Instalações elétricas residenciais parte 2

Instalações elétricas residenciais parte 2

(Parte 4 de 7)

+ IDR2

TUG’s1 x 100 8

1 x 500+ IDR2

+ IDR2

+ IDR2

+ IDR2

+ IDR2

Quadro de medidor

Para o cálculo da corrente do circuito de distribuição, primeiramente é necessário calcular a potência deste circuito.

Nota: estes valores já foram calculados na página 2

60 x 0,40 = 2640W

1.Somam-se os valores das potências ativas de iluminação e tomadas de uso geral (TUG’s).

2.Multiplica-se o valor calculado (6600W) pelo fator de demanda correspondente a esta potência.

potência ativa de iluminação:1080W potência ativa de TUG’s:5520W 6600W

Fator de demanda representa uma porcentagem do quanto das potências previstas serão utilizadas simultaneamente no momento de maior solicitação da instalação. Isto é feito para não superdimensionar os componentes dos circuitos de distribuição, tendo em vista que numa residência nem todas as lâmpadas e tomadas são utilizadas ao mesmo tempo.

Fatores de demanda para iluminação e tomadas de uso geral (TUG’s)

Potência (W)Fator de demanda potência ativa de iluminação e TUG’s = 6600W fator de demanda: 0,40

0 a 10000,86 1001 a 20000,75 2001 a 30000,6 3001 a 40000,59 4001 a 50000,52 5001 a 60000,45 6001 a 70000,40 7001 a 80000,35 8001 a 90000,31 9001 a 100000,27 Acima de 100000,24

O fator de demanda para as TUE’s é obtido em função do número de circuitos de TUE’s previstos no projeto.

12100W x 0,76 = 9196W

3.Multiplicam-se as potências de tomadas de uso específico (TUE’s) pelo fator de demanda corr espondente.

nº de circuitosFD TUE’s nº de circuitos de TUE’s do exemplo = 4.

Potência ativa de TUE’s:

1 chuveiro de5600W 1 torneira de5000W 1 geladeira de500W 1 máquina de lavar de1000W 12100 W fator de demanda = 0,76

INSTALAÇÕES ELÉTRICAS RESIDENCIAIS 11836 ÷0,95 = 12459VA

Anota-se o valor da potência e da corrente do circuito de distribuição na tabela anterior.

4.Somam-se os valores das potências ativas de iluminação, de TUG’s e de TUE’s já corrigidos pelos respectivos fatores de demandas.

5.Divide-se o valor obtido pelo fator de potência médio de 0,95, obtendo-se assim o valor da potência do circuito de distribuição.

potência ativa de iluminação e TUG’s:2640W potência ativa de TUE’s:9196W 11836W

Uma vez obtida a potência do circuito de distribuição, pode-se efetuar o:

potência do circuito de distribuição: 12459VA

Fórmula: I = P ÷U

P =12459VA U =220V I =12459 ÷220

I = 56,6A

Para se efetuar o dimensionamento dos fios e dos disjuntores do circuito, algumas etapas devem ser seguidas.

O maior agrupamento para cada um dos circuitos do projeto se encontra em destaque na planta a seguir.

•Dimensionar a fiação de um circuito é determinar a seção padronizada (bitola) dos fios deste circuito, de forma a garantir que a corrente calculada para ele possa circular pelos fios, por um tempo ilimitado, sem que ocorra superaquecimento.

•Dimensionar o disjuntor (proteção) é determinar o valor da corrente nominal do disjuntor de tal forma que se garanta que os fios da instalação não sofram danos por aquecimento excessivo provocado por sobrecorrente ou curto-circuito.

Consultar a planta com a representação gráfica da fiação e seguir o caminho que cada circuito percorre, observando neste trajeto qual o maior número de circuitos que se agrupa com ele.

1ª ETAPA

O maior número de circuitos agrupados para cada circuito do projeto está relacionado abaixo.

nº donº de circuitosnº donº de circuitos circuito agrupados circuito agrupados

Determinar a seção adequada e o disjuntor apropriado para cada um dos circuitos.

Para isto é necessário apenas saber o valor da corrente do circuito e, com o número de circuitos agrupados também conhecido, entrar na tabela 1 e obter a seção do cabo e o valor da corrente nominal do disjuntor.

2ª ETAPA

Corrente = 7,1A, 3 circuitos agrupados por eletroduto:entrando na tabela 1 na coluna de 3 circuitos por eletroduto, o valor de 7,1A é menor do que 10A e, portanto, a seção adequada para o circuito 3 é 1,5mm2 e o disjuntor apropriado é 10A.

Circuito 3Exemplo

INSTALAÇÕES ELÉTRICAS RESIDENCIAIS Tabela 1

Exemplo do circuito 3Exemplo do circuito 12

Corrente = 2,7A, 3 circuitos agrupados por eletroduto:entrando na tabela 1 na coluna de 3 circuitos por eletroduto, o valor de 2,7A é maior do que 20 e, portanto, a seção adequada para o circuito 12 é 6mm2o disjuntor apropriado é 25A.

(Parte 4 de 7)

Comentários