Gerenciamento do Serviço de Enfermagem - Aulas

Gerenciamento do Serviço de Enfermagem - Aulas

(Parte 1 de 4)

1 SUMÁRIO

AULA: PROCESSO DE TRABALHO EM ENFERMAGEM2
AULA: GERENCIAMENTO DOS SERVIÇOS DE ENFERMAGEM5
AULA: GERÊNCIA DE RECURSOS HUMANOS7
AULA: LIDERANÇA10
AULA: SELEÇÃO DE PESSOAS13
AULA: PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO ORGANIZACIONAL14
AULA: PROCESSO ORGANIZACIONAL16

Mais arquivos em: http://materialenfermagem.blogspot.com

2 AULA: PROCESSO DE TRABALHO EM ENFERMAGEM

O QUE É O SERVIÇO DE ENFERMAGEM? É o órgão responsável pelo desenvolvimento dos cuidados de enfermagem profissionais com formação e competência legalmente estabelecidos consonância com os padrões de qualidade almejados pela profissão e sintonia com os objetivos organizacionais.

OUTRAS DENOMINAÇÕES Supervisão de enfermagem;

Gerência de enfermagem;

Superintendência de enfermagem;

Setor de enfermagem;

Departamento de enfermagem

ANTECEDENTES: O surgimento da Enfermagem

FLORENCE NIGHTINGALE: Precursora da enfermagem e do processo de trabalho em enfermagem

Conhecimentos de epidemiologia, estatística e administração; Redução índice mortalidade entre os feridos (guerra da Criméia); Organização do trabalho da enfermagem no hospital; Fundação de escolas de enfermagem; Divisão social do trabalho: Relações de hierarquia e subordinação; Evolução da organização do serviço de enfermagem: c/ base na ciência administrativa.

AS PRINCIPAIS FUNÇÕES ADMINISTRATIVAS .Fixar objetivos (planejar) .Analisar: conhecer os problemas. .Solucionar problemas .Organizar e alocar recursos (financeiros, tecnológicos e humanos). .Comunicar, dirigir e motivar as pessoas (liderar) .Negociar, tomar as decisões. .Mensurar e avaliar (controlar).

INFLUÊNCIAS TEÓRICAS: Administração cientifica: Divisão do trabalho e especialização (ênfase nas tarefas ao nível do operário).

Teoria Clássica: Princípios de ordem, disciplina, hierarquia ( ênfase nas tarefas e estrutura organizacional)

Modelo Burocrático: Manuais de normas e rotinas, regimentos, regulamentos (ênfase na estrutura organizacional

Teoria das Relações Humanas: Ressalta o papel das pessoas nas organizações

Mais arquivos em: http://materialenfermagem.blogspot.com

Teoria Estruturalista

Estruturalismo é um método analítico e comparativo que estuda os elementos ou fenômenos com relação a uma totalidade, salientando o seu valor de posição, assim sendo, esta teoria preocupa- se com o todo e com o relacionamento das partes na constituição, desse mesmo todo. A teoria estruturalista aplica-se a enfermagem na medida em que dentro das instituições hospitalares existe uma hierarquia organizacional;

Cada enfermeiro tem funções bem definidas na estrutura organizacional em que se insere (hierarquia); O sucesso da instituição depende da coesão funcional dos seus membros – teoria estruturalista.

CARACTERÍSTICAS DO GERENCIAMENTO EM ENFERMAGEM .Congrega grande contingente de pessoal (% dentro do setor hospitalar); .Tem seu pessoal alocado em diferentes setores do hospital (departamento); .Processo de trabalho em enfermagem; .É um sub-sistema de um sistema maior que é o hospital; .Como sub-sistema interage e se interrelaciona com os demais sub-sistemas; .É hierarquizado e obedece a uma cadeia de comando; .Congrega profissionais com diferentes níveis de formação - enfermeiro, técnico e auxiliar de enfermagem; .Desenvolve atividades de diferentes níveis de complexidade; .Lida com a imprevisibilidade e interrupções; .Confrontação com o sofrimento;

Atualmente foi incorporada a teoria dos sistemas com ênfase no ambiente sendo completada pela teoria da contingência com ênfase na tecnologia.

PROCESSO DE TRABALHO ASSISTENCIAL EM ENFERMAGEM Objeto: necessidades de cuidado de enfermagem

INSTRUMENTOS: Recursos humanos / força de trabalho equipamentos, materiais, saberes técnicos (as técnicas, os princípios científicos das técnicas, a SAE e outras metodolo- gias do cuidado, as teorias de enfermagem) FINALIDADE: atenção integral de enfermagem.

Administrar recursos de várias naturezas para garantir condições de realização dos demais “trabalhos”

Mais arquivos em: http://materialenfermagem.blogspot.com

Assistir direta ou indiretamente o indivíduo, família, comunidade e coletividade ENSINAR:

Trocar, compartilhar conhecimento, habilidades e valores. Processo de trabalho em enfermagem PESQUISAR; Questionar o mundo e buscar novas explicações para fenômenos que envolvem a enfermagem, orientando a intervenção, Estes 4 processos têm aproximações, interagem e porém são distintas

Responsabilidade de articular diferentes atores cuidando de forma integral o cliente e um cidadão, com desejos, emoções, objetividade e subjetividade e carregado de valor (ético).

.Desenvolver competências; .Liderança; .Cuidado como essência; .Gerenciar e ensinar o cuidado – cuidando. liderar a equipe para um cuidado terapêutico e com compromisso de todos

Papel do enfermeiro Coordenação do cuidado Assumir coordenação do cuidado, com competência, ética, responsabilidade, reconhecimento e valorização da nossa função.

Mais arquivos em: http://materialenfermagem.blogspot.com

5 AULA: GERENCIAMENTO DOS SERVIÇOS DE ENFERMAGEM

O que é gerenciar? O que é serviços? O que é saúde?

GERENCIAMENTO: Ato ou efeito de manter integridade física e funcional (dos empregados e equipamentos) proposta pela empresa para se ter maior produtividade e harmonia em seu ambiente de trabalho. SERVIÇOS São atividades desenvolvidas nos variados campos em função da produção, execução ou complementação de algo (cumprir deveres ou funções, prestar serviços, desempenhar e exercer função).

O que é processo? O que é trabalho?

PROCESSO Conjunto de tarefas distintas, interligadas, visando cumprir uma missão. Conjunto de causas que produzem um ou mais efeitos (produto). Define-se um processo agrupando em seqüência todas as tarefas dirigidas à obtenção de um resultado, bem ou serviço.

É a necessidade social e histórica de transformar um objeto de qualquer natureza em um produto através da utilização de capacidades físicas e mentais.

Conjunto de ações que envolve planejamento – organização - implementação e controle do processo de cuidar. O processo de trabalho envolve energia e transformação e é movido pela necessidade humana.

As necessidades psicológicas ou naturais do ser humano são características que confere movimento ao processo de trabalho.

A presença da necessidade humana leva o homem a um objetivo. A persistência produtiva de uma atividade resulta no objeto transformado.

COMPONENTES DO PROCESSO DE TRABALHO Objetos: onde incide a ação do nosso trabalho Meios e/ou instrumentos: forma pela qual a energia se incorpora ao processo de traba- lho Finalidade: objetivo da ação (produto)

Força de trabalho: pessoas envolvidas diretamente no trabalho (formação e utilização)

Mais arquivos em: http://materialenfermagem.blogspot.com

6 TRANSFORMAÇÃO DO OBJETO DE TRABALHO

NECESSIDADES Necessidade social

Necessidade individual

Necessidades de classes

Reais, imaginárias, justas, supérfluas, básicas e ostentação.

(Parte 1 de 4)

Comentários