Criando os filhos no caminho de Deus

Criando os filhos no caminho de Deus

(Parte 9 de 11)

Encontramos nestes versículos mais três condições reveladas para o sucesso, as quais estão novamente ligadas às adições previamente listadas: • Ação

• Comprometimento.

• Fé Para que haja o sucesso, precisamos agir com obediência e esforço ativos, a fim de alcançarmos as outras condições, finos que Ezequias "buscou" ao seu Deus e o "seguiu com lodo o coração". Estas palavras demonstram ação e esforço de Ezequias.

Ele também demonstrou comprometimento total; trabalhou "com todo o coração", não deixando qualquer coisa para trás. Ele "se chegou ao Senhor, não se apartou de após Ele", demonstrando completa fidelidade e perseverança. Confiou no Senhor; demonstrando sua fé. Lembre-se, esta li' aos encoraja a perseverar! Agindo desta forma, Ezequias foi abençoado com muito sucesso.

Finalmente, o último ingrediente para o sucesso e um dos mais importantes é o que atinge o âmago de tudo. A questão é: "O que estou fazendo? Qual é meu motivo?"

Todos os caminhos do homem são limpos aos seus olhos, mas o Senhor pesa os espíritos. Confia ao Senhor as tuas obras, e os teus pensamentos serão estabelecidos. O Senhor fez todas as coisas para os seus próprios fins e até ao ímpio, para o dia do mal. (Pv 16.2-4)

Em tudo quanto for fazer, lembre-se de colocar Deus em primeiro lugar. Ele guiará os seus passos e você andará pelo caminho do sucesso. (Pv 3.6, A Bíblia Viva)

Se desejamos ter sucesso, precisamos colocar Deus em primeiro lugar e o glorificarmos. Assim, o ingrediente fina para alcançá-lo é:

• Motivação justa. Fazer a coisa certa não é suficiente; precisamos estar agindo por razões corretas.

Todos nós temos visto a tragédia dei líderes evangélicos que falharam e pecaram porque sua motivação não era a glória do Senhor, e sim seu própria desejo de riqueza e poder. Estes homens (e mulheres) podem ter feito algo biblicamente correto, que na realidade demonstrou contribuição para o povo, mas a motivação de seus corações era egoísta.

A área da motivação é particularmente dedicada. Deus! diz: "Todos os caminhos do homem são limpos aos seus! olhos". Nós, humanos, possuímos a tremenda habilidade de justificar nossas atitudes, não? Enganamos a nós mesmos, e isto é assustador! Porém, ao Senhor nunca ludibriamos. Ele conhece nossos motivos mais profundos e, portanto, julgará nossos atos separadamente de nossos motivos. A vontade de Deus é sempre realizada, a despeito dos motivos errôneos de muitos que alegam servi-lo. Mas, os que não dão prioridade a Deus e agem para sua própria glória serão malsucedidos.

Estas duas passagens nos dão a maravilhosa promessa e a certeza do sucesso. Se tivermos a motivação certa, dando prioridade a Deus em tudo que fazemos e comprometendo nossos planos com o Senhor, Ele conduzirá nossos esforços e os coroará com sucesso!

As CHAVES PARA O SUCESSO

Para resumir, as chaves para o sucesso que descobrimos na Bíblia são: • Força e coragem. Obediência precisa. Conhecimento da Palavra de Deus. Estar na vontade de Deus. • Ação.

• Comprometimento.

• Motivação justa. Podemos usar estas chaves, a fim de treinar especificamente nossos filhos em como ter uma vida de sucesso e alcançar seus objetivos. Só os alcançaremos quando estivermos de acordo com a vontade de Deus. Estas são algumas regras específicas para que seus objetivos sejam atingidos.

Quando ensinamos aos nossos filhos na verdades bíblicas básicas e os treinamos seguro ° nosso exemplo e o dos heróis da Bíblia, eles estarão equipados para o sucesso. 1. Deus em primeiro lugar.

Mas buscar primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça e todas essas coisas vos serão acrescentadas. (Mt 6.3)

2. Obedecer às instruções de Deus (leia a Bíblia para conhecê-las).

E sede cumpridores da palavra e não somente ouvintes enganando-vos com falsos discursos. Porque, se alguém é ouvinte da palavra e não cumpridor, é semelhante ao varão que contempla ao espelho o seu rosto natural; porque se contempla a si mesmo, e foi-se, e logo se esqueceu de como era. Aquele, porém, que atenta para a lei perfeita da liberdade e nisso persevera, não sendo ouvinte esquecido, mas fazedor da obra, este tal será bem-aventurado no seu feito (Tg 1.2-25)

3. Agir para alcançar o objetivo (ter fé).

Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado: mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. (Fp 3.13,14)

4. Perseverar com coragem — nunca desistir.

E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos se não houvermos desfalecido. (Gl 6.9)

Seja consistente e plenamente comprometido! 5. Tenha a motivação correta: Cristo!

Segundo a minha intensa expectação e esperança, de que em nada serei confundido; antes, com toda a confiança, Cristo será, tanto agora como sempre, engrandecido no meu corpo, seja pela vida, seja pela morte. Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. (Fl 1.20,21)

Certamente, Jesus Cristo é o melhor exemplo de sucesso e modelo para nossos filhos. Algumas vezes, olhamos parai todas as coisas que Deus requer de nós e pensamos: "Obedecer todas? Não consigo". Esta é uma das razões pela qual!

Jesus veio a esta terra, viveu como homem (embora sendo completamente Deus) e enfrentou a tentação assim como nós a enfrentamos. Através de todas estas coisas, Ele perseverou, manteve firme sua fé e comportou-se de maneira servil.

Jesus demonstrou todas as qualidades que vimos como chaves para o sucesso.

Sua coragem e força são únicas. Sua motivação e habilidade para viver de acordo com a vontade de Deus foram censuradas. Ele conhecia a Palavra e a viveu em obediência ao Pai celestial, embora também fosse Deus.

E embora Jesus fosse o filho de Deus, teve de aprender por experiência própria o que era obedecer, quando a obediência significa sofrimento. Foi depois desta experiência, quando Ele provou que era perfeito, que Jesus se tornou o doador da salvação eterna a todos os que lhe obedecem. (Hb 5.8,9, A Bíblia Viva)

De acordo com João 10.17,18, Jesus voluntariamente escolheu morrer por nós.

Ele escolheu obedecer a Deus, embora isto significasse um terrível sofrimento. Ele pode nos dar a força para cumprir cada ordem.

Os pais podem treinar seus filhos muito bem, porém a criança precisa optar por obedecer e comprometer-se inteiramente em servir ao Senhor, assim como Jesus precisou escolher. Se a criança não é treinada nos caminhos do Senhor, suas chances de fazer a escolha certa são menores.

Para obedecer, precisamos conhecer as leis de Deus através da leitura e do estudo (meditar sobre sua Palavra). Há também uma condição: precisamos agir de acordo com este conhecimento e vivê-lo conforme a vontade do Senhor. A santificação, aliada ao treinamento de nossos filhos no conhecimento de Deus e em sua justiça, é a chave para um verdadeiro futuro de sucesso!

Podemos ajudar nossos filhos a escolher um estilo de vida santo e bem-sucedido, treinando-os para que focalizem corretamente, obedeçam e ajam, perseverem e tenham motivação correta.

Trazendo-a para Casa Aplicando os princípios de Deus: favor consultar o capítulo 2, pari idéias e atividades sobre a elaboração da Noite Familiar.

Abertura: Nomeie cinco pessoas ou cinco de seus heróis O que os torna bemsucedidos?

Escrituras: Salmos 1.1-3. Discussão:...O que significa ser "abençoado" e "prosperar"?! Se você deseja ter sucesso, como esta passagem o instrui? E o que não instrui?

Aplicação: Releia as chaves para o sucesso e as regras básicas, a fim de alcançar os objetivos listados no final deste capítulo. 1. Discutam quaisquer termos não compreendidos. 2. Cada pessoa na família deve decidir que chaves do sucesso estão presentes em sua vida e as que são ainda necessárias. O que ele ou ela precisa fazer para tornar alguma chave perdida parte de sua vida e permitir o sucesso? 3. Como Jesus exemplificou cada regra básica para alcançar seus objetivos? Por que foi bem-sucedido? Como você pode imitá-lo em sua vida diária?

Seção IV. Treinando Seu Filho

8. Como Treinar Seu Filho com Sucesso

Agora que já avaliamos nossa posição e definimos nosso objetivo (o sucesso), estamos prontos para iniciar o verdadeiro processo de treinamento. Todos nós estamos familiarizados com Provérbios 2.6.

Instrui o menino no caminho em que deve andar, e, até quando envelhecer, não se desviará dele.

Lembra-se do conceito do piloto automático sobre o qual discutimos no primeiro capítulo? Bem, este é o propósito do treinamento. Através dos vários componentes do treinamento, estaremos direcionando nossos filhos para o sucesso — instilando-lhes o caráter cristão que os habilitará a tomar decisões corretas e automaticamente responderem às situações da vida de maneira agradável ao Senhor. Estaremos também colocando nossos filhos no piloto automático, dando-lhes a melhor chance possível para fazerem boas escolhas e decidirem servir ao Senhor.

Precisamos nos lembrar constantemente de que cada filho possui uma personalidade diferente, e todos têm a liberdade de escolher ou não seguir ao Senhor. Alguns passarão por um período de exploração do "outro lado" da vi antes de se comprometerem firmemente. Porém, a Bíblia promete que se os treinarmos no caminho do Senhor, quando forem velhos não se apartarão dele. Eventualmente,; seus caracteres estiverem enraizados na justiça, eles encontrarão o caminho de volta às raízes de sua fé.

Somos com freqüência exortados a treinar nossos filhe mas raramente recebemos as instruções precisas sobre cor fazer isto. Certamente, não há ''uma fórmula mágica" para treiná-los. O que é adequado para você pode diferir de métodos preferidos pelos outros. Porém, os componente; básicos são os mesmos; e, uma vez que são extraídos dos princípios bíblicos, podemos estar certos de que realmente funcionam! O restante deste livro enfocará estes principie e oferecerá idéias práticas sobre como desenvolvê-los na lares. Estou certa de que você terá outras excelentes idéia Você pode estar pensando: "Parece complicado. Qual duração disto?" Bem, não vou mentir. Você não pode sentar e treinar seu filho durante o jantar, ou mesmo em um só dia intensivamente. Com certeza, o treino requer mais do que isto — desde o nascimento — até que a criança alcance a maturidade!

Cada pai está treinando seu filho, quer perceba ou não. Alguns estão treinando nos caminhos do Senhor, outros no caminho do mundo. Mas, o treinamento mais efetivo é esforço consciente e bem planejado.

Todos nós esperamos que nossos filhos imitem apenas nossas atitudes corretas, e não os nossos erros. Como pais somos famosos por querermos resultados ensinando:! "Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço". Infelizmente, o treinamento não funciona desta forma.

As crianças costumam nos imitar como realmente somos; assim, precisamos modelar-nos ao tipo de pessoa cristã que desejamos ver em nossos filhos. Bom treinamento é o regime baseado em um plano; não um esforço ocasional que acontece quando estamos inspirados. Ensinar nossos filhos (o que dizemos) pode ocorrer esporadicamente ou ser agendado. Mas o treinamento (o que fazemos) (" constante e contínuo. Esta é uma diferença-chave entre ensino e treinamento; o primeiro é apenas um componente do segundo. O treinamento envolve pelo menos cinco elementos importantes: • Oração.

• Exemplo.

• Ensino.

• Encorajamento.

• Disciplina. Note que eles são ativos. Ao trabalharmos neste livro, estaremos desenvolvendo maneiras de implementar cada uma dessas importantes áreas de ação. Os componentes lambem atuam em conjunto. Por exemplo, enquanto oro por meu filho diariamente e faço períodos devocionais com o Senhor para me certificar de que minha atitude e foco estão de acordo com a sua vontade, estou também dando o exemplo desta atividade para meu filho. Minha própria atitude ilustrará a prioridade por mim estabelecida, ou seja, passar alguns momentos com o Senhor. Posso também usar o que tenho aprendido em meus devocionais, para compartilhar as verdades bíblicas com meus filhos, oferecendolhes encorajamento através do testemunho de como Deus tem respondido às minhas orações.

O justo anda na sua sinceridade; bem-aventurados serão os seus filhos depois dele. (Pv 20.7)

Veremos a importância de nosso exemplo em cada aspecto de nossas vidas. As chaves para ser um bom exemplo são consistência — nosso estilo de vida enquanto vivemos e servidão, como Jesus demonstrou. Discutiremos como neutralizar o exemplo negativo do mundo e lidar comi intrusão da televisão.

Ensinamento e treinamento não possuem o mesmo significado, porém este é um componente de vital importância para o treinamento. Podemos ensinar nossos filhos em muitas áreas, incluindo a vida cotidiana, sabedoria, conhecimento da vontade de Deus e tomando boas decisões. Um requisito necessário para todo aprendizado é a habilidade da leitura. Darei algumas dicas sobre como ajudar seu filhos a tornar-se um verdadeiro leitor.

Ao ensinarmos nossos filhos, precisamos também encorajá-los a usar seus conhecimentos e habilidades para a glória do Senhor. Precisamos partilhar a coragem e ensina-los como lidar com as falhas, enquanto os ajudamos a perceber seu papel no plano de Deus.

Finalmente, todos estes elementos requerem disciplina. Porém, eu gostaria de abordá-la de maneira especial, olhando além da punição e focalizando o discipulado. Há centenas de livros à venda que tratam da disciplina punitiva, e abundantes teorias sobre qual o melhor método a ser utilizado: bater ou colocar de castigo. Deixarei esta área a seu critério para que a explore por si próprio e consulte ao Senhor em seu coração.

A Bíblia dá muita importância à disciplina e ao discipulado. O discipulado é muito semelhante ao treinamento, pois envolve exemplo, ensino e estímulo à coragem. O discipulado produz a disciplina interior, e esta será nossa ênfase.

Disciplina interna é a reação do piloto automático; é o que nos faz obedecer ao

Senhor quando somos tentados. Discutiremos como disciplinar nossos filhos, tornandoos obedientes a Deus e a seus pais. Exploraremos o cultivo da responsabilidade e do autocontrole. Darei algumas dicas práticas sobre direcionamento, habilidades de estudo e estabelecimento de objetivos. Instruído na Bíblia e nestas cinco divas chaves de treinamento, você estará bem equipado para treinar seus filhos no caminho certo. Em que a Bíblia nos manda ser treinados?

e exercita-te a ti mesmo em piedade. Porque o exercício corporal para pouco

aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir. (1 Tm 4.7,8)

Precisamos treinar nossos filhos antes e, acima de tudo, para serem religiosos.

Veremos outras importantes áreas da vida, onde o treinamento é também valioso para auxiliar nossos filhos a serem bem-sucedidos na escola, carreira ou necessidades diárias da vida (muitas das quais — como a leitura — são também de vital importância para o aprendizado sobre a religiosidade). Entretanto, nossa prioridade é desenvolver a santidade.

Este livro apresenta maneiras práticas de grande auxílio à aplicação destes princípios bíblicos, mas por favor lembre-se de que sua melhor fonte é a Bíblia. Ela diz:

Toda escritura divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça, para que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente instruído para toda boa obra, (2 Tm 3.16,17)

(Parte 9 de 11)

Comentários