Tratores - historico

Tratores - historico

Tratores

O trator é um equipamento agrícola essencial.

  • O trator é um equipamento agrícola essencial.

  • Trata-se de uma unidade móvel de potência, formada basicamente por um motor, um sistema de transmissão, um de direção e um de locomoção. Seus principais componentes são:

Motor

  • Constituído por componentes estruturais básicos, pelo sistema de alimentação, refrigeração, lubrificação e eletricidade, tendo a função de transformar a energia térmica, contida no combustível, em energia mecânica que impulsiona a máquina.

Motor

Constituição dos Motores

  • O motor de combustão interna é um conjunto de mecanismos que transforma energia térmica em energia mecânica

Cabeçote, bloco e cárter

  • Cabeçote, bloco e cárter

o cabeçote é a parte superior do motor;

  • o cabeçote é a parte superior do motor;

  • são fabricados em ferro fundido ou alumínio.

o bloco é a parte central do motor;

  • o bloco é a parte central do motor;

  • normalmente construído de ferro fundido;

o cárter é a parte inferior do motor;

  • o cárter é a parte inferior do motor;

  • normalmente é o reservatório de óleo lubrificante.

Válvulas: as válvulas são usadas nos motores de quatro tempos. Controlam a entrada e saída de gases em cada cilindro do motor.

  • Válvulas: as válvulas são usadas nos motores de quatro tempos. Controlam a entrada e saída de gases em cada cilindro do motor.

Eixo de cames;

  • Eixo de cames;

  • Eixo de comando de válvulas;

  • possui um ressaltos ou cames para cada válvula.

  • são fabricados em aço forjado ou ferro fundido.

Cilindro:o cilindro é um furo no bloco aberto nas duas extremidades.

  • Cilindro:o cilindro é um furo no bloco aberto nas duas extremidades.

Virabrequim ou árvore de manivelas: o virabrequim é normalmente fabricado de aço.

  • Virabrequim ou árvore de manivelas: o virabrequim é normalmente fabricado de aço.

Pistão: o pistão é fechado na parte superior e aberto na inferior. Apresenta ranhuras na parte superior para fixação dos anéis de segmento

  • Pistão: o pistão é fechado na parte superior e aberto na inferior. Apresenta ranhuras na parte superior para fixação dos anéis de segmento

Biela: em forma de haste, serve para transmitir o movimento linear alternativo do pistão para o virabrequim.

  • Biela: em forma de haste, serve para transmitir o movimento linear alternativo do pistão para o virabrequim.

reservatório de óleo lubrificante;

  • reservatório de óleo lubrificante;

  • bomba de óleo lubrificante está localizada no cárter;

  • fechamento da parte inferior do motor.

Montagem de um Motor

Sistema de lubrificação

Transmissão

  • Constituída pela embreagem que liga o motor ao sistema de rodado. Possui a embreagem que permite a mudança de marcha do veículo sem que haja necessidade de desligar o motor, da transmissão também fazem parte a caixa de cambio,

Transmissão

Diferencial

  • Mecanismo que permite ao trator percorrer uma curva sem derrapar em uma das rodas. Fazendo com que elas girem em velocidades diferentes, evita o arrastamento de uma delas e a consequente ruptura dos eixos.

Diferencial

Diferencial

Transmissão final

  • Multiplica e transfere a força motriz às rodas, permitindo o deslocamento do trator.

Rodado

  • Conjunto de pneus, esteira, semi-esteira ou patas sobre o qual o veículo é montado. Acoplam-se a ele o freio, acionado para parar a máquina, e o sistema de direção, mecânico ou hidráulico, que permite conduzir o veículo no rumo desejado.

Conjunto de pneus

Esteira

Trator de esteira de borracha

Semi-esteira 6 cilindros

Colheitadeiras semi-esteira

Trator “insectoide”

Dispositivo fornecedores de potência

  • Permite a utilização da potência do trator por outras máquinas. Entre eles, a barra de tração, à qual se ligam os implementos tracionados e, ou, acionados por cilindro de controle remoto;

A tomada de potência, utilizada para movimentar outras máquinas através de eixos de transmissão;

  • A tomada de potência, utilizada para movimentar outras máquinas através de eixos de transmissão;

  • O sistema hidráulico de levantamento por três pontos, usado para suspender e controlar os implementos acoplados;

  • A polia em desuso, que faz o trator funcionar como motor estacionário.

Barra de tração

Tomada de potência

Sistema hidráulico de levantamento por três pontos

Tomada de força

O trator teve importante papel no desenvolvimento da mecanização agrícola;

  • O trator teve importante papel no desenvolvimento da mecanização agrícola;

  • Homem menos que 0,1 kw de potência em trabalho contínuo;

Inicialmente foi um substituto da força animal;

  • Inicialmente foi um substituto da força animal;

  • Hoje é projetado para múltiplos usos:

  • Tração

  • Acionamento de outras máquinas

  • Transporte

  • Irrigação

  • Sistemas remotos de controle hidráulico

Eólicos: fluxo de ar;

  • Eólicos: fluxo de ar;

  • Hidráulicos: pressão de óleo;

  • Elétricos: corrente elétrica;

  • Térmicos: calor;

Até início de 1800 o calor era considerado um fluido chamado calórico;

  • Até início de 1800 o calor era considerado um fluido chamado calórico;

  • 1783: LAPLACE e LAVOISIER introduziram o conceito de calor especifico;

  • 1842: MAYER e POISSON calcularam a equivalência do trabalho em calor e definiram a equação do gás ideal;

1652: Padre HAUTEFOILLE propõe a construção de um motor aproveitando a força expansiva dos gases provenientes da combustão da pólvora num cilindro fechado;

  • 1652: Padre HAUTEFOILLE propõe a construção de um motor aproveitando a força expansiva dos gases provenientes da combustão da pólvora num cilindro fechado;

  • 1821: W. CECIL desenvolveu um motor que funcionava com mistura de ar e hidrogênio, que foi realmente o primeiro motor a funcionar com sucesso.

1878: NICOLAS OTTO, alemão, caixeiro viajante e sócio de uma fábrica de motores a gás, é o inventor do motor de combustão por centelha (faisca);

  • 1878: NICOLAS OTTO, alemão, caixeiro viajante e sócio de uma fábrica de motores a gás, é o inventor do motor de combustão por centelha (faisca);

  • 1893: RUDOLF DIESEL, alemão, engenheiro, é o inventor do motor de combustão por compressão;

produção externa de calor;

  • produção externa de calor;

produção de calor no interior do próprio motor;

  • produção de calor no interior do próprio motor;

  • utilizados na propulsão de tratores e máquinas agrícolas entre outros.

FIM!!!

Comentários