(Parte 3 de 3)

10-10 Ganho sobre detecção

10-13 Tempo de Detecção do

10-14 Tempo de Detecção

Hibernar/Reiniciar 0.0 a 6550 segundos 0.0

10-15 Freqüência de

10-17 Seleção da Freqüência mínima de Saída 0: Através controle PID

1: Através da Freqüência Mínnima de Saída (Pr01.05) 0

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 35 de 42

Grupo 1: Parâmetros do Cartão de Expansão

Parâmetro

Pr. ##-## Função Ajuste(s)

Ajuste de Fábrica

1-0 Entrada Terminal

Multifunção MO2/RA2 0

1-01 Entrada Terminal

Multifunção MO3/RA3 0

1-02 Entrada Terminal

Multifunção MO4/RA4 0

1-03 Entrada Terminal

Multifunção MO5/RA5 0

1-04 Entrada Terminal

Multifunção MO6/RA6 0

1-05 Entrada Terminal

Multifunção MO7/RA7

0: Sem Função 01: Inversor operacional 02: Freqüência principal atingida 03: Velocidade em zero 04: Sobre torque detectado 05: Bloqueio de Base (Indicação B.B) 06: Baixa tensão detectada 07: Inversor em modo de operação 08: Indicação de Falha 09: Freqüência de ajustada atingida 1 10: Valor do Contador atingido 1: Valor do Contador Preliminar atingido 12: Parada por Sobre Tensão 13: Parada por Sobre Corrente 14: Alerta de aquecimento do dissipador 15: Supervisão de Sobre Tensão 16: Supervisão PID 17: Comando Avanço 18: Comando Reverso 19: Sinal de saída a Velocidade Zero 20: Indicação de (FbE, Cexx, AoL2,QUE,SavE) 21: Controle do Freio ( Freqüência desejada atingida)

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 36 de 42

1-06 Entrada Terminal

Multifunção ( MI7) 0

1-07 Entrada Terminal

Multifunção ( MI8) 0

1-08 Entrada Terminal

Multifunção ( MI9) 0

1-09 Entrada Terminal

Multifunção ( MI10) 0

1-10 Entrada Terminal

Multifunção ( MI11) 0

1-1 Entrada Terminal

Multifunção ( M12)

0: Sem Função 01: Multi-passo comando de velocidade 1 02: Multi-passo comando de velocidade 2 03: Multi-passo comando de velocidade 3 04: Multi-passo comando de velocidade 4 05: Reset Externo 06: Inibição da Aceleração/Desaceleração 07: Inibição da rampa de aceleração / desaceleração 08: Modo JOG 09: Bloqueio Externo de Base 10: ▲: Incrementa freqüência principal 1: ▼: Decrementa freqüência principal 13: Reset do contador 14: E.F. Entrada de Falha Externa 15: Função PID desativada 16: Saída auxiliar de falha do motor 17: Bloqueio de Parametros Habilitado 18: Seleção do modo de operação (terminais externo) 19: Seleção do modo de operação (teclado) 20: Seleção do modo de operação (comunicação) 21: Comando AVANÇA/REVERSO 2: Segunda fonte de freqüência de comando habilitada 23: Executa/Para Programa do PLC ( PLC1) 24: Descarga/execução/monitoração PLC ( PLC2)

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 37 de 42

Grupo 12: Parâmetros do Cartão de Expansão ( Entrada/Saída Analógica )

Parâmetro

Pr. ##-## Função Ajuste(s)

Ajuste de Fábrica

12-0 Seleção da Função AI1

0: Desabilitada 1: Primeira Fonte de Freqüência 2: Segunda Fonte de Freqüência 3: Set Point PID ( PID habilitado) 4: Retorno negativo PID 5: Retorno positivo PID

0: ACI2 Corrente ( 0.0 a 20.0mA) 12-01 Modo Sinal Analógico

12-02 Tensão de Entrada

12-03 Escala Percentual

12-04 Tensão de Entrada

12-05 Escala Percentual

12-06 Corrente de Entrada

12-07 Escala Percentual

12-08 Corrente de Entrada

12-09 Escala Percentual

12-10 Selecão da Função AI2

0: Desabilitada 1: Primeira Fonte de Freqüência 2: Segunda Fonte de Freqüência 3: Set Point PID ( PID habilitado) 4: Retorno negativo PID 5: Retorno positivo PID

0: ACI3 Corrente ( 0.0 a 20.0mA) 12-1 Modo Sinal Analógico

12-12 Tensão de Entrada

12-13 Escala Percentual

12-14 Tensão de Entrada

12-15 Escala Percentual

12-16 Corrente de Entrada

12-17 Escala Percentual

12-18 Corrente de Entrada

12-19 Escala Percentual

Modo do Sinal

Analógico Terminal AO1

12-21 Sinal de Saída

Analógica AO1 0: Frequencia Analógica

1: Corrente ( 0 a 250% corrente nominal ) 0.0

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 38 de 42

12-2 Ganho Saída Analógica

Modo do Sinal

Analógico Terminal AO2

12-24 Sinal de Saída

Analógica AO2 0: Frequencia Analógica

1: Corrente ( 0 a 250% corrente nominal ) 0.0

12-25 Ganho Saída Analógica

Grupo 13: Parâmetros do Cartão de Expansão ( PG – Placar Encoder )

Parâmetro

Pr. ##-## Função Ajuste(s)

Ajuste de Fábrica

13-0 Entrada PG

0: Desabilitada 1: Fase singular 2: Rotação Avanço / Sentido Horário 3: Rotação Reverso / Anti-horário

13-02 Número de Pólos do

Motor 2 a 10 4

Controle de Velocidade baseado no Limite da Freqüência de Saída 0.0 a 100.0Hz 10.0

*13-06 Filtro de amostra do

Retorno da Velocidade 0 a 9 ( * 2ms ) 500

Tempo de Detecção de

Falha na Realimentação

0.0: Desabilitado

Tratamento do Falha do Sinal de Realimentação

0: Avisa e rampa de desaceleração 1: Avisa e parada por inércia 2: Avisa e continua operando 1

*13-09 Filtro do Retorno de

13-10 Fonte do Contador

Rápido 0: Cartão PG 1: PLC

Apenas Leitura

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 39 de 42

6 Informações dos Códigos de Falha

Código de Falhas Código Descrição da Falha Ações Corretivas

1. Verificar se o motor é adequado ao equipamento (HP).

2. Verificar possível curto circuito nas conexões (U,V,W).

3. Verificar possível curto circuito nas conexões e fios entre o inversor e o motor (inclusive curto circuito para terra).

oc Sobre Corrente

Aumento Anormal de Corrente

4. Verifique por parafusos soltos no inversor e no motor.

1. Verificar se a tensão de entrada está dentro dos valores aceitáveis do inversor.

2. Verifique possível aumento repentino na carga do motor. Lu

Subtensão

A tensão do barramento DC caiu abaixo do valor permitido 3. Verifique a tensão e a fiação de entrada (R-S-T).

1. Verificar se a tensão de entrada está dentro dos valores aceitáveis do inversor.

2. Checar a possibilidade de haver transientes na tensão.

3. Sobre tensão do barramento DC também pode ser causada por regeneração do motor. Se for o caso aumente o tempo de desaceleração ou adicione o resistor de frenagem externo. (Pode ser necessário o módulo de frenagem, dependendo do inversor).

ou

Sobre Tensão

A tensão do barramento DC excedeu o valor máximo permitido

4. Verifique se o poder de frenagem solicitado está dentro dos limites especificado.

1. Verificar se a temperatura do ambiente está dentro dos limites especificados.

2. Verificar se as aberturas de ventilação não estão obstruídas.

3. Remova qualquer objeto estranho do dissipador e verifique se não existe sujeira.

4. Verifique e limpe o ventilador.

OH1 OH2

Sobre Aquecimento

A temperatura do dissipador está muito elevada

5. Providenciar espaço adequado para ventilação.

1. Verificar se o motor está sobrecarregado

2. Reduzir compensação de torque (Pr.7-02) oL

Sobrecarga

O inversor detectou uma corrente excessiva na saída

NOTA: O Inversor pode suportar até 150% da corrente nominal por um período máximo de 60 segundos

3. Utilize o próximo modelo maior de inversor.

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 40 de 42

Código Descrição da Falha Ações Corretivas 1. Verificar possível sobrecarga do motor. 2. Verificar o ajuste eletrônico de sobrecarga térmica.

3. Aumentar a capacidade do motor. oL1 Sobrecarga 1

Sinal eletrônico interno de sobrecarga 4. Reduzir o nível de corrente de saída para não exceder o valor da corrente nominal do motor Pr.07- 0.

1. Reduzir a carga do motor.

oL2 Sobrecarga 2

Sobrecarga do motor 2. Ajustar a compensação de torque de maneira mais

1 C Erro de Hardware

2 OV Erro de Hardware

3 GFF Erro de Hardware

4 OC Erro de Hardware

1. Procure o revendedor.

1. Quando o terminal de entrada (B.B) é acionado a saída do inversor será desligada. b Bloqueio Externo de Base

( Verificar Pr.08.07 ) 2. Desative o terminal de entrada (B.B) para que o inversor volte a funcionar novamente.

1. Verifique a curto circuito na saída ou possibilidade de haver alguma isolação fraca na nos cabos de saída.

2. Compensação de torque excessiva: diminua o valor de ajuste de compensação de torque (Pr.7-02).

3. Tempo de aceleração muito curto: Aumente o tempo de aceleração.

ocA Sobre corrente durante aceleração

4. Reconsidere a especificação do equipamento, optando por um inversor de potência superior.

1.Entrada EF (NA) nos terminais externos está fechada com o terminal GND. A saída U-V-W serão desligada. EF Falha Externa

2. Acione o RESET e a falha será limpa.

1. Verifique a curto circuito na saída ou possibilidade de haver alguma isolação fraca na nos cabos de saída.

2. Tempo de desaceleração muito curto: Aumente o tempo de desaceleração. ocd

Sobre corrente durante a desaceleração

3. Reconsidere a especificação do equipamento, optando por um inversor de potência superior.

1. Verifique a curto circuito na saída ou possibilidade de haver alguma isolação fraca na nos cabos de saída.

2. Aumento repentino da carga do motor: Verifique por possível travamento do eixo do motor. ocn

Sobre corrente durante velocidade constante

3. Reconsidere a especificação do equipamento, optando por um inversor de potência superior.

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 41 de 42

Código Descrição da Falha Ações Corretivas

CF1.0 EEPROM interna não pode ser programada

CF1.1 EEPROM interna não pode ser programada

CF 2.0 EEPROM interna não pode ser lida

CF2.1 EEPROM interna não pode ser lida

CF3.0 Erro na Fase U

CF3.1 Erro na Fase V cF3.2 Erro na Fase W cF3.3 OV ou LV

Erro no Sensor de Temperatura cF3.8 Erro OH

1. Procure o revendedor.

Quando um dos terminais de saída é aterrado, a corrente de curto circuito é maior do que 50% da corrente nominal do Inversor, o módulo de potência pode estar danificado.

NOTA: A proteção contra curto circuito é para proteção do inversor, não para proteção do usuário.

1. Verifique se o módulo de potência (IGBT) não está danificado.

GFF Falha de Terra

2. Verifique se não existe baixa isolação nos terminais de saída do inversor.

1. Verifique o ajuste dos Parâmetros (Pr10.01 ) e a fiação dos terminais AVI/ACI

FbE Erro no sinal de Retorno do PID 2. Verifique a possibilidade de falha entre o tempo de resposta do sistema e o tempo da detecção do sinal ( Pr.10.08)

1.Verifique as condições do motor.

2.Verifique se a energia de regeneração é muito grande. cFA Falha de auto aceleração / desaceleração 3.A carga pode ter sofrido uma mudança repentina.

1. Verifique a conexão RS485 do inversor e do mestre, procure por fios soltos e por ligações incorretas.

2. Verifique se o protocolo de comunicação, endereço, velocidade de transmissão, etc. estão ajustados corretamente.

3. Use o calculo de checksum correto.

cE-- Erro de Comunicação

4. Favor olhe o grupo 9 de parâmetros para maiores informações.

CodE Falha de Proteção por

Software 1. Procure o revendedor

Aerr Erro no Sinal Analógico 1. Verifique a fiação do terminal ACI

INVERSOR DELTA VFD-E (Rev. 14/04/2008) 42 de 42

Código Descrição da Falha Ações Corretivas

PHL Perda de fase

Verifique se as 3 fases de entrada estão presente e se não existe problema de conexão.

AUE Erro no Auto Tunning

1. Verifique o cabeamento entre o Inversor e o motor

2. Em seguida tente novamente

7 Informações Gerais

PRODUTOS ELETRÔNICOS METALTEX LTDA. Rua José Rafaelli, 221 - Socorro - Sto. Amaro - São Paulo/ SP CEP.: 04763-280 -Brasil - Tel. (1)5683-5713 Fax: (01)5524-2324 E-mail: engenharia@metaltex.com.br

Site: w.metaltex.com.br

Autor: Eng. Jeferson Fernandes Setor: Engenharia de Aplicações (SP) Arquivos: Manual – Inversor VFD-E VER 0.pdf Revisão: 0

(Parte 3 de 3)

Comentários