3-Processos costeiros

3-Processos costeiros

(Parte 1 de 2)

ANDRÉ LUIZ CARVALHO DA SILVA 2009 -I

De acordo com LAING (1998) em um trabalho publicado recentemente pela WMO (WorldMeteorologicalOrganization),as ondas de superfície oceânica são o resultado de forças que atuam no ocean o:

¾pressão ou stress da atmosfera sobretudo através dos ventos(ondas de gravidadee ondas capilares ),

¾interação gravitacional da Terra com a Lua e o Sol gerando as ondas de maré , e

¾a força de Coriolis gerada pelo movimento rotacional da

Terra.

1. Comprimento de onda (L):que éa distância horizontal em metros entre duas cristas sucessivas ;

2. Período da onda (T):éo intervalo de tempo em segundos entre a passagem de duas cristas por um ponto fixo.

3. Freqüência (f):éo número de cristas o qual passa por um ponto fixo em 1 (um) segundo.

Algumas propriedades básicas de uma onda:

Algumas propriedade básicas de uma onda:

4. Altura da onda (H):éa diferença na elevação superficial entre a crista e o cavado da onda.

5. Amplitude da onda (a):expressa em metros, corresponde a metade da altura da onda.

6. Esbeltezda onda:éa relação entre a altura e o comprimento da onda.

Como calcular os diversos parâmetros acima apresentados:

1. Comprimento de onda L(metros): L = gT2 /2πtangh(kd),onde g éa gravidade e kddetermina se as ondas podem ser consideradas de água profunda, intermediária ou rasa. Para calcular o comprimento ao largo emprega-se L o

=1,56T 2 (para uma onda sinusoidal simples).

2. Período da onda T (segundos): T = L / C, sendo C = g/ωtangh

(kd), onde Céa velocidade de fase e ωfreqüência angular. Para C o

(água profunda) emprega-se a fórmula Co = 1,56 T, para ωutiliza-se ω 2 =g k tangh(kd)ek=2π/L.

3. Freqüência f (Hertz): onde f = 1 / T.

4. Altura da onda H (metros): H=2a(para uma onda sinusoidal) e

H=γdda quebra em diante, onde γéa razão entre a altura da onda e a profundidade local.

5. Amplitude da onda (a): a = H / 2.

6. Esbeltezda onda: H/L .

Bf = 0

Água profunda movimento elípticoe horizontal movimento orbital circular

Água rasa Movimento da partícula d’água:

w w.coastal.udel.edu/faculty/rad d<L/2

Movimento da partícula d’água:

d<L/2

Movimento da partícula d’água: Movimento da partícula d’água:

Movimento da partícula d’água: d<L/2

Movimento da partícula d’água: Movimento da partícula d’água:

ONDAS FORMADAS POR VENTOS ¾Tamanhodas ondas é limitado pela:

Velocidade do vento;

Duração de atuação do vento; e Fetch(pista) -área de atuação do vento.

ONDAS FORMADAS POR VENTOS ¾Tamanhodas ondas é limitado pela:

Formasde arrebentaçãodaondade acordo com (Davis,1985)depende:

(1) dogradientedo fundoe

(2) da natureza da onda em águas pr ofundas.

Os três tipos principais são: ¾SPILLING BREAKER (progressiva)

¾SURGING BREAKER (ascendente )

¾Praias com declividade suave (< 3º); ¾A onda quebra antes da crista instabilizar-se (gradualmente); e

¾A zona de surf é ampla.

SPILLING BREAKER (progressiva)

SPILLING BREAKER (progressiva) SPILLING BREAKER (progressiva)

PLUNGING BREAKER (mergulhante) ¾Praias com declividade intermediária (entre 3º e 11º);

¾Mudança acentuada no gradiente faz com que a crista da onda desmorone a uma; e

¾Formação ocasional de tubos.

(Parte 1 de 2)

Comentários