Relatorio Lodos ativados

Relatorio Lodos ativados

Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Centro de Educação Superior do Alto Vale do Itajaí - CEAVI

Departamento de Engenharia Sanitária

Relatório de Microbiologia

Aula Laboratorial – Lodo Ativado

Data de realização do experimento: 06/09/2013

Acadêmico: José Guilherme Espíndola

Assinatura:

Acadêmica: Schaynize Prestes Pereira

Assinatura:

Acadêmico: Emanuel Fusinato

Assinatura:

Data de elaboração do relatório: 08/11/2013

Ibirama, 30 de Outubro de 2013.

Introdução

Lodo ativado é um conjunto de microrganismos que realizam o processo de degradação de matéria orgânica. Lodo em analise é composto de 17 tipos diferentes de bactérias, para a formação de uma “teia alimentar”.

Objectivo (s)

Temos como objetivo identificar o floco e seu formato, para que assim possamos verificar a qualidade do lodo.

Métodos

  • Coletar uma amostra do lodo a ser analisado;

  • Colocar sobre a lamina algumas gotas da amostra, e cobrir com a lamínula;

  • Colocar o conjunto de lamina, lamínula, e amostra no microscópio;

  • Observar a amostra;

Resultados

Realizamos todo o processo preparatorio das laminas e amostras, e ao observar a amostra de lodo, visualizamos um floco pin-point. Havia uma grande quantidade de ciliados livres e protozoarios, indicando um floco com boa depuração.

Conclusões

Os flocos biológicos são basicamente bactérias no reator biológico, e a saúde destas influencia na boa formação dos mesmos, e conseqüentemente na boa sedimentação dos flocos no decantador secundário.

O estudo dos flocos consiste em sua contagem, classificação e observação. Observamos flocos pequenos, redondos e compactos, estes são os chamados flocos “Pin-point”.

Referências bibliográficas

MICROBIOLOGIA DE LODOS ATIVADOS – UMA FERRAMENTA FUNDAMENTAL NO GERENCIAMENTO DAS ETEs. Ana Luiza Fávaro Piedade

Comentários