Criando os filhos no caminho de Deus

Criando os filhos no caminho de Deus

(Parte 8 de 11)

Desejamos crescer e nos tornar mais semelhantes a Cristo, porque Ele nos salvou. Esta passagem das Escrituras oferece-nos uma receita para o sucesso e ilustra claramente que ele é um processo contínuo. Ao progredirmos em uma área, atingiremos outras áreas, melhorando nosso caráter.

Desse modo, tornamo-nos cada vez mais bem-sucedidos aos olhos de Deus, semelhantes a Cristo e justos em nosso caráter à medida que passamos a obedecer-lhe. Este processo não serve apenas para adultos, mas também para crianças! Os pais podem encorajar este crescimento em seus filhos o também dar exemplo de vida que ilustra um processo de crescimento constante; um estilo de vida de sucesso. A medida que o caráter de cada família cresce e torna-se mais santificado, o resultado será: • Um aumento efetivo do trabalho de Deus.

• A bênção de viver a vontade de Deus.

• Uma resposta automática que reflete a natureza e os desejos de Cristo.

• Um lar mais harmonioso e amoroso.

• Proteção contra cair em pecado.

• Uma calorosa boas-vindas ao Céu. O ensino, por si só, dificilmente equipará a pessoa para o sucesso, uma vez que a

Bíblia afirma que o conhecimento não é suficiente, mas é apenas um passo na ladeira em direção à santidade (o sucesso aos olhos de Deus).

O "conhecimento" pode ser perigoso se não for acompanhado de autocontrole".

Salomão é um exemplo perfeito; Ele foi um dos homens mais sábios que já existiram; ainda assim caiu em pecado porque faltou-lhe o domínio próprio. Com apenas conhecimento, a pessoa pode envaidecer-se; O autocontrole mantém o equilíbrio entre o conhecimento de quem ela é e não é.

Como discutimos anteriormente, somos instruídos a adicionar ao domínio próprio a "perseverança" - um ingrediente-chave para o sucesso. Ao perseverar, continuamos obedecer, não importa o que aconteça.

As personagens desta passagem bíblica descrevem o quadro do crente fiel, concorda? Se fizermos estas coisas, Deus nos usara (nosso "chamado" será "certo"). Se preferirmos não fazê-las (v. 9), nos tornaremos tão cegos quanto um ímpio e perderemos nossa perspectiva eterna. Como pais, precisamos ajudar nossos filhos a compreender e escolher o caminho de Deus.

A fórmula dada aqui em 2 Pedro assegura o sucesso. Somos ensinados que, se fizermos estas coisas, nunca cometeremos deslizes ou cairemos! Esta é uma promessa. Receberemos um "caloroso bem-vindo" no Céu Que maravilhosa convicção teremos, se apenas seguirmos o plano Deus.

Um padrão passo a passo para o crescimento espiritual esta contido naqueles sete versículos. Podemos estabelecer! nossos objetivos para aprender a manejar cada mandamento, um de cada vez. A fé tem início com a leitura da Palavra de Deus e a pratica da mesma. Então, precisamos adicionar excelência moral (a exemplo de Cristo). Podemos aprimorar nosso conhecimento sobre Deus através do estudo e da leitura das Escrituras. Não é maravilhoso como o Senhor nos concede instruções bíblicas específicas? Ao seguirmos o seu plano para nossas vidas, podemos também usá-lo para treinar nossos filhos!

Trazendo-o para Casa Aplicando os princípios de Deus: favor consultar o capítulo 2 para idéias e atividades sobre a elaboração da Noite Familiar.

Abertura: O que significa ser feliz? Como você pode ficar contente? É possível ser feliz e contente em qualquer situação?

Escrituras: Filipenses 4.4-9,1-13. Discussão: O que deveríamos fazer quando sentimos medo ou ansiedade? O que

Deus fará para nos ajudar? Podemos sentir esta paz e alegria constantemente? Por quê? Em que tipo de coisas deveríamos nos concentrar ou pensar? Você pode fazer qualquer coisa? O quê? Como a sua execução pode ajudá-lo a ser bem-sucedido?

Aplicação: 1. Releia os "Três Mitos do Sucesso" e faça com que cada filho comente como ele ou ela sente-se em relação a estes conceitos. 2. Cada filho descreve como gostaria de ser bem-sucedido e por que isto o faria feliz. 3. Peça a cada pessoa que selecione esta se' mana uma peculiaridade para trabalhar que o inicie em um processo de vida bem-sucedido. (Leia 2 Pe 1.5-1 para direção e motivação.)

7. Requisitos para o Sucesso

Se eu pedisse ao seu filho para citar cinco pessoas de sucesso, quem seriam os escolhidos? Talvez ele mencionasse o nome do presidente do Brasil, um atleta renomado, ou quem sabe, um cantor famoso. Quer gostemos ou não, nossos filhos olham para as figuras públicas (as quais observam desde cedo na televisão) como modelos.

O que representam estas figuras públicas? A imagem de sucesso do mundo.

Enquanto alguns modelos podem ser boas pessoas, a maioria deles não é o que consideraríamos apropriados heróis a quem nossos filhos deveriam tentar imitar.

Ao treinarmos nossos filhos a ver o sucesso de um ponto de vista cristão e, ao tentarmos modelar um estilo de vida de sucesso da melhor maneira que podemos, estamos ajudando nossos filhos a formar uma visão mais realística e eterna sobre o sucesso. Falar sobre heróis que tiveram sucesso aos olhos de Deus ajuda a modelar nossos filhos.

Algumas escolhas excelentes incluem: Jesus, Paulo, José, Ezequias, Daniel, Jó ou Sadraque, Mesaque e Abdenego (os três jovens homens que foram salvos da fornalha de fogo)! apenas citando alguns.

A Bíblia nos dá exemplos claros e específicos que ilustram porque algumas pessoas foram bem-sucedidas, enquanto outras não. Examinemos esta questão um pouco mais detalhadamente e tiremos dela sabedoria para nossos filhos — condições específicas para o sucesso e obstáculos acautelar-se.

Antes de olharmos as receitas específicas para o sucesso! observemos algumas precauções. E importante ajudarmos nossos filhos a compreender que eles precisam guardar-se nestas áreas, se querem ser bem-sucedidos.

• Descrença é um obstáculo para o sucesso. O sucesso ocorre quando cremos no

Senhor, temos fé em seu poder soberano e obedecemos a sua Palavra. Sem acreditar, a pessoa não pode ter fé ou qualquer razão para crer.

Entretanto, a promessa continua, e alguns entraram; mas não aqueles que tiveram a primeira oportunidade, pois desobedeceram a Deus não conseguiram entrar. Mas Ele fixou outra ocasião para se entrar e esta ocasião é agora. Ele anunciou isto por meio do Rei Davi, muitos anos depois do primeiro fracasso do homem na tentativa de entrar, dizendo nas palavras já citadas: Hoje, quando vocês o ouvirem chamar, não endureçam o coração contra Ele. (Hb 4.6,7, A Bíblia Viva)

• Satanás é outro empecilho para o sucesso. Ele persiste em tentar nos fazer pecar, tentando lançar dúvidas desencorajar-nos através da perseguição.

Estou muito bem familiarizada com este tipo de perseguição. Em nosso ministério dirigido a pais cristãos e professores de escolas públicas para crianças (Cidadãos para a Excelência em Educação), somos caluniados, perseguidos, 'odiados, ridicularizados e escarnecidos a todo momento pelos estabelecimentos de educação nãocristãos, simplesmente porque se sentem preteridos por Deus. Se eu não tivesse fé no

Senhor e em seu poder para vencer, já teria desistido há muito tempo. Mas eu tenho fé e, por muitas vezes, tenho visto o Senhor triunfar contra as hostes terrenas! Lembre-se, Ele (Cristo) que está em nós, é maior do que ele (Satanás) que está no mundo! (1 Jo 4.4) • A preguiça ou falta de ação é outro impedimento para o sucesso.

Passei pelo campo do preguiçoso e junto à vinha do homem falto de entendimento; e eis que toda estava cheia de cardos, e a sua superfície, coberta de urtigas, e a sua parede de pedra estava derribada. O que tendo eu visto, o considerei; e, vendo-o, recebi instrução. Um pouco de sono, adormecendo um pouco, encruzando as mãos outro pouco, para estar deitado, assim sobrevirá a tua pobreza como um ladrão, e a tua necessidade, como um homem armado. (Pv 24.30-34)

Se não persistirmos em viver uma vida que seja agradável ao Senhor, toda sorte de "espinhos" e problemas será cravado em nós. Geraremos "ervas-daninhas" ao invés de frutos. Isto se aplica especialmente ao treinamento de nossos filhos. Se não os treinarmos ativamente no caminho do Senhor, a ruína do mundo será evidente em suas vidas. As raízes estarão firmadas no treinamento do mundo e não nas palavras de Cristo, resultando assim em ações semelhantes a espinhos.

• A falta de comprometimento também impede o sucesso. Quando olhamos para a vida de Amazias (2 Cr 25), vemos que grande parte de sua vida foi bem-sucedida porque Deus o abençoou. Porém, infelizmente, seu comprometimento não era completo, deixando-o assim, propenso à queda.

E fez o que era reto aos olhos do Senhor, porém não com o coração inteiro.(2 Cr 25.2)

Uma vez que o comprometimento não era completo, coração inteiro, houve lugar para a tentação na vida Amazias. Ele começou a adorar falsos deuses. Assim, a vida de Amazias não mais teve sucesso, e ele eventualmente foi morto.

E, desde o tempo que Amazias se desviou do Senhor, conspiraram contra ele(2 Cr

Uzias, filho de Amazias, também teve sucesso enquanto buscou ao Senhor.

Porém, a exemplo de seu pai, Uziai também deixou uma brecha em seu comprometimento o que eventualmente resultou em sua derrota. Sua fama causou-lhe tanto orgulho que o destruiu, levando-o a morrer leproso. Triste, porém é uma poderosa mensagem para nós: o sucesso pode ser removido, e podemos fracassai mesmo após termos sido usados por Deus de maneira poderosa! Note o impacto do exemplo paternal sobre Uzias:

E fez o que era reto aos olhos do Senhor, conforme tudo o que fizera] Amazias, seu pai. Porque deu-se a buscar a Deus nos dias de Zacarias sábio nas visões de Deus; e, nos dias em que buscou o Senhor, Deus o fez prosperar. (2 Cr 26.4,5)

Mas, havendo-se já fortificado, exaltou-se o seu coração até se corromper, e transgrediu contra o Senhor, seu Deus, porque entrou no templo do Senhor para queimar incenso no altar do incenso (2 Cr. 26.16)

Agora que já sabemos que obstáculos evitar, daremos uma olhada em algumas atitudes específicas para que tenhamos sucesso! Em primeiro lugar, analisemos as instruções do Senhor a Josué:

Tão-somente esforça-te e tem mui bom ânimo para teres o cuidado de fazer conforme toda a lei que meu servo Moisés te ordenou- dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que prudentemente te conduzas por onde quer que andares. Não se aparte da tua boca o livro desta Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito- porque, então, farás prosperar o teu caminho e, então, prudentemente te conduzirás. (Js 1.7-9)

Em suas instruções a Josué sobre como ser bem-sucedido, Deus enfatiza três pontos: • Obediência cega.

• Conhecimento da Palavra de Deus.

• Coragem e força. Você percebe que estas três importantes áreas trabalham juntas e alimentam uma a outra? Em primeiro lugar, obediência é a chave. Deus sabia o que precisava ser feito para que os esforços de Josué fossem bem-sucedidos; assim Ele disse a Josué que seguisse rigorosamente as instruções: "Dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda"

• Quando Deus nos manda obedecer, Ele deseja que sigamos suas instruções literalmente, não a maior parte, quase toda, mas sim exatamente! E sempre! Um pequeno desvio à direita ou à esquerda, apenas um grau, não parece muita coisa e, facilmente, é justificado. Porém, se um piloto de avião sai do curso apenas um grau no momento da decolagem, ele pode aterrissar muitos quilômetros distante do seu destino! Precisamos obedecer precisamente.

Deus para obedecê-la. Josué foi instruído a fazer isto: "para que tenhas cuidado de

O Senhor também disse a Josué que não se afastasse sua santa Palavra e nela meditasse dia e noite. É necessário que conheçamos e compreendamos a Palavra de fazer conforme tudo quanto nele está escrito." Note a palavra "tudo". É um termo exagerado, mas é o que Deus requer de nós. Como podemos obedecê-lo em tudo, se não lermos sua Palavra para descobrir "tudo"? Dei sempre sabe o melhor para nossas vidas, e não podemos escolher que partes de sua instruções vamos obedecer.

Finalmente, Deus enfatiza a importância da força e coragem de Josué.

Certamente, Josué estava enfrentando um desafio intimidador: trazer os israelitas à Terra Prometida Após anos de peregrinação no deserto, ele tinha plena consciência de tudo que poderia dar errado, enfrentando assim uma responsabilidade amedrontadora. Mas, o Senhor ordenou que ele tivesse coragem.

Qual a fonte de sua coragem? Quando seguimos as duas primeiras condições para o sucesso, conhecer e obedecer Palavra, teremos força e coragem para cumpri-la. Se conhecemos as Escrituras, temos consciência do poder impressionante de Deus e de seu plano perfeito. Isto nos proporciona fé para vencer o medo. Quando vivemos em obediência a Ele, podemos estar certos de que cuidará de nós; este contentamento em cada situação nos faz perseverar.

Vejamos mais alguns versículos para reforçar a importância do conhecimento e obediência à Palavra de Deus; a fé para vencer o medo e permitir que tenhamos perseverança e coragem. Deus repete claramente a afirmação de que estes são os ingredientes-chaves para o sucesso!

Guardai, pois, as palavras deste concerto e cumpri-as para que prospereis em tudo quanto fizerdes. (Dt 29.9)

Então, prosperarás, se tiveres cuidado de fazer os estatutos e os juízos, que o Senhor mandou a Moisés acerca de Israel; esforça-te, e tem bom ânimo, e não temas, nem tenhas pavor. (1 Cr 2.13)

Despreze a Palavra de Deus e você sofrerá os castigos que ela promete; obedeça à Palavra de Deus e receberá as recompensas prometidas. (Pv 13.13, A Bíblia Viva)

E aos violadores do concerto ele, com lisonjas, perverterá, mas o povo que conhece ao seu Deus se esforçará e fará proezas. (Dn 1.32)

versículos: "guardai poispara que prospereis"; "então, prosperarás, se..."

Note que o sucesso é condicional. Observe, por exemplo, os dois primeiros

O Senhor nos promete que, se agirmos de acordo com a sua vontade, seu plano e sua instrução, teremos sucesso. O fracasso será inevitável, se não obedecermos de todo coração.

A Bíblia ilustra mais algumas condições para o sucesso. Vejamos quais são, a fim de elaborarmos uma receita completa e precisa.

Quando o rei reconheceu o quanto Davi andava em comunhão com o Senhor e como crescia cada vez mais a sua popularidade, teve ainda maior medo dele.

Cada dia que passava, mais Saul o odiava. Sempre que o exército filisteu atacava, Davi conseguia mais vitórias contra eles do quê restante dos oficiais de Saul, Assim, o nome de Davi ficou muito famoso por toda parte. (1 Sm 18.28-30, A Bíblia Viva)

Por que Davi era tão bem-sucedido, enquanto Saul era um fracasso? Por apenas uma diferença-chave: o Senhor era com Davi, não com Saul. O Senhor é conosco quando agimos de acordo com a sua vontade; em obediência. Se Deus nos dá suporte, tudo que fizermos será coroado com sucesso. Assim, outro ingrediente-chave é:

• Estar na vontade de Deus. O suporte de Deus para fazer com que sejamos bem-sucedidos é condicional ao nosso ato de obediência. É um relacionamento de causa e efeito, como podemos ver na: próximas passagens das Escrituras. Viver em obediência ao Senhor nos trará sucesso.

E em toda obra que começou no serviço da Casa de Deus, e na lei, a nos mandamentos, para buscar a seu Deus, com todo o seu coração o fez e prosperou. (2 Cr 31.21)

No Senhor, Deus de Israel, confiou, de maneira que, depois dele, não houve seu semelhante entre todos os reis de Judá, nem entre os que foram antes dele. Porque se chegou ao Senhor, não se apartou de após ele e guardou os mandamentos que o Senhor tinha dado a Moisés. Assim, foi o Senhor com ele; para onde quer que saía, se conduzia! com prudência; e se revoltou contra o rei da Assíria e não o serviu. (2 Rs 18.5-7)

(Parte 8 de 11)

Comentários