Curso de Programação em Javascript e HTML

Curso de Programação em Javascript e HTML

(Parte 7 de 10)

Como pode ver a variável z só existe dentro da função em que foi declarada. Fora dessa função ela nunca chega a existir. Isto acontece porque ela é uma variável local </p>

Domínio de existência de uma variável

<script type="text/javascript">

<!-- // As 7 linhas seguintes são necessárias para evitarmos um erro de script

// Estude o capítulo 5 para saber mais sobre as instruções trycatch

var s try { s=i //a variável i existe } catch(e) { s='indefinido' //a variável i não existe } document.write("Antes de executarmos o ciclo for temos i="+s) document.write("<br><br>")

document.write("<br>terminou o ciclo for<br>") s=i document.write("Depois de executarmos o ciclo for temos i="+s) // --> </script>

Como pode ver a variável i não existia antes de ser executado o ciclo <code>for</code>. Ela só passou a existir depois de ser declarada. O domínio de existência de uma variável começa no meio em que é declarada e termina quando terminar o script (variáveis globais) ou quando terminar a função (variáveis locais). </p>

<meta name="autor" content="Rafael Feitosa">31

Curso de Programação em JavaScript e HTML Dinâmico Desenvolvimento, aplicações e referências de acordo com as normas do W3C

Caracteres especiais

Em JavaScript, as strings (variáveis que contêm texto) definem-se colocando texto entre aspas ou entre apóstrofos (caractere '). Por isso dizemos que as aspas e os apóstrofos são caracteres delimitadores de uma string: a string começa na primeira ocorrência de um caractere delimitador e termina na segunda ocorrência mas sempre na mesma linha. O exemplo seguinte ilustra este ponto:

var s = "Isto é uma string" var z = 'Isto é outra string'

Imaginemos agora que queremos colocar os próprios caracteres delimitadores como parte do conteúdo da string. Não podemos escrever o que se mostra a seguir porque está errado:

var z = 'O meu nome é 'Luisão''// isto está errado

var s = "O meu nome é "Zezinho"" // isto está errado

Mas podemos escrever var s = "O meu nome é \"Zezinho\"" var z = 'O meu nome é \'Luisão\''

Ao colocarmos o caractere \ (barra para trás) antes das aspas ou dos apóstrofos estamos dizendo ao interpretador de JavaScript que aquela aspa ou apóstrofo não é um delimitador mas sim um caractere normal que deve fazer parte do conteúdo da string.

Podemos obter o mesmo resultado do exemplo anterior escrevendo na forma seguinte (que é bem mais legível e deve ser preferida):

var s = 'O meu nome é "Zezinho"' var z = "O meu nome é 'Luisão'"

Há caracteres que só podem ser obtidos usando a barra para trás. O mais importante deles é o caractere newline (nova linha), que provoca uma mudança de linha e não pode ser obtido de nenhuma outra forma. Sempre que quisermos forçar uma mudança de linha numa string temos de escrever \n (caractere newline), assim:

var s = 'O meu nome é "Zezinho".\nTodos têm respeitinho por mim!'

<meta name="autor" content="Rafael Feitosa">32

Curso de Programação em JavaScript e HTML Dinâmico Desenvolvimento, aplicações e referências de acordo com as normas do W3C

Também é conveniente (mas não absolutamente necessário) que ao escrevermos o caractere / num script o façamos na forma \/ (colocando uma barra para trás antes da barra para frente). Isto é recomendável porque os comentários com uma só linha começam com os caracteres //. Se usarmos a barra para trás temos a certeza de que o interpretador não irá confundir o caractere / com o início de um comentário.

Exemplos de Aplicação

Caracteres especiais: delimitadores de strings

<script type="text/javascript">

<!-- var s = "Isto é uma string" var z = 'Isto é outra string' var s1 = "O meu nome é \"Zezinho\"" var z1 = 'O meu nome é \'Luisão\'' var s2 = 'O meu nome é "Zezinho"' var z2 = "O meu nome é 'Luisão'"

Caracteres especiais: newline

<script type="text/javascript">

<meta name="autor" content="Rafael Feitosa">3

Curso de Programação em JavaScript e HTML Dinâmico Desenvolvimento, aplicações e referências de acordo com as normas do W3C

// Cada ocorrência dos caracteres \n provoca uma mudança de linha var s = "Linha 1: Esta é uma string com várias linhas.\n Linha 2\n Linha 3\n\nLinha 5" alert(s) // --> </script>

Utilizar caracteres especiais do HTML em um script

A linguagem HTML e XHTML trata alguns caracteres de forma especial. Entre eles temos: &, < e >. Estes caracteres são utilizados na linguagem JavaScript para formar operadores lógicos. Se os usarmos num script (o que é inevitável, porque eles são indispensáveis) as nossas páginas já não serão capazes de passar num teste de validação de HTML ou de XHTML e até podem ser interpretadas incorretamente por alguns browsers.

Colocar os scripts dentro de comentários do HTML

Para evitarmos que isso aconteça devemos fazer o seguinte: sempre que dentro de um script colocarmos um dos caracteres &, < ou > devemos colocar todo o código do script dentro de um comentário do HTML. Isto serve para evitar que o browser tente interpretar o conteúdo do script como se fosse HTML, o que seria errado. Por outro lado, um validador de HTML ou de XHTML que vá analisar a página fica sabendo que o script não deve ser validado porque está escrito numa linguagem diferente. O exemplo seguinte ilustra este ponto:

<script type="text/javascript">

Sempre que usarmos caracteres especiais do HTML dentro do código JavaScript é conveniente que coloquemos todo o conteúdo do script dentro de um comentário do HTML. Deste modo evitamos possíveis erros de interpretação por parte do browser e erros de validação inevitáveis. </p>

<script type="text/javascript">

<!-- var s='<p style="color: blue">Aqui temos um parágrafo azul.</p>' document.write(s) --> </script>

<meta name="autor" content="Rafael Feitosa">34

Curso de Programação em JavaScript e HTML Dinâmico Desenvolvimento, aplicações e referências de acordo com as normas do W3C

Exemplos de Aplicação

Formatar texto com etiquetas HTML

<script type="text/javascript">

Como acabou de ver podemos usar etiquetas do HTML com o método document.write para produzir conteúdo formatado mas <b>é preciso ter cuidado!!!</p> </p>

<b>Sempre que colocarmos etiquetas HTML dentro de um script é conveniente colocar o conteúdo do script dentro de um comentário do HTML.</b> </p>

<script type="text/javascript">

<meta name="autor" content="Rafael Feitosa">35

Curso de Programação em JavaScript e HTML Dinâmico Desenvolvimento, aplicações e referências de acordo com as normas do W3C

(Parte 7 de 10)

Comentários