Apresentação - Redes Sociais na Educação

Apresentação - Redes Sociais na Educação

Universidade Federal do Piauí – UFPI Campus Ministro Reis Velloso – CMRV Programa de Pós-Graduação em Ciências Biomédicas – PPGCBM Disciplina: Estratégias Pedagógicas no Ensino em Ciências Biomédicas

Prof. Thiago Nobre Gomes

Redes Sociais na Educação

Objetivos

•Geral: Proporcionar aos alunos conhecimentos gerais sobre redes sociais, relacionando sua utilização como ferramentas metodológicas complementares para o processo educacional.

•Específicos: •Apresentar conceitos básicos sobre Redes Sociais;

•Mostrar a importância das Redes Sociais aplicadas ao processo de ensino-aprendizagem;

•Exemplificar recursos e Redes Sociais que podem ser utilizadas com fins educativos em Ciências Biomédicas;

•Promover reflexão sobre os benefícios, limitações e desafios do uso das Redes Sociais na Educação.

Conteúdo

•Introdução: Conceito de Rede, Rede de Computadores e Tecnologia da Informação;

•Conceito de Redes Sociais;

•Importância das Redes Sociais para a Educação;

•Relação entre professor e aluno nas Redes Sociais;

•Benefícios do uso das Redes Sociais na Educação;

•Limitações e desafios do uso das Redes Sociais na Educação;

•Recursos das Redes Sociais que podem ser utilizados com fins educativos;

•Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao Ensino em Ciências Biomédicas;

•Considerações Finais.

•Avaliação da Aprendizagem

Introdução

•Rede (do latim vetis):

•“Entrelaçamento de fios com aberturas regulares que formam uma espécie de tecido.”

•Novos significadosDiferentes situações.

•Conceito de Rede, para a Ciência da Computação:

Conjunto de equipamentos que possibilitam a vários computadores conversarem entre si, enviarem e receberem informações para outras máquinas, e serem acessados por um número ilimitado de usuários ao longo de um período tempo.

(RIBEIRO, 2007)

Hardware Software

Introdução

•Década de 1970:

•Empresas passaram a investir em meios para agilizar o trabalho, por meio da tecnologia que despontava como promissora.

•ComputadoresMáquinas processadoras de dados.

•4 Fases da Utilização da Tecnologia da Informação:

1ª Fase – Processamento de Dados (Era do Papel); 2ª Fase – Sistemas de Informações (Era do Suporte Eletrônico); 3ª Fase – Informações estratégicas (Era do Ambiente Virtual); 4ª Fase – Tecnologia da Informação (Era da Globalização).

Mundo sem fronteiras Internet

Introdução •Tecnologia da Informação:

•Internet no Brasil: iniciou comercialmente em 1995;

•Nos dias atuais: •Novas tecnologias: trocas de dados em tempo real.

•Obter proveito dessas tecnologias continua sendo um desafio para qualquer organização.

Conjunto de dispositivos individuais, como hardware, software, telecomunicações ou qualquer outra tecnologia que, faça parte ou gere tratamento da informação, ou ainda, que a contenha.

“O poder das redes sociais” (Disponível em: https://w.youtube.com/watch?v=BOPvu-GBny8) “O poder das redes sociais” (Disponível em: https://w.youtube.com/watch?v=BOPvu-GBny8)

Conceito de Redes Sociais

Intercambio dinâmico

Potencialização de recursos

Resolver Problemas ou Satisfazer necessidades

•Raízes na antropologia: Redes sociais sempre existiram!

É um sistema multicêntrico, uma estrutura aberta capaz de se expandir de forma ilimitada, integrando novos nós, desde que consigam comunicar-se dentro da rede, ou seja, desde que compartilhem os mesmos códigos de comunicação

(RIBEIRO, 2007)

Conceito de Redes Sociais

Ferramentas tecnológicas

Na internet, as Redes Sociais são as relações interpessoais mediadas pelo computador, e acontecem através da interação social em busca da comunicação.

•Interação interpessoal no meio eletrônico;

•Produção de conteúdo, de muitos para muitos.

•Mídia ou meio de veiculação/comunica ção baseados em tecnologia digital; •Não requer necessariamente produção de conteúdo de muitos para muitos, nem relações interpessoais.

Conceito de Redes Sociais

•Avanços dos recursos tecnológicos e das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC’s);

•Redes sociais já sofreram modificações e foram bastante aperfeiçoadas, desde o início de suas atividades.

Atividades Profissionais

Lazer

Contato Interpessoal

Aprendizagem

(SILVA, 2010)

(JULIANI et al., 2012)

Importância das Redes Sociais para a Educação

•Teoria Construtivista de Vigostky:

Ser humano como ser social

Redes sociais digitais: excelentes recursos de aprendizagem

Fornecem contato entre pessoas: diferentes mídias

(SILVA, 2010)

Todos os processos psicológicos superiores ocorrem primeiro nas relações sociais, processos intermentais ou processos interpsicológicos, sendo regulados e controlados pela interação.

Importância das Redes Sociais para a Educação

•Novas TIC’s na rotina dos seres humanos: •Recursos para potencializar os processos na área de educação;

•Complementação do ensino formal;

•Contribuem para despertar o interesse dos alunos a participarem mais ativamente das tarefas;

(JULIANI et al., 2012; LORENZO 2011)

Interatividade Flexibilidade

Relação entre professor e aluno nas Redes Sociais

•Até algum tempo atrás
acabarAula final do dia, férias, final de curso, etc.

•A relação do dia a dia entre educadores e estudantes durante os períodos letivos habituava ter tempo determinado para

•Nenhuma destas circunstâncias parece pertencer ao ambiente educacional em pleno século XXI.

•Educador deixa de ser um “vigilante”vira “sócio” dos estudantes
no desenvolvimento do conteúdo

A própria visão que o estudante tem do educador estaria se alterando em vista da relação entre eles já ultrapassar a sala de aula e ir para o ambiente virtual.

(LORENZO 2011)

Benefícios do Uso das Redes Sociais na Educação

•Febre nos últimos anos para as novas gerações;

•Mais de 5 milhões de estudantes brasileiros já pertencem a alguma rede social na internet.

•Centralização em um só lugar todas as atividades de ensino, professores e alunos de uma instituição de ensino;

•Aumento do senso de comunidade educativa para alunos e professores, pela proximidade produzida;

•Professores provendo a motivação dos alunos, fazendo com que sua opinião seja lida por todos os demais;

(LORENZO 2011)

Benefícios do Uso das Redes Sociais na Educação

•Melhoria da eficácia do uso prático das TIC’s para atuar como um meio de aglutinação de pessoas, recursos e atividades;

•Facilita a coordenação e o trabalho de vários grupos de aprendizagem (como no curso, turma, grupo de alunos de um curso), criando os grupos apropriados;

•Promove colaboração e conexão com diferentes estudantes, entre diferentes instituições de ensino;

•Facilita a comunicação e a transmissão de informações entre os professores e os pais e mães.

(LORENZO, 2011)

Limitações e Desafios do Uso das Redes Sociais na Educação

•Obstáculos relacionados a cobertura da internet no Brasil;

•Privacidade das informações:

•Na maioria das vezes tais redes são bloqueadas nas escolas, impedindo a socialização no meio online;

•Criação de Redes Sociais próprias pelas instituições.

•Tipo de linguagem que os estudantes tendem a usar na rede social;

•Tornar o ensino em rede algo verdadeiramente eficiente:

•Redes sociais podem ser consideradas como elemento de distração;

•Planejamento de uso com critérios, ética e responsabilidade.

(JULIANI et al., 2012; LORENZO, 2011)

Recursos das Redes Sociais que podem ser usados com fins educativos

(LORENZO, 2011)

•Grupos Virtuais: Yahoo! Grupos, Grupos do Google; •Fóruns de discussão;

•Dicionários e tradutores virtuais: Google Tradutor, Dicionário Michaelis;

•Blogs: Blogspot, Wordpress;

•Bases de buscas na internet: Google, Yahoo;

•Bases de e-mails: Hotmail/Outlook, Gmail, Yahoo, UOL, BOL, Ig;

•Chats: Bate Papo UOL, Bate Papo BOL, IgPapo;

Recursos das Redes Sociais que podem ser usados com fins educativos

•Bases de imagens e mapas: Google Imagens, Google Mapas; •Reuniões e videoconferências: Skype;

•Bases de vídeos: Youtube;

•Bibliotecas e enciclopédias virtuais: BVS (Biblioteca Virtual em Saúde), SciELO (Scientif Eletronic Library Online), PubMed;

•Armazenamento de arquivos na internet: Mega, Rapidshare, 4Shared, Easy Share;

•Criação de documentos eletrônicos: Google Docs.

(LORENZO, 2011)

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Gerais: Facebook

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Gerais: Facebook

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Ebah

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Ebah

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Ebah

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Passei Direto

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Passei Direto

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Passei Direto

Exemplos de Redes Sociais aplicadas ao

Ensino em Ciências Biomédicas •Específicas: Passei Direto

Considerações Finais

•Redes sociais são estruturas multicêntricas e abertas onde todos seus integrantes estão interconectados e possuem objetivos iguais;

•Redes sociais trazem muitos benefícios à educação podendo dessa forma serem grandes aliadas no processo de ensinoaprendizagem;

•Existe uma variedade de recursos das redes sociais que podem ser utilizados com fins educativos: Grupos virtuais, blogs, documentos, armazenamentos de documentos eletrônicos, ambientes de pesquisas, bases de dados, dicionários, fóruns e discussões;

Considerações Finais

•Existem redes gerais onde se podem compartilhar arquivos em diversos temas, participar de bate-papos, grupos virtuais e redes sociais especializadas que se destinam a conteúdos específicos;

•Por mais que seja uma ferramenta de aprendizagem potencialmente vantajosa, a utilização das redes sociais ainda apresenta limitações e desafios que necessitam ser superados.

Avaliação da Aprendizagem

“Redes Sociais na Educação” (Disponível em: https://w.youtube.com/watch?v=2ePr6RstQNw) “Redes Sociais na Educação” (Disponível em: https://w.youtube.com/watch?v=2ePr6RstQNw)

Avaliação da Aprendizagem

•Com base no que foi apresentado em aula e após a exibição do vídeo sobre a temática de “Redes Sociais na Educação”, RESPONDA os seguintes questionamentos:

significativos nesse processo de interação

1) Considerando o papel das redes sociais na atualidade e a sua influência para a relação entre professor e aluno, discorra sobre os aspectos positivos e/ou negativos que você julga serem mais

2) Enquanto docente de uma disciplina no campo das Ciências Biomédicas, você acharia válido fazer uso das redes sociais como uma ferramenta metodológica complementar ao processo educacional? Justifique sua resposta.

Bibliografia

•JULIANI, D. P.; et al. Utilização das redes sociais na educação: guia para o uso do

Facebook em uma instituição de ensino superior. Novas Tecnologias na Educação, v. 10, n. 13, p. 1-1. 2012.

•LORENZO, E. M. A utilização das redes sociais na educação. 2011. Disponível em: http://www.clubedeautores.com.br/book/50369-- A_Utilizacao_das_Redes_Sociais_na_Educacao#.VTDdrdJViko>. Acesso em: 16/04/2015

•SILVA, S. Redes Sociais Digitais na Educação. Revista Iluminart, v. 1, n. 5, p. 36-46. 2010.

•Complementar:

•CRUZ, T. Sistemas, organização e métodos: Estudo integrado das novas tecnologias da informação e introdução à gerencia do conteúdo e do conhecimento. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

•O PODER DAS REDES SOCIAIS. Disponível em: <https://w.youtube.com/watch?v=BOPvu-GBny8>. Acesso em 16/04/2015;

•PROGRAMA ESCOLA VIVA – Redes Sociais na Educação – BL1. Disponível em: <https://w.youtube.com/watch?v=2ePr6RstQNw>. Acesso em 16/04/2015;

•RIBEIRO, K. S. Q. S. Ampliando a atenção à saúde pela valorização das redes sociais nas práticas de educação popular em saúde. 2007. 226p. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2007.

Obrigado! Obrigado!

Comentários