Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 161: Não definida - Analise as afirmações abaixo e some os números das alternativas corretas.

A -

Se num sistema não agem forças externas, a quantidade de movimento não varia.

B -

A quantidade de movimento de um corpo numericamente igual ao impulso necessário para faze-lo parar.

C -

Dois corpos com igual velocidade têm necessariamente a mesma quantidade de movimento.

D -

Num choque perfeitamente elástico os corpos mantêm suas quantidades de movimento.

E -

Se a quantidade de movimento de um sistema é constante, então não pode variar a quantidade de movimento dos seus componentes.

F -

Se a resultante de um sistema de forças atuantes num corpo é nula, podemos afirmar que o corpo está recebendo um impulso.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 162: VUNESP - Fundação Vunesp - Um asteróide, no espaço, está em repouso em relação a um determinado referencial. Num certo instante ele explode em três fragmentos. Dentre os esquemas representados, assinale o único que pode representar os vetores velocidades dos fragmentos do asteróide logo após a explosão, em relação ao referencial inicial.

A -

.

B -

.

C -

.

D -

.

E -

.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 163: UFPI - Universidade Federal do Piauí -

Na figura a seguir, o peixe maior, de massa M=5,0 kg, nada para a direita a uma velocidade v = 1,0 m/s e o peixe menor, de massa m == 1,0 kg, se aproxima dele a uma velocidade u = 8,0 m/s para a esquerda.

 

Despreze qualquer efeito de resistência da água. Após engolir o peixe menor, o peixe maior terá uma velocidade de:

A -

0,50 m/s, para a esquerda

B -

1,0 m/s, para a esquerda

C -

nula

D -

0,50 m/s para a direita

E -

1,0 m/s para a direita

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 164: Não definida -

(Olimpíada Brasileira de Física - adaptado) São realizadas experiências com 5 pêndulos de mesmos comprimentos. As massas pendulares são de bolas de bilhar iguais, cada uma ligeiramente encostada na outra.

Experiência I: A bola 1 é erguida de uma altura H e abandonada. Ela colide com a bola 2. O choque se propaga e a bola 5 é lançada, praticamente, até a mesma altura H.

Experiência II: Agora as bolas 1 e 2 são erguidas conforme ilustra a figura e abandonadas. Elas caminham juntas até a colisão com a bola 3.

Dois estudantes, Mário e Pedro, têm respostas diferentes com relação à previsão do que irá ocorrer após a propagação do choque. Mário acha que somente a bola 5 irá se movimentar, saindo com velocidade duas vezes maior do que as velocidades das bolas 1 e 2 incidentes. Pedro acha que as bolas 4 e 5 sairão juntas com a mesma velocidade das bolas incidentes 1 e 2.

A -

A previsão de Mário é correta;

B -

A previsão de Pedro é correta;

C -

As duas previsões podem ocorrer;

D -

Nenhuma das previsões ocorre.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 165: UFOP - Universidade Federal de Ouro Preto -

A figura mostra uma coleção de seis esferas de aço idênticas, sobre uma mesa lisa. Quando a esfera 1 se choca com a esfera 2, a esfera 6 é lançada para a direita com a mesma velocidade da esfera 1, enquanto esta pára.

Nessa colisão:

I) não houve deformações permanentes.

II) a quantidade de movimento se conserva

III) o choque pode ser considerado inelástico.

Sobre as afirmações acima:

A -

só a I é correta

B -

I e II são corretas

C -

II e III são corretas.

D -

I e III são corretas.

E -

Todas são corretas.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 166: PUC-RS - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul -

Uma nave que necessita mudar sua aceleração lança matéria resultante da queima de seu combustível no sentido oposto ao da aceleração desejada. Essa situação é mais bem descrita pelo Princípio da Conservação da:

A -

Energia Mecânica

B -

Energia Cinética

C -

Energia Potencial

D -

Quantidade de Movimento

E -

Potência Consumida

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 167: UNB - Universidade de Brasília -

Em uma apresentação de circo, em 1901, Allo Diavolo introduziu a acrobacia de bicicletas em pistas com loops, como mostra a figura I abaixo. Diavolo observou que, se ele partisse de uma determinada altura mínima, poderia percorrer todo o trajeto, passando inclusive pelo loop, sem cair, em um “desafio” às leis da gravidade, conforme anunciava ele. A figura II mostra o caminho do centro de massa do sistema acrobata-bicicleta. Nessa figura, h é a altura entre o ponto mais alto – A – e o ponto mais baixo – C – da trajetória, B é o ponto mais alto do loop e R é o raio do loop.

A partir dessas informações e considerando que m é a massa do sistema acrobata-bicicleta, que g é a aceleração da gravidade, que não há forças dissipativas, que a bicicleta não é impulsionada pelo acrobata em nenhum instante da trajetória e que apenas o movimento do centro de massa do sistema acrobata-bicicleta é analisado, julgue os itens a seguir:

A -

No ponto C do caminho mostrado na figura II, a energia cinética é igual a mgh.

B -

A energia mecânica total do sistema acrobata-bicicleta será mgh mesmo no caso da existência de forças dissipativas.

C -

Para que o sistema acrobata-bicicleta passe pelo ponto mais alto do loop sem perder contato com a pista, o sistema deverá ter nesse ponto uma velocidade de módulo superior ou igual a gR.

D -

A razão entre os módulos das velocidades nos pontos B e C independe da altura h.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 168: UNB - Universidade de Brasília -

Até o final do século XIX, as teorias e os modelos em Física usados na descrição dos fenômenos atômicos e moleculares tinham como base a mecânica de Newton, que vinha acompanhada, muitas vezes, de informações totalmente empíricas. No início do século XX, ocorreu uma revolução na física dos átomos e moléculas, conhecida como Física Quântica. Infelizmente, as formulações matemáticas para a teoria quântica são tão complexas que inviabilizam a sua aplicação em sistemas macromoleculares biológicos. Acredita-se que não haja perspectiva alguma de, nas próximas décadas, se resolver computacionalmente as equações da Física Quântica associadas a tais sistemas moleculares sem o desenvolvimento de novos tipos de computadores e de novas técnicas computacionais. Essas dificuldades levaram os pesquisadores a voltarem as suas atenções aos modelos newtonianos clássicos do século XIX. Nesses modelos, os átomos são tratados como pontos materiais

e as ligações químicas entre átomos – interações atômicas – são representadas por molas ideais. A separação linear entre os átomos em uma ligação está representada na figura I, enquanto variações angulares que também ocorrem são representadas na figura II.

Com base nas informações do texto acima, julgue os seguintes itens:

A -

Nos modelos newtonianos clássicos aplicados ao caso da figura I, a constante elástica da mola poderia estar associada à intensidade da ligação química.

B -

As forças em cada átomo relativas às interações ilustradas nas figuras I e II são sempre repulsivas.

C -

O texto permite concluir que, hoje, os métodos computacionais aplicados à teoria quântica são inviáveis no estudo de moléculas importantes como o DNA.

 

D -

A energia potencial na ligação representada na figura II pode ser descrita por

em que q é o ângulo de equilíbrio entre os átomos da molécula mostrada e k. é uma constante associada à elasticidade da mola.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 169: UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso -

O texto abaixo apresenta algumas idéias de Aristóteles com relação ao movimento dos corpos:

“É preciso concluir que o que foi movido em primeiro lugar tornou capaz de mover, ou o ar ou a água, ou outras coisas, que por natureza se movem e são movidas. Todavia, não é simultâneo que esta coisa deixa de se mover e de ser movida: ela deixa de ser movida quando o motor cessa de mover, mas ela é ainda motriz desse movimento; também qualquer coisa que está em contigüidade com outra coisa é movida e deverá,

a propósito, racionar-se do mesmo modo. Mas a ação tende a cessar quando a força motriz é cada vez mais fraca em relação ao termo contíguo que ela motor não torna motor o termo que lhe é contíguo, mas apenas movido. Então, simultaneamente, o motor, o movido, e todo o movimento devem parar. (...) É o ar que serve a força

em qualquer espécie de movimento, porque o ar é, ao mesmo tempo, naturalmente pesado e leve, e, deste modo, enquanto leve, ele produzirá o movimento para cima, quando é empurrado, e recebe o impulso inicial da força, e, enquanto pesado, ele produzirá o movimento para baixo. É, de fato, por uma espécie de impressão de ar que a força transmite o movimento ao corpo em cada um desses casos. É o que explica que o corpo, por um movimento forçado, continue a mover-se, mesmo quando o que lhe dava o impulso deixe de o acompanhar”.

(Aristóteles, Física, VIII (10), 267. a Do Céu, III (2), 301 b Trechos extraídos de PIAGET, J. e GARCIA, R. Psicogênese e História das Ciências, Publ. D. Quixote, 1983)

A partir do texto, julgue os itens:

A -

Para Aristóteles, um corpo pára quando nenhuma força é exercida sobre ele, o que é coerente com a física newtoniana.

 

B -

Segundo Aristóteles, quando um corpo é arremessado, ele continua a se mover, mesmo sem estar em contato físico com aquilo que o impulsionou, porque o ar continua a empurrá-lo, o que está de acordo com a física newtoniana.

C -

De acordo com o pensamento de Aristóteles, um corpo não poderia se mover no vácuo sem o contato físico com um agente que sobre ele exercesse uma força.

D -

Para Aristóteles, um corpo poderia estar em movimento retilíneo uniforme mesmo se nenhuma força fosse exercida sobre ele.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 170: UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso -

No gráfico a seguir, é mostrada a intensidade da força de atrito (Fa), em função do tempo, sobre uma caixa de madeira quando uma pessoa a arrasta pelo chão utilizando uma força (Fp) continuamente crescente. A caixa passa a se mover somente 3 segundos após o início da aplicação da Força Fp.

Interpretando o gráfico, julgue os itens:

A -

0) De 0 a 3 segundos, a força resultante que atua sobre a caixa é nula.

 

B -

1) É possível que a variação da força de atrito com o tempo se deva a irregularidade no grau de rugosidade do solo.

C -

2) Entre 3 e 21 segundos, a velocidade da caixa será sempre crescente.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 171: UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso -

Um modelo científico deve explicar as observações atuais e passadas e prever observações futuras. Muitas vezes, no estudo da Física ou das Ciências Naturais, à medida que novas evidências surgem, um modelo é aperfeiçoado ou substituído por outro, mais adequado àquele momento. Sobre a evolução dos modelos científicos para o Sistema Solar, julgue os itens:

A -

O modelo Geocêntrico, proposto por Cláudio Ptolomeu, determina que a Terra é o centro do Universo e que a Lua, o Sol e os planetas giram ao redor dela.

 

B -

No Modelo Heliocêntrico, proposto por Nicolau Copérnico, a Terra é concebida como um planeta e gira ao redor do Sol que é considerado o centro do Universo.

C -

Atualmente, o Modelo Geocêntrico é o aceito pela comunidade científica.

D -

O modelo de Kepler é compatível com o de Copérnico, no entanto, concebe que órbita dos planetas teria o formato de uma elipse na qual o sol estaria posicionado num dos focos.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 172: PUC-MG - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais -

Se uma força de 6 N, com direção e sentido constantes, for a única força aplicada a uma partícula livre para movimentar-se em um plano horizontal (sem atrito), a aceleração obtida será de 60 m/s². Se uma outra força de 8 N, com direção e sentido constantes, for também aplicada à partícula, a aceleração resultante terá um módulo (em m/s²):  

A -

mínimo de 20 e máximo de 140;

 

B -

mínimo de 100 e máximo de 140;

 

C -

mínimo de 20 e máximo de 100;

 

D -

igual a 140.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 173: UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora -

Na figura ao lado, representamos uma esfera de massa m, presa ao teto de um vagão e em repouso em relação a este. O vagão desloca-se em movimento retilíneo com uma aceleração a para a direita em relação ao solo. Do ponto de vista de um observador em repouso em relação ao solo, qual das opções abaixo representa corretamente as forças que atuam sobre a massa m?

A -

 .

B -

C -

D -

E -

 .

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 174: UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais -

O Pequeno Príncipe, do livro de mesmo nome, de Antoine de Saint-Exupéry, vive em um asteróide pouco maior que esse personagem, que tem a altura de uma criança terrestre. Em certo ponto desse asteróide, existe uma rosa, como ilustrado nesta figura:

Após observar essa figura, Júlia formula as seguintes hipóteses:

I. O Pequeno Príncipe não pode ficar de pé ao lado da rosa, porque o módulo da força gravitacional é menor que o módulo do peso do personagem.

II. Se a massa desse asteróide for igual à da Terra, uma pedra solta pelo Pequeno Príncipe chegará ao solo antes de uma que é solta na Terra, da mesma altura.

Analisando-se essas hipóteses, pode-se concluir que: 

A -

apenas a I está correta;

B -

apenas a II está correta;

C -

as duas estão corretas;

D -

nenhuma das duas está correta.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 175: PUC-MG - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais -

Na tabela abaixo, relacionamos, na primeira coluna, algumas grandezas físicas e, na segunda coluna, as definições que lhes correspondem, mas

em ordem aleatória:

Após analisar as duas listas, verifique que definição corresponde a cada grandeza e assinale a alternativa que contém a seqüência correta de relações:

A -

I – A, II – B, III – C

B -

I – B, II – A, III – C

C -

I – C, II – B, III – A

D -

I – B, II – C, III – A

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 176: UFMS- Universidade Federal do Mato Grosso do Sul -

Um cabo preso a um helicóptero que se mantém estacionário é utilizado para resgatar um surfista, 25 m abaixo do helicóptero. Desprezando a resistência do ar, considerando que a aceleração da gravidade é de 9,8 m/s², que o surfista pesa 60 kgf e que ele é puxado até o helicóptero com aceleração constante de 0,2 m/s², a partir do repouso, assinale a(s) alternativa(s) correta(s): 

A -

O trabalho realizado pela força tensora, no cabo, foi de 15 MJ.

B -

O trabalho realizado pela força resultante, sobre o surfista, foi de 300 J.

C -

O surfista teve sua energia potencial gravitacional aumentada em 14,7 kJ.

D -

O trabalho do peso do surfista foi negativo durante a subida.

 

E -

A variação da energia cinética do surfista foi de 750 J.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 177: UFC - Universidade Federal do Ceará -

O gráfico mostra como varia a potência elétrica fornecida a uma pequena cidade durante o intervalo de tempo que vai de 12 horas (meio-dia) até 20 horas (8 horas da noite). Sejam: E1 a energia elétrica fornecida entre 12 horas e 17 horas, e E2 a energia elétrica fornecida entre 17 horas e 20 horas. A razão E1/E2 é:

 

A -

1,0

 

B -

1,2

C -

1,5

D -

1,8

E -

2,0

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 178: UFC - Universidade Federal do Ceará -

Uma bola de massa m = 500 g é lançada do solo, com velocidade V0 e ângulo de lançamento q0, menor que 90º. Despreze qualquer movimento de rotação da bola e a influência do ar. O valor da aceleração da gravidade, no local, é g = 10 m/s². O gráfico ao lado mostra a energia cinética K da bola como função do seu deslocamento horizontal, x. Analisando o gráfico, podemos concluir que a altura máxima atingida pela bola é:

 

A -

60 m

 

B -

48 m

 

C -

30 m

D -

18 m

E -

15 m

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 179: UESC - Universidade Estadual de Santa Cruz -

Em provas de saltos com esquis, o competidor desce por uma rampa inclinada, ao fim da qual atinge velocidade de até 28 m/s, aproximadamente. Durante a descida, a perda de energia potencial gravitacional é compensada pelo ganho de energia cinética.

(PARANÁ, Djalma N. da S. Física. v. 1. São Paulo: Ática, 1998. p. 291. (Adaptado)

 

De acordo com essa informação, sendo a aceleração da gravidade local igual a 10 m/s2 e desprezando-se as perdas por atrito, para que o esquiador possa, partindo do repouso, do topo da rampa, atingir a velocidade máxima referida no texto, a rampa deve ter uma altura, em metros, igual a:

A -

67,2

B -

39,2

C -

28,0

D -

14,0

E -

7,0

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 180: FTE - Faculdade de Tecnologia Empresarial -

A descrição do Sistema Solar só foi possível graças à contribuição dos conhecimentos científicos acumulados durante séculos. Com base nos estudos de Johannes Kepler e Galileo Galilei, Isaac Newton analisou o movimento da Lua em torno da Terra, bem como o movimento dos planetas em torno do Sol. Da análise do movimento da Lua em torno da Terra, conclui-se que:

A -

o movimento da Lua não depende da presença da Terra, mas, apenas, da presença do Sol;

B -

A Lua e a Terra exercem igual força de atração sobre um mesmo objeto colocado em suas superfícies;

C -

a força de atração da Terra sobre um objeto deixa de existir, ao colocá-lo em um recipiente com vácuo;

D -

a força de atração da Terra sobre um objeto deixa de existir, ao colocá-lo em um recipiente com vácuo;

E -

a força que a Terra exerce sobre um objeto equivale à massa do objeto.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 161: A, B - questão 162: D - questão 163: A - questão 164: B - questão 165: B - questão 166: D - questão 167: A, C - questão 168: A, C, D - questão 169: C - questão 170: A, B, C - questão 171: A, B, D - questão 172: A - questão 173: A - questão 174: B - questão 175: D - questão 176: B, C, D - questão 177: A - questão 178: D - questão 179: B - questão 180: C

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 181: UESC - Universidade Estadual de Santa Cruz -

Considere-se a Terra uma esfera de raio R e um ponto, P, situado a uma distância d > R do centro da Terra. De acordo com a Lei da Gravitação Universal, a intensidade do campo gravitacional, no ponto P,

A -

independe da massa da Terra;

B -

é diretamente proporcional a d;

C -

é inversamente proporcional a d2;

D -

é igual à de um ponto sobre a superfície terrestre;

E -

é maior que a de um ponto sobre a superfície terrestre.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 182: UFG - Universidade Federal de Goiás -

O pêndulo balístico é um dos dispositivos usados para medir velocidades de projéteis. O pêndulo é composto basicamente por um bloco de madeira de massa M suspenso por fios ideais de massa desprezível, conforme figura abaixo. Estando o bloco na sua posição natural de equilíbrio, um projétil de massa m é atirado horizontalmente com velocidade v alojando-se neste. Após a colisão, o conjunto (bloco + bala) adquire uma velocidade v.

Desprezando o atrito entre o bloco e o ar, pode-se afirmar que:

A -

a colisão é perfeitamente elástica;

B -

a velocidade da bala antes da colisão é [(M + m)/m]V;

C -

a energia mecânica conserva-se após a colisão;

D -

o momento linear do sistema, bloco + bala, conserva-se após a colisão.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 183: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Em um experimento verificou-se a proporcionalidade existente entre energia e a freqüência de emissão de uma radiação característica. Neste caso, a constante de proporcionalidade, em termos dimensionais, é equivalente a:

A -

Força;

B -

Quantidade de Movimento;

C -

Momento Angular;

D -

Pressão;

E -

Potência.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 184: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Um pequeno camundongo de massa M corre num plano vertical no interior de um cilindro de massa m e eixo horizontal. Suponha-se que o ratinho alcance a posição indicada na figura imediatamente no início de sua corrida, nela permanecendo devido ao movimento giratório de reação do cilindro, suposto ocorrer sem resistência de qualquer natureza. A energia despendida pelo ratinho durante um intervalo de tempo T para se manter na mesma posição enquanto corre é:

 

A -

E = (M²/2M)g²T²

B -

E = Mg²T²

C -

E = (m²/M) g²T²

D -

E = mg²T²

E -

Nda

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 185: UNESP - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita - Um corpo A, de massa m e velocidade vo, colide elasticamente com um corpo B em repouso e de massa desconhecida. Após a colisão, a velocidade do corpo A é Vo/2, na mesma direção e sentido que a do corpo B. A massa do corpo B é:

A -

m/3

B -

m/2

C -

2m

D -

3 m

E -

6m

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 186: PUC-SP - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo -

O coqueiro da figura tem 5 m de altura em relação ao chão e a cabeça do macaco está a 0,5 m do solo. Cada cocô, que se desprende do coqueiro, tem massa 200 g e atinge a cabeça do macaco com 7 J de energia cinética. A quantidade de energia mecânica dissipada na queda é:

A -

9 J

B -

7 J

C -

2 J

D -

9000 J

E -

2000 J

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 187: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Um corpo de massa M, mostrado na figura, é preso a um fio leve, inextensível, que passa através de um orifício central de uma mesa lisa. Considere que inicialmente o corpo se move ao longo de uma circunferência, sem atrito. O fio é, então, puxado para baixo, aplicando-se uma força , constante, a sua extremidade livre. Podemos afirmar que:

 

A -

o corpo permanecerá ao longo da mesma circunferência;

B -

a força F não realiza trabalho, pois é perpendicular à trajetória;

C -

a potência instantânea de F é nula;

D -

o trabalho de F é igual à variação da energia cinética do corpo;

E -

o corpo descreverá uma trajetória elíptica sobre a mesa.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 188: FUVEST - Fundação Universitária para o Vestibular -

No medidor de energia elétrica usado na medição do consumo de residências, há um disco, visível externamente, que pode girar. Cada rotação completa do disco corresponde a um consumo de energia elétrica de 3,6 watt-hora. Mantendo-se, em uma residência, apenas um equipamento ligado, observa-se que o disco executa uma volta a cada 40 segundos. Nesse caso a potência “consumida” por esse equipamento é de, aproximadamente:

(A quantidade de energia elétrica de 3,6 watt-hora é definida como aquela que um equipamento de 3,6 W consumiria se permanecesse ligado durante 1 hora)

A -

36 W

B -

90 W

C -

144 W

D -

324 W

E -

1000 W

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 189: FUVEST - Fundação Universitária para o Vestibular -

Dois pequenos discos, de massas iguais, são lançados sobre um a superfície plana e horizontal, sem atrito, com velocidades de módulos iguais. A figura ao lado registra a posição dos discos, vistos de cima, em intervalos de tempo sucessivos e iguais, antes de colidirem, próximo ao ponto P. Dentre as possibilidades representadas, aquela que pode corresponder às posições dos discos, em instantes sucessivos, após a colisão, é:

 

A -

 

B -

 

C -

 

D -

 

E -

 

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 190: FUVEST - Fundação Universitária para o Vestibular -

Satélites utilizados para telecomunicações são colocados em órbitas geoestacionarias ao redor da Terra, ou seja, de tal forma que permaneçam sempre acima de um mesmo ponto da superfície da Terra. Considere algumas condições que poderiam corresponder a esses satélites:

I ter o mesmo período, de cerca de 24 horas

II ter aproximadamente a mesma massa

III estar aproximadamente à mesma altitude

IV manter-se num plano que contenha o círculo do equador terrestre

O conjunto de todas as condições, que satélites em órbita geoestacionaria devem necessariamente obedecer, corresponde a:

A -

I e III

B -

I, II e III

C -

I, III e IV

D -

II e III

E -

II e IV

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 191: UNIP - Universidade Paulista -

Dois carros, A e B, de massas iguais, movem-se em uma estrada retilínea e horizontal, em sentidos opostos, com velocidade de mesmo módulo. Após se chocarem frontalmente, ambos param imediatamente devido à colisão.

             

Pode-se afirmar que, no sistema, em relação à situação descrita:

A -

há conservação da quantidade de movimento do sistema e da sua energia cinética total;

B -

não há conservação da quantidade de movimento do sistema, mas a energia cinética total se conserva:

C -

nem a quantidade de movimento do sistema e nem a energia cinética total se conservam;

D -

a quantidade de movimento do sistema é transformada em energia cinética;

E -

há conservação da quantidade de movimento do sistema, mas não da sua energia cinética total.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 192: UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo -

Um avião descreve, em seu movimento, uma trajetória circular, no plano vertical (loop), de raio R = 40 m, apresentando no ponto mais baixo de sua trajetória uma velocidade de 144 km/h.

                 

Sabendo-se que o piloto do avião tem massa de 70 kg, a força de reação normal, aplicada pelo banco sobre o piloto, no ponto mais baixo, tem intensidade:

A -

36 988 N

B -

36 288 N

C -

3 500 N

D -

2 800 N

E -

700 N

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 193: FUVEST - Fundação Universitária para o Vestibular -

Uma criança estava no chão. Foi levantada por sua mãe que a colocou em um escorregador a uma altura de 2,0 m em relação ao solo. Partindo do repouso, a criança deslizou e chegou novamente ao chão com velocidade igual a 4 m/s. Sendo T o trabalho realizado pela mãe ao suspender o filho, e sendo a aceleração da gravidade g = 10 m/s2, a energia dissipada por atrito, ao escorregar, é aproximadamente igual a:

A -

0,1 T

B -

0,2 T

C -

0,6 T

D -

0,9 T

E -

1,0 T

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 194: UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo -

A figura mostra o perfil de uma um parque de diversões.

                

O carrinho é levado até o ponto mais alto por uma esteira, atingindo o ponto A com velocidade que pode ser considerada nula. A partir desse ponto, inicia seu movimento e ao passar pelo ponto B sua velocidade é de 10 m/s. Considerando a massa do conjunto carrinho + passageiros como 400 kg, pode-se afirmar que o módulo da energia mecânica dissipada pelo sistema foi de:

A -

96 000 J

B -

60 000 J

C -

36 000 J

D -

9 6000 J

E -

6 000 J

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 195: Não definida - Um carrinho de massa M é abandonado, a partir do repouso, no ponto P da rampa, como mostra a figura abaixo:

Desprezando-se as forças resisistivas e considerando o módulo da aceleração gravitacional local 10 m/s², determine o módulo da velocidade com que o carrinho atinge o ponto Q.

A -

2 m/s

B -

7 m/s

C -

10 m/s

D -

12 m/s

E -

20 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 196: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Sabe-se que a atração gravitacional da lua sobre a camada de água é a principal responsável pelo aparecimento de marés oceânicas na Terra. A figura mostra a Terra, supostamente esférica, homogeneamente recoberta por uma camada de água.

 

Nessas condições, considere as seguintes afirmativas:

I. As massas de água próximas das regiões A e B experimentam marés altas simultaneamente.

II. As massas de água próximas das regiões A e B experimentam marés opostas, isso é, quando A tem maré alta, B tem maré baixa e vice-versa.

III. Durante o intervalo de tempo de um dia ocorrem duas marés altas e duas marés baixas.

Então, está(ão) correta(s), apenas:

A -

a afirmativa I

B -

a afirmativa II

C -

a afirmativa III

D -

as afirmativas I e II

E -

as afirmativas I e III

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 197: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Um balão contendo gás hélio é fixado, por meio de um fio leve, ao piso de um vagão completamente fechado. O fio permanece na vertical enquanto o vagão se movimenta com velocidade constante, como mostra a figura. Se o vagão é acelerado para frente, pode-se afirmar que, em relação a ele, o balão:

                                              

A -

se movimenta para trás e a tração no fio aumenta;

B -

se movimenta para trás e a tração no fio não muda;

C -

se movimenta para frente e a tração no fio aumenta;

D -

se movimenta para frente e a tração no fio não muda;

E -

permanece na mesma posição vertical.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 198: UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo -

A força gravitacional entre um satélite e a Terra é F. Se a massa desse satélite fosse quadruplicada e a distância entre o satélite e o centro da Terra aumentasse duas vezes, o valor da força gravitacional seria:

A -

F/4

B -

F/2

C -

3F/4

D -

F

E -

2F

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 199: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

Uma bola B1 de massa m, movendo-se com velocidade 3,0 m/s para a direita, choca-se com outra bola B2 de massa 2 m, inicialmente em repouso. Após colidirem, a bola B2 adquire uma velocidade de 2,0 m/s para a direita. Assinale a opção que apresenta a velocidade final da bola B1:

A -

2,0 m/s para a direita.

B -

1,0 m/s para a direita.

C -

0m/s.

D -

1,0 m/s para a esquerda.

E -

2,0 m/s para a esquerda.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 200: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

Durante muito tempo, a partir da Idade Média, foram projetadas máquinas, como a da figura abaixo, que seriam capazes de trabalhar perpetuamente.

 

O fracasso desses projetos levou à compreensão de que o trabalho não poderia ser criado do nada e contribuiu para a elaboração do conceito físico de:

A -

força;

B -

energia;

C -

velocidade;

D -

momento angular.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 181: C - questão 182: B, C - questão 183: C - questão 184: A - questão 185: A - questão 186: C - questão 187: D - questão 188: D - questão 189: E - questão 190: C - questão 191: E - questão 192: C - questão 193: C - questão 194: B - questão 195: C - questão 196: E - questão 197: C - questão 198: D - questão 199: D - questão 200: B

 

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 201: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

O gráfico a seguir refere-se às curvas de distribuição de energia cinética entre um mesmo número de partículas, para quatro valores diferentes de temperatura T1, T2, T3 e T4, sendo T1 < T2 < T3 < T4. Note que as áreas sob cada uma das curvas são idênticas, uma vez que são proporcionais aos números de partículas.

 

As transformações químicas serão tanto mais rápidas quanto maior for o número de colisões possíveis. Mas isso depende não só do valor do número de colisões, mas também do valor mínimo da energia, chamado energia de limiar ou de ativação (por exemplo, a energia E indicada no gráfico). Assim, com relação ao gráfico apresentado, a transformação química torna-se mais rápida na seguinte temperatura:

A -

T1

B -

T2

C -

T3

D -

T4

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 202: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

No filme O Nome da Rosa há uma cena em que o personagem principal, o frade-detetive, se perde de seu discípulo no ponto A de umlabirinto de escadas. Considere que, em um certo instante, o frade esteja em um ponto B, situado alguns metros abaixo do ponto A, para onde deseja retornar. Existem quatro escadas, E1, E2, E3 e E4, todas diferentes entre si, que ligam os pontos A e B. O total de degraus de cada escada é, respectivamente, n1 = 20, n2 = 25, n3 = 40 e n4 = 55. Pode-se afirmar que os trabalhos i, realizados pela força peso do frade ao ir de B até A, satisfazem a seguinte relação:

A -

t1 < t2 < t3 < t4 

B -

t1 > t2 > t3 > t4

C -

t1 = t2 = t3 = t4

D -

t1 = t2 < t3 < t4

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 203: UFF - Universidade Federal Fluminense -

O aumento do uso do capacete por motociclistas tem sido atribuído à multa imposta por lei. Melhor seria se todos tivessem noção do maior risco que correm sem a proteção deste acessório. Para ilustrar essa observação, considere um motociclista que, após colidir com um carro, é lançado, de cabeça, a 12 m/s, contra um muro. O impacto do motociclista contra o muro pode ser comparado ao choque dele próprio contra o chão, após uma queda livre, com aceleração da gravidade g = 10 m/s2, de uma altura igual a:

A -

0,60 m

B -

1,4 m

C -

7,2 m

D -

4,8 x 10 m

E -

2,8 x 102 m

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 204: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

Considere as duas tirinhas abaixo:

Essas tirinhas representam expressões diferentes da lei de:

A -

inércia;

B -

queda de corpos;

C -

conservação de energia;

D -

conservação de momento.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 205: CESGRANRIO - Fundação CESGRANRIO -

"Em 2001, um empresário escapou da morte graças a um livro. Ao ser abordado por duas pessoas quando estava chegando ao escritório, ele instintivamente levou à altura do peito a pasta que carregava. Foi nela que um dos bandidos acertou um tiro, antes de fugir. Veja o que aconteceu: o projétil atingiu a pasta a uma velocidade de 1 200 Km/h. Após furar o couro e passar por alguns papéis, encontrou o livro, que funcionou como um escudo, absorvendo o seu impacto. A bala parou e caiu, após perfurar a obra, salvando o empresário." (Revista VEJA, 12/12/2001 (Adaptado)) Considere que o projétil, de 10 g de massa, atingiu o livro normalmente, a 900 km/h. Se a força média da resistência oposta pelo livro à penetração do projétil foi de 12 500 N, e a direção do movimento da bala manteve-se inalterada, pode-se concluir que a espessura mínima do livro, em centímetros, era:

A -

3,0

B -

2,5

C -

2,0

D -

1,5

E -

1,0

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 206: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco -

O volume interno do cilindro de comprimento L = 20 cm, mostrado na figura, é dividido em duas partes por um êmbolo condutor térmico, que pode se mover sem atrito. As partes da esquerda e da direita contêm, respectivamente, um mol e três moles, de um gás ideal. Determine a posição de equilíbrio do êmbolo em relação à extremidade esquerda do cilindro.

A -

2,5 cm

B -

5,0 cm

C -

7,5 cm

D -

8,3 cm

E -

9,5 cm

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 207: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco -

Duas esferas de mesmo raio e massas MA = 0,5 kg e MB = 0,3 kg, estão presas por um fio fino, inextensível e de massa desprezível, conforme mostra a figura. As esferas encontram-se em repouso, imersas em um líquido. Determine o empuxo exercido pelo líquido sobre cada esfera.

A -

2 N

B -

4 N

C -

6 N

D -

8 N

E -

9 N

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 208: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco -

Um carrinho escorrega sem atrito em uma montanha russa, partindo do repouso no ponto A, a uma altura H, e sobe o trecho seguinte em forma de um semicírculo de raio R. Qual a razão H/R, para que o carrinho permaneça em contato com o trilho no ponto B?

 

 

A -

5/4

B -

4/3

C -

7/5

D -

3/2

E -

8/5

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 209: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco -

Um elevador é puxado para cima por cabos de aço com velocidade constante de 0,5 m/s. A potência mecânica transmitida pelos cabos é de 23 kW. Qual a força exercida pelos cabos?

A -

5,7 x 104 N

B -

4,6 x 104 N

C -

3,2 x 104 N

D -

1,5 x 104 N

E -

1,2 x 104 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 210: UPE - Universidade de Pernambuco -

Os navios possuem a chamada “marca d’água” que denota o nível máximo de imersão do casco sem oferecer perigo à estabilidade e flutuação do barco. Os navios estão descarregados, e a marca está bem acima do nível da água. Quando carregados, esse é o nível máximo que a água pode alcançar. Analise os critérios delineados a seguir que pretendem estabelecer regras para determinar a “marca d’água”. Para ajudar na resposta: uma convicção dos homens do mar determina que o navio carregado é mais estável que o vazio.

Escolha a alternativa correta que se refere à situação do navio parado.

A -

O nível de segurança deve ser estabelecido de modo que o empuxo que menor que o peso da embarcação, e o centro de atuação do empuxo que a baixo do centro de gravidade.

B -

O nível de segurança deve ser estabelecido de modo que o peso da embarcação que menor que o empuxo, e o centro de atuação do empuxo que abaixo do centro de gravidade.

C -

O nível de segurança deve ser estabelecido de modo que o peso da embarcação que igual ao empuxo.

D -

O nível de segurança deve ser estabelecido de modo que o centro de atuação do empuxo que a cima do centro de gravidade e o peso da embarcação seja igual ao empuxo.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 211: UPE - Universidade de Pernambuco -

Uma pessoa comprou uma balança de chão e, ao chegar em casa, ansiosa para controlar o peso, resolve testá-la ainda no elevador. Ela concluiu que a balança estava com defeito ao notar um aumento de seu peso.

Considerando essas informações, identifique a opção correta.

A -

O aumento da indicação da balança pode ocorrer se o elevador está subindo com velocidade constante.

B -

O aumento da indicação da balança pode ocorrer se o elevador está descendo com velocidade constante.

C -

O aumento da indicação da balança pode ocorrer se o elevador está subindo com aceleração constante.

D -

O aumento da indicação da balança pode ocorrer se o elevador está descendo com aceleração constante.

E -

A balança está necessariamente com defeito e deve ser trocada em respeito aos direitos do consumidor.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 212: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco -

Um bloco está em equilíbrio sobre um plano inclinado, sob a ação das forças peso, normal e de atrito. Qual das configurações a baixo representa corretamente todas as forças exercidas sobre o bloco?

 

A -

.

B -

.

C -

.

D -

.

E -

.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 213: UFES - Universidade Federal do Espírito Santo -

Um pequeno vagão de massa M trafega com velocidade constante vo numa trajetória reta e plana entre um alto forno e um depósito. No caminho, uma pedra de massa m cai verticalmente dentro do vagão. Após a pedra ter caído, desprezando-se o atrito, a nova velocidade do conjunto é:

A -

 

B -

 

C -

 

D -

 

E -

 

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 214: UFES - Universidade Federal do Espírito Santo -

Um bloco de massa m = 1 kg desliza sobre uma superfície horizontal plana, com uma velocidade inicial v = 5 m/s, em direção a um anteparo preso a uma mola ideal de constante elástica k = 20 N/m. A superfície horizontal é perfeitamente lisa, exceto num trecho rugoso, cuja extensão é d = 1 m, e o coeficiente de atrito é m = 1,09. Ao atingir o anteparo, o bloco comprime a mola, pára, e é lançado de volta. No instante em que o bloco pára, a mola está comprimida de:

A -

0,1 m

B -

0,2 m

C -

0,3 m

D -

0,4 m

E -

0,5 m

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 215: UNIFACS - Universidade Salvador -

Cometas são corpos celestes que descrevem órbitas elípticas alongadas, tendo o Sol em um dos focos. São constituídos por um núcleo brilhante, formado por substâncias, como água, gás amônia, monóxido de carbono, que se encontram congeladas enquanto o cometa está afastado do Sol. Quando o cometa passa perto do Sol, os compostos se gaseificam e surge uma nebulosidade brilhante, a cauda. O mais famoso dos cometas é o Halley. Sua última aparição se deu em 1986 e as previsões indicam o retorno desse cometa para o ano de 2062.

(Santos, p. 207)

A partir da análise das informações, pode-se concluir:

A -

A velocidade orbital de um cometa aumenta à medida que ele se afasta do Sol.

B -

O período de revolução do cometa Halley é 56vezes maior que o da Terra.

C -

As substâncias do núcleo de um cometa sublimam à medida que se aproximam do Sol.

D -

O aspecto brilhante que a cauda do cometa adquire, perto do Sol, deve-se à liberação de energia na mudança de fase de substâncias simples.

E -

O monóxido de carbono é o gás que se difunde mais rapidamente entre os que compõem a cauda do cometa.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 216: EMESCAM - Centro de Ciências da Saúde de Vitória -

Deixa-se cair um corpo de massa m a partir do ponto A da figura abaixo. Ele desliza, sem atrito, até atingir o ponto B. A partir deste ponto o corpo desloca-se numa superfície horizontal com atrito, até chegar ao ponto C com velocidade igual a , a 10 metros de B. Considere: g = 10 m/s². Sendo m medido em quilogramas e h em metros, o valor da força de atrito F, suposta constante enquanto o corpo se movimenta, vale, em newtons:

A -

F = (1/5) mh

B -

F = 10 mh

C -

F = mh

D -

F = (1/10) mh

E -

F = (1/2) mh

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 217: ECMALL - Escola de Ciências Médicas de Alagoas -

 

A figura mostra a experiência realizada por Galileu, na qual um pêndulo abandonado em A atinge sempre a mesma altura B, C ou D, independentemente da trajetória descrita. Desprezando-se a resistência do ar, a teoria que justifica o resultado experimental é a:

A -

Lei de Newton;

B -

Lei de Hooke;

C -

da Gravitação Universal;

D -

da Conservação da Energia Mecânica;

E -

da Conservação da Quantidade de Movimento Linear

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 218: FRBA - Faculdade Ruy Barbosa de Administração -

 

Tempo (s)

0

2

4

Velocidade (m/s)

5

9

13

 

A tabela apresenta o comportamento da velocidade em função do tempo, para uma partícula de massa  0,5 kg, em movimento retilíneo uniformemente variado. A partir desses dados, é correto afirmar que, no intervalo de tempo considerado, essa partícula se encontra:

1 -

com aceleração constante;

2 -

sob ação de força resultante de módulo igual a 1N;

4 -

com quantidade de movimento de módulo igual a 6,5 kgm/s, no instante t=4 s;

8 -

com energia cinética igual a 4,5 J, no instante t=2 s;

16 -

com energia mecânica nula, no instante t=0.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Somatório

Questão 219: EMESCAM - Centro de Ciências da Saúde de Vitória -

Na figura abaixo os corpos A, B e C têm massas iguais a 5 kg. Suponha que não haja atrito na superfície onde os corpos A e B se apóiam e que a roldana tenha massa desprezível. Considere a aceleração local da gravidade igual a g = 10 m/s². A tração no fio que une os blocos A e B tem módulo igual a:

A -

50 N

B -

50/3 N

C -

10 N

D -

25/3 N

E -

25 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 220: UEFS - Universidade de Feira de Santana -

A partícula de massa m, da figura, realiza movimento circular uniforme com velocidade de módulo igual a v, sobre o plano horizontal, sem atrito, presa à mola ideal de constante elástica igual a k. Nessas condições, sendo R o raio da trajetória descrita, a deformação sofrida pela mola é dada pela expressão:

A -

k / m.v².R

B -

v² / m.R.k

C -

m.v² / R.k

D -

v².k / m.R

E -

k.m / v².R

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 201: D - questão 202: D - questão 203: C - questão 204: A - questão 205: B - questão 206: B - questão 207: B - questão 208: D - questão 209: B - questão 210: D - questão 211: C - questão 212: E - questão 213: C - questão 214: D - questão 215: C - questão 216: E - questão 217: D - questão 218: 7 - questão 219: B - questão 220: C

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 221: UFC - Universidade Federal do Ceará -

O carrinho da figura abaixo repousa sobre uma superfície horizontal lisa e no seu interior há um pêndulo simples, situado inicialmente em posição horizontal. O pêndulo é liberado e sua massa m se move até colidir com a parede do carrinho no ponto P, onde fica colada. A respeito desse fato, considere as seguintes afirmações.

I. A lei de conservação da quantidade de movimento assegura que, cessada a colisão, o carrinho estará se movendo para a direita com velocidade constante.

II. A ausência de forças externas horizontais atuando sobre o sistema (carrinho + pêndulo), assegura que, cessada a colisão, o carrinho estará em repouso à esquerda de sua posição inicial.

III. A energia mecânica (mgl) é quase totalmente transformada em energia térmica.

Assinale a alternativa correta:

A -

Apenas I é verdadeira.

B -

Apenas II é verdadeira.

C -

Apenas III é verdadeira.

D -

Apenas I e III são verdadeiras.

E -

Apenas II e III são verdadeiras.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 222: UNIFOR - Universidade de Fortaleza -

Uma nave espacial de 2,0 x 104 kg se movimenta, livre de quaisquer forças, com velocidade constante de 2,0 m/s, em relação a um referencial inercial. Para manobrá-lo no espaço, utiliza-se retrofoguetes, que fornecem uma força constante de 500 N. Se for ligado um retrofoguete que atue perpendicularmente à direção da velocidade da nave, esta executará uma curva circular de raio, em metros, igual a:

A -

40

B -

80

C -

160

D -

200

E -

320

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 223: UNIFOR - Universidade de Fortaleza -

Sobre uma pista horizontal de atrito desprezível, estão deslizando os corpos A e B com aceleração provocada pela força horizontal F, de intensidade F, aplicada no corpo A.

Sabendo-se que a massa de A é o dobro da massa de B, a força que o corpo B exerce no corpo A tem intensidade:

A -

F/4

B -

F/3

C -

F/2

D -

2F/3

E -

F

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 224: Faculdades Jorge Amado -

Um carrinho de supermercado cheio de compras permanece em repouso sobre uma esteira magnética que desliza sobre um plano inclinado em um ângulo q, em relação à superfície horizontal. Desprezando-se as forças dissipativas e sabendo-se que o peso total do carrinho é igual a P, é correto afirmar que a intensidade da força magnética exercida sobre ele é igual a:

A -

P.sen(q)

B -

P.cos(q)

C -

P.tg(q)

D -

P.sec(q)

E -

P

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 225: UNIFACS - Universidade Salvador -

Um tenista chega a percorrer cerca de 6 quilômetros a cada jogo.

Como as partidas reúnem esforços de curta duração, mas de grande intensidade, o esportista utiliza uma quantidade enorme de energia anaeróbia e necessita de um bom condicionamento aeróbio. Quanto à estrutura da raquete, a partir dos anos 80, a evolução foi muito rápida. No lugar da madeira, passou-se a utilizar o alumínio, o plástico, a grafite, o titânio e o kevlar, um composto leve e ultra-sensível.   

(Pegorin. In: Galileu, p. 30-2)

Com base nas informações do texto e nos conhecimentos da Mecânica Clássica e da Fisiologia Humana, é correto afirmar:

 

A -

A distância que um tenista chega a percorrer, a cada jogo, equivale, em unidades do Sistema Internacional, a 6.102 m.

B -

A velocidade média desenvolvida por um tenista que percorre 6 km, em um jogo de 90 minutos, é igual a 4 km/h.

C -

Durante uma interação de curta duração, a raquete e a bola exercem forças impulsivas que se anulam mutuamente.

 

D -

A via bioenergética aeróbia disponibiliza para o tenista menor quantidade de energia, sob a forma de ATP, que as vias anaeróbias.

E -

Um esforço físico intenso exige que a produção de oxiemoglobina seja interrompida.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 226: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul -

Um bloco de massa 40 kg e volume 2,7 x 102 m3 encontra-se pendurado em um fio de massa e volume desprezíveis e mergulhado na água (d = 1 g/cm³) como mostra a figura abaixo:

Considere g = 10 m/s² e determine o módulo da tensão na corda que sustenta o bloco:

 

 

A -

400 N

B -

300 N

C -

270 N

D -

130 N

E -

zero

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 227: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul -

Selecione a alternativa que preenche corretamente as lacunas no texto abaixo, na ordem em que elas aparecem. Alguns satélites artificiais usados em telecomunicações são geoestacionários, ou seja, no seu movimento de revolução em torno da Terra, eles devem se manter fixos sobre o mesmo ponto da superfície terrestre, apesar do movimento de rotação da Terra em torno do próprio eixo.

Para isso, esses satélites precisam:

1. ter uma órbita circular, cujo plano coincida com o plano do equador terrestre;

2. ter o sentido de revolução ........ ao sentido de rotação da Terra; e

3. ter o período de revolução ....... período de rotação da Terra.

A -

contrário; igual ao dobro do

B -

igual; igual à metade do

C -

contrário; igual à metade do

D -

igual; igual ao

E -

contrário; igual ao

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 228: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul -

Um caixote se encontra em repouso sobre o piso horizontal de uma sala (considerada um sistema de referência inercial). Primeiramente, é exercida sobre o caixote uma força horizontal Fo, de módulo igual a 100 N, constatando-se que o caixote se mantém em repouso devido ao atrito entre ele e o piso. A seguir, acrescenta-se ao sistema de forças outra força horizontal F1, de módulo igual a 20 N e de sentido contrário a Fo, conforme representa a figura abaixo:

A respeito dessa nova situação, é correto afirmar que o trabalho realizado subseqüentemente pela resultante das forças exercidas sobre o caixote, no mesmo referencial da sala, é igual a:

A -

zero, pois a força resultante é nula;

B -

20 J para um deslocamento de 1 m;

C -

160 J para um deslocamento de 2 m;

D -

300 J para um deslocamento de 3 m;

E -

480 J para um deslocamento de 4 m.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 229: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul -

Um dinamômetro, em que foi suspenso um cubo de madeira, encontra-se em repouso, preso a um suporte rígido. Nessa situação, a leitura do dinamômetro é 2,5 N. Uma pessoa puxa, então, o cubo verticalmente para baixo, fazendo aumentar a leitura do dinamômetro. Qual será o módulo da força exercida pela pessoa sobre o cubo, quando a leitura do dinamômetro for 5,5 N?

A -

  2,2 N

B -

 2,5 N

C -

3,0 N

D -

5,5 N

E -

8,0 N

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 230: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul -

A figura abaixo representa a trajetória de uma bola que se move livremente da esquerda para a direita, batendo repetidamente no piso horizontal de um ginásio.

Desconsiderando a pequena resistência que o ar exerce sobre a bola, selecione a alternativa que melhor representa em módulo, direção e sentido a aceleração do centro de gravidade da bola nos pontos P, Q e R, respectivamente:

A -

;

B -

;

C -

;

D -

;

E -

.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 231: UNIRIO/ENCE - Universidade do Rio de Janeiro -

É freqüente observarmos, em espetáculos ao ar livre, pessoas sentarem nos ombros de outras para tentar ver melhor o palco. Suponha que Maria esteja sentada nos ombros de João que, por sua vez, está em pé sobre um banquinho colocado no chão. Com relação à terceira Lei de Newton, a reação ao peso de Maria está localizada no:

A -

 chão;

B -

banquinho;

C -

 centro da Terra;

D -

ombro de João.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 232: UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais -

A questão deve ser respondida com base na situação descrita a seguir. Em um laboratório de Física, Agostinho realiza o experimento representado, esquematicamente, nesta figura:

Assinale a alternativa cujo gráfico melhor descreve a velocidade do bloco K em função do tempo, desde o instante em que é solto até chegar próximo à extremidade da mesa.

A -

;

B -

;

C -

;

D -

.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 233: UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais -

A questão deve ser respondida com base na situação descrita a seguir. Em um laboratório de Física, Agostinho realiza o experimento representado, esquematicamente, nesta figura:

Agostinho segura o bloco K sobre uma mesa sem atrito. Esse bloco está ligado por um fio a um outro bloco, L, que está sustentado por esse fio. Em um certo momento, Agostinho solta o bloco K e os blocos começam a se movimentar. O bloco L atinge o solo antes que o bloco K chegue à extremidade da mesa. Despreze as forças de atrito.

 

Os blocos K e L são idênticos e cada um tem massa m. A altura da mesa é H e o bloco L, inicialmente, está a uma altura h do solo. A aceleração da gravidade é g. Nessas condições, imediatamente antes de o bloco L atingir o solo, a energia cinética do conjunto dos dois blocos é:

A -

mg(H-h)

B -

mgh

C -

mgH

D -

mg(H+h)

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 234: UEMG - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MINAS GERAIS -

A velocidade de um móvel tem sempre o mesmo valor, mas a direção do movimento muda continuamente. Neste caso, assinale a alternativa correta:

A -

A aceleração e a velocidade têm a mesma direção, mas sentidos contrários.

B -

A resultante das forças e a aceleração são perpendiculares entre si.

C -

A velocidade e a resultante das forças são perpendiculares entre si.

D -

A aceleração e a velocidade têm a mesma direção e sentido.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 235: UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora -

Um garoto brinca com uma mola espiral. Ele coloca a mola em pé numa mesa e apóia um pequeno disco de plástico em cima da mola. Segurando a borda do disco, ele comprime a mola, encurtando-a por 5 mm. Após o garoto soltar os dedos, a mola projeta o disco 100 mm para cima (contando da altura de lançamento, veja a figura). Quanto subiria o disco, se o garoto comprimisse a mola por 10 mm?

Suponha que toda a energia potencial da compressão da mola seja transferida para o disco e que a mola seja ideal. Marque a resposta certa:

A -

400 mm

B -

200 mm

C -

100 mm

D -

80 mm

E -

90 mm

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 236: UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais -

Para chegar ao segundo andar de sua escola, André pode subir por uma escada ou por uma rampa. Se subir pela escada, com velocidade constante, ele demora 10 s; no entanto, se for pela rampa, com a mesma velocidade, leva 15 s.

Sejam WE o trabalho realizado e PE a potência média desenvolvida por André para ir ao segundo andar pela escada. Indo pela rampa, esses valores são, respectivamente, WR e PR.

Despreze perdas de energia por atrito. Com base nessas informações, é correto afirmar que:

A -

 WE ¹ WR e PE < PR

B -

 WE ¹ WR e PE > PR

C -

 WE = WR e PE < PR

 

D -

 WE = WR e PE > PR

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 237: UEMG - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MINAS GERAIS -

A figura mostra o planeta Terra na sua trajetória em torno do Sol. P e Q são duas posições ocupadas pela Terra em diferentes épocas do ano.

Assinale a alternativa correta:

A -

A velocidade da Terra em P é maior do que em Q.

 

B -

A aceleração do planeta em P é menor do que em Q.

 

C -

A força que o Sol faz na Terra é maior em Q do que em P.

D -

A posição P corresponde ao verão na Terra e Q corresponde ao inverno.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 238: PUC-MG - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - A força de atração entre o Sol e um planeta é proporcional à massa m do planeta, proporcional à massa M do sol e inversamente proporcional ao quadrado da distância entre o Sol e o planeta. Assim, é correto dizer que:

A -

Fm.M/r2

 

B -

m/M.r

C -

M/m.r2

D -

r/M.m

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 239: UEFS - Universidade de Feira de Santana -

Um corpo qualquer cria no espaço uma região de influência denominada campo gravitacional, que lhe possibilita interagir com outros corpos. Tal campo é decorrente da propriedade física do corpo chamada:

 

A -

 Forma;

B -

 Permeabilidade;

C -

 Massa;

D -

 carga elétrica;

E -

 elasticidade.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 240: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

Num jogo de futebol americano, o jogador A, de massa m = 72 kg, avança com a bola (de massa desprezível), com velocidade vA = 5 m/s. Um defensor B do time adversário, de massa mB = 75 kg, avança com vB = 4 m/s, na mesma direção de vA, mas em sentido oposto. O defensor se agarra com A, e os dois permanecem juntos por algum tempo. Qual a velocidade (em m/s) e o sentido com que os dois se movem depois do choque, supondo que ele seja totalmente inelástico?

A -

0,4 no sentido de vB

B -

0,4 no sentido de vA

C -

4,5 no sentido de vB

D -

4,5 no sentido de vA

E -

 zero

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 221: E - questão 222: C - questão 223: B - questão 224: A - questão 225: B - questão 226: D - questão 227: D - questão 228: A - questão 229: C - questão 230: E - questão 231: C - questão 232: A - questão 233: B - questão 234: C - questão 235: A - questão 236: D - questão 237: A - questão 238: A - questão 239: C - questão 240: B

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 241: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

Considere um carro de tração dianteira que acelera no sentido indicado na figura abaixo:

O motor é capaz de impor às rodas de tração um determinado sentido de rotação. Só há movimento quando há atrito estático, pois, na sua ausência, as rodas de tração patinam sobre o solo, como acontece em um terreno enlameado. O diagrama que representa corretamente as forças de atrito estático que o solo exerce sobre as rodas é:

 

A -

 

B -

 

C -

 

D -

 

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 242: UFF - Universidade Federal Fluminense -

Considere que a Lua descreve uma órbita circular em torno da Terra. Assim sendo, assinale a opção em que estão mais bem representadas a força resultante  sobre o satélite e a sua velocidade

A -

.

 

B -

.

C -

.

D -

.

E -

.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 243: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

Durante a Olimpíada 2000, em Sidney, um atleta de salto em altura, de 60 kg, atingiu a altura máxima de 2,10 m, aterrizando a 3 m do seu ponto inicial. Qual o trabalho realizado pelo peso durante a sua descida? (g = 10 m/s²)

A -

 1800 J

B -

 1260 J

C -

300 J

D -

180 J

E -

21 J

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 244: UFF - Universidade Federal Fluminense -

O sistema da figura é constituído de uma mola ideal e um bloco, estando livre para oscilar verticalmente.

O gráfico que melhor ilustra como a energia potencial da mola (U) varia em função do deslocamento da mesma, em relação à posição de equilíbrio (x), é:

A -

.

B -

.

C -

.

D -

.

E -

.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 245: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

Segundo a lei da gravitação universal, de Newton, a força gravitacional entre dois corpos é diretamente proporcional ao produto de suas massas e inversamente proporcional ao quadrado da distância entre seus centros de gravidade.

Mesmo que não seja obrigatoriamente conhecido pelos artistas, é possível identificar o conceito básico dessa lei na seguinte citação:

A -

 "Trate a natureza em termos do cilindro, da esfera e do cone, todos em perspectiva."(Paul Cézanne)

B -

 "Hoje, a beleza (...) é o único meio que nos manifesta puramente a força universal que todas as coisas contêm." (Piet Mondrian)

 

C -

 "Na natureza jamais vemos coisa alguma isolada, mas tudo sempre em conexão com algo que lhe está diante, ao lado, abaixo ou acima." (Goethe)

D -

"Ocorre na natureza alguma coisa semelhante ao que  acontece na música de Wagner, que embora tocada por uma grande orquestra, é intimista." (Van Gogh)

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 246: UFF - Universidade Federal Fluminense -

Duas esferas de massas m1 e m2, com m1 > m2, são abandonadas, simultaneamente, de uma mesma altura. As energias cinéticas dessas esferas ao atingirem o solo são, respectivamente, E1 e E2, sendo seus tempos de queda, respectivamente, t1 e t2.  Considerando desprezível a resistência do ar, é correto afirmar que:

A -

E1 > E2 e t1 < t2

B -

E1 > E2 e t1 = t2

C -

E1 = E2 e t1 = t2

D -

E1 = E2 e t1 < t2

E -

E1 < E2 e t1 < t2

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 247: PUC-PR - Pontifícia Universidade Católica do Paraná -

Uma pessoa quer manter em equilíbrio uma barra de peso 20N. Para isto, comprime-a entre os dedos aplicando duas forças F de mesmo módulo, conforme a figura abaixo. Sabendo que o coeficiente de atrito entre os dedos da pessoa e a barra é 0,2, é correto afirmar que o menor valor possível de F, que mantém a barra em equilíbrio, é:

A -

20 N

B -

40 N

C -

50 N

D -

100 N

E -

30 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 248: Universidade Federal de São Carlos -

De acordo com publicação médica especializada, uma pessoa caminhando à velocidade constante de 3,2 km/h numa pista plana horizontal consome, em média, 240 kcal em uma hora. Adotando 1,0 kcal = 4 200 J, pode-se afirmar que a potência desenvolvida pelo organismo e a força motriz exercida pelo solo, por meio do atrito, sobre os pés dessa pessoa valem, em média, aproximadamente:

A -

280 W e 0 N

B -

280 W e 315 N

C -

14000 W e 175 N

D -

1400 W e 300 N

E -

2000 W e 300 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 249: USP - Universidade de São Paulo -

Analise as três afirmações seguintes:

I. A unidade de força do SI é o newton, símbolo N, definida como: "Força que comunica à massa de um quilograma a aceleração de um metro por segundo, por segundo".

II. A Lei da Ação e Reação, ou 3ª Lei de Newton, enunciada como "A força exercida por um corpo, A, sobre outro, B, é igual e oposta à força exercida pelo corpo B sobre A", só é válida quando os corpos A e B estão em contado um com o outro, não podendo ser aplicada a corpos distantes um do outro.

III. Dois objetos de materiais diferentes, com a mesma "massa inercial", à qual se refere a 2ª Lei de Newton (f = m . a), têm a mesma "massa gravitacional", à qual se refere a Lei da Atração Gravitacional de Newton.

Podemos afirmar que:

A -

apenas I está correta;

B -

apenas II está correta;

C -

apenas III está correta;

D -

apenas I e III estão corretas;

E -

apenas II e III estão corretas.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 250: UFF - Universidade Federal Fluminense -

Pular corda é uma atividade que complementa o condicionamento físico de muitos atletas.Suponha que um boxeador exerça no chão uma forças média de 1,0 x 104 N, ao se erguer pulando corda. Em cada pulo, ele fica em contato com o chão por 2,0 x 10² s.

Na situação dada, o impulso que o chão exerce sobre o boxeador, a cada pulo, é:

A -

4,0 Ns

B -

1,0 x 10 Ns

C -

2,0 x 10² Ns

D -

4,0 x 10³ Ns

E -

5,0 x 105 Ns

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 251: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

Um pêndulo, consistindo de um corpo de massa m preso à extremidade de um fio de massa desprezível, está pendurado no teto de um carro. Considere as seguintes afirmações e assinale a opção que apresenta a(s) afirmativa(s) correta(s):

I. Quando o carro acelera para frente, o pêndulo se desloca para trás em relação ao motorista.

II. Quando o carro acelera para frente, o pêndulo se desloca para frente em relação ao motorista.

III. Quando o carro acelera para frente, o pêndulo não se desloca e continua na vertical.

IV. Quando o carro faz uma curva à esquerda com módulo da velocidade constante, o pêndulo se desloca para a direita em relação ao motorista.

V. Quando o carro faz uma curva à esquerda com módulo da velocidade constante, o pêndulo se desloca para a esquerda em relação ao motorista.

Assinale a opção que apresenta a(s) afirmativa(s) correta(s):

A -

I e IV

B -

II e V

C -

I

D -

III

E -

II e IV

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Múltipla Escolha

Questão 252: PUC-SP - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo -

Um carro está se movendo numa estrada horizontal quando, em um determinado instante, o motorista vê um animal na pista e freia o carro no intuito de pará-lo. Supondo que a resultante das forças que atuam no carro permaneça constante durante toda a frenagem, qual é o conjunto de gráficos, entre os apresentados, que melhor representa, para esse intervalo de tempo, a aceleração (a) e a velocidade (v) do carro, em função do tempo (t)?

A -

_

B -

_

C -

_

D -

_

E -

_

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 253: UNESP - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita -

Um observador, num referencial inercial, observa o corpo I descrevendo uma trajetória circular com velocidade de módulo v constante, o corpo II descrevendo uma trajetória retilínea sobre um plano horizontal com aceleração a constante e o corpo III descrevendo uma trajetória retilínea com velocidade v constante, descendo um plano inclinado.

Nestas condições, podemos afirmar que o módulo da resultante das forças atuando em cada corpo é diferente de zero:

A -

no corpo I, somente;

B -

no corpo II, somente;

C -

no corpo III, somente;

D -

nos corpos I e II, somente;

E -

nos corpos I e III, somente.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 254: FGV-RJ - Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro -

Em abril de 2001, o baixo nível de água observado na maior parte dos reservatórios das usinas hidrelétricas brasileiras das regiões Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste fez com que fosse adotado o racionamento da energia elétrica em nosso país. Tal medida foi tomadapois o baixo nível dos reservatórios comprometia necessariamente:

A -

 a quantidade da energia elétrica distribuída na ocasião por essas usinas;

B -

 a intensidade da corrente elétrica gerada por essas usinas;

C -

 a tensão da eletricidade transferida pelas redes de distribuição;

D -

a potência elétrica gerada naquela ocasião nas turbinas dessas usinas;

E -

a quantidade de energia disponível nesses reservatórios para uso futuro.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 255: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

Trens viajam na maior parte do tempo com velocidade constante. Em algumas situações, entretanto, eles têm aceleração. Considerando as afirmações abaixo, selecione a opção que indica aquelas que são corretas.

I. O trem acelera para frente quando parte de uma estação.

II. O trem desacelera (aceleração pata trás) quando está chegando a uma estação.

III. O trem acelera para a esquerda quando faz uma curva para a esquerda e acelera para a direita quando faz uma curva para a direita, ainda que o módulo de sua velocidade seja constante.

IV. O trem acelera para a direita quando faz uma curva para a esquerda e acelera para a esquerda quando faz uma curva para a direita, ainda que o módulo de sua velocidade seja constante.

A -

I, II e III são corretas;

B -

I e II e IV são corretas;

C -

I e III são corretas;

D -

I e IV são corretas;

E -

II e III são corretas.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 256: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

Um corpo cai em direção à terra, a partir do repouso, no instante t = 0. Observe os gráficos abaixo, nos quais são apresentadas diferentes variações das energias potencial (Ep) e cinética (Ec) deste corpo, em função do tempo.

O gráfico energia x tempo que melhor representa a variação

das duas grandezas descritas é o de número:

A -

1

B -

2

C -

3

D -

4

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 257: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

O volume do tanque de combustível de um Boeing 767 é de 90.000 L. Sabemos que a queima de 1 litro deste combustível de aviação libera 35,0 MJ da energia (um Mega Joule equivale a um milhão de Joules). Por outro lado, a explosão de um kiloton de dinamite (mil toneladas de TNT) libera 4,2 x 1012 J de energia. Se o tanque de combustível do Boeing , por um terrível acidente, explodisse, equivaleria a quantos kilotons de TNT?

A -

1,34

B -

0,75

C -

7,50.10²

D -

1,34.10³

E -

.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 258: PUC-RIO - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro -

Suponha que você tenha que subir, sem deslizar, uma ladeira muito íngreme de comprimento L = 30 metros.

Se você subir em zigzag, em um percurso de comprimento total igual a 60 metros, a energia total que você vai dispender, em relação  à energia dispendida no caminho reto,

A -

é duas vezes maior;

B -

é a metade;

C -

é igual;

D -

depende da massa;

E -

depende da ladeira.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 259: UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro -

Considere a situação abaixo, que ilustra a conhecida experiência dos hemisférios de Magdeburgo.

Na experiência original, foram utilizados 16 cavalos divididos em 2 grupos de 8, cada qual capaz de exercer uma força resultante F sobre o hemisfério. Imagine que o idealizador do experimento só dispusesse de 8 cavalos para tracionar, com a mesma força F, um dos hemisférios, e prendesse o outro a um tronco resistente e fixo no chão. Seja T a tração total exercida pelas cordas sobre os hemisférios nessa nova situação e To, e da experiência original. Assim, a razão T/To é igual a:

A -

1

B -

1/2

C -

1/4

D -

1/8

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 260: FGV-RJ - Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro - Um elevador enguiçou enquanto transportava alguns estudantes. Um desses jovens, utilizando um dinamômetro improvisado no qual pendurou um de seus sapatos, observou que, com o elevador em repouso, o sapato distendia de 4,9 cm a mola do dinamômetro. Quando finalmente o elevador foi consertado e reiniciou seu movimento, o estudante observou que a distensão da mola (ainda com seu sapato pendurado) aumentou de 0,5 cm. Assim, o estudante pôde acertadamente concluir que, quando reiniciou o seu movimento, o elevador estava:

A -

descendo com uma aceleração de 2 m/s²

B -

descendo com uma aceleração de 1 m/s²

C -

descendo com movimento uniforme

D -

subindo com uma aceleração de 1 m/s²

E -

subindo com uma aceleração de 2 m/s²

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 241: B - questão 242: D - questão 243: B - questão 244: A - questão 245: C - questão 246: B - questão 247: C - questão 248: B - questão 249: D - questão 250: C - questão 251: A - questão 252: B - questão 253: D - questão 254: E - questão 255: A - questão 256: A - questão 257: B - questão 258: C - questão 259: A - questão 260: D

 

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 261: UFF - Universidade Federal Fluminense -

O elevador de passageiros começou a ser utilizado em meados do século XIX, favorecendo o redesenho arquitetônico das grandes cidades e modificando os hábitos de moradia. Suponha que o elevador de um prédio sobe com aceleração constante de 2,0 m/s², transportando passageiros cuja massa total é 5,0 x 10² kg. Durante esse movimento de subida, o piso do elevadorfica submetido à força de:                                   Dado: aceleração da gravidade = 10 m/s²

A -

5,0 x 10² N

B -

1,5 x 10³ N

C -

4,0 x 10³ N

D -

5,0 x 10³ N

E -

6,0 x 10³ N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 262: UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina -

    O air-bag, equipamento utilizado em veículos para aumentar a segurança dos seus ocupantes em uma colisão, é constituído por um saco de material plástico que se infla rapidamente quando ocorre uma desaceleração violenta do veículo, interpondo-se entre o motorista, ou o passageiro, e a estrutura do veículo. Consideremos, por exemplo, as colisões frontais de dois veículos iguais, a uma mesma velocidade, contra um mesmo obstáculo rígido, um com air-bag e outro sem air-bag, e com motoristas de mesma massa. Os dois motoristas sofrerão, durante a colisão, a mesma variação de velocidade e a mesma variação da quantidade de movimento. Entretanto, a colisão do motorista contra o air-bag tem uma duração maior do que a colisão do motorista diretamente contra a estrutura do veículo. De forma simples, o air-bag aumenta o tempo de colisão do motorista do veículo, isto é, o intervalo de tempo transcorrido desde o instante imediatamente antes da colisão até a sua completa imobilização. Em conseqüência, a força média exercida sobre o motorista no veículo com air-bag é muito menor, durante a colisão.

 

Considerando o texto acima, assinale a(s) proposição(ões) correta(s)

1 -

     A colisão do motorista contra o air-bag tem uma duração maior do que a colisão do motorista diretamente contra a estrutura do veículo.

 

2 -

     A variação da quantidade de movimento do motorista do veículo é a mesma, em uma colisão, com ou sem a proteção do air-bag.

 

4 -

     O impulso exercido pela estrutura do veículo sobre o motorista é igual à variação da quantidade de movimento do motorista.

 

8 -

     O impulso exercido sobre o motorista é o mesmo, em uma colisão, com air-bag ou sem air-bag.

 

16 -

    A variação da quantidade de movimento do motorista é igual à variação da quantidade de movimento do veículo.

 

32 -

    A grande vantagem do air-bag é aumentar o tempo de colisão e, assim, diminuir a força média atuante sobre o motorista.

 

64 -

    Tanto a variação da quantidade de movimento do motorista como o impulso exercido para pará-lo são iguais, com ou sem air-bag; portanto, a força média exercida sobre ele é a mesma, também.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Somatório

Questão 263: UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina -

     Nos trilhos de uma montanha-russa, um carrinho com seus ocupantes é solto, a partir do repouso, de uma posição A situada a uma altura h, ganhando velocidade e percorrendo um círculo vertical de raio R = 6,0 m, conforme mostra a figura. A massa do carrinho com seus ocupantes é igual a 300 kg e despreza-se a ação de forças dissipativas sobre o conjunto.

 

     

Assinale a(s) proposição(ões) CORRETA(S).

1 -

     A energia mecânica mínima para que o carrinho complete a trajetória, sem cair, é igual a 4 500 J.

 

2 -

    A velocidade mínima na posição B, ponto mais alto do círculo vertical da

    montanha-russa, para que o carrinho não caia é 

 

 

4 -

     A posição A, de onde o carrinho é solto para iniciar seu trajeto, deve situar-se à altura mínima h = 15 m para que o carrinho consiga completar a trajetória passando pela posição B, sem cair.

 

 

8 -

     Na ausência de forças dissipativas a energia mecânica do carrinho se conserva, isto é, a soma da energia potencial gravitacional e da energia cinética tem igual valor nas posições A, B e C, respectivamente.

 

16 -

     Podemos considerar a conservação da energia mecânica porque, na ausência de forças dissipativas, a única força atuante sobre o sistema é a força peso, que é uma força conservativa.

 

32 -

     A posição A, de onde o carrinho é solto para iniciar seu trajeto, deve situar-se à altura mínima h = 12 m para que o carrinho consiga completar a trajetória passando pela posição B, sem cair.

 

64 -

    A energia mecânica do carrinho no ponto C é menor do que no ponto A.

 

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Somatório

Questão 264: UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina -

     Uma prensa é utilizada para sustentar um bloco apoiado em uma parede vertical, como ilustrado na Figura 1. O bloco e a parede são sólidos e indeformáveis. A prensa exerce uma força de 104 N sobre o bloco, na direção perpendicular às superfícies em contato. A massa do bloco é de 50 kg e o coeficiente de atrito estático entre o bloco e a parede é 0,35. Em seguida, mais blocos de mesma massa são colocados em cima do primeiro, como é mostrado na Figura 2, porém a força que a prensa exerce permanece inalterada.

     Em relação à situação descrita, assinale a(s) proposição(ões) CORRETA(S).

1 -

A força necessária para sustentar apenas um bloco é igual a 175 N.

2 -

A força que a parede exerce sobre o primeiro bloco é igual a 104 N e a força de

atrito estático entre a parede e o bloco é igual a 3500 N.

4 -

Com a força aplicada é possível sustentar um total de sete blocos iguais ao primeiro.

8 -

A força de atrito estático entre a parede e os blocos acima do primeiro é nula.

16 -

Se o coeficiente de atrito estático entre a parede e o bloco for nulo, a prensa não

sustentará o primeiro bloco contra a parede por maior que seja a força aplicada.

32 -

Como o peso de cada bloco é de 500 N, a força aplicada pela prensa poderá

sustentar 20 blocos.

64 -

Quanto mais polidas forem as superfícies em contato da parede e do bloco, menor será o coeficiente de atrito e, portanto, menor será o número de blocos que a força aplicada poderá sustentar.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Somatório

Questão 265: UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina -

A figura representa um automóvel A, rebocando um trailer B,em uma

estrada plana e horizontal. A massa do automóvel e a massa do trailer

são, respectivamente, iguais a 1.500 kg e 500 kg. Inicialmente, o

conjunto parte do repouso atingindo a velocidade de 90 km/h em 20

segundos. Desprezam-se os efeitos da força de resistência do ar sobre o

veículo e o reboque.

Em relação à situação descrita, assinale a(s) proposição(ões) corretas:

1 -

Não havendo nenhuma força que se oponha ao movimento do trailer, o

automóvel não necessita fazer nenhuma força adicional para acelerá-lo.

2 -

Até atingirem a velocidade de 90 km/h, o automóvel e seu reboque terão percorrido 250 m.

4 -

O trailer exerce uma força de 625 N sobre o automóvel.

8 -

A força resultante sobre o conjunto é igual a 2500 N.

16 -

A intensidade da força transmitida ao trailer é a mesma da força resultante sobre o

conjunto.

32 -

A aceleração do conjunto é igual a 1,25 m/s2.

64 -

A força que o automóvel faz sobre o trailer não pode ter a mesma intensidade da força que o trailer faz sobre o automóvel porque, neste caso, o sistema permaneceria em repouso.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Somatório

Questão 266: PUC-PR - Pontifícia Universidade Católica do Paraná -

Uma esfera de massa m desliza, sem atrito, sobre um plano horizontal terrestre onde a aceleração da gravidade é g = 10 m/s², em movimento retilíneo uniforme, com velocidade de 10 m/s. Depois de subir para outro plano horizontal, sem atrito, continua seu movimento com velocidade de 5,0 m/s. Baseado nos dados acima, podemos afirmar que a altura do plano horizontal mais elevado em relação ao plano inicial é:

A -

10 m

B -

15 m

C -

7,5 m

D -

3,75 m

E -

25 m

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 267: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Um sistema é composto por duas massas idênticas ligadas por uma mola de constante k, e repousa sobre uma superfície plana, lisa e horizontal. Uma das massas é então aproximada da outra, comprimindo 2,0 cm da mola. Uma vez liberado, o sistema inicia um movimento com seu centro de massa deslocando com velocidade de 18,0 cm/s numa determinada direção. O período de oscilação de cada massa é:

A -

0,70 s

B -

0,35 s

C -

1,05 s

D -

0,50 s

E -

 indeterminado, pois a constante da mola não é conhecida.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 268: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

A massa inercial mede a dificuldade em se alterar o estado de movimento de uma partícula. Analogamente, o momento de inércia de massa mede a dificuldade em se alterar o estado de rotação de um corpo rígido. No caso de uma esfera, o momento de inércia em torno de um eixo que passa pelo seu centro é dado por I = 2/5 MR², em que M é a massa da esfera e R seu raio. Para uma esfera de massa M=25,0 kg e raio R=15,0 cm, a alternativa que melhor representa o seu momento de inércia é:

A -

 22,50 10² kg . m2

B -

 2,25 kg . m²

C -

 0,225 kg . m²

 

D -

 0,22 kg . m²

E -

 22,00 kg . m²

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 269: ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica -

Um dos fenômenos da dinâmica de galáxias, considerado como evidência da existência da matéria escura, diz que estrelas giram em torno do centro de uma galáxia com a mesma velocidade angular, independentemente de sua distância ao centro. Sejam M1 e M2 as porções de massa (uniformemente distribuídas) da galáxia no interior de esferas de raios R e 2R, respectivamente. Nestas condições, a relação entre essas massas dada por:

A -

 M2 = M1

 

B -

 M2 = 2M1

C -

M2 = 4M1

D -

M2 = 8M1

E -

 M2 = 16 M1

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 270: PUC-SP - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo -

Certas cargas transportadas por caminhões devem ser muito bem amarradas na carroceria, para evitar acidentes ou, mesmo, para proteger a vida do motorista, quando precisar frear bruscamente o seu veículo. Esta precaução pode ser explicada pela:

A -

lei das malhas de Kirchhoff;

B -

lei de Lenz;

C -

lei da inércia (primeira lei de Newton);

D -

lei das áreas (segunda lei de Kepler);

E -

 lei da gravitação universal de Newton.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 271: Não definida - O valor da aceleração da gravidade a uma altitude a nove raios terrestres vale aproximadamente:

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 272: Não definida - Um satélite da Terra está descrevendo uma órbita elíptica estável, como se mostra na figura abaixo:(A e B são pontos da trajetória). Podemos afirmar em relação ao satélite que:

A -

sua energia cinética é maior quando está em B;

B -

sua energia potencial é maior quando está em A;

C -

sua energia mecânica total é maior quando está em B;

D -

sua energia mecânica total é maior quando está em A;

E -

quando o satélite vai de A para B, sua energia cinética inicialmente aumenta e em seguida diminui.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 273: UFS - Universidade Federal de Sergipe - Na figura, que representa esquematicamente o movimento de um planeta em torno do Sol, a velocidade do planeta é maior em:

A -

A

B -

B

C -

C

D -

D

E -

E

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 274: FGV-RJ - Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro - Os gráficos representam as velocidades, em função do tempo, de dois objetos esféricos, homogêneos idênticos, que colidem frontalmente. Se p é a quantidade de movimentos do sistema formado pelos dois objetos e E, a energia cinética desse mesmo sistema, podemos afirmar que na colisão:

A -

p se conservou e E não se conservou;

B -

p se conservou e E se conservou;

C -

p não se conservou e E se conservou;

D -

p não se conservou e E não se conservou;

E -

(p + E) se conservaram.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 275: UEL - Universidade Estadual de Londrina -

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 276: EMESCAM - Centro de Ciências da Saúde de Vitória -

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 277: CESGRANRIO - Fundação CESGRANRIO - Observe uma colisão elástica e unidimensional no referencial do laboratório, de uma partícula de massa m e velocidade 5,0 m/s com outra partícula de massa m/4, inicialmente em repouso. Quais são os valores das velocidades das partículas após a colisão?

A -

3,0 m/s (partícula de massa m) - 8,0 m/s (partícula de massa m/4)

B -

4,0 m/s (partícula de massa m) - 6,0 m/s (partícula de massa m/4)

C -

2,0 m/s (partícula de massa m) - 12,0 m/s (partícula de massa m/4)

D -

6,0 m/s (partícula de massa m) - 4,0 m/s (partícula de massa m/4)

E -

5,0 m/s (partícula de massa m) - 5,0 m/s (partícula de massa m/4)

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 278: CEFET/PR - Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná - Os corpos A e B possuem velocidades de 3 m/s e –3 m/s, respectivamente. Eles se movem sem atrito e chocam-se. Após o choque permanecem juntos e a sua velocidade será, em m/s, de:

A -

0,5

B -

3

C -

-3

D -

-0,5

E -

2,5

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 279: UFC - Universidade Federal do Ceará -

A -

10/7

B -

7/10

C -

3

D -

1/3

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 280: FATEC-SP - Faculdade de Tecnologia de São Paulo - Uma esfera percorre o eixo 0x com velocidade v e colide diretamente com outra, estacionária. Cada uma tem massa m. O sistema é livre de forças externas.

A -

Na colisão, a energia mecânica se conserva necessariamente.

B -

Na colisão, o momento (quantidade de movimento) se conserva necessariamente.

C -

O centro de massa do par de esferas percorre 0x com velocidade v.

D -

Se a colisão for elástica, cada esfera terá velocidade v/2.

E -

Após a colisão, as esferas param.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 261: E - questão 262: 47 - questão 263: 30 - questão 264: 94 - questão 265: 46 - questão 266: D - questão 267: B - questão 268: C - questão 269: D - questão 270: C - questão 271: B - questão 272: E - questão 273: E - questão 274: A - questão 275: C - questão 276: C - questão 277: A - questão 278: D - questão 279: D - questão 280: B

 

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 281: CESGRANRIO - Fundação CESGRANRIO - Pedro e Paulo estão em pé sobre dois carrinhos que podem movimentar-se, com atritos desprezíveis, sobre um plano horizontal no Laboratório. No início, os dois estão em repouso, com Pedro segurando uma bola pesada. Pedro lança a bola para Paulo, que a apanha e a lança de novo para Pedro. Este, por sua vez, a apanha e a conserva consigo. Dos esquemas seguintes, qual representa as quantidades de movimento de Pedro e Paulo no final da seqüência?

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 282: Não definida - Um corpo de massa m = 10 kg, com v0 = 5 m/s, é solicitado por uma força que atua na direção e sentido do movimento, variando, com o tempo, da forma vista no gráfico. Qual a velocidade do corpo após 4 s?

A -

20 m/s

B -

25 m/s

C -

100 m/s

D -

200 m/s

E -

250 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 283: UEL - Universidade Estadual de Londrina - O impulso da força variável F, no intervalo de tempo de 0 a 10 s, tem intensidade, em N . s, mais próxima de:

A -

30

B -

50

C -

100

D -

150

E -

200

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 284: UBC - Universidade Braz Cubas - A força que age em um corpo variou segundo o gráfico dado. O impulso que a força imprimiu ao corpo foi de:

A -

150 N .s

B -

300 N . s

C -

40 N . s

D -

20 N . s

E -

10 N . s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 285: MACKENZIE - Universidade Presbiteriana Mackenzie - A figura representa a seção vertical de um trecho de rodovia. Os raios de curvatura dos pontos A e B são iguais e o trecho que contém o ponto C é horizontal. Um automóvel percorre a rodovia com velocidade escalar constante. Sendo NA, NB e NC a reação normal da rodovia sobre o carro nos pontos A, B e C, respectivamente, podemos dizer que:

A -

NB > NA > NC

B -

NB > NC > NA

C -

NC > NB > NA

D -

NA > NB > NC

E -

NA = NC = NB

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 286: CEFET/PR - Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná - Um carro deve realizar uma curva sem necessitar do atrito. Determine a tg , sabendo-se que: v = 90 km/h R = 100 m (raio da curva) g = 10 m/s²

A -

0,2

B -

0,55

C -

0,625

D -

1

E -

0,12

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 287: UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais - Uma pedra amarrada em um cordão de 50 cm de comprimento é posta a girar em um plano vertical. A velocidade mínima da pedra, para que ela descreva trajetória circular, é:

A -

4 m/s

B -

C -

D -

E -

2,5 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 288: Não definida - Um caminhão transporta em sua carroceria uma carga de 2,0 toneladas. Determine, em newtons, a intensidade da força normal exercida pela carga sobre o piso da carroceria, quando o veículo, a 30 m/s, passa pelo ponto mais baixo de uma depressão com 300 m de raio. É dado g = 10 m/s².

A -

2,0 . 104

B -

2,6 . 104

C -

3,0 . 104

D -

2,0 . 103

E -

3,0 . 103

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 289: CESGRANRIO - Fundação CESGRANRIO - Uma esfera de aço suspensa por um fio descreve uma trajetória circular. As forças exercidas sobre a esfera (desprezando-se a resistência do ar) são:

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 290: Não definida - A mínima velocidade que uma esfera deve ter para realizar o percurso AB, esquematizado na figura, é de: (Despreze qualquer tipo de atrito e considere g = 10 m/s².)

A -

15 m/s

B -

10 m/s

C -

6 m/s

D -

5 m/s

E -

4 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 291: FAFEOD - Faculdade Federal de Odontologia de Diamantina - Um corpo de massa m = 5,0 kg é abandonado a 20 m de altura em uma região onde g = 10 m/s². Podemos afirmar que, após cair 15 m (desprezando a resistência do ar):

A -

sua velocidade será maior que 20 m/s;

B -

sua energia cinética será igual a 250 gentlemen;

C -

sua energia potencial gravitacional será igual a 750 J;

D -

sua energia mecânica será igual a 1000 J;

E -

sua energia potencial elástica será igual a 1000 J.

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 292: UFMT - Universidade Federal de Mato Grosso - Uma massa de 5 kg com velocidade de 20 m/s começa a comprimir uma mola, como indica a figura. Sendo a massa totalmente freada no espaço de 10 cm, qual a constante elástica da mola em N/m? Lembre-se de que 10 cm = 0,1m

A -

2.10³

B -

4.104

C -

2.105

D -

2,5.106

E -

4.107

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 293: FCC - Fundação Carlos Chagas - A esfera do esquema abaixo passa pelo ponto A com velocidade de 3,0 m/s. Supondo que não haja forças de resistência do ar e de atrito com a superfície do ar e de atrito com a superfície, qual deve ser a velocidade no ponto B? Dado: g = 10 m/s.

A -

3,0 m/s

B -

4,0 m/s

C -

5,0 m/s

D -

10 m/s

E -

12 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 294: UNESP - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita - Um bloco de massa m desliza sem atrito sobre a superfície indicada na figura. Se g é a aceleração da gravidade, a velocidade mínima v, que deve ter para alcançar a altura h, é:

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 295: Não definida - A figura abaixo mostra a posição em que um bloco (B) é abandonado num plano inclinado, sobre o qual desliza sem atrito. Com que velocidade o bloco chega ao plano horizontal (considere a aceleração da gravidade igual a 10 m/s²)?

A -

10 m/s

B -

4 m/s

C -

3 m/s

D -

2 m/s

E -

1 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 296: Não definida - Uma esfera de massa igual a 1,2 kg desliza, sem atrito, sobre uma superfície cujo perfil é mostrado na figura seguinte, em um local onde a aceleração da gravidade é de 10 m/s². Qual deve ser o valor mínimo da velocidade da esfera, no ponto P, para que ela atinja o ponto Q?

A -

1 m/s

B -

2 m/s

C -

3 m/s

D -

4 m/s

E -

5 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 297: FMIT - Faculdade de Medicina de Itajubá - A mola de um disparador mecânico de projéteis, semelhante ao figurado, tem constante k = 100 N/m e, em sua posição armada, está comprimida de 0,20 m. O projétil é um bloco cúbico de massa 4 kg. A velocidade do projétil, ao perder o contato com a mola, será:

A -

1 m/s

B -

3 m/s

C -

20 m/s

D -

5 m/s

E -

4 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 298: FEI - Faculdade de Engenharia Industrial de São Bernardo do Campo - A figura acima representa um conjunto de planos perfeitamente lisos, no qual pode mover-se uma bola de massa 2 kg. A bola é abandonada do repouso em A. Adote g = 10 m/s². Analisando esse movimento, conclui-se que:

A -

a bola não consegue atingir o ponto C;

B -

a energia cinética da bola em C é 300 J;

C -

a energia potencial em C é 300 J;

D -

a energia cinética da bola em C é 100 J;

E -

a energia cinética da bola em B é nula.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 299: UFS - Universidade Federal de Sergipe - A massa do martelo de um bate-estacas é de 200 kg e cai de 2 m de altura sobre a estaca. Adotando g = 10 m/s², a energia potencial do martelo, em relação à estaca, e a velocidade no instante do impacto são, em unidades do SI:

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 300: ACAFE - Associação Catarinense das Fundações Educacionais - Com que velocidade o bloco da figura abaixo, partindo do repouso e do ponto A, atingirá o ponto B, supondo todas as superfícies sem atrito? (g = 10 m/s2)

A -

0 m/s

B -

5 m/s

C -

10 m/s

D -

15 m/s

E -

20 m/s

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 281: E - questão 282: B - questão 283: D - questão 284: A - questão 285: B - questão 286: C - questão 287: B - questão 288: B - questão 289: E - questão 290: E - questão 291: D - questão 292: C - questão 293: D - questão 294: B - questão 295: D - questão 296: B - questão 297: A - questão 298: D - questão 299: E - questão 300: C

 

Questões de Vestibular: Física - Dinâmica

 

Questão 301: MACKENZIE - Universidade Presbiteriana Mackenzie - Um bloco de 1 kg é abandonado do topo de um plano inclinado mostrado na figura. Sabendo-se que a velocidade do bloco no final do plano inclinado é de 8 m/s e adotado g = 10 m/s², o trabalho realizado pela força de atrito sobre ele, ao longo do plano inclinado, apresenta o valor de:

A -

– 68 J

B -

– 87 J

C -

– 100 J

D -

– 136 J

E -

– 272 J

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 302: Faculdade Santo André -

A -

360

B -

320

C -

160

D -

80

E -

40

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 303: Não definida - O corpo A de massa MA está preso à mola e oscila horizontalmente sem atrito, segundo uma trajetória retilínea. Quando a mola não está solicitada por forças, na posição x = 0, a energia potencial é igual a 0. Nestas condições, pode-se dizer que o gráfico de energia U em função de x está melhor representado por:

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 304: CESGRANRIO - Fundação CESGRANRIO - Qual dos gráficos melhor representa a energia potencial gravitacional (ordenada) em função do espaço percorrido (abscissa) por um corpo que se movimenta sobre um plano horizontal?

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Fácil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 305: Universidade Federal de São Carlos - O diagrama acima representa a variação de uma força agente sobre um corpo de massa 1 kg, em função do espaço “s” percorrido pelo corpo. Suponha F aplicada ao longo da direção do deslocamento. Analise as alternativas:

1 -

Durante o percurso de 0 a 1 m, a velocidade do corpo é constante.

2 -

A aceleração do corpo no primeiro metro de deslocamento é constante.

4 -

O trabalho realizado pela força para deslocar o corpo entre 0 e 4 m é 7 J.

8 -

O trabalho realizado entre 0 e 1 m é 1 J.

16 -

A aceleração do movimento entre 1 m e 4 m é 2 m/s2.

32 -

Entre 1 m e 4 m, o movimento é uniforme.

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Somatório

Questão 306: USP - Universidade de São Paulo -

1 -

O trabalho para deslocar o corpo até 3 m é 6 J.

2 -

O trabalho para deslocar o corpo entre 3 m e 6 m é – 6 J.

4 -

O trabalho para deslocar o corpo entre 0 m e 6 m é zero.

8 -

Entre 0 m e 3 m, o trabalho é resistente e portanto negativo.

16 -

A aceleração do movimento é constante.

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Somatório

Questão 307: FCMSCSP - Faculdade de Ciências Médicas Santa Casa São Paulo - A resultante das forças que atuam em uma partícula de 0,1 kg de massa, inicialmente em repouso, é representada, em função do deslocamento, pelo gráfico figurado. O trabalho desenvolvido pela força, para efetuar o deslocamento de 20 m, foi igual a:

A -

300 J

B -

600 J

C -

400 J

D -

800 J

E -

1000 J

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 308: UFPA - Univesidade Federal do Pará - Que aceleração deverá ter o carrinho mostrado na figura para que o corpo A não caia? As massas do carrinho e do corpo são, respectivamente, M e m. O coeficiente de atrito entre o corpo e o carrinho é k e g é o módulo da aceleração local da gravidade.

A -

g/k

B -

k . g

C -

(M – m) g/k

D -

k/g

E -

(M + m)/ k . g

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 309: CEFET/PR - Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná - Na figura a seguir o corpo de massa 5 kg desce o plano inclinado com velocidade constante. Sendo g = 10 m/s2, sen  = 0,6 e cos  = 0,8, o coeficiente de atrito dinâmico entre o corpo e o plano vale:

A -

0,60

B -

0,80

C -

0,50

D -

1,00

E -

0,75

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 310: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul - O bloco representado na figura abaixo pesa 10 N. O coeficiente de atrito entre o plano inclinado e o bloco, para que o mesmo deslize com movimento uniforme, deve ser igual a:

A -

B -

C -

D -

E -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 311: PUC-SP - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - Na figura, as massas de A e B são, respectivamente, 10 kg e 5 kg. O coeficiente de atrito de A com a mesa é 0,20. O menor valor da massa de C, para evitar o movimento de A, é:

A -

15 kg

B -

16 kg

C -

10 kg

D -

12 kg

E -

20 kg

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 312: PUC-MG - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - O movimento de um corpo, de massa m = 10 kg, sobre uma região rugosa, é descrito pelo gráfico abaixo. O módulo da força de atrito, em newtons, que atuou sobre o corpo vale:

A -

10

B -

15

C -

20

D -

100

E -

200

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 313: UFC - Universidade Federal do Ceará -

1 -

2 -

4 -

8 -

16 -

32 -

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Somatório

Questão 314: UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina - O móvel da figura abaixo está em MRU. O valor da força de atrito é:

A -

10 N

B -

20 N

C -

30 N

D -

36 N

E -

50 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 315: PUC-SP - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - O coeficiente de atrito entre o bloco e a parede é 0,25. O bloco pesa 100 N. Qual o menor valor de N para que o bloco permaneça em repouso? (O plano da figura é vertical.)

A -

100 N

B -

200 N

C -

300 N

D -

400 N

E -

500 N

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 316: FACSPEI - Faculdades Spei - Supondo completamente lisas as superfícies com contato, determine a tração no fio que une os corpos B e C no sistema abaixo. (Admita g = 10 m/s²)

A -

10 N

B -

12,6 N

C -

15,5 N

D -

1,8 N

E -

7,2 N

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 317: UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Um dinamômetro fornece uma leitura de 15 N quando os corpos X e Y estão pendurados nele, conforme mostra a figura. Sendo a massa de Y igual ao dobro da de X, qual a tensão na corda que une os dois corpos?

A -

nula

B -

5 N

C -

10 N

D -

15 N

E -

30 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 318: FGV-RJ - Fundação Getúlio Vargas - Rio de Janeiro - Um homem tenta levantar uma caixa de 5 kg, que está sobre uma mesa, aplicando uma força vertical de 10 N. Nessa situação, o valor da força que a mesa aplica na caixa é (adote g = 10 m/s²):

A -

0 N

B -

5 N

C -

10 N

D -

40 N

E -

50 N

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 319: CEFET/PR - Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná - Na figura, um bloco, que pesa 120 N, é sustentado por uma força igual a 100 N. O menor valor do coeficiente de atrito, que mantém o bloco em equilíbrio, é próximo de:

A -

0,50

B -

0,66

C -

1,20

D -

1,38

E -

1,51

Nível da questão: Difícil

Tipo da questão: Simples Escolha

Questão 320: PUC-PR - Pontifícia Universidade Católica do Paraná - Um rapaz puxa um caixote de 40 kg com uma força horizontal de 200 N. O caixote move-se com velocidade constante sobre uma superfície horizontal. Calcule o coeficiente de atrito entre a superfície e o caixote (g = 10m/s2).

A -

0,5

B -

0,2

C -

0,3

D -

0,4

E -

0,1

Nível da questão: Médio

Tipo da questão: Simples Escolha

GABARITO: - questão 301: A - questão 302: A - questão 303: B - questão 304: A - questão 305: 28 - questão 306: 7 - questão 307: A - questão 308: A - questão 309: E - questão 310: C - questão 311: A - questão 312: C - questão 313: 58 - questão 314: C - questão 315: D - questão 316: B - questão 317: C - questão 318: D - questão 319: B - questão 320: A

 

Comentários