Caderno dds dezembro

Caderno dds dezembro

(Parte 1 de 5)

DIALOGO DIÁRIO DE SEGURANÇA TEMA 1

Não é de hoje que o tema segurança é utilizado em nosso dia a dia, seja no lar, no trabalho, no lazer, em praticamente tudo que nos rodeia, segurança sempre será uma palavra bem vinda, por isso em se tratando de segurança no trabalho, ela é muito importante e sua aplicabilidade deve se fazer presente á todo o momento.

Segurança é a percepção de se estar protegido de riscos, perigos ou perdas.

Devemos criar o hábito de nos manter focado e visando o que o ambiente de trabalho pode oferecer de perigo a minha saúde e integridade física, um exemplo é você ir trabalhar com trabalho de solda, em ambiente normal o trabalho não apresenta grandes riscos, mas se comparado á uma área confinada como um tanque combustível, o risco agiganteia, devendo dessa forma ser avaliada as medidas de proteção individual, coletiva e planos de socorro, já que o ambiente já é um fator catastrófico e pode apresentar risco a vida.

Mas por que, em ambientes de maior risco a percepção do mesmo é mais notável?

Acreditamos que o funcionário pode ter a mesma visualização do trabalho em diferentes ambientes e atividades, mas para isso é necessário á interação do funcionário com os princípios de segurança, não basta apenas visualizar e colocar no papel, é preciso avaliar, planejar, checar, aplicar as formas de prevenção e executar a atividade da forma planejada, por isso é importante que o funcionário tenha a visão expandida de como o ambiente ou atividade poderá lhe oferecer risco. Atividades de grande risco geralmente realizados em uma empresa representa 20% de volume de todas as suas atividades, ou seja de 10 atividades, 2 é de risco, por isso o funcionário ao visualizar a situação que não é rotineira o mesmo tende a desenvolver planos de trabalho de forma mais aberta com o encarregado, supervisor e segurança do trabalho.

A melhor forma de avaliar a sua atividade é a realização de ART do serviço a ser executado. Essa atividade além de importante depende de dialogos entre todos os executadores da atividade para que nenhum risco referente á atividade passe despercebido.

Todos os passos das atividades devem está descritos na ART e sua aplicação é fundamental para a sua segurança, pois imagina o soldador trabalhar soldando em um local onde o mesmo descreveu em sua ART que deverá ser realizado a sinalização do local e no momento da atividade não há nenhuma sinalização ou proteção de pessoas que tenha acesso a proximidades? Ou seja a sua aplicação foi falha, e o acidente poderá ocorrer. Por isso é importante aplicar todos os preceitos de segurança na sua atividade e no nosso dia a dia, a ferramenta é eficaz desde que você siga os passos corretos para realização da atividade.

Para sua segurança, siga os procedimentos da empresa, e sempre, sempre argumente a respeito de melhorias e condições mais seguras de trabalho, a visão de segurança e a sua aplicação no ambiente de trabalho sempre irá partir primeiramente de você, você é á base da preocupação no trabalho.

Segurança no trabalho é segurança do trabalhador, previna os acidentes e recuse estar em exposição de riscos.

DIALOGO DIÁRIO DE SEGURANÇA TEMA 2

Por que devemos trabalhar em grupo? Seja o João, o Junior, o José ou Joaquim, todos eles dependem de cada um para se trabalhar, e se trabalhar com segurança.

Enquanto o João lidera a equipe, o Junior faz o trabalho de separação de materiais, já o José é o responsável por está executando a atividade, e o Joaquim supervisiona e assessora os demais quanto proceder corretamente para a realização da tarefa. Pense bem, como seria a atividade na falta de algum deles? Concerteza você rapidamente pensou que a atividade ficaria mais difícil, ou mais demorada ou até mesmo não teria como realiza-la, não é mesmo?

Todos nós temos qualidades e habilidades diferentes, seja física, mental ou psicológica, por isso devemos saber que para se trabalhar em grupo, um deve completar o outro, e o complemento que torna o trabalho mais viável.

Desde pequeno nós aprendemos que somos uns diferentes dos outros, um exemplo é a diferença de sexo, quando criança o menino ganha como presente uma bola, um carrinho, já a menina ganha uma boneca, um bicho de pelúcia. Ou seja são diferenciados desde cedo, e o mais incrível é que mesmo quando as diferenças, os mesmos tem grandes características que mais tarde utilizam para os mesmos se agrupar, lembra se de casamento? Isso mesmo, o homem e a mulher que quando pequeno era tratados de formas diferentes, crescem e se completam.

A união de pessoas, o agrupamento traz benefícios, mas deve ser sempre avaliados os aspectos de cada funcionário, pois sempre deve haver um líder, e este líder que deverá ser o responsável pelo trabalho do grupo, ele que irá avaliar o desempenho de cada funcionário, sugerir melhoria nos trabalhos e sempre dá o feed back para cada colaborador.

O líder deve ser uma pessoa que capacita seus subordinados, pois a maestria não é trabalhar somente quando os melhores funcionários, mais sim o líder saber capacitar seus funcionários e torna-los sempre os melhores no que fazem, e por fim o grupo terá êxito. Trabalho em que a individualidade prevalece é bom, mas o trabalho em grupo pode ser muito mais viável tanto para a empresa quanto para os funcionários.

Grupo é um sistema de relações sociais, na qual a socialização de pessoas interfere no resultado final de cada processo, por isso a capacitação é importante, o grupo deverá ser uma escada para o trabalho em equipe, onde sempre o resultado final será o objetivado pelos funcionários.

Ex. Time de futebol é um grupo, time de futebol quando ganha um título é uma equipe.

Vamos agrupar e nos completar para que o grupo possa trabalhar com a mesma missão fazendo que sejamos uma EQUIPE.

DIALOGO DIÁRIO DE SEGURANÇA TEMA 3

Não adianta mais reclamar. Os relógios já estão correndo com uma hora a mais. O polêmico horário de verão começou no dia 20 de outubro, nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil e vai até 16 de fevereiro, para economizar 5% de energia elétrica de 2014. Mas e a gente como fica, já que a mudança pode causar sonolência, alterações de humor, dor de cabeça, indisposição e déficit de atenção? Leonardo Ierardi, neurologista do Hospital Albert Einstein, deu alguma dicas importantes à Veja, para minimizar os efeitos do horário de verão no corpo humano. A gente resumiu os passos pra você:

1. - Não cochile durante o dia, senão a necessidade será saciada e provavelmente você não conseguirá dormir outra vez. 2. - Durma 30 minutos ou 1 hora mais cedo, para ajudar o corpo a se descansar mais. 3. - Estabeleça uma rotina de sono. Durmir e acordar no mesmo horário fará o corpo se acostumar mais rápido. 4. - Durma em quarto escuro, arejado, longe de barulho, para atrair logo o sono. 5. - Faça atividades físicas, como correr e malhar, até 5 horas antes de dormir para cansar e depois relaxar o corpo. 6. - Evite assistir filmes violentos, usar o computador, ouvir música alta e praticar atividades estimulantes antes de se deitar. 7. - Evite alimentos com cafeína como café, chocolate e chás, que deixam a pessoa mais ligada. 8. - Não coma nada pesado antes de deitar. 9. - Não durma de estômago vazio: um leite quentinho, ou um caldo, caem bem na barriga e ajudam a relaxar.

Respeite sempre os horários de dormir, acordar, almoçar e jantar, dessa forma o organismo adaptará mais rápido o horário de verão, e lembre se que você deve sempre se hidratar, pois o verão está ai, e o calor sempre será frequente.

DIALOGO DIÁRIO DE SEGURANÇA TEMA 4

O verão esta chegando, e com ele muito sol e calor, é nesta época que procuramos nos refrescar com aquele refrigerante gelado, aquele suco e principalmente com água em abundância, água que além de consumida, é utilizada para banhos gelados que nos refrescam da cabeça aos pés.

Muitas pessoas nessa época procuram como diversão ir para praias, rios, açudes, e piscinas em sítios, clubes e outros, é lógico que cada um tem uma opção mais detalhada do local, mas o que poucos conhecem é que nessa época do ano, a incidência de acidentes envolvendo animais peçonhentos aumentam significadamente, isso por que com o calor os animais tende a sair á procura de alimentos, é o caso mais simples da formiga, que nessa época do ano transita com toda a alimentação encontrada para suas casas, para que no forte inverno tenha sua alimentação garantida.

Nesse período as maiores incidências com animais peçonhentos são com os escorpiões e cobras em geral, principais incidências ocorrem na região norte/nordeste do país. Para que você se previna de ataques de animais peçonhentos, indicaremos algumas dicas para e você:

- Ao passar por área de mata seja alta ou rasteira, procure observar se há animais peçonhentos no local.

- Nunca tire o famoso “Cuchilo” em terreno gramado, ou abaixo de arvore, esses locais sempre há moradia de algum tipo de animal peçonhento.

- Ao se trabalhar em local de mata, utilize proteção adequada, como creme contra insetos (moscas e mosquitos) bota de segurança e perneira para acaso o animal rastejante tente ataque aos seus membros inferiores.

- Ao sentar ou deitar em algum local fechado ou aberto, faça uma inspeção do local, sempre preservando distância de sua mão e do corpo do local examinado.

- Solicite sempre a limpeza de locais, como a poda ou capina de locais onde haja a incidência de morada de algum tipo de animal peçonhento.

Em caso de acidentes, a recomendação do Ministério da Saúde é deixar de lado práticas populares e procurar imediatamente uma unidade de saúde. “Existem práticas muito comuns e populares que as pessoas fazem que não devem ser adotadas, por exemplo: amarrar o membro do indivíduo que se acidentou, fazer torniquete. Essas situações são desfavoráveis e não devem ser feitas. Sugar o ferimento no caso de ter sido mordido ou picado por uma cobra. Não é recomendável. O uso de alguns produtos, tipo pó de café, álcool e tudo mais no ferimento não é recomendável. O que se recomenda é que se procure imediatamente um profissional de saúde e procure, nesse momento, identificar e indicar que tipo de animal que foi o agressor para facilitar até a recomendação e a prescrição de soro sendo o caso”,

DIALOGO DIÁRIO DE SEGURANÇA TEMA 5

Essa é uma recomendação que deveria ser praticada e ensinada desde crianças pelos pais. Vasos sanitários por serem feitos de louça (cerâmica) não suportam peso excessivo. Por isso, ninguém deve subir no vaso sanitário seja para alcançar a descarga, registro, ou interruptor do chuveiro.

Você sabe o que é louça? Louça era um nome utilizado a muitos anos atrás pelas grandes monarquias que tratavam tais esculturas como parte rica de nobreza, onde as pessoas mais importantes era servidas em pratos cerâmicos.

Louça, quer dizer ARGILA QUEIMADA (grego) é a arte ou a técnica de produção de artefatos de objetos tendo a argila como matéria-prima.

As principais matérias-primas são o Feldspato (particularmente os potássicos), a sílica e a argila. Além destes três principais componentes, as cerâmicas podem apresentar aditivos para o incremento de seu processamento ou de suas propriedades finais. Após submetida a uma secagem lenta à sombra para retirar a maior parte da água, a peça moldada é submetida a altas temperaturas que lhe atribuem rigidez e resistência mediante a fusão de certos componentes da massa, fixando os esmaltes das superfícies.

Os vasos sanitários são confeccionados a uma temperatura média de 300 graus celsius, assim sua caracteristica maior é a facilidade de limpeza e durabilidade muitos e muitos anos.

Já a sua resistência a pesos é pequeno, um vaso sanitário confeccionado conforme os moldes da ABNT deve suportar uma média de 60 kg, mas o fator, tempo e utilização, torna o mais frágil a trincamentos e quebra se tiver contato com tal peso.

Mas por que quando o vaso quebra ou trinca, o mesmo corta como uma navalha? Lembra da composição da louça? O vaso é composto básicamente por potássio, aquele pó branco que conhecemos, este em contato com a pele forma uma barreira de proteção, normalmente utilizado como anti-queimaduras, em contato com machucados em aberto o potássio faz com que o ferimento tenha dificuldade em cicatrizar, por isso quando a corte por qualquer tipo de louça a cicatrização é dolorosa e demorada.

Então fica a dica, nunca suba em cima do vaso sanitário, isso é questão de educação, limpe as borda do vaso e utilize de forma segura, pois você faz a segurança de você e dos outros.

DIALOGO DIÁRIO DE SEGURANÇA TEMA 6

Uma mão na roda, essa é a maneira como dizemos quando falamos sobre a utilidade da ponte rolante, está de suma importância no transporte de equipamentos e peças de grande porte, utilizados principalmente nas empresas eletromecânicas.

As pontes rolantes são dimensionadas por um especialista, habilitado que analisa as necessidades da empresa e projeta o desenho do equipamento, este somente poderá ser utilizado ou comercializado com a ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) expedida pelo responsável pela empresa.

No manual do equipamento constam todas as informações do equipamento, as manutenções periódicas e prazos para a realização da mesma, por isso é importante ficar atento sobre as descrições técnicas o equipamento.

As atividades de içamento por ponte rolante devem seguir procedimento de inspeção das condições físicas do equipamento, este somente poderá ser liberado para trabalho com a ciência do responsável pelo setor, seja encarregado ou supervisor.

Normalmente as manutenções preventivas em ponte rolante ocorrem semestralmente ou anualmente, este deverá ser definido pela empresa, conforme o manual do fabricante.

A ponte rolante deve ter em sua estrutura a descrição da capacidade máxima de transporte, respeitando o nível de ação do equipamento que é 10% abaixo da capacidade máxima ou seja, para uma ponte rolante de 15T, ou máximo a ser içado é 13.5 toneladas.

Para maior segurança é necessário que a ponte rolante tenha dispositivo de segurança em caso de contato acidente com estrutura ou componente, na qual os principais são:

- Fim de curso vertical, horizontal, subir e descer.

- Botoeira de emergência

- Balança de medição com trava de segurança

- Moitão c/ trava

- Batente em extremidades.

Para operação de ponte rolante, todos os funcionários devem receber treinamento de capacitação com carga horária de 8 horas, e reciclagem anualmente com carga horária de 4 horas.

A empresa deve emitir crachá ou forma de identificação dos operadores em local visível (CAROMETRO), este deverá ser renovado sempre quando houver uma nova capacitação dos membros.

È importante que toda anomalia seja relatada no formulário e encaminhada ao responsável da área, este informará as tratativas e os prazos para a realização, a atividade somente poderá ser iniciada com a autorização do supervisor da área com a assinatura no formulário especifico.

Ponte rolante é um serviço critico e de grande periculosidade, por isso é necessário atenção no check list do mesmo e principalmente na operação, sempre utilizar as formas de comunicação para que a área esteja isolada.

(Parte 1 de 5)

Comentários