ciclo natural da Ægua.

evaporação chuva e neve rios e lagos mar

AULAExercício 3Exercício 3Exercício 3Exercício 3Exercício 3 Mostre a parte do aparelho de destilaçªo que corresponderia a:

a)a)a)a)a) Ægua superficial; b)b)b)b)b) nuvem; c)c)c)c)c) chuva.

VocŒ estÆ percebendo que toda Ægua que existe no nosso planeta fica circulando. O ciclo nªo tem fim. Os cientistas dizem que a quantidade total de Ægua no mundo Ø a mesma hÆ bilhıes de anos.

Isso quer dizer que a Ægua que estÆ aqui hoje, num outro dia pode estar lÆ nas nuvens. Nªo seria interessante acompanhar a viagem de uma gota de Ægua por esse mundo afora?

VocŒ acompanhou atØ aqui as experiŒncias do nosso jornaleiro e de seu amigo. Eles estavam preocupados com a falta de Ægua. Essa preocupaçªo levouos a descobrir como se purifica a Ægua. Aprenderam vÆrios processos de purificaçªo, tais como decantaçªo, filtraçªo, destilaçªo.

VocŒ tambØm viu como se faz o tratamento de Ægua para abastecimento da populaçªo e aprendeu que, nesse tratamento, o homem apenas imita a natureza.

A história que vocŒ acompanhou Ø imaginÆria, mas o problema Ø muitoo problema Ø muitoo problema Ø muitoo problema Ø muitoo problema Ø muito realrealrealrealreal. Veja a notícia de jornal reproduzida aqui. Ela fala por si só.

Mais de 250 mil pessoas serão prejudicadas hoje com o corte de abastecimento de água por parte da Sabesp.

A interrupção do abastecimento, hoje, a partir das 7 horas, será feita para a limpeza de mais um dos decantadores infestado por uma alga que não causa mau cheiro e gosto ruim na água. Segundo a Sabesp, esse tipo de alga não apresenta nenhuma alteração, apenas traz problemas técnicos. O fornecimento, conforme a companhia, deve ser restabelecido ainda hoje, às 21 horas.

A alga proliferou-se pelo

Sistema Guarapiranga por causa de uma série de fatores ambientais favoráveis — luz, ca- lor e esgoto que é lançado clandestinamente na represa — e entupiu os filtros dos decantadores. Eles tiveram de ser esvaziados e limpos, interrompendo o tratamento de 800 litros de água por segundo.

O Sistema Guarapiranga tem 6 decantadores, com 2 filtros cada um.

A limpeza dos filtros costuma ser feita a cada 18 horas, mas, por causa das algas, passou a ocorrer a cada 8 horas.

Os decantadores em geral são esvaziados e tratados a cada 40 ou 45 dias.

Mas essa rotina também foi mudada. O decantador limpo ontem recebera cuidados havia apenas 27 dias.

Trechos de notícia do jornal O Estado de S. Paulo, de 19/1/1995.

Sistema saturado é a causa da falta d’água

AULAVocΠprecisa saber

lA Ægua de rios que ficam longe de cidades geralmente Ø limpa. lA Ægua de rios próximos de cidades geralmente Ø poluída. lA Ægua canalizada que chega a nossas casas foi tratada.

lO tratamento da Ægua Ø feito na estaçªo de tratamento de Æguaestaçªo de tratamento de Æguaestaçªo de tratamento de Æguaestaçªo de tratamento de Æguaestaçªo de tratamento de Ægua.

lNa estaçªo de tratamento de Ægua sªo adicionados produtos químicos à

Ægua. A finalidade desses produtos químicos Ø formar flocosflocosflocosflocosflocos. A sujeira da Ægua gruda nesses flocos. Em seguida, a Ægua Ø filtrada. Os flocos com a sujeira ficam presos no filtro e a Ægua limpa passa.

lDepois da filtraçªo adiciona-se cloroclorocloroclorocloro à Ægua para matar micróbios que causam doenças.

lA Ægua evapora de rios, lagos e mares e forma as nuvens. Depois cai na forma de chuva ou neve. Imitamos esse processo quando fazemos a destilaçªo.

lA Ægua da chuva entra no solo, onde Ø filtrada. Depois, a Ægua reaparece nos poços. Imitamos esse processo na estaçªo de tratamento de Ægua.

Um rio se recupera

esgotoesgotoesgotoesgotoesgotode casas e efluentesefluentesefluentesefluentesefluentes de indœstrias. Efluentes de indœstrias sªo Æguas que

A Ægua de rios próximos de cidades geralmente Ø poluída porque recebe contŒm substâncias usadas numa fÆbrica e que sªo jogadas nos rios.

Muitos quilômetros depois da cidade o rio se recupera, ou seja, sua Ægua fica novamente limpa. A Ægua passa por cima de pedras e areia, onde a sujeira fica presa. Micróbios, isto Ø, pequenos seres vivos que nªo podemos ver, tambØm ajudam nessa limpeza. Eles comem restos de plantas e animais da Ægua e os transformam em substâncias que nªo cheiram mal.

`gua para beber

A Ægua que pode ser tomada Ø chamada de Ægua potÆvelÆgua potÆvelÆgua potÆvelÆgua potÆvelÆgua potÆvel. Precisamos analisar a Ægua para saber se ela Ø potÆvel. Analisar a Ægua significa observÆ-la e verificar se:

finªo Ø turva; finªo tem cor, cheiro ou sabor; fiØ fresca; fitem sais em soluçªo; fiØ estØril.

Vamos pensar mais

AULAVamos entender o que Ø tudo isso

A Ægua Ø turvaturvaturvaturvaturva quando tem alguma substância misturada que nªo se dissolve. VocŒ viu que areia nªo Ø solœvel em Ægua. Agitando Ægua com areia, a Ægua fica turva.

É claro que Ægua turva nªo serve para beber. Se a Ægua tem corcorcorcorcor, Ø porque tem alguma substância dissolvida. Pode ser ferro. Talvez vocŒ jÆ tenha ouvido falar em Ægua ferruginosa de alguns poços.

Quando a Ægua de um rio tem cheirocheirocheirocheirocheiro, hÆ restos de vegetais ou animais apodrecidos nela.

gua potÆvel nªo tem saborsaborsaborsaborsabor. NinguØm gosta de tomar Ægua morna. A Ægua tem de ser frescafrescafrescafrescafresca, isto Ø, fria. É importante que a Ægua tenha alguns sais dissolvidossais dissolvidossais dissolvidossais dissolvidossais dissolvidos para ser boa para beber. Nªo serve qualquer sal.

A Ægua tem de ser estØrilestØrilestØrilestØrilestØril. Isso significa que ela nªo pode conter micróbios. O tratamento com cloro elimina os micróbrios.

A estaçªo de tratamento de Ægua

Para que a Ægua nªo tenha nenhum dos problemas de que falamos acima, ela precisa ser tratada. Isso Ø feito na estaçªo de tratamento de Ægua.

A Ægua chega na estaçªo de tratamento num tanque. Nele, recebe produtos químicos que sªo sulfato de alumíniosulfato de alumíniosulfato de alumíniosulfato de alumíniosulfato de alumínio e calcalcalcalcal. Essas substâncias reagem quando jogadas juntas na Ægua, formando flocos.

Vamos explicar melhor. Sulfato de alumínio Ø o nome de uma substância, assim como Ægua Ø o nome de outra substância, só que muito mais bem conhecida. Cal tambØm Ø uma substância.

Quando sulfato de alumínio e cal sªo adicionados à Ægua, forma-se uma nova substância, chamada hidróxido de alumíniohidróxido de alumíniohidróxido de alumíniohidróxido de alumíniohidróxido de alumínio. Hidróxido de alumínio Ø gelatinoso e forma flocos. Tudo aquilo que faz a Ægua ficar turva e o que lhe dÆ cor, cheiro e sabor gruda nesses flocos. AtØ os micróbios grudam neles.

Os flocos se formam num tanque chamado floculadorfloculadorfloculadorfloculadorfloculador. O decantadordecantadordecantadordecantadordecantador Ø um tanque em que os flocos vªo para o fundo, levando a sujeira e deixando Ægua limpa em cima. Decantar Ø: deixar uma mistura parada, de modo que a substância sólida vÆ para o fundo. Assim, a Ægua turva fica clara.

Do decantador a Ægua passa pelo filtrofiltrofiltrofiltrofiltro. O filtro Ø um tanque com uma camada de areia no fundo. A Ægua passa pela areia, que segura tudo aquilo que nªo foi separado no tanque anterior.

A seguir, a Ægua passa para o tanque de desinfecçªo, onde recebe cloroclorocloroclorocloro. O cloro mata os micróbios que sobraram, que nªo ficaram nos flocos.

É colocado excesso de cloro para que a Ægua chegue às casas e mate micróbios que podem estar nas caixas de Ægua.

Ainda Ø necessÆrio colocar mais uma substância na Ægua. É novamente cal, mas desta vez para corrigir a acidezacidezacidezacidezacidez da Ægua. A Ægua nªo pode ser Æcida, para nªo atacar os canos de ferro.

Em muitas cidades coloca-se na Ægua uma substância que contØm flœorflœorflœorflœorflœor. Isso faz com que as pessoas que tomam essa Ægua tenham menos cÆries nos dentes, isto Ø, menos dentes estragados. A Ægua assim tratada Ø distribuída para a populaçªo.

O tratamento de Ægua Ø complicado e caro. Portanto, economize a Ægua tratada que vocŒ recebe em casa.

AULA`guas industriais

Muitas vezes, a Ægua usada em indœstrias precisa de um tratamento especial. Em caldeiras, que sªo mÆquinas para produzir vapor de Ægua, nªo se pode usar Ægua duraÆgua duraÆgua duraÆgua duraÆgua dura. `gua dura nªo Ø dura no sentido comum. Ela contØm substâncias que grudam nas paredes das caldeiras quando aquecida. Tais substâncias grudadas nas paredes entopem a entrada e a saída da caldeira, que pode explodir.

Outras indœstrias, como a de refrigerantes ou a farmacŒutica, isto Ø, as fÆbricas de remØdios, tambØm exigem Æguas com tratamento especial.

¤Como a Ægua circula na natureza. ¤O que Ø uma estaçªo de tratamento de Ægua.

¤Que filtraçªo e destilaçªo ocorrem na natureza.

¤Fazer uma lista de pelo menos 4 etapas do tratamento de Ægua.

As questıes abaixo referem-se ao artigo de jornal reproduzido na pÆgina 50.

Exercício 4Exercício 4Exercício 4Exercício 4Exercício 4 Em que ocasiıes a SABESP interrompe o abastecimento de Ægua?

Exercício 5Exercício 5Exercício 5Exercício 5Exercício 5 Por que Ø preciso tirar as algas apesar de nªo causarem cheiro ou gosto ruim?

Exercício 6Exercício 6Exercício 6Exercício 6Exercício 6

Localize na ilustraçªo do tratamento de Ægua (pÆg. 48) o equipamento em que ocorreu o problema.

Exercício 7 Exercício 7 Exercício 7 Exercício 7 Exercício 7 Qual Ø o volume da Ægua tratada que deixou de ser produzido?

Exercício 8Exercício 8Exercício 8Exercício 8Exercício 8

Por que os consumidores nªo percebem que um dos decantadores foi infestado por algas?

Exercício 9Exercício 9Exercício 9Exercício 9Exercício 9 O que fizeram com os decantadores por causa das algas?

Exercício 10Exercício 10Exercício 10Exercício 10Exercício 10 De quanto em quanto tempo limpam os filtros? E os decantadores?

Agora eu sei

Vamos exercitar

Comentários