Introdução a economia

Introdução a economia

Ciências Econômicas

Bruno Aparecido Cardoso Gomes

OS QUATRO TIPOS DE MERCADO NO SISTEMA FINANCEIRO

Belo Horizonte, 14 de abril de 2014

Bruno Aparecido Cardoso Gomes

OS QUATRO TIPOS DE MERCADO NO SISTEMA FINANCEIRO

Dissertação apresentada à instituição FEAD, como quesito avaliativo para a conclusão da matéria introdução a economia.

OS QUATRO TIPOS DE MERCADO NO SISTEMA FINANCEIRO

Orientadora: Juliana Amaral

Belo Horizonte

2014

SUMÁRIO

  1. Introdução...........................................................01

  2. Mercado de capitais...........................................02

  3. Mercado de crédito.............................................03

  4. Mercado monetário.............................................04

  5. Mercado cambial.................................................05

  6. Conclusão............................................................06

  7. Referências..........................................................07

INTRODUÇÃO

Objetivo desse trabalho é diferenciar os quatros tipos de mercados existentes dentro do sistema financeiro entre mercado de capitais, monetário, cambial e de crédito. Diferenciando cada um por suas características, ações e influencia em todo o contexto do sistema.

  1. Mercado de capitais

O mercado de capitais pode ser considerado um sistema que tem como objetivo de distribuição de valores mobiliários, visando à liquidez e solvência na emissão de títulos, viabilizando sua capitalização. É constituído pelas instituições financeiras autorizadas, bolsas e corretoras.

No que diz sobre mercado de capitais, os principais títulos negociados são as ações, partes representativas de capital da empresa, ou empréstimos via mercado, tomado por empresas. Ainda vale salientar que o mercado de capitais é subdividido em mercado primário e secundário.

É no Mercado Primário, onde ocorrem as transações dos valores mobiliários pela primeira vez, onde as empresas captam capital para seus empreendimentos, pois o dinheiro da vem vai direto para empresa.

No Mercado Secundário, são as negociações com títulos da empresa, onde se vende e compra títulos de seus possuidores, normalmente negociados em bolsas de valores ou fora da bolsa da qual denominamos mercado de balcão.Lembrando que a empresa não terá mais contato com esse dinheiro negociado entre os possuidores dos títulos.

Principais leis importantes para o mercado de capitais são: n°4.537/64, implanta a correção monetária, a partir da criação das ORTN (obrigações reajustáveis do tesouro nacional) e lei n°4595/64, descrita como lei da reforma bancária, reformulou todo o sistema nacional que envolver intermediação financeira.

  1. Mercado de crédito

O mercado de crédito faz parte do sistema financeiro, da qual disponibiliza a concessão e a tomada de crédito para os indivíduos, incluindo operações financeira de curto e médio prazo.

Composto por dois seres, os superavitários ( poupadores) e os deficitários ( tomadores). Onde os poupadores concedem suas reservas às instituições financeiras como forma de aplicação, da qual a sua quantidade depositada, irá ao decorrer de determinando tempo, ter rentabilidade de sua aplicação.

Já os tomadores, pedem as instituições financeiras, valores para sanar seus déficits financeiros. Para as instituições financeiras concederem esses valores, acarretam uma taxa da qual se denominam juros, taxa cobrada para o risco dessa operação, com isso os deficitários pagam um valor normalmente maior do que lhe é concedido.

  1. Mercado monetário

Mercado monetário ou (Money Market) é o mercado para realizações de financiamento em curto e curtíssimo prazo, como: os bilhetes do tesouro nacional e o papel comercial, sendo os títulos públicos os papéis mais negociados.

É constituído principalmente por instituições financeiras, sendo que o prazo para suas negociações sejam abaixo de um ano.

Como em qualquer outro mercado, o mercado monetário é onde se encontra compradores e vendedores. No mercado monetário o bem negociado é a moeda e o preço da taxa de juros. Nesse segmento tem à participação de todos os agentes econômicos que procuram e oferecem moeda.

  1. Mercado de câmbio

O mercado de cambio é aquele que ocorre a negociação de moedas estrangeiras e pessoas interessadas em movimenta-las. Esse mercado é bastante utilizado por investidores, exportadores, importadores e empresas que façam negociações internacionais.

As principais moedas negociadas nesse mercado são: o dólar americano, o franco da suíça, o euro, o iene do Japão e o ouro.

As operações de cambio não podem ser negociadas livremente, sendo executadas por estabelecimentos autorizados a operar com câmbio. Assim todo operador de câmbio deve ter autorização do Banco Central Do Brasil para exercer sua profissão e com isso adquirindo a licença como corretor de câmbio.

CONCLUSÃO

O sistema financeiro é alicerçado por quatro grandes mercados, mercado de crédito, capital, monetário e cambial, sendo de fundamental importância o bom desempenho de todos, para assim, dar fluidez ao sistema em geral.

Neste trabalho, abordamos às diferenças em que cada mercado trás, distinguidos e ponderando o seu papel dentro do sistema.

REFERÊNCIAS

Sites

http://www.bmfbovespa.com.br/pt-br/a-bmfbovespa/download/merccap.pdf

http://www.oeconomista.com.br/mercado-de-capitais-2/

http://www.portaldoinvestidor.gov.br/menu/primeiros_passos/Entendendo_mercado_valores.html

http://www.bcb.gov.br/?instcred

Comentários